Como não se perder numa estação de trem na Europa 1

Como não se perder numa estação de trem na Europa

Estação de trem na Europa

Para quem nunca viajou de trem, uma estação de trem na Europa pode ser um lugar intimidante. Mas é só falta de costume, mesmo (e de manual de instruções). Estações de trem têm uma dinâmica diferente de aeroportos ou mesmo rodoviárias — mas se você mantiver a calma, vai ver que é tudo bastante intuitivo. Na primeira vez, chegue com meia hora de antecedência, e você vai ver que não tem segredo. Para te ajudar, aqui vai o passo a passo da minha mais recente viagem (foi ontem, entre Frankfurt e Würzburg, na Alemanha).

Chegando à estação de trem

Estação de trem na Europa

As estações de trem das grandes cidades (e certamente a sua primeira estação de trem será a de uma grande cidade) têm grandes painéis eletrônicos no saguão principal, semelhantes aos painéis dos aeroportos. As saídas dos trens, ordenadas por horário, trazem as principais paradas intermediárias, o destino final e a plataforma de embarque.

Estação de trem

Eu estava indo para Würzburg no trem das 12h21. Achei o trem no painel, vi que a minha plataforma era a 9 e aprendi que o trem tinha como destino final Viena.

Estação de trem: na plataforma

Estação de trem na Europa

Sabendo o número da plataforma (se você comprou passagem para um horário específico, é provável que o número da plataforma conste até no seu bilhete), basta se dirigir para lá. É como achar um portão de embarque no aeroporto. A diferença é que, na maioria dos trens, não há ninguém para controlar o check-in. (Trens como o Eurostar entre Paris e Londres, o Thalys entre França, Bélgica e Holanda e os AVE espanhóis, porém, requerem identificação e passagem de bagagem pelo raio X.)

Estaçãode trem na Europa

Já está na plataforma certa? Se você quiser, pode conferir outros detalhezinhos.

Estação de trem na Europa

As plataformas costumam ter cartazes amarelos e brancos informando todas as partidas e chegadas do dia. Os cartazes que interessam a quem está embarcando são os AMARELOS, de partidas. (Se você só vir cartazes brancos, procure no verso do painel: ali estarão os amarelos.) Os trens estão ordenados por horário; todos os trens que passam na estação estão listados.

Estação de trem na Europa

Identificando o seu trem, você fica sabendo os horários das principais paradas intermediárias e pode reconferir seu horário de chegada. No meu caso, Würzburg: 13h31.

Esses cartazes amarelos também são uma mão na roda em baldeações: quando você desce de um trem, pode consultar o primeiro cartaz amarelo. Basta ir direto no horário do seu próximo trem, e já verá a informação da plataforma, sem precisar gastar o seu inglês com ninguém.

Estação de trem na Europa

Outro cartaz útil que costuma haver nas plataformas é o diagrama da composição dos trens que passam naquela plataforma. Novamente, os trens estão ordenados por horário. Você localiza o seu trem e já vê onde embarcar na primeira classe ou na segunda classe: se na zona A, na zona B, na zona C, D ou E da plataforma. Caso você tenha reserva de assento, procure o seu vagão pelo número.

Estação de trem na Europa

Eu não tinha reserva, apenas um passe de 1ª classe. (Na Alemanha, na Suíça, na Áustria e na maioria dos trens da Holanda e da Bélgica não é necessário ter reserva de assento para embarcar, somente a passagem válida para o dia e o trecho.) Vi que os vagões de 1ª classe estariam à altura da zona B, e já fui para lá.

Estação de trem: ao embarque!

Estação de trem na Europa

Quando o trem chegou, conferi se o vagão era de 1ª classe, subi, e já garanti a primeira poltrona livre (o visorzinho acima do assento informava que o lugar estava reservado entre Würzburg e Viena; como eu ia descer em Würzburg, estava beleza).

Mas caso você chegue esbaforido, tenha reserva de assento mas não tenha tempo para procurar seu vagão antes de embarcar, não se preocupe: suba no trem em qualquer vagão e procure o assento por dentro. Todos os vagões são interligados. (Mas só acomode suas bagagens quando encontrar o vagão certo. Os trens podem se desmembrar durante a viagem, e você não vai querer que sua bagagem vá para outro destino.)

Tem reserva de assento? Veja como encontrar o seu lugar

Estação de trem na Europa: com reserva

Já comentei sobre isso mais acima, mas aqui vai ilustradinho o procedimento quando você tem reserva de assento. É provável que já conste da sua reserva o número da plataforma (a minha, neste trem entre Munique e Berlim, era a 23). O seu assento reservado vai estar descrito com o número do vagão (veja ali: é o 27) e da poltrona (é a 11).

Estação de trem na Europa: número do vagão

Todos os vagões são identificados por fora com o seu número. É só passar o trem em revista e uma hora você acha o seu. Olha o meu aí: 27.

