Charada da 6a.: peso-pesado (veja a resposta!)

Charada de 9 de setembro de 2011

Viajar é assim: quando você menos espera, pimba: cruza com um rinoceronte no jardim.

Este parece estar fora do seu habitat natural. Se bem que nesse lugar aí só dá peso-pesado, vou te contar.

Para levar o Troféu da Bóia não basta dizer a localidade genérica deste rinoceronte; é preciso dar o seu endereço completo.

(Estou prevendo recursos ao Supremo Tribunal das Charadas…)

Valendo!

RESPOSTA:

@ROSANA
@ROSANA

Vou mudar o título da charada de hoje pra “Blogando com as Estrelas”! Quem apareceu aqui pra resolver o enigma foi uma das minhas ídalas da internetosfera — a @rosana Hermann. O que foi uma honra, mas também não deixou de ser covardia. Afinal, a @rosana está entre os três melhores googladores vivos — isso reconhecido pelo próprio Google. (Mentira. Mas se eu lançar esse boato, os algoritmos vão acreditar rapidinho.) Enfim, o que vale é que, intrigada com aquele rinoceronte suspenso feito um piano no meio da mudança, ela fez a pergunta certa ao oráculo e voltou rapidinho com a resposta precisa: trata-se de uma escultura de Stefano Bombardieri exposta no museu de esculturas da Marina de Portofino (um dos lugares mais chiques da Europa — por isso a referência aos pesos-pesados).

Um pouquinho antes o Diogo A. e o Henrique Martin tinham achado o mesmo rino em Potsdam, na Alemanha — e não estão errados: conforme o sapientíssimo Carlos Nascimento (como vocês sabem, meu conterrâneo por parte de pai…), cópias da escultura estão instaladas em Potsdam e também em Ferrara. O que significa?, pergunta a Amélia. Sei lá. Talvez seja, ahn, uma metáfora sobre a sustentabilidade…

Parabéns, Rosana! Obrigado, Walter Faria, pela foto (me manda o endereço pra eu te mandar o livro autografado!). Semana que vem tem mais!

Assine o Viaje na Viagem por emailVnV por email
Visite o VnV no FacebookViaje na Viagem
Siga o Ricardo Freire no Twitter@riqfreire
Siga o Viaje na Viagem no Twitter@viajenaviagem


27 comentários

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.