O quente de Flexeiras, por Denise Mustafa

Flexeiras (CE). Foto: Denise Mustafá

No fim do ano passado teve gente aqui perguntando sobre o Réveillon em Flexeiras (ou Flecheiras, dependendo da placa que você segue), uma praia 150 km a oeste de Fortaleza. Eu não sabia explicar — e pior: não sabia que a querida Denise Mustafa é graduada no assunto. Denise, que é fotógrafa e jornalista, acompanhou a evolução desta praia que hoje é a preferida de quem quer dar uma escapadinha de Fortaleza sem precisar enfrentar muita estrada (seja para Jeri, seja para Pipa). Aí vai o Dossiê Mustafá sobre onde comer e onde dormir em Flexeiras. As fotos, claro, são todas dela.

Flexeiras (CE). Foto: Denise Mustafá

Flexeiras ‘cresceu’ muito de uns dois anos pra cá. O público passou a ser mais sofisticado (principalmente por conta do hotel Orixás, que tem um público de classe social mais elevado) e, por isso, a praia sentiu essa necessidade de abrir lugares que acolhessem esse tipo de turista.

Flexeiras (CE). Foto: Denise Mustafá

Tem pra todo gosto: pra quem vai com menos grana, as barracas de praia oferecem um vasto cardápio de frutos do mar. Dessa vez nós fomos pra Barraca Maré Alta, onde comemos a moqueca de arraia especial, que inclui camarão e lagosta (naquela região tem muuuuita lagosta, por isso o preço baixo). O preço da moqueca foi 28,50 e dá pra 3 pessoas, tranqüilo.

Flexeiras (CE). Foto: Denise Mustafá

Os restaurantes legais que abriram:

Restaurante do Nonô: tem pizza, massas e frutos do mar. A sugestão é comer o peixe grelhado ao molho de maracujá (na faixa dos 45,00 pra 2 pessoas) e a pizza de alga marinha (na faixa dos 25,00 a média). OBS: Todos os anos Flexeiras tem o Festival das Algas, tipo uma feira gastronômica com pratos a base de alga marinha. Delícia! Vale a pena conferir esse prato diferente. O único defeito é que não tem muita variedade de vinhos. E, normalmente, eles cobram 45,00 pelos que têm no dia. Em compensação, eles cobram apenas 10 reais na rolha. Assim vc pode levar o vinho que quiser.

Oca do Sabor: você monta o prato. Os preços variam de R$ 16 (peixe) a R$ 35 (carne). Tem sanduíches e saladas. O restô é de um casal que veio de Goiânia e abriu em julho. É todo decorado com produtos indígenas. Aqui já tem uma carta de vinhos e de outras bebidinhas.

Ozio: o dono é o italiano Ozio. Não cheguei a provar a comida de lá, mas os preços são bem acessíveis. É normal ir pra lá tomar uns drinks depois do jantar. Fica bem em frente à pracinha principal.

La Terracita: é um bar de tapas de drinks de um espanhol da Galícia.

Kalangos: barzinho lounge, com um som eletrônico chill out, na beira do mar.

Flexeiras (CE). Foto: Denise Mustafá

Pousadas:

– Dessa vez fiquei na Pousada Nootka – diária em quarto duplo a partir de 180,00. De frente pro mar, quarto básico mas aconchegante e internet wi-fi (com custo de 10,00 por dia). Foi a que mais gostei. Os donos são espanhóis (já deu pra notar que tá cheio de gringo por lá, né?)

– E também já fiquei na Pousada Catavento – diárias a partir de 150,00 (quarto duplo). Também fica de frente pro mar.

É isso. Vale lembrar que Flexeiras faz parte do município de Trairi, que incluem mais 2 praias: Mundaú e Guajirú. Todas são belíssimas! E é uma do lado da outra (é uma extensão só. Muda apenas o nome.)

Eu acrescento: Mundaú é a cidadezinha maior, e por isso mais bagunçada — mas oferece um lindo passeio pelo rio (ou braço de mar, não sei) ao longo de dunas incríveis. O melhor é fretar uma jangada (os passeios de grupo são uma farofa). Guajiru é ainda mais sossegado que Flexeiras, e tem um hotel bem-estruturado, o Rede Resort.

Obrigado, Denise!

