Alitalia falência

Alitalia: governo italiano renova empréstimo e garante operações até abril de 2018

Alitalia falência


Atualização:

  • A venda da Alitalia foi adiada até 31 de outubro de 2018. As passagens estão garantidas até esta data. Leia mais clicando neste post atualizado.

Em maio de 2017, a falência da Alitalia foi evitada pelo governo italiano, que instaurou uma ‘administração extraordinária’ (é o jargão oficial). Para garantir seu funcionamento até que aparecesse um comprador, o estado ofereceu um empréstimo-ponte de 600 milhões de euros, que manteria a cia. operando até novembro de 2017.

De lá para cá, a Alitalia manteve suas operações e até acrescentou novas rotas. Alguns pretendentes se manifestaram — entre eles, a Lufthansa. Mas eis que o prazo-limite de novembro de 2017 se aproximava, mas nenhum negócio tinha sido fechado.

Então mais uma vez o governo italiano compareceu com mais 300 milhões de euros, estendendo o prazo para a venda da Alitalia até 30 de abril de 2018.

Tudo parece se encaminhar bem, mas de todo modo, até que a Alitalia seja efetivamente comprada não é sensato comprar passagens com ida ou volta em qualquer data além de 30 de abril de 2018.

Leia mais:


Vai por mim

110 comentários

Outra questão importante é tomar cuidado com as malas, principalmente em FCO.
Viajei para Itália recentemente e uma das minhas malas foi violada (cadeado arrebentado), apesar de não ter sumido nada (até mesmo porque não tinha nada de valor, só roupas usadas).

Nessa situação da Alitalia, pode ser que a situação piore ainda mais. Por isso, não leve nada de valor nas malas despachadas e se possível envolva naqueles filmes para tentar dificultar a ação de pessoas mal intencionadas.

Já que não está muito seguro voar na Alitalia o que vocês acham da companhia Meridiana?
Ela voa de Recife a Milão já a um tempo, mas é confiável?
Qual a experiência de vocês?

    Nunca ouvi falar nessa aí. Dê uma pesquisada no Google associando o nome da empresa a “problemas” por exemplo. Mas se quer (um pouco mais de) segurança, seria melhor cotar com empresas mais tradicionais.

Viajo dia 05/06, porem a minha maior preocupação nessa situação seria mais devido a segurança de voo. Uma cia aérea com risco de falência, ha de se levantar suspeitas quanto as suas possíveis falhas de manutenção.

o meu voo é dia 20/07 julho não há o que fazer agora é rezar! olhei hoje o status no site esta confirmado. Agradeço ao VNV a informação valiosa… agora só emoçãooooo na espera de que tudo dê certo…

Quem compra por agências corre o risco em dobro, pois se a agência ou Cia Aérea falir terá dor de cabeça, ou será que tem quem pense que as agência de turismo estão imunes da falência!!

Viajo dia 31/05! Volto dia 19/06. Já estou em pânico. Liguei na central de relacionamento da Alitalia que confirmou meus dois vôos e disse que não era pra ninguém se desesperar que ainda não se tem certeza das negociações…ou seja…

Não sei o que fazer. Comprei direto no site Alitalia duas passagens SAO-Veneza-SAO, dia 13 Outubro 2017. Minha tarifa é promocional não reembolsável.Já tenho cruzeiro comprado saindo uma semana depois. Alguém pode me dar uma opinião?

    Cancela esta e compre outra através de um agente de viagens ! é mais seguro

Viajei com a Alitália, em Março de 2017, e foi lastimável. Comida péssima (tenho fotos), avião sujo e funcionários, visivelmente insatisfeitos. Nunca mais.

Prezados tenho passagem entre dezembro e janeiro (São Paulo – Roma – São Paulo). Entrei em contato com a empresa e fui informado de que a empresa assumirá todos os vôos (não irei nessa informação…..)… O que devo fazer? Alguma dica?

Meu Deus! Tenho passagens para a família toda ( 11 pessoas) em dezembro de Paris para Roma. O que eu devo fazer? Será que a cia não vai honrar com este compromisso?

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.