Culto à personalidade

Dei uma entrevista para o programa Olhar Digital, da Rede TV!, que foi ao ar domingo passado. A Majô disse que eu estou um fofo — e, depois de me ver, concordo: preciso urgentemente voltar à dieta. Reparem na gafe da semana: não vi quando o pessoal da produção pegou justamente a pilha da Próxima Viagem para fazer imagens de cobertura. Juntando áudio e vídeo, parece que é para lá que eu escrevo 😯

Para assistir, clique aqui.

29 comentários

Muito boa sua entrevista e os comentários também! O interessante é que no “almoço de domingo” aqui de nossa casa estávamos justamente comentando a alta qualidade de muitos blogs, inclusive e principalmente o seu. Embora, como já te falei antes, não dispenso de jeito nenhum teus livros impressos e estou aguardando ansiosa os próximos. Abraços

Sobre a campanha do Estadão: tô adorando as respostas da blogosfera, mas acho que o jornal tem bem menos culpa do que a agência que criou a campanha — que tampouco estava interessada em mirar nos blogueiros.

Um dos caminhos mais usados nas campanhas da Talent é a desvalorização exagerada da concorrência. Tudo o que não é Tigre é mico; tudo o que não é Brastemp não é, ahn, nenhuma Brastemp; quem não compra Semp Toshiba se dá mal.

Dessa vez — acho eu — a agência tentou equiparar os concorrentes do novo portal do Estadão (os Uol, Ig, Terra, Globo.com da vida) aos blogueiros mais rasteiros.

Mas ninguém entendeu isso assim, não 😆

Eu confesso que não tenho o minimo menor interesse no assunto,
mas para os que se interessam recomendo um blog super sério
escrito pelo jornalista ,professor e amigo Nelson Jobim
http://nelsonfrancojobim.blogspot.com/
O Nelson é sério , ético, consistente , e uma das poucas pessoas
por quem eu assinaria embaixo sem ler . 🙂

Ficou bo mesmo , Riq! 🙂

Quanto à campanha do Estadão contra os blogs, acho que é mais sobre temas políticos ou econômicos. Não é brincadeira o que tem de blog pseudo-político por aí, com informações deliberadamente deturpadas, inclusive incitando internautas a enviarem e-mails para empresas patrocinadoras de programas que eles não gostam, ameaçando boicotes, etc.

Jorge,

A campanha do Estadão é mais ou menos essa. Eles divulgam que os blogueiros vivem de copiar matérias dos outros, que não tem conhecimento algum do tema sobre o qual escrevem, pois não são profissionais daqueles setores e por ai vai.

O interessante é que os blogueiros de São Paulo e Rio de Janeiro andam se organizando. O Beto Largaman do Oglobo fez recentemente um encontro no Rio.

Sempre pairou no ar essa crítica de que os blogs em geral não tem credibilidade.

Mas o que eu mais acho importante no blog é ter credibilidade, citar fontes, assumir que errou e ser isento ou pelo menos coerente com a linha de pensamento do proprietário/editor. Muitos blogs possuem essa carcterística e é isso que faz as pessoas procurarem informações nos blogs.

Como manter um blog atualizado, isento, integro, pagar os custos associados (servidor, registro, dados), fomentar projetos e ao mesmo tempo poder angariar recursos para sua manutenção (propaganda, desde que realizada de forma explícita ao visitante) é a discussão do momento.

Blogueiros internacionais estão mais avançados nessa discussão.
O Aquela Passagem tem se interessado em acompanhar os resultados desse processo.

Só agora pude ver o vídeo. Pena que passou numa TV sem grande audiência porque ficou bem legal. A apresentadora é que é fofinha 🙂

Ficou muito bom. Cada vez mais interativo!

Rodrigo: Ah, então era isso que eu havia lido num post aqui sobre o Estadão. Eles diziam que os blogs não tem informação de conteúdo sério, que falam de algo que não dominam?

Esse programa é muito interessante, pena que o o horário não ajuda.

A entrevista e o entusiasmo do entrevistado ficaram bem na foto.

Parêntesis: O alerta sobre os blogueiros, feita pelo narrador, fez uma referência indireta à campanha do estadão contra os blogs….

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.