Foz do Iguaçu e Gramado, os primeiros da turma | #ViajandoNasNotícias

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Foz do Iguaçu no feriado de Tiradentes

Foz do Iguaçu

Nesta quarta-feira, dia 10 de junho, Foz do Iguaçu abre hotéis e atrações, juntando-se a Gramado, que já vinha se abrindo ao turismo desde meados de maio.

As duas cidades têm muito em comum. São os dois destinos de turismo de massa mais organizados do Brasil. E estão situadas em regiões pouco atingidas pela pandemia.

Gramado teve confirmados até agora apenas 8 casos de covid-19, e nenhum óbito. Foz do Iguaçu teve 133 casos e 3 óbitos. As capitais estaduais, Porto Alegre e Curitiba, registraram 44 e 53 óbitos respectivamente. (A cidade de São Paulo já velou 4.937 mortos.)

Com pouquíssimos voos em operação, o turismo em Gramado e Foz do Iguaçu deverá ser estritamente regional, o que diminui o risco de importação de novos casos. As duas cidades vão servir como laboratório de implantação dos novos protocolos de segurança sanitária.

Vamos acompanhar -- de longe, claro. Ainda não é o momento de pegar um avião para fazer turismo. Quando for a hora, podemos supor que tanto Gramado quanto Foz do Iguaçu estarão prontas para nos receber.

Publicado em 9/6/2020

Leia todos os textos da Quarentena VNV aqui.

Nenhum comentário, deixe o primeiro!

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia de férias. Só voltaremos a responder perguntas que forem postadas a partir de 3 de junho. Relatos e opinões continuarão sendo publicados.
Cancelar