Casamento de espanhol

Estamos no auge da temporada das chuvas do Nordeste (sempre lembrando que o sul da Bahia não pertence, “climaticamente”, ao Nordeste), então eu sabia o que me esperava em Alagoas.

No fim das contas, dei sorte. Peguei dois dias ruins (sexta e sábado, chuvosíssimos) e quatro dias óóóótimos (domingo a quarta). Quer dizer: choveu um pouquinho todos os dias, mas rápido.

Assim — de repente, passava uma nuvem carregada e, durante quinze minutos, era isso:

    Casamento de espanhol 5

Quando a nuvem esvaziava (ou continuava sua trajetória, levada pelo vento), virava isso:

    Casamento de espanhol 6

Quem veio para o feriado, porém, não teve a mesma sorte. Hoje o tempo está feio, e a previsão para amanhã não é boa. (Mas sábado e domingo devem ser de sol.)

Eu acho que a gente é muito desorganizado. As autoridades dos lugares turísticos do planeta deveriam se reunir com os responsáveis pelo clima lá em cima e combinar um esquema que ficasse bom para todo mundo.

Por exemplo: esse sistema de chover um pouquinho por dia, chuva-e-sol-casamento-de-espanhol, sol-e-chuva-casamento de viúva, é muito bom para todas as partes envolvidas.

Podem contar comigo para organizar a cúpula. Acho que Belém do Pará é um bom lugar para a assinatura do tratado.

46 comentários

Olá, Riq
Sempre venho te visitar… e me bateu uma saudade dananda do Toque ao ver essas cadeiras na beira da piscina!!!!
Ai ai….passei minha lua-de-mel lá graças a sua indicação…o Nilo falou maravilhas de vc!

Jamais vou me esquecer da vista linda do mar esmeralda que tem essas cadeiras!

Beijocas

Oi Helton,
Nos próximos dias vou publicar um postão sobre a Rota Ecológica e, claro, incluindo as novidades da Pousada do Caju. Adorei que vocês gostaram…

Oi Ricardo,
não sei se vc se lembra, mas quando vc almoçava na pousada do Caju chegou um casal cansado, suado e sujo com mochila nas costas. Era eu e minha namorada. Bem, eu achava que vc escreveria algo sobre a pousada, mas não encontrei nada. Ficamos hospedados lá 6 dias e, posso te dizer, o lugar é excelente. Acho que o serviço é o ponto forte. O Januário dá um show. O José Carlos e o Elírio sempre tinham uma cortesia para nós. Um bolo depois de um dia inteiro andando de bike (são de grátis!!), ou frutas, ou chazinho para namorada doente, chocolatinhos e etc. (se essas coisas são normais por aí, desculpem é que meu negócio é acampar. Mas dessa vez a patroa não deixou, hehehe).
É isso. Aliás, escolhemos S. Miguel do Milagres muito influenciados por suas dicas. Valeu!!

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.