8 hotéis em Barbados

Colony Club, Barbados

A cena hoteleira em Barbados não é das mais estimulantes, não. Fora da categoria alto luxo, é difícil achar aquele hotelzinho esperto-charmoso-bem localizado. E a hotelariona americana, aquela que agrada a gregos, troianos e suas famílias em Aruba, Cancún ou Curaçao, por aqui praticamente não dá as caras. Tampouco há resortões cheios de infra tipo no Nordeste, Punta Cana ou Jamaica. Aqui vai uma pequena seleção baseada naquilo que me parece ser a melhor relação custo x localização x benefício.


Visualizar Barbados: hotéis em um mapa maior

Para esmerilhar: Sandy Lane (Costa Oeste)

Sandy Lane, BarbadosO hotel mais luxuoso da ilha é o Sandy Lane, na costa oeste, que faz o gênero chiques-e-famosos total. Foi lá que Tiger Woods se casou com a sua multitraída mulher. Deve ser o máximo, mas — se você me permite: caso eu tivesse US$ 1.000 para gastar por dia no quarto mais simples (tarifa baixa temporada), eu iria para um hotel mais exclusivo numa ilha mais besta (como o Parrot Cay, em Turks & Caicos). Foto tirada do site do hotel.

Luxo inteligente: Colony Club (Costa Oeste)

Colony Club, BarbadosDos hotéis categoria luxo oferecido em pacote pelas operadoras brasileiras, o pequeno Colony Club é o mais simpático. Fica num trecho muito bonito de praia e não é exageradamente besta. Os preços refletem isso: na baixa temporada, as diárias começam em US$ 250. Há planos de meia-pensão e pensão completa. A foto do alto do post é de lá e foi tirada por mim. Foto do quarto tirada do site do hotel.

Não tem erro: Hilton Barbados (Bridgetown)

Hilton Barbados

Hilton BarbadosSe você estiver na dúvida — ah, esse é muito longe; ah, esse é muito pequeno; ah, esse deve ser meio bagaceiro; ah, esse não tem estrutura –, vá para o Hilton. É o único hotelão americano da ilha, com as qualidades habituais e a falta de charme que você já aprendeu a relevar, desde que haja conforto. Pois bem: há não apenas conforto, como uma prainha nota 10 em frente. E você estará bem localizado para todas as andanças. Na baixa as tarifas começam em US$ 210 (ou US$ 255 com café). Foto do quarto tirada do site do hotel.

Melhor localização, pé na areia: Accra Beach Resort (Costa Sul)

Accra Beach Resort, BarbadosA região de Accra/Rockley Beach tem tudo: uma praia bem legal, um deck à beira-mar com alguns bares e restaurantes, tudo isso a menos de dez minutos de condução tanto de St. Lawrence Gap (a muvuca) quanto de Bridgetown (a capital). Tem uns dois hotéis que dão para a passarela, mas o único pé-na-areia de fato é o Accra Beach Resort. A decoração poderia ser mais bacana. Os preços na baixa começam em US$ 175. Foto tirada do site do hotel.

Melhor localização, ambientes bonitos: South Beach (Costa Sul)

South Beach, BarbadosAinda em Accra Beach, mas do outro lado da avenida, o South Beach Barbados é um flatzinho com decoração agradável e uma piscina de raia moderninha, que se estende por toda a lateral do prédio. Todos os apartamentos têm sacada e cozinha equipada. O wifi grátis. Agora na baixa as diárias começam em US$ 175. Foto tirada do site do hotel.

Melhor localização, preço imbatível: Southern Surf Apartments (Costa Sul)

Southern Surf Apartments, BarbadosSouthern Surf Apartments, Barbados

Exatamente em frente a Accra/Rockley Beach, com uma nesga da praia visível de alguns apartamentos, o Southern Surf Apartments é um flatzinho que vi muito bem recomendado no TripAdvisor, reservei e — aprovei. O pessoal da recepção é amabilíssimo e superprestativo. O wifi é grátis. Os equipamentos não são luxuosos (o ar condicionado, por exemplo, não é split), mas é tudo limpíssimo e bem mantido. O preço é sensacional: desde US$ 100 na baixa e US$ 140 na alta.

