Trem na Europa: qual é a antecedência necessária para conseguir as tarifas promocionais?

ave

Acabo de receber um email da Renfe, a ferrovia espanhola, anunciando que a partir de agora passa a vender passagens promocionais com 4 meses de antecedência. Ou seja: se você quer fazer Madri-Barcelona ou Madri-Sevilha com tarifa Web (até 60% de desconto) ou Estrella (até 40% de desconto), deve começar o garimpo 120 dias antes da data desejada.

Aproveitei o embalo e fui checar a antecedência de compra nas outras principais cias. ferroviárias européias.

Deutsche Bahn (Alemanha) — dá para reservar com 89 dias de antecedência; as SavingsFares (Dauer-Spezial) começam em 29 euros.

SNCF (França) — as tarifas Prem’s, as mais descontadas, são postas no sistema 90 dias antes da data.

FDS/Trenitalia (Itália) — as viagens entram no sistema com 60 dias de antecedência. Nos trens de alta velocidade as tarifas descontadas são a Super-60% (poucos assentos, teoricamente disponível até 30 dias antes da partida), Speziale-30% (assentos limitados, teoricamente disponível até 15 dias antes da partida) e Promo-15% (disponível até uma semana antes da partida). Nos demais trens pode-se conseguir a tarifa Amica, que dá 20% de desconto para compras efetuadas até 48 horas antes da partida.

Eurostar — para ir da França à Inglaterra ou vice-versa com desconto, reserve com 90 dias de antecedência. (Pode ser feito também no site da SNCF).

Atenção para a pegadinha: esses 60, 89, 90 ou 120 dias são corridos. Os meses de 31 dias podem atrapalhar as suas contas 🙂


437 comentários

Vou ficar no Hotel Excelsior Opera- 5, rue Lafayette e soube que o Roissybus é perfeito para chegar lá. Somos quatro pessoas, quatro malas. Este onibus é igual ao da Air France, com bagageiro, pra gente fazer o trajeto sem as malas nos pés (nossos e dos outros)?

    Não, Cristina. O Roissybus é um ônibus bem mais simples do que o Car Air France. Não tem bagageiro no porão; se parece mais com um (bom) ônibus urbano.

    Existem duas áreas no ônibus para colocar as malas grandes. Você sobe com a mala e põe no compartimentão.

Ricardo Preciso de sua ajuda, detalhada. Preciso ir de Paris (estarei no bairro da Ópera) para ó centro de Munique (ao lado da Estação Central). Gostaria de ir de trem noturno (pois já desembarco na propria estação) ou de onibua, pois posso ir conhecendo outros locais, durante a viagem. Não sei o que comprar, nem como. Se for de trem, prefiro leito, sozinha!!!!! Terei uma única mala padrão aérea grande. Se for de onibua, pode ser durante o dia, saindo bem cedo de Paris, assim posso ir vendo a paisagem. Irei no mês de Novembro. Pode me ajudar? Se eu não conseguir fazer a reserva, conhece alguém que o faça e me coloque dentro do trem (ou onibus??)rs… Obrigada Luigia

    Os trens de Paris para Munique saem da Gare de l’Est. Se você quer ver a paisagem, é melhor pegar um trem diurno. São 6 horas de viagem. Há horários diretos, outros com conexão em Stuttgart. Para comprar a passagem com desconto, use http://www.voyages-sncf.com , retirando a passagem na estação. A tarifa mais barata que achei foi 99 euros, mas talvez no seu dia você encontre uma mais barata. Dá para tentar também no site da cia. alemã, http://www.bahn.de/international. Eles entregam pelo correio na sua casa. Em português, mas com taxa de entrega, você pode comprar em http://www.raileurope.com.br e receber a passagem em casa. Dá também para ir a qualquer estação e comprar a sua passagem; o atendente saberá achar a tarifa mais em conta que ainda estiver disponível.

    No trem noturno, para dormir numa cabine sozinha, você vai pagar uma fortuna.

    Na linha de ônibus que conheço, a Eurolines, não há linha diurna entre Paris e Munique. Há um horário noturno diário às 22h. A tarifa regular é de 48 euros. Você pode comprar pela internet, http://www.eurolines.com , ou ir até o escritório da Eurolines em Paris, na 55 rue St. Jacques, metrô Cluny-La Sorbonne.

Ricardo,

Na opção de tarifa mais econômica de Roma a Florença a estação final é Campo de Marte. Como posso acessar a estação Santa Maria Novella a partir dela?

    As duas são ligadas por trem. 7 minutos de viagem. Tem certeza de que Firenze C.M é a final?

Sei que o post não é muito novo, mas surgiu uma duvida!!!

Vou viajar com a namorada em outubro e estou procurando alguns hotéis, mas caio em um ETERNO dilema do viajante. IBIS ou Não Ibis. Eu não gosto de Ibis, acho impessoal e me sinto no Íbis que tem na esquina da minha casa. Já fiquei em hotéis 2 e 3 estrelas, mas eles são sempre um surpresa. Ou as escadarias eternas do hotel du commerce (quase igual as da Sacre Coeur. rsrs), ou o mofo dos carpetes do albergue da Champs Elysee, que a cada ano aumenta mais. Então, pela primeira vez, estou pensando seriamente em Ibis. Viajar com namorada requer, na minha opinião, uma certa “profissionalização” nas escolhas. Estou em duvida entre Ibis Porte de Bagnolet e o Alesia Montparnasse (indicado aqui nesse post pelo Riq). Ambos são pertinho de metro. O segundo, um pouco mais caro, mas ainda sim o preço está muito bom (entre 70 e 80, usd).

