16 receitas de Buenos Aires, no blog do Marco

Palermo Soho, Buenos Aires

Você sabe: ViBANAs são Viciados em Buenos Aires Não-Anônimos. O termo foi criado e patenteado pela Mô Gribel (eu gasto uma fortuna em direitos autorais todos os meses). Existem muitos trips que se enquadram na categoria: voltam a Buenos Aires na primeiríssima oportunidade e já circulam por seus bairros prediletos com maior desenvoltura do que muito portenho de fato.

Não é preciso conhecer a expressão para ser um vibana. O Marco Cavalheiro, do Buenos Aires Dreams, tem uma série de entrevistas de mega-utilidade pública com viciados na cidade — alguns têm carteirinha emitida aqui na Bóia, outros não imaginam que a sua compulsão portenha já está cientificamente catalogada.

Numa das entrevistas a vibaníssima Sylvia dá o seguinte conselho de mestra:

Experimente passar ao menos um dia sem buscar nenhuma atração turística. Escolha uma região e caminhe, parando nos cafés, olhando os restaurantes, as livrarias… Não olhe o relógio, basta ir em frente, seguindo o instinto.

Quer mais pílulas de sabedoria viajandona aplicada a Buenos Aires? Devore as entrevistas do Marco com vibanas queridos:

Mi Buenos Aires…: Sylvia Lemos

Mi Buenos Aires…: Cris Berger

Mi Buenos Aires…: Marcio nel Cimatti

Mi Buenos Aires…: Marcelo Barbão

Mi Buenos Aires…: Destemperados

Mi Buenos Aires…: Constance Escobar

Mi Buenos Aires…: Geraldo Figueras

Mi Buenos Aires…: Mariana Pereira

Mi Buenos Aires…: Carla Portilho

Mi Buenos Aires…: Quéle Jacques e Marília Cavalheiro

Mi Buenos Aires… Gisele Teixeira e Eduardo Baró

Mi Buenos Aires… Ariel Palacios

Mi Buenos Aires… Fernanda Paraguassu

Mi Buenos Aires… Alexandra Aranovich

Mi Buenos Aires… Ana Manfrinatto

Mi Buenos Aires… Marina de Luca

Visite o VnV no FacebookViaje na Viagem
Siga o Ricardo Freire no Twitter@riqfreire

21 comentários

aonde faço as perguntas para ir par o link perguntodromo?

a pergunta é- posso emitir uma passagem com milhas smiles em nome de outra pessoa?

aproveitando- agol lançou milhas reduzidas 5000 até para o caribe,mas ida e volta, com esta barbada, só para barbados

    Pode, Douglas. Eu fui para BsAs agora no meio do ano com passagem emitida com milhas de pessoa de minha família.

    Só acho que não pode transferir as milhas.

    DOULGAS, até onde eu sei, pode sim. Inclusive já emiti em nome de terceiros.

    Mas o correto é checar com o próprio Smiles, não?

    As perguntas para o Perguntódromo são selecionadas nos posts de origem. Esta, por exemplo, não iria, porque já tem resposta. Em qualquer programa de milhagem você pode emitir passagem em nome de terceiros, desde que todas as milhas saiam da mesma conta (não dá pra juntar as suas milhas com a de outra pessoa).

Que boas dicas! Quando fui a Buenos Aires, eu fiz uma pequena pesquisa na internet e encontrei neste site http://ow.ly/3bRoK informações muito valiosas que me permitiram desfrutar ao máximo esta bela cidade e evitar mal-entendidos.

Marco, aproveita que a Mô apareceu pra receber os “trocados” e marca uma entrevista com ela também… 😉

Marco, por favor, coloque na sua lista entrevistar a Majô.

Mô, já estou depositando no cofrinho.

Abraço a todos.

Obrigado pela lembrança, Riq!!! Que felicidade estar aqui no VnV!! Estou muito feliz com este projeto!!! E não vejo a hora de publicar a sua entrevista!! 😉 Muitíssimo obrigado a todos os amigos que participaram do projeto!!! Abração a todos os apaixonados por BsAs, tanto os declarados quanto aqueles que ainda nem sabem que estão apaixonados por esta cidade e só descobrirão depois da primeira visita! 🙂 🙂 🙂

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.