Localização OK, novinho, bom custo x benefício: Courtyard Bridgetown (Costa Sul)

Não está pé na areia, mas se você faz questão de acomodações modernas e não quer pagar caro por isso, o Courtyard Bridgetown é uma boa aposta. Fica entre o Hilton e a Boardwalk de Rockley, e está integrado a um centrinho comercial capitaneado por um Friday’s.

Ótima localização, resort BBB: Divi South Winds (Costa Sul)

Divi South Winds, BarbadosSe você não se importa em ficar num resortinho basicão, o Divi South Winds é a pedida: tem apartamentos com cozinha equipada e está estrategicamente posicionado entre as duas muvucas da costa sul. De dia você caminha para a esquerda e pega praia em Dover Beach, que é ótima e tem serviço. À noite você caminha para a direita e aproveita os bares e restaurantes da ruazinha do footing, St. Lawrence Gap. Na baixa temporada as diárias começam em inacreditáveis US$ 110. (Ei, mas não vá esperando um resortaço, que não é.) Foto tirada do site do hotel.

Leia mais:

117 comentários

Ricardo e demais amigos …. tudo bem?

Estou indo no final do mês e encontrei na internet um hotel chamado Piratas Inn …. ele não é beira mar, mas tem boa recomendação no tripadvisor e é muito mais barato que os demais hotéis …. algué conhece ou pode dar alguma indicação (positiva ou negativa) ….

Abraços a todos

Alexandre

    Alô, Alexandre! Não temos ainda opiniões de leitores sobre o Piratas Inn. Cuidado para não ser um barato que sai caro!

Olá Ricardo, você conhece o The Atlantis Hotel? Vi em alguns sites resenhas falando muito bem dele. Meu noivo surfa, então acho que seria uma boa opção. Essa parte da ilha fica muito longe das praias mais badaladas?

Obrigada!!

OI Ricardo o que eu gostaria de saber é se eu fico mais bem localizado no hilton ou no courtyard para apenas um dia pos cruzeiro .Não sou de ir a praia ,mas gosto de passear de ver o bonito e ver o que há.Gostaria de conhecer a Harrison´s Cave ,vale a pena?Tambem quero ir a bridgetown finalmente vou de HILTON OU COURTYARD? aonde vc acha que terei mais facilidade para contratar algum tour em relação a esses hoteis ou me locomover com facilidade , pegar taxi e não ficar isolada podendo inclusive me locomover a pé? Estou aguardando sua opinião paa reservar o hotel- Abrs e mto obrigada

    Olá, Vera! Aqui quem responde é A Bóia, assistente do Ricardo Freire para perguntas.

    Do Courtyard se você quiser você pode se aventurar a andar na Boardwalk. O Hilton é mais isolado.

    Nos dois você consegue contratar tours ou táxis.

    Leia sobre passeios em Barbados no post que já indicamos. Faça aqueles que você tiver vontade de fazer. Eles estão descritos e listados para isso.

    Clique no texto em azul 😀

    https://www.viajenaviagem.com/2010/08/10-passeios-em-barbados/

Oi ricardo,eu de novo,desculpa.Vi um hotel de nome Court yard não sei se o nome é junto ou separado fica em Hasting e acho que é da cadeia Marriot,o q v acha, ou vc me aconselha mais o Hilton. Como lhe falei não gostamos de ficar isolados e gostariamos de ter acesso rápido a Bridgetown e a locais legais mas sem mta confusão.aguardo vc abrs.

    Olá, Vera! Aqui quem responde é A Bóia.O Courtyard é um hotel novo, que estava em construção na época em que o Ricardo Freire passou por lá. É um hotel confortável mas não está à beira-mar; fica do outro lado da estradinha, ao lado de um Friday’s. A localização é boa, entre Rockley/Accra e Bridgetown.

Olá! estou procurando um lugar simpatico e bem localizado para passar uma semana em Barbados, sozinho. Tem um hotel barato e bem recomendado, o Dover Beach hotel, alguem conhece ou pode me dar alguma informação, principalmente se é bem localizado? Obrigado!

