Fujadafila.com

Para informações atualizadas, leia este post: Como furar (legalmente) a fila em monumentos e museus

Minha coluna na Época dessa semana. Agradeço ao pela inspiração do tema e pelas três primeiras dicas da lista 😀

De todos os inconvenientes possíveis de acontecer numa viagem – atrasos, mau tempo, contratempos de saúde – existe um que está ficando cada vez mais fácil de evitar: as filas. Algumas das atrações mais concorridas do planeta montaram sistemas de reserva antecipada de ingressos ou de acesso privilegiado. Na maioria dos casos dá para resolver tudo pela internet, em alguns cliques (e algumas idas ao dicionário). À primeira vista pode parecer complicado fazer a reserva pelos sites. Mas é melhor perder meia hora, no conforto da sua casa, destrinchando os procedimentos de compra, do que quarar duas ou três horas numa fila, com o taxímetro das suas férias rodando em euro ou em dólar.

Torre de Pisa. Apenas 30 pessoas por vez podem subir à torre, em visitas guiadas de meia hora. Dez lugares em cada grupo são postos à venda pela internet, pela Opera Primaziale Pisana. Custam 17 euros (2 euros a mais do que o preço na bilheteria) mas podem fazer a diferença entre subir ou não subir na torre. Chegue meia hora antes para retirar os ingressos.

Galeria Uffizi, Florença. Existem muitas agências online que oferecem ingressos para a Uffizi, mas o mais seguro – e barato – é reservar sua entrada por telefone, com antecedência. Já se pode comprar ingresso para a Uffizi (e também para a Accademia) pela internet. O endereço da bilheteria oficial é http://www.b-ticket.com/b-ticket/uffizi/default.aspx. A central de vendas dos museus de Florença atende pelo telefone (39-055) 29-4883, e você pode optar entre o atendimento em italiano ou inglês. Custa 9,50 euros. Aproveite e reserve seu ingresso para ver Davi, de Michelangelo, na Accademia: são outros 9,50 euros.

Capela Sistina, Vaticano. Para não perder uma manhã na fila, inscreva-se num tour guiado oficial do Vaticano. Custa 23,50 euros (10,50 euros a mais do que o ingresso simples), dura duas horas e pode ser reservado por fax: (39-06) 6988-5100.

Museu do Louvre, Paris. Não adianta procurar no site do museu: as entradas são vendidas em centrais como a TicketNet. O ingresso custa 9,60 euros, e a taxa para imprimir em casa, em formato PDF (evitando, assim, os custos e a demora de envio pelo correio), é de 1,30 euro.

Alhambra, Granada. Este palácio mouro é a maior atração turística da Andaluzia; no verão europeu é impossível conseguir ingressos na hora. No site Alhambra Tickets você escolhe dia e horário da visita. Para ter mais tempo dentro do palácio, reserve o primeiro horário da manhã (8h30) ou da tarde (14h). Os ingressos custam 10,88 euros e são retirados no local.

Reichstag, Berlim. Aparentemente é impossível visitar a cúpula de vidro do parlamento alemão – obra-prima de sir Norman Foster – sem mofar uma ou duas horas na fila; mas a visita, pelo menos, é grátis. Quem quiser abrir a mão, porém, pode reservar uma mesa no restaurante Käfer ([email protected]), que funciona na cúpula, e entrar direto por uma entrada lateral.

Museu Metropolitan, Nova York. O Met não cobra ingressos: sugere uma doação de 20 dólares por adulto. Para quem não quer esperar na fila, porém, a doação é compulsória. Entre pelo site do museu você pode escolher entre ser direcionado para uma central de ingressos ou preencher um formulário e pedir seus ingressos por… fax!

Empire State, Nova York. Para subir no edifício mais famoso do planeta é preciso enfrentar três filas: do controle de segurança, da bilheteria e do elevador. O site do Empire State vende dois tipos de ingresso antecipado. O de 20 dólares permite que você cabule a fila da bilheteria; o de 48 dólares faz você furar a fila do elevador também.

136 comentários

Fazer as reservas com antecedência é interessante para evitar as filas, sem dúvida, mas o hábito também pode evitar que a pessoa deixe de ver uma atração que só pode ser vista se reservada com antecedência, como a Última Ceia de Da Vinci, em Milão. Lá não adianta chegar com disposição para encarar 3 horas de fila – se não houver reserva prévia, não há visita…

    Vou estar em Milão só por dua noites e fiquei assustada com
    a espera para ver a Última Ceia. Como devo fazer?? Aonde tenho
    que reservar?? Pelo jeito preciso sair do Brasil com tudo
    reservado para não perder tempo.Me diga então passo a passo o que fazer.
    obrigada,
    Maria Belem

    Maria, a página do site do Cenacolo Vinciano que leva às reservas online é esta aqui:
    http://www.cenacolovinciano.org/sito/ing_prenotazioni.html

    No entanto, até julho as reservas pela internet já estão esgotadas.

    Você pode tentar pelo call-center, que tem atendimento em italiano e inglês:
    (39) 02-8942-1145
    O call-center funciona das 9h às 18h, horário da Itália, de segunda a sexta; e sábado das 9h às 14h.

Falando em Cirque, eles voltarão!
Eu acho esse negócio de comprar pela net, pelo tel, a melhor coisa do mundo!

Uma dica do Louvre: ao invés de ir direto na bilheteria, é so ir na BANCA DE REVISTA que tem la na galeria na saida do metrô (ja dentro do Louvre mesmo). Nunca tem fila, e vc vai e compra a entrada 😉

Riq, valeu pela citação. Vou imprimir. São dicas muito úteis.

Sabe, eu ODEIO filas, principalmente pessoas que furam fila. Um dia quase subi no pescoço de um cara que tentou furar a fila de um check-in no aeroporto da Ilha Margarita. Sou uma pessoa calma, mas esse tipo de comportamento de algumas pessoas me tira do sério.

Valeu, abração e take care! :mrgreen:

Tripilação,

Nada a ver com o post, mas recebi por e-mail hoje e achei bom compartilhar com os viajandões daqui 😆

Clique no endereço abaixo
( http://www.alovelyworld.com/ )
Basta clicar no país de sua preferência; depois vem
o mapa desse país , com luzes que piscam.
Clique numa dessas luzes e, em seguida, vem o lugar
desejado com várias fotos.
Vc pode clicar na foto desejada, para aumentá-la.

Ah, o Louvre e outras atrações de Paris estão a venda na Fnac de lá e assim se estiver sem impressora vá lá e não pegue fila tbm.

Fila em viagem é uma das coisas mais chatas que tem!!!

Eu sou usuário há tempos disso. Já fiz reserva até de taxi (traslado) pela Internet para alguns países. O da Alhambra, além de funcionar perfeitamente, eu aconselho vivamente, porque as visitas são limitadas a períodos (manhã e tarde) e quantidade de pessoas. e o guichê do ” will call” (termo usado para definir que vc. retirará no local) sempre é mais vazio do que o guichê de quem compra na horta, além do fato de que neste caso (Alhambra) corremos o risco de não encontrarmos ingressos.

Todos os shows da Broadway também são reserváveis diretamente nas bilheterias dos respectivos teatros (além de poderem ser adquiridos no ticketmaster) e assim fiz com o Tarzan e Rei Leão (da Disney) e com o “Love”, o Cirque du Soleil cujo tema são os Beatles, em las Vegas.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.