Amsterdã pra Mira

amsterdamdomarcio.jpg

Faz mais de 15 anos que não vou a Amsterdã, Mira, então estou meio enferrujado.

Repasso as dicas de hospedagem que mais vejo por aí — que o Canal House é uma gracinha e não é caro, que o Arena é um pós-albergue bacaninha (mas um pouco afastado), e que o Pulitzer é classudo sem ser totalmente inviável.

Vocês tem sugestões recentemente testadas? Deixem na caixa postal, por favor. (A Jurema já deu as dicas dela aqui.)

Ah, sim: a foto foi descaradamente surrupiada d’A Janela Laranja do nosso Marcio Nel Cimatti.

92 comentários

Agora vou falar um pouco de restaurantes.

Como dá para perceber a Holanda não tem uma cozinha tradicional como a italiana, a espanhola, a francesa ou você conhece algum restaurante Holandês?

O melhor então é aproveitar as diferentes especialidades. Nesse assunto Amsterdã parece um “mini-São Paulo” onde é possível encontrar cozinha de todo canto do mundo.

Vou começar com um que está na moda e é bom. Trata-se da filial do restaurante do famoso chef Jamie Oliver, o Fifteen.
O estilo é definido como italiano-moderno e os pratos ao estilo do chef com sal e bastante azeite.
Com 46 euros você paga um menu com entrada, primeiro e segundo prato e sobremesa.
O site é http://www.fifteen.nl
Ah, o legal é que o lucro vai para uma fundação para instrução de jovens
da grande Amsterdã.

Prefere um restaurante Italiano mais tradicional, conheça o Casa de David que fica no canal Singel. Lá você encontra ótimas massas e o pessoal é muito simpático. http://www.casadidavid.com/

O melhor libanês é o Beyrouth, que fica na Kinkerstraat 18

O melhor japonês, sem dúvida é o Yamazato que fica no hotel Okura. Duas amigas japonesas que moram aqui indicaram e foram objetivas. “é o melhor de Amsterdã”. Do capricho dos pratos ao traje das garçonetes. Tudo impecável.
Lógico que tudo isso tem um preço. O restaurante está entre os mais caros de Amsterdã. Pode reservar uns 100 euros para conhecer o Yamasato.

Vou fechando a conta por aqui!!

Abs!

Ernesto,

Sobre a violência, o problema mais frequente são batedores de carteira nesses bondes e no metro quando estão cheios.
Como qualquer cidade, a recomendação e não andar sozinho tarde da noite perto da Central Station e na Red Light.
Tudo é bem tranquilo você vê as pessoas sacando dinheiro a noite de bicicleta na rua e nunca ouvi ninguém contar sobre assalto a mão armada.

Outra dica é fazer o Boat Tour pelos canais. Esse passeio é ótimo para quando já estiver cansada de caminhar e pedalar. Os barcos com teto de vidro passam pelos principais canais da cidade e em alguns deles é possível fazer o passeio jantando a luz de velas.

Outra atração é o Madame Tussards. Sim Amsterdã tem uma filial do famoso museu de cera. Se tiver um tempo e gostar de celebridades é um passeio diferente e caro também a entrada custa 17 euros. A dica é ir entre 12h e 15h horas pagar 15 euros e evitar a enorme fila para entrar.

Abs!

Para ficar: Eu reservei no Aeroproto, no setor de reservas O quarto custou, para casal 60 Euros, e o Hotel era bom, apenas perto do setor da Luz vermelha, mas dava para andar traquilo. Infelizmente não guardei o nome do Hotel, mas vale a dica de reservar no Aeroporto. A melhor dica em Amsterdam e alugar uma bicicleta, e mais interessante do que ir de bonde, é facil de parar e dá um bom toque local. Se tiver tempo toda a Holanda tem ciclovias que vão de uma cidade a outra, por rotas diferentes das estradas, é um belo passeio. A Cidade é cosmopolita, tem arquitetura impar, musesus excepcionais, belos parques. Só um porém : tome cuidado a noite, especialmente perto da estação Central, ou em ruas meio desertas, ainda que no Centro . Infelizmente, os assaltos são mais comuns do que pensamos. Não aconteceu comigo, mas vi tipos suspeitos, e conversei sobre isto com policiais, o pessoal do Hotel, e todos me receomendaram ter cuidado.

Já fiquei no Nova Hotel também, e não tenho do que reclamar. Paguei US$200 a diária para um quarto para quatro pessoas, com café da manhã. Fica bem próximo da Dam Square e de diversas outras atrações. Recomendo os cafés da cidade (não somente os coffeeshops, mas os chamados brown caffés, em função do ambiente marrom/noir) e endosso as atrações do Marcio.

Agora complicou, não sei nem por onde começar.

Riq adorei ver uma das minhas fotos por aqui. Espero que seja a primeira de várias! Valeu!

Ah! vou colocar alguns links do meu blog onde explico sobre as atrações de Amsterdã senão meu comentário vai ficar gigante.

Mira, lembre que o feriado do dia 30 de abril quando é comemorado o dia da rainha é demais. Um mega carnaval laranja pelas ruas da cidade. Se der para estar aqui nessa data você var curtir muito.

A dica de lugar que você não pode perder de jeito nenhum é o Keukenhof que a Dani falou no comentário aqui em cima.

Lugares para ficar. Não sou conhecedor de hotéis top como a tripulação e o comandante do VnV mas vou ajudar com a comentando sobre a localização.
O Hotel Renaissance é bem recomendado pelo pessoal que eu conheço que já ficou lá e é muito bem localizado.
Uma opção um pouco mais barata é o Hotel Nova perto da praça Spui a localização também é muito boa e o hotel atende bem as expectativas de um hotel 3 estrelas. Já fiquei lá o pessoal é simpático e você sempre está perto de tudo.

Atrações:

Mercado das Flores – mesmo indo ao Keukenhof o mercado das flores é muito charmoso, passe por lá e conheça coisas como o “Start Kit” que tem a semente e ensina como cultivar uma árvore de maconha. Coisas de Amsterdã. Lógico que tem todas as tulipas possiveis.
http://ajanelalaranja.blogspot.com/2006/12/dica-flores-ano-todo.html

Museu Van Gogh

http://ajanelalaranja.blogspot.com/2007/01/dica-amsterdam-museu-van-gogh.html

Rijksmuseum

http://ajanelalaranja.blogspot.com/2007/01/dica-amsterdam-rijksmuseum.html

A casa da Anne Frank é uma das atrações mais visitadas da cidade. Se você conhece a história ou leu o livro a visita é bem interessante.

Se gostar de arte a casa do Rembrandt é muito legal, bem conservada a casa tem algumas obras além de uma demonstração de como eram feitos os trabalhos da época.

Outro museu que deve ser visitado é o Stedelijk Museum

http://ajanelalaranja.blogspot.com/2007/02/dica-de-amsterd-stedelijk-museum.html

Ainda tem os parques, as baladas, os coffeshops, o Red Light District etc…..

Vou deixar mais gente participar e vou ajudando aos poucos.

Riq, se não ficar legal esse monte de links me avise que troco por texto. Abs!

Se ela for pra Holanda antes do dia 20 de maio, recomendo ir até o Keukenhof em Lisse, pertinho de Amsterdam. Eh simplesmente maravilhoso ! Fui essa semana la (fiz um post mais ou menos hoje sobre o parque) e fiquei encantada com as 12 milhões de flores e com o perfume daquele lugar ! Imperdivel !

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.