Só pra contar que passei uma ótima semana no flat Southern Surf. Meu quarto, o 3, ao contrário do que o Riq ficou, tinha ar condicionado split (mas não dava para ver a praia e o chuveiro era meio teimoso). O atendimento realmente é espetacular. As dicas da recepção foram certeiras. Além disso, me ofereceram, sem taxa alguma (eu só paguei pelos créditos que adicionei), um celular internacional pré-pago, para que pudesse usar na ilha. Mesmo para ligar para o Brasil, a tarifa era melhor que o caríssimo “roaming”. Como cheguei no dia 25/12, encontrei um saquinho com “hershey’s” verdes e vermelhos e bengalinhas doces, e outro com um delicioso “ginger bread”, amarrados com fitinha vermelha. Todos cortesia, assim como os sanduíches de presunto e queijo que nos deixaram preparados, em idênticos saquinhos, preocupados com o fato de, no horário e dia da minha chegada, a maior parte dos restaurantes já estar fechada.
Para terminar, informo que o hotel já está sentido o poder da Bóia! Não entendem porque, de um dia para o outro, começaram a receber tantas reservas de brasileiros…

por favor vou de 02/07/11 a09/07/11 pra barbados e só comprei passagens pela smiles-gol…..gostaria de saber dicas de hotel…pode ser flat…mas algum que seja bom o custo beneficio…não tenho encontrado informações seguras..or favor…vou eu minha esposa uma filha de 18 e uma d ec 12anos…obrigado

    Leia o texto, Alexandre. Tem um texto em cima desta caixa de comentários. Ali há alguns hotéis de bom custo x benefício. Inclusive um flat. Barato. Onde eu fiquei. E recomendo.

Hospedei no Hilton,

Por uma semana, no voo da GOl, o hotel não é para passeio e sim para negócios, o próprio Gerente confirmou esta informação, a praia é cheia de pedras, a internet US$16,00 ao dia. Nada interessante por perto do Hotel, nem restaurante,etc.
Os taxis na porta tem acordo de preços ( Não existe taximetro em Barbados).
Os serviços internos muito caro:
Agua Mineral de 1 litro US$12,00
Choops US$7,00
Café da Manhã USS28,00
Jantar Biffet US$65,00
Claro que os quartos são bons e em frente para o Mar.
Porém, o serviço do Hotel é hostil para os hospedes, não sei se só para os Latinos. Há uma enorme maioria de hospedes Ingleses e Americanos. Ninguém no Hotel fala Espanhol ou Português.
Se pedir uma cadeira de praia a um funcionário não será atendido.
Está longe de preocupar a Gerencia do Hotel, proporcionar uma atenção Latina.
Muito longe da qualidade dos Serviços de um Iberoestar em Punta Canas ou um Radison em Aruba.Onde há uma preocupação com o bem estar dos hóspedes.
Esta impressão foi dos dois casais que ficaram no mesmo perído entre fins de novembro e início de dezembro, e que foi transformado em chacota com os passageiros da Gol no retorno que era o mesmo grupo de ida, enquanto aguardavamos o voo em atraso no aeroporto de Barbados.
Todos que hospedaram em outro Hotel estavam muito felizes e nós arrependidos da viagem.
Fui acreditando no nome Hilton e errei. Não é para turismo de Latino, talvez um estilo bem Britanico.

Olá Ricardo. Estou pensando em passar o período de Carnaval em Barbados, em família, com dois filhos, um adulto e outro adolescente. Gostei muito da localização e da relação custo x benefício do Souththerm Surf Beach. Como o marido é surfista, alugando um carro é fácil se deslocar para a costa leste – Bathsheba?

    É chato por conta da mão inglesa, mas em 45 minutos você chega.

    Riq, permita-me desviar um pouco do assunto inicial do post pra falar sobre surf em Barbados?

    Dificilmente você vai pegar onda no mesmo lugar todo dia. E esse é o bacana de lá: tem mais de 30 picos, todos point ou reef breaks, o que significa onda 360 dias por ano. Eu voltei de lá dia 1/1, e Bathsheba (que tem Soup Bowl, a onda mais famosa de Barbados) não funcionou nem uma vez enquanto estive lá, mas Sandy Lane, que fica na posição oposta da ilha, a Oeste, deu surf. E teve onda em outros picos mais a Noroeste (Duppys, Maycocks) e e mais ao Sul. Inclusive Rockley, onde está o Southern Surf Beach.

    O site http://www.surf-forecast.com tem ótima cobertura dos picos em Barbados.

    E sobre a mão inglesa, os motoristas lá também tem cortesia inglesa. Então não é muito difícil você se adaptar.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.