Estação de trem na Europa: assento

Então é só achar a sua poltrona. Se o trem for moderno, sua reserva vai estar devidamente anunciada no painelzinho acima da poltrona.

reserva3

Reservado entre Munique e Berlim. Esse lugar é meu, ninguém tasca, eu reservei primeiro.

Gute Reise!

Ricardo Freire viajou à Alemanha a convite do Centro de Turismo Alemão.

Leia mais:

72 comentários

Adorei as dicas,mas fiquei com duas dúvidas…estou indo viajar sozinha e trem me dá medo,vou de Paris para Londres e depois de Londres para Amsterdam,gostaria de saber se nos embarques preciso ir até um local específico para passar minha bagagem pelo detector de metais? E vi que os euroestar é preciso validar os tickets,onde faço isso? Nos guichês de compra de passagem? Comprei minhas passagens pelo site

    Olá, Alessandra! Chegue na estação com a mesma antecedência que você chega num aeroporto, e não tem como dar errado. Você acha o caminho, é auto-explicativo.

Enviei o seguinte e-mail para o Consulado do Egito no RJ:
Bom dia!
Eu e minha esposa gostaríamos de novamente visitar a República do Egito.
Fomos a primeira vez há 7 anos atrás.
Além das informações necessárias para o visto,gostaríamos que nos fosse esclarecido a situação do CERTIFICADO INTERNACIONAL DE FEBRE AMARELA,pois,o nosso está VENCIDO mas,como NÃO há mais necessidade de uma nova dose,esse certificado poderia ser usado?
Aguardamos as respostas.
Obrigado!
E obtive a seguinte resposta:
Prezado (a), bom dia
Seguem as informações solicitadas em anexo.
Senhor, se a sua carteira de vacinação está vencida, será necessário ser emitida uma atualizada e esta nova carteira,sim, terá validade para sempre.

Atenciosamente,

Consulado da República Árabe do Egito no Rio de Janeiro
O que fazer?Tomar outra vacina?

    Olá, Giuseppe! Ao tirar uma segunda via do certificado que você já tem, ele já virá com data FOR LIFE.

Oi Pessoal. Fiz um post há umas 2 semanas e não recebi nada sobre resposta no meu e-mail. Será que não foi aprovado? Preciso muito tirar uma dúvida com vcs. Comprei passagem aérea numa super promoção LATAM no impulso (tema de outro post) pra visitar um familiar na Áustria. Na época a passagem mais barata era para Munique (salvador-GRU-Frankfurt-Munique). Quando o eticket foi emitido é que percebi que o trecho Frankfurt- Munique é de trem…. nunca vi isso. Comprei uma passagem aerea no site de uma companhia aerea e o ultimo trecho é de trem. Liguei pra lá e eles não sabem dizer se eu vou recebr o ticket de trem no no ato do chek-in on line OU no aeroporto Salvador OU Guarulhos OU Frankfurt OU AINDA se vou ter que retirar numa estaçao de trem. Alguém já passou por isso? Saberia ajudar?

Viajaremos dia 11 setembro de 2017 e de lá depois iremos pra Viena

    Olá, Andressa! Você perguntou no atendimento da Latam ou da Lufthansa? A Lufthansa informará melhor.

    Você encontra mais informações sobre o esquema aqui:
    https://www.lufthansa.com/xx/pt/Lufthansa-Express-Rail-Fly

    No aeroporto de Frankfurt existe uma área de check-in específica para quem vai continuar a viagem de trem. É a Lufthansa AIRail.

    De todo modo, vamos compartilhar sua pergunta no Perguntódromo. Havendo resposta, aparecerá aqui.

    Olá Andressa,

    Já passamos por esse situação, exatamente neste trecho de Frankfurt a Munique. Os tickets de trem foram entregues no check-in no aeroporto no Brasil. Chegando em Frankfurt pegamos as malas e fomos em direção a estação de trem que é dentro do aeroporto mesmo. Inclusive conseguimos adiantar o horário do trem e embarcar antes. Isso é uma parceira da Lufthansa com a cia de trem da Alemanha, que permite fazer o último trajeto de trem, se não me engano chama Rail&Fly.

    Espero ter ajudado!

    Andressa,

    Normalmente nestes casos o seu bilhete do trem será emitido junto ao da passagem (é como se fosse uma passagem aérea mesmo) no momento do check in (as bagagens também chegam no destino final). Como disse a Boia, existe um (grande) terminal da Lufthansa na estação de trens do aeroporto de Frankfurt.

    E acredite, você vai gostar bastante ir de trem !

