Charada da 6a.: falésia

charada21ago2

Praias com falésias são lindas justamente porque fogem ao clichê do pôster de agência de viagem, onde o paraíso sempre está rodeado por coqueiros.

O Brasil é um dos melhores lugares do planeta para pegar praia protegida por falésia. No Ceará tem bastante, no Rio Grande Norte também, na Paraíba, em uns pequenos trechinhos de Alagoas, no sul da Bahia também…

No exterior tem falésia em praias do Algarve, da Galícia, da Bretanha, da costa oeste da África…

Mas vou parar por aqui porque não quero dar dicas demais.

A pergunta da semana é: em que lugar fica, e qual é o nome desta praia aí da foto? Chute! Você concorre à posse temporária do Troféu da Bóia e à generosa distribuição de menções honrosas 😎

Resposta:

Arnaldo
Arnaldo

Bem, essa não deu nem pra saída. Aos 30 segundos do primeiro tempo, o Arnaldo matou a cobra e mostrou o post.  Sim, esta falésia protege a praia de Cupecoy, a última (ou a primeira…) do lado holandês de St. Maarten/St.-Martin, no Caribe. É uma praia escondida e pouco freqüentada — onde, conforme a Zayra observou, o nudismo é permitido, mas não obrigatório. Fica relativamente perto de quem está hospedado em Maho Beach, a praia do aeroporto — mas antes dela há uma praia bem mais gostosa para tomar banho, Mullet Bay. Dos chutes, gostei das praias lembradas (Cacimbinhas em Tibau do Sul, Tororão em Prado, Ponta do Madeiro em Pipa), mas achei que o similar nacional mais parecido foi o lembrado pela Simone: a prainha entre o Espelho e o Outeiro das Brisas, que só é acessível na maré baixa. Adorei também a lembrança da Lena, que dividiu com a gente a primeira praia com falésia que ela viu na vida: a lindíssima Etretat, na Normandia — com links e tudo. Valeu pessoal! Patabéns, Arnaldo! Queremos discurso!!!!

58 comentários

Arnaldo, não esquece da ‘paz no mundo’!!
No entanto, eu só vi falésias como esta em Corumbá – MS (hein???)

LENA, tou esperando na coxia, tremendo, aguardando abrirem as cortinas para fazer meu discurso de Missi versäo 2009.

    Espero que alguém (cadê a Flavia?) filme esse momento para transmitir para os expatriados.

Ôba!!! Vamos ouvir o discurso de Miss do Arnaldo de novo!! Fazia tempo, hein?! :mrgreen:

Eu não me lembrava das fotos de St. Martin, mas sabia que não era Pipa, nem Trancoso, porque lá as falésias são beeem maiores… Também acho nossas falésias lindas!

Só um adnedo aos lugares listados pelo Riq: como já comentei em outros posts fortemente discutidos, acabei conhecendo o exterior bem antes de começar a zanzar pelo Brasil. Por isso, minha primeira falésia não foi aqui. Foi na França, mas não na Bretanha e sim, na Normandia. Etretat. Linda, linda!! E a primeira falésia a gente nunca esquece 🙂 Dêem uma olhadinha aqui http://www.etretat.net/index2.php e aqui http://images.google.com/images?q=etretat&rls=com.microsoft:en-us:IE-SearchBox&oe=UTF-8&sourceid=ie7&um=1&ie=UTF-8&ei=FxaPSrLfDp78tgeX8uTOBA&sa=X&oi=image_result_group&ct=title&resnum=4

Eu vi várias falésias em Portugal (inclusive estou postando essa semana no Inquietos) mas essa eu não vi por lá.

Então, não sei onde é, mas sei onde não é! Hahaha.

Eu moro no alto de uma falésia lá na Romênia, mas nem tem esse marzão na frente… só o puxadinho do Danúbio. Sem graça.

As falésias mais bonitas que já vi foram as de Morro Branco no Ceará. Mas elas são enormes, mas não tão grandes como em Rometta, é claro. 😛

Praia da Boa Viagem, em Niterói. Ao fundo, vê-se claramente a ilha onde deveria estar a Igrejinha, que foi abduzida pelo disco voador do MAC e levada para outra galáxia.

Não lembro se tem falésia em Rometta…

    Lógico que tem! E é a maior do mundo! Só que não é essa da foto, não! 😛

    Eu chuto praia do buraco quente, em Aruba (essas arvorezinhas tortinhas só pode ser em Aruba, yes?) :mrgreen:

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.