Eu quero: Eritréia

Folheando um número atrasado da Traveller inglesa, descobri uma operadora inglesa que faz viagens a lugares onde todo mundo tem medo de ir, a Undiscovered Destinations.

Já que a Etiópia — sonho antigo — parece que anda meio conturbada, fiquei na maior vontade de fazer esse tourzinho pela Eritréia.

Alguém aí sabia que Asmara é uma cidade colonial toda construída em estilo art-déco? (Eu não…)

44 comentários

Um belo site para se divertir, vendo os roteiros…adoraria Birmânia e Ucrânia.
Sylvia, Sanaa sempre me chamou a atenção, mas o Iêmen dá meeedo…
Jorge, Irã é um dos meus tem-que-ir.
Mas as minhas fixações mesmo são a Rota da seda, Romênia e Bulgária.
Beto, o livro deste fotógrafo é um pouco caro, mas vale muito a pena…de deixar a boca aberta.

Dessa lista de lugares “radicais”. Eu gostaria muito de conhecer o Irã.

Sylvia, o site que você indicou é demais… Assim como as fotos de Sanaa. O lugar é magnifico. Obrigado.

Não fiz as contas com rigor, mas estou em crer que a língua portuguesa é senão a mais falada uma das mais faladas aí nesse grupo de países.
Belo passaporte de viagem… E esse não se corre o risco de esquecer em casa… E falta nesse grupo, pelo menos, a Guiné Bissau, falar de Undiscovered Destinations e esquecer o Arquipélago dos Bijagós… Vão por mim, é um erro grave…

Legal, Regina….já andei pesquisando e achei um lugar legal memso, mais ou menos como tive excelente impressão de Malta, ainda que esta ilha européia nada tenha a ver com turcos e gregos.

Arnaldo; Chipre é uma gracinha..e incrivel sentir a divisao do país em grecos e turcos.

Riq, eu não sabia, não. Aliás, jamais poderia supor encontrar “art-déco” na arquitetura daquele país! Ainda que eu seja absolutamente apaixonado pelo “art-nouveau” (Praga e Barcelona são AS cidades para quem gosta do modernismo) eu já fiquei curiosíssimo a respeito…

Sabe qual é meu destino que não sai da cabeça ultimamente? CHIPRE. É claro que nada têm a ver Chipre com Eritréia, nada mesmo, especialmente em termo de arquitetura.