Fiz duas viagens de trem recentemente na Europa e saiu tudo como descrito no post.
A ansiedade faz a gente querer saber para que plataforma ir logo que chega na estação, mas o que vi foi que as informações só aparecem no painel 20 minutos antes do horário do trem. Parece corrido, mas dá tempo, se você está ligado, claro.
O tempo que o trem fica parado na estação é sufiente para subir no vagão com a bagagem. Com o trem já em movimento dá pra achar a poltrona reservada ou uma vazia e se acomodar.
Viajando no verão, com trens bastante cheios, vi que a turma mais experiente fica de pé no fundo do vagão, esperando os passageiros com reserva se acomodarem, daí então partem para a busca das poltronas não reservadas.
Vi uma família americana de 5 pessoas completamente perdida e sem informação prévia de como funciona o sistema dos assentos reservados. Entraram na primeira classe e sentaram nos primeiros lugares juntos que encontraram. Tiveram que levantar, aprenderam sobre como identificar as reservas nos pequenos painéis e ficaram procurandos outro lugares (e fizeram uma boa confusão). No fim, chateados por não encontrarem 5 lugares juntos na 1a classe sem terem reservado antes (ora!) foram para o vagão restaurante (com as malas) e depois quando eu os procurei de novo não vi mais. Acho que tinham migrado para a 2a classe.

Adorei o post!!!! Parabéns!!! Muitas experiências legais.
Andei de trem de Barcelona para Madri em 2011 e foi super tranquilo.
Em setembro vou de Amsterdam para Dusseldorf, tomara que dê tudo certo.
Em outubro volto de Nice para Paris de TGV.
Obrigada por todas as dicas. Vou seguir. ABS.

Olá Ricardo,

Mais um post bastante útil para pegar trem na Europa.

Peguei trem em Munique, Frankfurt, Berlim, Dresden, Praga, Viena, Bratislava e Busdeseste.
Quase sempre é um momento de tensão, as estações (trem e metrô) tem mais de uma saída, com ou sem elevador, as malas são grandes e pesadas, a língua muitas vezes não ajuda, e entre outros perrengues. Aconselho, sempre, baixar os aplicativos de transportes no celular e, se possível, fazer um cadastro ainda no Brasil para se familiarizar com a forma de operação do transporte. E comprar um chip, Sim Card, para acesso a rede de dados, data. Existem vários modelos pré pagos com diferentes pacotes de dias, velocidade, SMS, ligações, etc… No ano passado comprei um da Vodafone (Europa Roaming) em Berlim e usei em alguns países da Europa, só precisei configurar o telefone. Baixe um tutorial pela Internet para você saber configurar o seu celular e se possível, instalar o App da operadora alterando o endereço residencial de sua loja de aplicativos.

Abçs

Riq, bom dia.
Fantástico este post! Extremamente esclarecedor e dá um imenso alívio poder ter essas informações antes de embarcar nessa aventura de trens pela Europa. Kudos, Riq.
Primeira dúvida – Você sabe se está havendo alguma exigência de passar a bagagem por raio-X no embarque do TGV Paris-Frankfurt, após todos esses atos terroristas?
Segunda dúvida – Você informa que em trens da Alemanha e Áustria não é preciso fazer reserva de assento. Numa viagem curta (Frankfurt-Würzburg) você não fez reserva. Na viagem mais longa, München-Berlin, você reservou assento. Esse seria o raciocínio a seguir?
Proximamente estarei embarcando num trem da Railjet, ticket da ÖBB, München-Wien. Devo fazer reserva de assento neste trecho ou não há necessidade? Ou no caso é obrigatório por ser viagem internacional? Pergunto porque nos sites da DB e da ÖBB eles apresentam a guia para preencher a “compra/reserva” de assento. Por ignorância, reservei assento neste trecho entre Frankfurt-Würzburg – que agora vejo, foi desnecessário, pela sua informação. Tudo bem, 3 – 4 euros não fazem diferença em UM percurso. Mas quando são muitos percursos, durante quase 50 dias, gostaria de agir corretamente, sem desperdiçar euros, mas também sem ter problemas com fiscalização por estar infringindo alguma norma. Muito grata se puder ajudar.

    Olá, Vera! Quem responde é A Bóia. Não sabemos de nenhum controle de bagagem além dos trens do Eurostar e dos AVE na Espanha. Não reservar assento só vale a pena quando a sua passagem dá direito a embarcar em qualquer trem do dia. Mas se você comprou passagem para um trem específico, se houver a possibilidade de reserva, é muito mais tranqüilo reservar.

    .Obrigada, Bóia. Vou fazer a reserva, pois é possível sim. Realmente dá mais tranquilidade.

Muito interessante !
Gostaria de saber como validar o ticket, pois tive dificuldade quando usei o trem de Londres a Windsor. Nao foi pedido o ticket. Tem alguma máquina para validar? Na saída ou chegada?

    Olá, Suzana! Só é preciso validar passagens físicas na França e na Holanda. Não é preciso validar no Reino Unido. Fiscais percorrem os trens para conferir as passagens.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.