Argentina e Chile: na dúvida, não viaje

À medida que a epidemia de gripe suína vai tomando força no Cone Sul, uma outra, muito pior, se impõe: a epidemia de paranóia.

A disseminação da gripe — de sintomas parecidos e periculosidade idêntica à da gripe comum, apenas mais contagiosa — não está fazendo com que a doença se banalize; pelo contrário, o bicho parece cada vez mais feio. As manchetes não seriam diferentes se, em vez de gripe, falassem de Ebola.

Como escrevi hoje na minha página do Estadão, neste momento não dá para tentar demover ninguém da intenção de cancelar uma viagem ao Chile ou à Argentina.

Caso, porém, você esteja em busca de razões para manter a viagem, eu poderia dizer que a imensa maioria dos que viajam voltam sãos; que o estigma é infinitamente desproporcional à periculosidade (baixa) da doença; e que daqui a um mês é muito provável que a gente possa se gripar em casa mesmo, sem precisar viajar.

Se você resolver mesmo viajar, vá com espírito de aventura, sabendo que vai ter histórias para contar. (Desde “eu fui à Argentina no auge da gripe suína e não aconteceu nada, haha” até “eita,  inventei de ir à Argentina em plena gripe suína e passei cada perrengue na volta…”)

Ouvi no rádio que hoje à tarde houve PÂNICO no vôo do Corinthians a Porto Alegre porque havia um passageiro gripado no avião — com boato de que tinha estado em Buenos Aires.

Infelizmente a paranóia venceu.

120 comentários

Estou indo dia 05/09, e para os dois lugares, de Santiago a BsAs, circuito Lagos Andinos. Nem passa pela minha cabeça adiar. Está tudo prontinho.

Olá tudo bem com vcs?

Estou passando por aqui para contar que estive em BA, por 10 dias, á 15 dias atrás.

A questão da gripe é mais sensacionlaismo político brasileiro. Eu particularmente não vi ‘ninguém’, ou seja nenhum argentino falando ou usando qualquer tipo de máscara.

Fui em diversos lugares, shopings, shows,passeios, pontos turisticos, bares, restaurantes, cafés, lojas, emfim, andamos por todos os lugares.

A viagem foi maravilhosa , e pretendo voltar em outubro.

Aproveitando a oportunidade, gostaria de saber se em outubro ainda é muito frio no Chile e na Argentina.

Quem estiver de viajem marcada, não deixe de ir.

Márcia………….

    Em outubro o inverno já terá passado e pode rolar um calorzinho em dias ensolarados. Sempre há a possibilidade de alguma frente fria gélida, mas espera-se que esteja mais agradável. Mas na Patagônia continuará frio.

    O Wunderground.com traz médias entre 7 e 21 graus em Santiago, entre 13 e 21 graus em Buenos Aires e entre 1 e 14 graus em Bariloche.

Do jeito que a gripe suína está se disseminando pelo Brasil, se eu desmarcar a minha viagem do dia 04/setembro e pegar gripe aqui, vou ficar puta!! Ainda não decidi se vou ou não, mas tá mais pra “VÔU!”

Ricardo

Eu estou com medo da nova gripe sim, alás, de pneumonia…
São 12 mortes confirmadas, fora as suspeitas.
Você realmente não está com medo?

    Nenhum, Bia. Tenho medo de seqüestro, de assalto, de atropelamento e de terrorismo. Mas medo de gripe não tenho não.

Pessoal, alguém foi ao Chile recentemente e não voltou doente? Estou buscando razões para não cancelar minha viagem.. será só daqui 1 mês no final de agosto, quando irei à Pucon e Termas de Chillan..Meu marido tá com medo.. mas eu não gostaria de cancelar não.. ainda mais pensando no $$ que vou perder…

Alguem saberia me dizer se talvez em setembro as coisas irão melhorar!?
Outra coisa, ainda há neve em Mendoz nessa época!? Onde há neve nessa época!?
Em Buenos Aires as boates estão fechadas!?
Obrigada!

    Também cogitei adiar para setembro…em geral ainda há neve sim…não sei caindo, mas acumulada com certeza, tanto que a maioria das estações fecha em início de outubro e nos últimos anos a neve tem caido cada vez mais tarde, emgeral no final de julho, início de agosto.

    Mhcamelo, creio que em 2 ou 3 semanas as coisas devem ter se normalizado, pelo menos na Argentina. Em Mendoza não sei como é nesta época, mas na Patagonia, principalmente Ushuaia ainda estara a toda. Com relação a boates eu não sei, mas os teatros fecharam ontem e só devem abrir dentro de 10 dias, pois não havia público. Assim quando as coisas melhorares ele voltam a abrir.

    http://www.terra.com.ar/canales/informaciongeneral/202/202841.html

    Em Buenos Aires as boates ainda não estão fechadas. Esta medida foi tomada apenas em cidades menores.

    É de se supor, porém, que estejam menos animadas do que antes da gripe.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.