Táxi do aeroporto: quanto custa na sua cidade?

Chegando em Salvador. E agora?

Enquetezinha de utilidade pública. Aproveitando que temos trips de praticamente todas as capitais, queria fazer um levantamento de custo de táxi para os aeroportos domésticos do Brasil.

Você recentemente pegou táxi no aeroporto da sua cidade? Quanto foi a corrida? Tem algum macete que o forasteiro precisa saber ao chegar? Tipo: vá direto ao balcão das empresas credenciadas? Ou: evite o balcão das credenciadas, é melhor ir de táxi comum?

Valem também conselhos úteis (diga para ir pela rota tal) ou informações privilegiadas (no balcão aceitam cartão!).

Bora deixar mais tranqüila a chegada dos viajantes independentes por esses aeroportos do Brasilzão? Brigado!

262 comentários

Outra coisa,

A volta fica por R$28 porque o caminho é mais curto, não porque não sei fazer contas 🙂

Ooops,

Quando disse:

“Não recomendo usar os táxis de cooperativa: os valores são muito mais altos.”

Na verdade, quis dizer para não tomar os táxis das empresas conveniadas que ficam se oferecendo no desembarque.

    JB, vou me intrometer no seu comentário só para complementar, ok? 🙂

    Há uma cooperativa de “táxis amarelinhos”, que são os táxis comuns, que fica no desembarque de passageiros, se chama Aerotaxi, ou algo do gênero. É só sair do prédio, atravessar a primeira pista de rolagem e, na calçada da segunda pista, procurar um rapaz/senhor uniformizado, com uma prancheta na mão. O preço é o do taxímetro, que fica beeeem mais barato do que o das empresas conveniadas, como o JB já falou.

    Mas é importante verificar o nome da cooperativa, que fica na lateral do carro, próximo à porta traseira. Não pegue os que não tiverem nome ou com nome de cooperativa desconhecida (como tudo no Rio de Janeiro, já piratearam até cooperativa de táxi!!!).

    Aliás, essa recomendação vale para todas as ocasiões em que se for pegar táxi no Rio. Embora haja vários taxistas honestos que não fazem parte de cooperativa, não convém dar sorte ao azar, né?! 😀
    O negócio é preferir mesmo as cooperativas conhecidas e procurar memorizar o número da “viatura”, para saber a quem e de quem reclamar se der algum galho (Deus nos livre!!!)

    Sei que não é objeto da enquete, mas com relação à rodoviária do Rio, acho importante dar um aviso: evitem ao máximo pegar táxis na área de embarque de passageiros!!
    (um pequeno parêntesis para explicar: na rodoviária, além dos táxis de empresas cadastradas, só uma cooperativa (de amarelinhos) pode parar na área de desembarque, que é a Novo Rio Táxi. Nela, os preços são tabelados (mas são só um pouco mais caros do que pelo taxímetro), os motoristas não costumam ser muito simpáticos e o atendimento é terrível, mas os outros táxis são proibidos de parar no desembarque.Então, o que muita gente fazia era dar a volta e ir para a área de embarque, e lá pegar um táxi “normal”)
    O problema é que, além de ter muuuuuuuuuito táxi pirata por ali, o que está acontecendo agora é que, se algum táxi que não seja “do esquema” pegar passageiro ali, eles anotam a placa e passam para que a galera tb “do esquema” infiltrada nos órgãos oficiais multe estes táxis. Resultado: os taxistas “do bem” estão evitando parar por ali, por isso se tornou altamente arriscado pegar táxi na área de embarque.

    O jeito é pagar um pouquinho mais do que seria o valor do taxímetro e aturar o mal-humor dos motoristas da Novo Rio Táxi, mas viajar com algum sossego (não esquecendo de tentar memorizar o número da viatura, sempre!!)

    Complementando o comentário da Marília, os táxis da cooperativa do aeroporto (Aerotáxi) tem um adesivo enorme escrito infraero no vidro da frente.
    Acho que vale muito à pena prestar atenção neste post pois há vários relatos de pessoas que pegaram táxis piratas no aeroporto do Galeão e acabaram assaltados, largados no Aterro do Flamengo sem malas ou em lugares piores.
    No desembarque do Galeão existem várias pessoas abordando as pessoas e oferencendo táxi. Há duas soluções: a) a mais barata é pegar o táxi da cooperativa do aeroporto (eu moro em Botafogo e a corrida sai por volta de R$ 35,00, mais 20% se for bandeira 2, todos os dias de 21 às 6h e domingo e feriados o dia inteiro, além do mês de dezembro inteiro); b) a outra alternativa que é mais cara é pegar o táxi da Cootramo, Coopertramo e assemelhadas. É o táxi especial que cobra R$ 90 até a Zona Sul (pode dizer que já pegou outras vezese quer o desconto. Eles dão R$ 10 de desconto, saindo por R$ 80. Ainda é caro, mas pelo menos é possível pagar com cartão de crédito, o serviço é bom, os carros são novos. Além disso acho que se comprar o traslado de volta ao aeroporto tem um pouco mais de desconto.

    no galeao, eu costumo pegar taxi no embarque, com os taxistas que estao deixando passageiros, custando cerca de 45-50 reais ate a zona sul, com o taximetro.

