Mais Rodrigo: volta ao mundo com desconto

É você que está planejando uma viagem volta-ao-mundo com as tarifas especiais das alianças de companhias aéreas?

Então vá correndo ler esta notícia no Aquela Passagem do Rodrigo Purisch.

15 comentários

Claudio :
Fiz montes de roteiros com as mesmas cidades , escolhi os melhores
horarios e cia aereas , coloquei um dia a mais do que achava necessario
nas cidades aonde o jet leg era maior do que cinco horas e ainda uns
de lambuja em Recife .
Se quiseres, me manda as tuas cidades que te dou uma sugestão .

Sylvia,
Quero fazer como vc, no maximo, 35 ou 40 dias…Perfeito pra mim!!!!!!!!!!
Resta escolher o roteiro, apesar de achar o seu excelente…
🙂

Brigadão Rodrigo !
Resumindo : as regras não mudaram em função da promoção 🙂
Mudar destinos numa viagem de um mes não dá né ?
Eu fiz uma mudança de data na RTW , mas já estava aqui no Brasil
e se eu não tivesse em mãos ( impresso ) as regras não teria conseguido.
Mesmo assim foi bem complicado para os pernambucanos entenderem
e aceitarem 🙂
Não precisa ser muito louco para fazer a RTW em 30 dias :rool:
A nossa ( fora do Brasil ) foi de 33 dias e juro que não achei corrido
e olha que foram um monte de lugares !
Toronto- Pequim- Bangkok- Hua Hin – Phnom Penh ( só umas horas )-
Siem Reap – Kathmandu – Agra- Jaipur – Praga – 5Terre- Lisboa
( ufa! fiquei cansada só de escrever … é..foram 9 paises ..acho que
somos totalmente malucos 🙄 )
Mas faço de novo viu ? Só que agora maaais slow . 😆

Riq,

Essa notícia combinou com aquele papo sobre RTW numa caixa de comentários recente aqui no Blog!

Sylvia,

Sou louco, eu topava 6 países em 30 dias. Tudo bem, não ia conhecer nada, mas ia visitar e fazer o basicão. Depois montava outras para aprofundar no tema. Viu, mal comecei uma, já estava pensando na próxima.

Pelas regras e pelo que entendi das mesmas:

Validade de uma ano após a emissão. Os destinos devem ser pré selecionados, mas podem ser mudados com pagamento de uma taxa (quanto, eu não sei).

Mas atente:
” Although your entire itinerary must be ticketed, you only
need to book flights up to and including your first
international flight (first intercontinental flight for travel
originating from Europe).
• Apart from your first international flight (intercontinental for
journeys originating in Europe), dates can be left open dated
or changed later free of charge, and destinations may be
changed for a small charge.”

Deu para entender que o primeiro vôo tem que ter data definida. Não pesquei se esse primeiro vôo pode ter sua data alterada. Os demais podem. Os destinos podem, mas paga-se taxas.

Quem sabe o Bruno que tem acesso as regras não pode ajudar?

Ai, ai, ai, a tentação é enooorme…estava programando essa viagem para daqui a uns dois anos. Melhor rever o extrato bancário 🙄 😆

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.