Lisboa chip no aeroporto

Chegando em Lisboa: chip e Uber no aeroporto

Lisboa: chip no aeroporto

Lisboa é a porta de entrada da Europa para muitos viajantes brasileiros, graças às rotas diretas da TAP desde 10 cidades do Brasil, como São Paulo e Rio de Janeiro.

A Azul também voa direto a Lisboa, saindo de São Paulo e Campinas.


Chegando em Lisboa: chip e Uber no aeroporto 1

Lisboa: chip no aeroporto

O aeroporto de Lisboa é perfeito para quem já quer estar com internet local desde o primeiro instante. A Vodafone tem uma loja oficial no saguão de desembarque. Ali você compra um chip (simcard, em europês) que pode oferecer conexão à internet também nos próximos destinos europeus da sua viagem.

A loja abre diariamente às 8h. Se você chegar pelos vôos diretos do Brasil da TAP ou da Azul, deve estar imigração feita e malas na mão por volta das 7h, 7h15. Precisando enrolar até a loja abrir, aproveite para tomar um segundo café da manhã numa das lanchonetes do desembarque.

O procedimento de compra do chip é simplérrimo e, se não houver fila, toma mais que 5 minutos. Em Portugal não é preciso sequer apresentar documentos.

Chip em Lisboa: peça com plano de roaming europeu

Em setembro de 2017, pedi um simcard pré-pago e o vendedor me ofereceu um chip com 5 giga de dados com validade para 30 dias, por 20 euros. Eu perguntei se dava direito a conexão em outros países da Europa (aproveitando a nova lei de roaming intra-europeu sem custo extra). Então ele explicou que, nesse caso, poderia me vender um simcard pré-pago de 2 giga de dados, também válido por 30 dias, por 10 euros. (É muito barato, senhoras e senhores.)

Lisboa chip aeroporto

Basta tirar o chipzinho brasileiro (que o atendente cola com fita adesiva para você não perder), e colocar o simcard europeu no lugar. Seu celular vai então pedir para você desbloquear o novo simcard com o número PIN que você raspa na embalagem do chip. Pronto. Seu simcard europeu já está habilitado e pronto para uso em Portugal.

Fazendo o chip funcionar em roaming

Quando desembarcar em outro país europeu, não esqueça de habilitar o roaming internacional de dados, para que o chip funcione por lá também. (O meu está funcionando perfeitamente em Paris, de onde escrevo este post.)

E qual é a primeira coisa que você pode fazer com seu celular europeu conectado à internet? Chamar um Uber para sair do aeroporto!

Lisboa: Uber no aeroporto

Dá para sair do aeroporto de Lisboa até de metrô. Mas em Lisboa o táxi é tão barato, que não sair de táxi do aeroporto é só mesmo para quem está contando tostões.

De vez em quando, porém, surgem reclamações de leitores quanto à malandragem de taxistas lisboetas, sobretudo os que fazem ponto no aeroporto. Para não correr esse risco, o melhor é aproveitar o seu chip recém-instalado e já chamar um Uber.

A corrida em UberX entre o aeroporto de Lisboa e o centro histórico (av. da Liberdade, Chiado, Baixa, Príncipe Real) sai entre 7 e 10 euros — ou seja, entre 28 e 40 reais, já com o IOF do cartão (câmbio de setembro/2017).

Ao confirmar a corrida, o aplicativo vai mandar você esperar o carro num ponto do aeroporto que não é exatamente a saída onde você está. Nesse momento vai bater aquele pânico — meu Deus, onde é que é isso? Mas calma, titio Riq mostra o caminho pra você.

Lisboa Uber no aeroporto

Ao sair da loja da Vodafone, já com o seu chip instalado, você vai ver o saguãozão principal do aeroporto. Suba as escadas rolantes. Chegando ao segundo andar, saia por qualquer porta à sua esquerda. Você vai dar na calçada do embarque. Atravesse pela passadeira (faixa de pedestres) e você vai chegar a uma estrutura oval protegida por uma marquise — é um local de embarque/desembarque de passageiros, que pode ser usada por até 10 minutos por qualquer carro. É ali que o seu Uber vai chegar.

De nada, estamos aqui pra isso.

Com trânsito fluido, você estará no seu hotel em 20 minutos.

Leia mais:


Sintra

Passagens mais baratas para Lisboa no Kayak

Encontre seu hotel no Booking

Faça seu Seguro Viagem na Mondial Assistance

Alugue carro em Lisboa na Rentcars em até 12 vezes e sem IOF

Passeios e excursões em Lisboa com a Viator

Garanta ingressos para atrações em Lisboa com a Ticketbar

299 comentários

Já comprei chip da Moche , uma empresa da MEO, por 2 semanas por 3 euros. Num shopping pequenino em Carcavelos.
E já paguei este preço por 2 vezes. Então, nem vou olhar a Vodafone…

Riq… em relação da nova lei do roaming.. um dia após a lei eu estava na Europa, com um chip Lebara comprado na Alemanha. Jurava de pés juntos que os chips e planos da lebara não seriam validos nessa lei, mas usei normalmente minha franquia em Paris, fiquei mais 3 dias lá, pena que tinha torrado quase toda a franquia nos dias anteriores (pelo motivo acima). Abraços

Riq, como faz com o simcard da Vodafone se a viagem for superior a 30 dias (quando aí o chip perderá a validade) e/ou os 2GB (versão para uso na Europa, não só em Portugal) acabarem? Existe a possibilidade de eu recarregar/pôr créditos à distância, quando já estiver, p. ex., na França ou na Noruega?