No Rio, do Galeão existe a opção de um ônibus com ar condicionado que sai a cada meia hora indo para o Santos Dumont e passando pela orla da Zonal Sul, com ponto final do Termminal Alvorada na Barra. Custa R$6.

Outra opção seria pegar um táxi de cooperativa – indico a JB táxi (não tem nenhuma relação comigo, mas vamos combinar que o nome é bem simpático, né?). Se usar para a ida, a volta sai com 20% de desconto (normalmente pago R$40 de Copa até o Galeão e a volta sai por R$ 28!!!).

Não recomendo usar os táxis de cooperativa: os valores são muito mais altos.

O Santos Dumont é, juntamente com a Rodoviária Novo Rio e o Shopping Rio Sul, um conhecido ponto de táxis bandalha, por isso muito cuidado ao tomar táxis comuns que ficam parados no ponto. Prefira os que estão deixando passageiros ou peça um da JB como acima.

Em Teresina, você pagará aproximadamente R$20,00 para o centro, R$25,00 para o jóquei. Só tem táxis cooperados no aeroporto, a não ser q você dê sorte de pegar algum táxi comum que foi deixar algum passageiro no embarque. Deve reduzir de 20 a 30% esse custo.

Ah quando nao consigo ligar pra nenhum taxi pego no embarque de alguma cooperativa conhecida (de preferencia as que me dao desconto, que consigo negociar).

Fui pegar esses taxis das cooperativas do aeroporto (sao 2 mas nao lembro o nome..aero qualquer coisa) e me cobraram 60 reais pra copacabana! Peguei la no embarque e deu 45 sem desconto

A minha dica em SP é o onibus comum, que sai da estação Bresser por 4 reias para Guarulhoa. Se voce não estiver com muita bagagem, vale a pena. Em geral eu uso a Van do Dineres, que é gratis e vai de Guarulhos até Congonhas, ou o Hotel Maksoud na Paulista. O que acho um absurdo é não haver um onibus direto de Congonhas até o Metro, e que não haja o sistema das vans americanas, onde se vai ponto a ponto por um preço bem mais em conta que um taxi.

Para viagens curtas e fora do horário de pico, recomendo os estacionamentos perto do aeroporto de Guarulhos que cobram R$ 18 por dia, ao inves do Taxi, que custa cerca de 100 reais para a regiãio da Paulista.

Finalmente, se voce comprar passagem barata na Europa, verifique o Aeroporto, e o horario. Eu uma vez comprei uma passagem pato economico de Paris (Orly) , para Madrid, por 59 Euros, mas como estava na casa de um amigo, que era um pouco distante e voo tinha check im as 6 horas, não consegui ir de metro ate o aeroproto e tive que pegar um taxi de 80 euros…

    Sobre ônibus e aeroporto em SP, vou contar uma coisa interessante que aconteceu comigo.

    Eu estava esperando há umas 3 semanas o ônibus do airport service em frente ao Maksoud para ir a Guarulhos e havia mais 5 pessoas aguardando.

    Taxistas que ficavam ali pertinho mandaram um rapaz perguntar se queíamos ir de táxi a Guarulhos, em grupo, pelo mesmo preço do ônibus.

    De início, todos nós negamos, mas aí o ônibus já estava bem atrasado, quase 15 minutos, e deu uma certa ansiedade no pessoal que tinha voo logo. Como estava chovendo muito, e o ônibus poderia ter tido algum problema, aceitamos a oferta. Seguimos – todos nós desconhecidos uns dos outros – em 3 passageiros, de táxi, pelo mesmo preço do airport service.

    Será que é comum esta abordagem? Confesso que não gostaria de ter sucumbido à oferta do taxista, porque acho importante ter o serviço de ônibus a um preço individual muito mais em conta do que o táxi, mas, diante do grande atraso e da chuva, não resisti.

    Ernesto, este ônibus ao qual você se referiu é o Airport Bus, se for, ele parti da Estação Tatuapé.

    Eu tive uma situação semelhante em Orly.Para evitar o táxi matinal, decidi dormir num hotel próximo ao aeroporto que prometia traslado grátis de chegada e partida. Por fim, o traslado não era grátis, a diária no hotel era mais cara do que a do hotel que eu estava na cidade e acabei gastando quase a mesma coisa caso tivesse ficado curtindo mais uma noite no quartier latin e ido de táxi para o aeroporto.

No Rio o que sempre faço e ligar pra alguma cooperativa que me de 20% de desconto (JB ou Libertaxi) e pego no embarque. Do aeroporto para Copacabana dava 31 reais. Agora o taxi aumentou entao deve dar uns 35…

Alguem tambem comentou que nao tem mais esse desconto…espero que nao seja verdade pois sempre uso.

