Espere e viajará | #PensamentoViaja

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Saco do Mamanguá

Saco do Mamanguá, visto da Ponte Aérea

A retomada das viagens não depende apenas da abertura de destinos ou atrações. Depende também do viajante estar novamente aberto à ideia de viajar.

Isso vai acontecer a cada um no seu tempo -- de acordo com o próprio ritmo de desconfinamento.

É natural. Primeiro você precisa estar confortável com a ideia de sair à rua, para só depois ficar aberto à ideia de ir para um lugar distante.

É ilusão achar que ofertas ou estímulos publicitários vão apressar os acontecimentos. Esforços assim só vão convencer quem já esteja aberto à possibilidade de viajar.

Os ressabiados vão precisar de mais tempo e mais informações para se sentirem seguros. Sem pressa: a gente chega lá.

Publicado em 21/6/2020

Leia todos os textos da Quarentena VNV aqui.

Nenhum comentário, deixe o primeiro!

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia de férias. Só voltaremos a responder perguntas que forem postadas a partir de 3 de junho. Relatos e opinões continuarão sendo publicados.
Cancelar