    Vanusca, teoricamente, como a recarga é feita pela internet mesmo, você poderia fazer em qualquer lugar. Mas não sei se a geolocalização impediria a transação fora da área da compra do simcard. Se houver algum problema, é só comprar outro chip depois que a franquia de dados acabar. Note que o roaming internacional oferecido pelas operadoras brasileiras custa 39,99 (equivalentes a 10 euros) por DIA. Mesmo que o próximo chip não seja tão barato quanto o português, continuará valendo a pena.

    Se você quiser se precaver, pode fazer uma recarga antes de sair do país onde comprou o chip. Não é preciso esperar esgotar o pacote de dados para fazer recarga.

    Essa situação de roaming pós-junho ainda é nova e vamos abrir uma enquete para coletar mais experiências com chips comprados em outras praças. Mas vamos deixar a coisa amadurecer um pouco mais, para que mais gente possa contribuir.

    Oi Riq, comprei meu simcard na Alemanha recentemente e funcionou perfeitamente na Áustria.

Que ótimo!
Eu cheguei no aeroporto de Lima em julho e me ofereceram um chip com plano para 20 dias a mais de 100 dólares; disseram que estrangeiro não consegue comprar chip nacional e precisam de um para estrangeiro. Achei absurdo e não comprei. Na hospedagem, me disseram que era mentira e que se precisasse, eles compravam para mim

Comprei o chip da Vodafone emPortugal recentemente numa viagem, mas qd fui Para Madrid ele não funcionou de jeito nenhum mesmo habilitando os dados de roaming.

    Welma, de duas, uma: ou o seu plano não dava a direito a conexão (mais provável), ou você não desbloqueou o roaming internacional de dados.

    Note que no texto eu explico que o primeiro plano que o vendedor me ofereceu, com mais gigas, não permitia roaming.

O ruim da loja da vodafone é que ela abre as 8h ou 9h , não me lembro. E os vôos do Brasil chegam as 6h da manhã, mesmo pegando a mala e fazendo imigração ja estamos fora antes das 7h da manhã. Estou com o plano da vodafone com 3gb e roaming em toda europa por 10 eutos

    Bom ponto, Diógenes. Fui ver agora, e a loja abre às 8h. Os vôos diretos da TAP costumam chegar por volta das 6h, mas dificilmente você sairá com as suas malas antes das 7h, mas em casos mais complicados pode demorar mais. Tendo em vista que você não conseguirá subir ao quarto do seu hotel antes das 15h, dá para enrolar uma horinha tomando um café melhorzinho do que o oferecido a bordo.

E sobre o uber no aeroporto não penso que valha a pena porque o metrô em sua forma mais cara (o bilhete unitário) sai por 1,45 (não conto os 0,50 do cartão porque ele já vai ficar pra viagem) e você chega ao hotel tranquilo em 45 min. Se você já colocar o passe diário então…aí é quase de graça!

    Izabella, o custo x benefício de você sair do aeroporto depois de um vôo de 10 horas enlatado na classe econômica, daí simplesmente colocar sua mala dentro de um carro, então viajar tranqüilamente no banco de trás sem nenhum receio de ser engambelado ou de ter seus bens subtraídos, e ainda por cima ser entregue na porta do seu hotel numa cidade que você não conhece, POR MENOS DE 10 EUROS, é incomparável. Não há destino no exterior (e nenhum no Brasil!) em que você consiga isso. Qual foi a última vez que você pagou um táxi do aeroporto com prazer? Essa é uma corrida que a gente paga sorrindo. Precisa ser patologicamente muquirana para não dar valor a isso.

    Agora veja o script alternativo: entender-se com a máquina de tickets do metrô, num sistema que você está vendo pela primeira vez, logo depois de uma noite maldormida e de uma passagem estressante pela imigração, e depois ainda fazer uma inevitável baldeação (não existe linha direta entre o aeroporto e o centro histórico), daí carregar sua mala para dentro de um vagão cheio (como deverá estar na baldeação), e de quebra portando passaporte, dinheiro e cartões, estando sujeito à ação de batedores de carteiras, e na seqüência ainda ter que arrastar mala, com a possibilidade de ser ladeira acima, e sendo obrigado a caminhar com um olho no GPS do celular para encontrar o caminho, só para economizar a fortuna de 7 euros? Será que 28 ou 30 reais vão fazer tanta falta assim na viagem, a ponto de justificar não se dar um conforto merecido depois de viagem longa? Por que a gente precisa se punir por viajar? Não acho que seja um conselho que se dê, assim, sem nenhuma ponderação, para pessoas que não sabem todos os perrengues envolvidos no trajeto.

    Nossa Riq, você foi perfeito! Aliás, mais que perfeito! Em qualquer lugar para onde viajo prefiro me dar ao descanso de pegar um taxi ou uber. Amei o “Por que a gente precisa se punir por viajar?”.

    Táxi/transfer privativo na chegada/saída de uma viagem internacional não é gasto, é investimento.

    Até mesmo porque, além das 10 horas de viagem, tem o tempo que você precisou esperar no aeroporto. E quem mora fora do eixo RJ-SP normalmente tem um trajeto ainda maior e cansativo.

    Esse é um dinheiro que gasto com alegria.

    Pegar transporte público com mala é coisa de gente masoquista (ainda mais se for em horário comercial).

Estou em Lisboa agora e peguei o plano GO da Vodafone assim que cheguei no Porto. Plano só do dados: 30Gb por 15 euros por 15 dias. Adicionei 5 euros para ter 5 dias a mais. É possível adicionar por até 30 dias. Só funciona em Portugal. Vale muito a pena. Nada como um Google e um Maps sempre disponíveis 🙂

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.