    Carlinha, de fato esse desconto acabou.
    Segundo me explicou um motorista, a Secretaria de Transportes (ou órgão que o valha, não entendi bem) não estava querendo aumentar o preço da bandeirada sob o argumento de que várias cooperativas davam desconto, então elas não precisavam de aumento. Por isso, as cooperativas (não sei se todas, mas grande parte delas) cortaram o desconto, e conseguiram o aumento (pior para nós, em dobro!!!)
    Faz tempo que não pego a JB, mas a Liber, com certeza, não tem mais desconto. 🙁

    Exato, o desconto acabou desde março. Peguei um do Tom Jobim para o início de Copacabana, pela Libertaxi, e foi 35 reais. Como eles cobram por cada bagagem(pelo menos na época do desconto), acabou ficando “elas por elas”.

    Para quem é mochileiro ou econômico, há uma boa opção: pegar o frescão que sai do Tom Jobim e vai até a Barra da Tijuca, passando pelo centro da cidade e pelo Santos Dummont, e depois segue pela orla. Não deve ser mais do que uns 5 reais, imagino.

    Dica importante: pegue táxi amarelo e pague pelo taxímetro. Ouve um aumento bem pequeno e há uma tabela no vidro esquerdo traseiro, mas adianto que a diferença é realmente mínima. Então OLHE a tabela e não espere que o motorista diga quanto é. Não se deixe enrolar em hipótese alguma.

    Pois é, o desconto acabou em várias cooperativas, mas a JB continua com 20% no retorno do GIG.
    Outra cooperativa q ainda dá desconto é a GloboSorte, 20% no retorno à Barra.
    Eu não aconselho pegar taxi a esmo no aeroporto. É dos lugares mais visados pela bandalha. Se não tiver telefone/cadastro em alguma cooperativa q dê desconto, prefiro pegar um amarelhinho credenciado pelo aeroporto.

Em São Paulo, com um pouco mais de tempo – mesmo de taxi vc precisa de tempo -, aconselho a Airpot Bus Service. Eles têm linhas para diversas partes do centro de SP e Congonhas. A maioria das rotas para no Terminal de Ônibus do Tietê, onde é possível ter acesso à Linha Azul do metrô ( TucuruviNORTE-JabaquaraSUL), o que é ligeiramente perto do aeroporto de Guarulhos Cumbica.

Em Guarulhos Cumbica, que também opera diversos voos domésticos, eles possuem uma loja na parte externa do andar de desembarque à esquerda (vale a pena perguntar no balcão de informações o lugar exato).

A tarifa é em torno de 24 reais por um trecho.

A última vez que peguei o taxi de lá, acabei pagando 90 reais para a Lapa (30 e poucos km), porém era bem de manhã. A partir das 10h, com certeza, fica mais caro pelo trânsito. Nisso acho que ônibus e taxi empatam no tempo, já que não existem muitas alternativas para lá…

    Posso estar enganada, mas acho que o preço do taxi no aeroporto de Guarulhos é tabelado para cada bairro de destino. Pagando a corrida no guichê dos taxis, eles perguntam para que bairro você vai e buscam o preço na tabela.

    Em Guarulhos, até onde eu sei, não tem pegadinha do tipo melhor pegar em outro lugar para pagar menos. A opção para economizar é fazer como já disseram aí em cima, pegar o ônibus para alguma parte da cidade. Além da opção do terminal de Tietê já mencionada, para quem vai pegar metrô, há opções para a Praça da República (boa para quem vai ficar no centro, Higienópolis, etc.) ou para Congonhas (boa para quem vai para Moema, Itaim, Jardins, V. Mariana, etc.).

    Uma dica para quem é da cidade: nas últimas vezes que viajei por Guarulhos deixei o carro no estacionamento Circus Parking. Antes eles tinham convênio com Smiles e a tarifa era R$14/dia, sendo que o máximo cobrado pelo período de 30 dias dava menos do que a corrida de taxi da Zona Sul para o aeroporto. Este convênio acabou, mas ainda vale a pena. Ah, eles tem um esquema de vans para levar e busca no aeroporto.Funciona muito bem. E na volta você pega o carro lavado 🙂 A quem interessar o endereço e mapa estão no site do Smiles.

    Eu faço isso. O valor máximo que o Circus Parking cobra por até 30 dias de estacionamento é inferior ao preço do ônibus executivo ida e volta para duas pessoas… Sem contar que chegando ao ponto final do ônibus ainda é preciso pegar um táxi (ou metrô) para chegar em casa.

    É verdade, Lena. O preço do taxi (GuaruCoorp) é mesmo tabelado por região. Esqueci do detalhe. Então, o trânsito não pesa tanto a mais para o taxi

Em Florianópolis, é uma triste, você vai andar de Uno, sem Ar Condicionado, e vai pagar do centro ao aeroporto entre 35-40 reais.
Os ta’xis turismo ou cooperativas, estão um pouco mais caros, mas os carros são melhores, tipo Toyota Corolla.
Acredito que Florianópolis deva ser a cidade turística com pior possibilidades de Táxi.
Vale mais a pena deixar o carro em garagens nos aredores do Aeroporto, para os locais.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.