Alguém me ajuda?!?!?

Outra duvida…
Querendo comprar minha passagem de trem de Londres pra Paris. Prestes a fechar pelo site eurostar.com, (68 euros), resolvo na uma última fuçar e descubro que no site raileurope.com.br a passagem custa 94 euros ( já com 17 de taxas), porém, no site da SNCF custa 38,50 e ainda no site da raileurope britânico, custa 40 euros.

O que eu faço?
Será que posso comprar em qualquer um deles?
Alguém me ajuda (II parte)

Obrigado a todos

E um especial pro Riq, meu Guru de Viagem.

    Parte I:

    Porte de Bagnolet vai dar divórcio :mrgreen:
    Tirando talvez Porte d’Italie, evite tudo em Paris o que venha com “porte” no nome, que sempre vai ser longe pra dedéu. A única vantagem desse Bagnolet, além dos 10 dólares a menos, é o fato de ser um prédio novo.

    O Alésia tá numa área supercivilizada, na cara do boulevard Montparnasse, e a uma distância caminhável de St Germain des Prés e do Jardim de Luxemburgo. Vai nesse. E 80 dólares tá BEM barato.

    Alternativas charmosas (mas um pouco mais caras) que todo mundo aprova: http://www.hovicha.com e http://www.hoteljeannedarc.com .

    De Londres pra Paris você vai ter que comprar no site do Eurostar. Mas informe “United Kingdom” como país e forneça um endereço em Londres no cadastro, senão o site não te vende. Mesmo dando um endereço diferente do que está no seu cartão de crédito (o do seu hotel, por exemplo) a compra é aprovada — já temos casos documentados por aqui 🙂

    Você vai retirar sua passagem na estação, usando o cartão de crédito usado na transação.

    Você poderia comprar pela SNCF se partisse da França, porque retiraria a passagem numa estação francesa.

    Obrigado pelas dicas, Riq
    Já fechei o Alesia!

    Quanto ao trem, consegui fechar pelo raileurope.co.uk. A tarifa estava 40% menor do que do site da Eurostar. Vai ai uma dica! E o pagamento foi normal. Pelo menos foi com sucesso e recebi o e-ticket, pra retirar numa maquina lá, pelo email.

    Obrigado mais uma vez.

    Descobri no google. Fiel Escudeiro!

    E hotel em Londres?
    Ibis Stratford é bom ou furada?
    Dificílimo hotel por menos de usd100,00…
    Tem alguma dica?

    obrigado

    A rede Travelodge tem diversos hoteis em Londres, alguns com tarifas abaixo de 80 libras. Charme zero, mas são limpos e bem localizados. O de Southwark tem sido bem recomendado no Tripadvisor: novo e bem perto do metrô. O de Covent Garden também parece ser ok. http://www.travelodge.co.uk

Bom… também faço parte dessa novela do cartão e, no meu caso, o VTM também não adiantou. A trenitalia implicou comigo e pronto!
Na semana passada fiz meu VTM e pensei cá comigo: “agora eu pego esses gringos safados”. Mas neca!!! Quando fui usá-lo para pagar deu o mesmo erro: “Payment has been denied!”. E detalhe: tive que fazer uma outra conta na trenitalia, com outro email, porque eles não aceitavam a tentativa de usar um terceiro cartão em menos de 30 dias.
Resultado: vou seguir a ideia da Virginia. NO STRESS. Vou comprar lá. Com apenas 3 dias de antecedência. Se eu ficar preso em Roma alguém me resgata, ok?! hehehehe

** mas que eu queria sair daqui já com isso resolvido eu queria. Poxa! É a única pendência que vai restar para resolver lá. Agora só tá faltando comprar o ingresso da Uffizi. O resto tá prontinho.

É isso aí, Virginia! Vamos boicotar esse site maluco e mãos pra que te quero na Itália!!!

    Vou dar uma dica, que já me resolveu problemas semelhantes: faça um cartão Visa Travel Money (em euros, se vai p/ Europa) e coloque uns € 400. Além de ser uma alternativa para vc usar na Europa, ele facilita MUITO compras on-line, principalmente na versão em Euros.

    Mais de 3 vezes eu já fui salvo por ter o cartão, em situações que não permitiam ou tornavam difícil o uso do meu cartão de crédito do Brasil para compras online. Já usei VTM para compra de passagem aérea e de bilhete ferroviário, sempre sem maiores problemas.

Oi , Riq eu de novo, nem precisa responder . Tentei em outra simulação e consegui os decontos e os assentos juntos. Só que fui mais uma premiada… nao aceitaram nem o meu cartão nem o da minha irmã. Ok, eles venceram… vou comprar quando chegar em Roma mesmo!!!!

    Flávia, meu lema agora é no stress… Assim que chegar em Veneza (de avião, meu 1o. destino), vou comprar tudinho. Esse site da trenitalia é um saco, me pediram depois pra mandar um monte de informações, cópia de RG, etc., eu hein!
    Ótima viagem, vai dar tudo certo, a gente gesticula bastante lá pros italianos que eles entendem a gente, ou vai no portuliano mesmo.

Ah esqueci de dizer que as passagens são pra 06 de setembro a ida e 10 de setembro a volta. Será que é por isso que nao consigo desconto na ida?

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.