116 comentários

Desculpa mas está enganado, flecheiras ja era conhecida bem antes do programa. O efeito dele foi tornar a praia mas popular. Qnto aos carros isso está presente em várias outras praias do nordeste. Flecheiras e repleta de encantos de encher os olhos dos visitantes. Os Preços são variados, vai depender do que cada pessoa procura. E atualmente ela esta com umas bela estrutura, resultado de anos de trabalho.
Uma coisa é certo quem vai la fica apaixonado e quer logo voltar.
Minha casa nunca sofreu assaltos, e eu particularmente nunca me senti acuada em relação a isso.

Lagoinha fica logo ao lado e é uma boa pedida! O banho de mar é uma delícia por que, ao contrário de flexeiras, o mar não tem algas a maior parte do ano.
E não deixem de ir no FUllxico. Acho que é o melhor restaurante de lá, só que fica na parte de cima do distrito de Lagoinha.
Que saudade!

Amei essas dicas! Ontem mesmo eu estava voltando de Jeri com o love e paramos em Flexeiras pra comer. Como mal conhecíamos o local, sacamos dos nossos iPhones e perguntamos ao Google o q ele sabia. Ele nos mostrou esse site e exatamente esse post! Nem preciso dizer q fui direto à Maré Alta e pedi a tal moqueca, né? Deliciosa, bonita e barata! Comi tanto q passei o resto da viagem estufada, mal jantei à noite. Parabéns pelas dicas! E as fotos estão lindas! Eu faço medicina, mas sempre tive uma queda pelo jornalismo… ai ai.
Abraço

to pensando em passar alguns dias na regiao de flexeiras e lagoinha, no mes de janeiro/11, tens referencia de pousadas em flexeiras, alem das ja citadas por vc? Devo sair de rasilia, la pelo dia 05/01/11 fazendo a roda porto de galinhas/joao pessoa/natal e ceara.
Nao conheço lagoinhas e flexeiras, vale a pena?
grato
wilson

    Wilson,
    Claro que sim, voce vai amar flecheiras.
    Geralmente as pousadas têm contato com frete, eles te pegam no aeroporto e te levam a te a pousada e soh solicitar informações ao gerente.
    Em flecheiras tem a pousada do paiva(www.pousadadopaiva.com.br)
    Te aconselho a fazer reserva com antecedência a praia e muito procurada nas ferias!

Adoro, viajar nessas viagens… Alguém conheceu Icaraí de Amontada? Tô pensando em ir pra lá no Reveilon.

    Está com mais estrutura de hospedagem, e o asfalto chegou mais perto.

Eu adorei o Rede Beach! Excelente custo-benefício, pé-na-areia, bom atendimento e boa comida. E bem charmosinha… Quando fui o mar estava bem marrom, mas acho que é da região.

Pessoal,
irei com uma amiga para o CE na semana anterior do feriado de outubro – iremos de SP para FOR no sabado dia 02/10 e voltamos dia 12/10.
Pensamos em dividir umas 3 noites na Praia de Porto das Dunas e as outras noites em Flecheiras. Alguem tem alguma sugestao tipo:
ficar menos dias em Flecheiras…ou ficar em outra praia neste meio tempo??
Ou sei la,começar por outra capital e ir de carro até Flecheiras??
Ja conhecemos bem Fortaleza e as praias mais próximas e Canoa Quebrada…
Obrigada desde já pelas opinoes!

    Porto das Dunas é um praião com o Beach Park e alguns hotéis grandes, mas não há nada para fazer por lá.

    Se eu fosse você me concentraria nas praias do litoral oeste que não conhece — Flexeiras, Icaraizinho… com 10 dias dá pra ir também a Jeri.

Mês passado conheci Fleixeiras e Mundau, sinceramente? Não achei nada em Fleixeiras, mas Mundau ahhh… como Mundau é linda.
Aliás Riq, a foto no cabeçalho da primeira página do eterno Freires é de lá né não?

Filipe, achei muito chique a referência ao meu nome no restaurante! Aliás, acho que o comentário acima, da Simone, é a dona de lá. É realmente uma delícia.
Vejo que preciso voltar lá pra conhecer esses restôs novos!
Adorei o feedback.
Só pra dizer que o Filipe é jornalista também. Por isso esse comentário caprichado e bonito. Muito bom, querido!

Conheçam Flecheiras! Vale a pena!

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.