66 comentários

Rodrigo,
Não vejo porque se desculpar. Achei o seu comentário digno, perfeito, e quem dera pudesse ser usado para deixar as pessoas mais conscientes.
Karinissima, o que vc viu foi vergonhoso. Eu ficaria chocada também.
Este tipo de coisa me deixa extremamente embaraçada e chocada.

Mari, você estava em BUE ontem? Também estava lá. Meu vôo foi atrasado pois o apt de SCL estava sem teto e estava no pinga-pinga da Gol. O que teve de passageiro nervosinho berrando com funcionário da Gol… Senti muita vergolha alheia.

Aí chegamos em Sampa. A perna para BH foi cancelada. Então os passageiros deram showzinho dizendo que processariam a Gol. Isso porque SABIAM que tínhamos tido um acidente com mais de 170 mortos.

Egoísmo total. Falta de educação. Total falta de sensibilidade e amor ao próximo. Isso faz a tragédia muito mais trágica.

A culpa é de todos nós.

O presidente da Infrazero, o presidente da ANAC, o Ministro da Defesa, a Ministra do Turismo, o Comandante Geral da Força Aérea, enfim, todos esses cargos têm seus ocupantes escolhidos pelo próprio governo. O governo é montado pelo presidente eleito.

Tenho vergonha do meu presidente (mas tenho certeza que ele não tem), não votei nele, mas não posso deixar de pensar que ele foi eleito, ou melhor, reeleito pela maioria da população.

Não me sinto melhor porque não votei nele. Se a maioria da nossa população votou e continua acreditando nas suas capacidades (inclusive nas suas escolhas) é no mínimo porque nós todos falhamos em exigir (quando a classe média podia exigir algo) que a educação fosse a primeira prioridade nesse país.

Somente a falta de educação e senso crítico explica como tantos podem ser agradados por tão pouco. Me sinto mais entristecido, quando vejo uma classe média massacrada ter optado pela política do cada um por si.

Estamos perdendo o pouco de discernimento que nos restou depois de tentar gritar, votar e pedir auxílio ao judiciário (este muito preocupado com o umbigo e tão lento que só confirma a sensação de impunidade).

Preferimos gritar com um atendente da cia aérea, com a aeromoça, com qualquer ser humano sem poder de decisão à cobrar daqueles que têm o poder uma atitude. É como um movimento inconciente de quem se sente impotente de fazer outro impotente sentir nosso sofrimento.

Não podemos ser coniventes com nós mesmos. Vivemos um apagão ético e moral. Todos se irritam quando são multados por infingir leis, sonegar impostos ou ter qualquer de seus auto denominados direitos incomodados.

Esses erros “menores” são sempre justificados pela existência de erros “maiores” por parte de nossos representantes eleitos. Um erro justifica o outro. Um erro maior ainda justifica um outro erro.

Se não praticamos esses desvios, sofremos angustiados e calados na linha tênue que separa a impotência da omissão.

Aos leitores do Blog Aquela Passagem e do VNV, peço desculpa pelo desabafo, mas ele teimava em sair. Vou me controlar.

Gosto do Brasil, mas fico com a sensação de que poderia ser um pouco mais feliz ou sereno morando em Cingapura, mesmo sabendo do modelo político lá implantado. Essa democracia a brasileira anda me corroendo aos poucos.

Gente, gracas a Deus cheguei sa e salva em BsAs. Mas tava um clima terrível em Cumbica, um monte de funcionarios da TAM chorando, silencio absoluto no saguao, nao tinha nem a mocinha da “Infraero informa”… Vim pra cá também totalmente down, tirou todo o prazer de viajar… 🙁

O que vaiaram foram os que elegeram Kari .
É tão simples e fácil ser gente, basta dizer : meus sentimentos.
UMA VERGONHA NACIONAL : A OMISSÃO, O DESCASO 🙂

Tradução: ‘Não estou nem aí’
Ou: ‘Nem morta que me envolvo com isso’
É muita falta de compaixão.

Declare que respeita o sentimento da famila das vitimas, dos pais filhos, esposas e maridos…. declare que pede pelo menos para que cada cidaão faça uma oração na sua religião… declare que quer ver tudo esclarecido, declare que quer ver as vitimas sendo indenizadas, declare que quer uma revisão nos procedimentos de segurança, que os pilotos nao vão mais voar enquanto isto nao se eclarecer…. declare que vai deixar de voar nos jatinhos pagos com o dinheiro dos nossos impostos, para ver se isto ocorre de verdade… ou declare que devemos nos conformar, relaxar e gozar…. Desculpe, hoje estou revoltado, mas tenho uma certeza, não sou o unico….

Nestas horas, INFELIZMENTE, fico feliz de nao morar no Brasil…A impunidade e “pouco caso” me revoltam profundamente…

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.