Santiago: 50 dicas destemperadas

Para quem está indo pro Chile: cinqüenta opções de programas pra fazer em Santiago e arredores, por Diego Fabris e Diogo Carvalho dos Destemperados, compiladas especialmente para o VnV.

 bellavista450.jpg

SANTIAGO 

• pedir para um guia (qualquer) falar sobre as “riquezas” do país;
• comprar um regalo de lápis-lazúli (que só tem lá e no Afeganistão);
• o agito da Bellavista;
• tomar pisco sauer no café da manhã, almoço e janta;
• visitar o Patio Bellavista;
• costear o Rio Mapocho;
• tirar fotos da Cordilheira de todos os ângulos possíveis;

    diegolaparva400.jpg

• visitar o Palácio de La Moneda;
• escolher uma das mansões do Cerro Santa Lucía;
• visitar a Catedral;
• visitar o Pablo Neruda;
• conferir as peculiaridades e mini-exposições de cada parada do metrô;
• comprar/visitar no Mall Sport;
• a centolla do Aqui Está Coco;
• tomar um vinho na Cave do Aqui Está Coco;
• comer um salmão no Azul Profundo;
• comer o congrio almendrado na “mesa-cama” do Como Agua Para Chocolate;
• sentar no lobby e dar uma olhadinha na piscina do Grand Hyatt;
• conhecer o wine bar e a piscina-terraço com vista pra cordilheira do Ritz-Carlton;
• comer um risoto e cantar no palquinho do Off The Record;
• comer uma medialuna com nutella no Banus, vendo postais do Neruda;
• experimentar uma Trilogia de côngrios no Puerto Fuy;
• descobrir o significado de culinária fusion no Água;
• comer chilenamente no Astrid y Gastón;
• comer italianamente no restaurante Da Carla;
• tomar Pisco Sauer; [ué, de novo? — N. do E.]
• fazer compras em Las Condes;
• provar lúcuma e chirimoya, duas frutas estranhíssimas, porém, bem boazinhas;
• descobrir ótimos vinhos  de que não se ouve falar;
• comparar todo o tempo se prefere Santiago ou Buenos Aires;
• se impressionar com a quantidade de caros novos e construções imponentes da capital;
• fazer um wine tour pela Concha y Toro e conhecer a casa do Don Melchor;
• ver a cara do diabo no Casillero del Diablo;
• se perder nas ruelinhas em Bella Vista;  [outra vez? N. do E.] 😀
• subir no Cerro San Cristóbal;
• mucho Pisco Sauer; [em Bellavista, claro! – N. do E.] 😆

    patiobellavista4001.jpg

PORTILLO

• comer uma hamburguesa no Tio Bob’s;
• descer esquiando a Roca Jack e passar por cima da rodovia;
• ver o Lago congelado de manhã, e reluzente no meio da tarde;
• tomar banho na piscina térmica ao ar livre;
• tentar fazer qualquer esporte e ficar sem ar 30 segundos depois;

valletarde450.jpg

VALLE NEVADO

• enjoar/não enjoar nas 60 curvas que separam Santiago de Valle Nevado;
• tomar um chocolate quente no Bajo Zero, pra esquentar o corpo;
• dançar música caribeña e brasileña no Pub do Hotel Tres Puntas;
• a mesa de doces do restaurante italiano;
• os diferentes fondues do restaurante suíço;
• fazer um ”after ski“ no bar do Hotel Valle Nevado;
• tomar um sol (no rosto) na varandinha do Hotel Valle Nevado, e assistir o sobe-desce dos esquis;
• esquiar de Valle Nevado a La Parva;
• comer manjar com pães, queijos, panquecas, ou até mesmo com… Pisco Sauer!!! [as exclamações são minhas — N. do E.]

vallenoite450.jpg

Valeu, guris!


103 comentários

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.