Charada da 6a.: hotel impublicável (veja a resposta!)

Charada de 25 de janeiro de 2011

Vejam vocês. Mencionei o hotel dessas fotos numa das minhas próximas colunas do Estadão.

Charada de 25 de janeiro de 2011

Mas minha intuição diz que vou ter problemas.

Charada de 25 de janeiro de 2011

Por que será?

Descubra que hotel é esse e você, além de me entender, fica com a posse temporária do Troféu da Bóia.

Charada de 25 de janeiro de 2011

3, 2, 1… valendo!

RESPOSTA:

CARLOS NASCIMENTO
CARLOS NASCIMENTO

Mais uma vez está provado: o impossível não existe pra essa tripulação. Eu pensei que a única chance de resolverem essa charada seria alguém se lembrar de uma dica de lua de mel que eu tinha dado (acho que ainda na época do ViajeAqui) pra um leitor gaúcho. Eu tinha conhecido a praia de Shoal Bay, como a Lena bem lembrou, durante o easyCruise que fiz em 2007. Deu tempo pra andar pela praia inteira e descobrir esse hotel pé-na-areia, a um só tempo despretensioso e elegante, todo branquinho, com um quê de Grécia. Como não é todo dia que você manda um casal passar a lua de mel num hotel chamado , achei que alguém pudesse ter  guardado a informação na memória. Mas não: o danado do Carlos Nascimento desvendou a charada pela mais obscura das pistas (tão obscura que nem eu me dei conta de que estava deixando): os peixinhos pintados no barco, que são os mesmos que aparecem na bandeira de Anguilla. Ambilívabol! Tudo porque o cara é versado em vexilologia! (não, não é nada disso do que você está pensando). O Carlos nos repassou a informação, que consta do site do hotel, que kú é um nome indígena que significa “lugar sagrado” (veja como as palavras podem ter significado idêntico em tantos idiomas!).

Brincadeiras à parte, este me parece um belíssimo hotel para aproveitar uma praia perfeita. À diferença dos hotéis verdadeiramente de luxo de Anguilla, como o Cap Juluca, o Kú tem preços bastante abordáveis. Sobretudo agora na baixa temporada (a partir de 1° de abril), quando o apartamento vista mar passa a custar US$ 220 (vista jardim, US$ 180), e dá para ficar 5 noites pagando 4. O adicional de pensão completa (sem bebidas) nesta época é de US$ 105 por pessoa (meia-pensão, R$ 80).

Saindo do Brasil, o jeito mais fácil de chegar a Anguilla é voando a St. Maarten, e pegando uma lancha no aeroporto (que leva vinte minutos até a ilha). Parabéns, Carlos! Obrigado, pessoal! Semana que vem tem mais!

Visite o VnV no FacebookViaje na Viagem
Siga o Ricardo Freire no Twitter@riqfreire


46 comentários

Olá Ric !
Ontem reservei 2 diárias no Viceroy em Anguilla, mas gostaria de ter ficado em algum hotel em Shoal. Pelo mapa vi que a praia é próxima, será q dá para ir a pé ? Acabei conseguindo uma grande promoçao de diárias para início de Junho, depois quando voltar faço meus comentários.
Abs !

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.