Banco Central da Itália proíbe uso de cartão de crédito no Vaticano

Jornal da BóiaTuristas que pretendem visitar o Vaticano devem estar preparados para fazer pagamentos em espécie nos museus e lojas de souvenir — e enfrentar mais filas. Por não respeitar regras internacionais contra lavagem de dinheiro, a cidade-estado teve as operações com cartão de débito e crédito proibidas em seu território pelo Banco Central italiano. A determinação começou a valer em 1º de janeiro.

Entradas para o Museu do Vaticano ainda podem ser compradas com cartão de crédito no site, mas apenas até o dia 15 deste mês. Depois desta data, as filas para o museu devem aumentar.

Siga o Viaje na Viagem no Twitter – @viajenaviagem

Siga o Ricardo Freire no Twitter – @riqfreire

Visite o VnV no Facebook – Viaje na Viagem

Assine o Viaje na Viagem por email – VnV por email


67 comentários

Eu comprei o ingresso para o Vaticano e Capela Sistina pelo site com cartão de crédito, e foi tudo ok! Estou em Roma, comprei em agosto/2014!

Obrigada! Hoje consegui reservar! O sistema de IToken deles estava com problemas, mas voltou a funcionar. Ufa! Ingressos garantidos e com menos filas! 🙂

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.