Últimas do vulcão: BsAs e Sul abertos; Bariloche pode reabrir dia 16

Vulcão Puyehue

Vulcão ou gangorra? Nos últimos dias, o Puyehue tem insistido no mesmo padrão: uma notícia boa, outra ruim, outra boa. Quando você já começa a esperar pelo melhor, vem uma paulada. E quando você desiste de ter alguma esperança, aparece uma luz.

A safra desta sexta-feira à tarde é a melhor possível. Todos os aeroportos que fecharam ontem pela manhã já estão reabertos — os dois de Buenos Aires, Montevidéu, Santiago, Assunção, e todos os do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina.


A Aerolíneas Argentinas já fala inclusive em retomar os vôos para a Patagônia e Terra do Fogo — El Calafate, Trelew, Río Gallegos e Ushuaia seriam “reprogramados nas próximas horas, conforme condições meteorológicas”, diz a cia. em comunicado em português publicado no seu site.

O mesmo comunicado traz uma notícia alentadora: os aeroportos de Bariloche e Chapelco permanecerão fechados até dia 15 (a data anterior era dia 20). O que significa que talvez abram dia 16…

Acompanhemos.

PLANO B, A MISSÃO

Muita gente pede opiniões sobre cancelamentos e sugestões de plano B nas caixas de comentário. Acho que a primeira coisa a ser levada em consideração, dadas as inúmeras reviravoltas desta novela, é o quanto você está disposto a se estressar com o desenrolar da coisa. Os jornais de hoje dizem que a atividade do vulcão está diminuindo, mas oficialmente o Puyehue ainda não deu boa noite e disse que vai dormir. É provável que os que insistam acabem recompensados com Bariloche sem a lotação de outros julhos — mas não dá pra garantir que não se arrependam.

Corpus Christi em Buenos Aires. Se (se…) não houver mais atividade vulcânica nem nuvens de cinzas vulcânicas perambulando por aí, o feriado vai ser tranqüilo. A confusão de reacomodação dos passageiros que não voaram deve durar alguns dias, mas não chega até a sua viagem. Só cancele se estiver de saco muito cheio desse abre-fecha de aeroportos.

– Junho em Bariloche. Mesmo que o aeroporto reabra mesmo dia 16, será que a cidade já vai estar pronta para receber os turistas? A paisagem terá se recuperado, ou ainda haverá cinzas acumuladas nas margens dos lagos? A chuva terá parado de transformar as cinzas em lodaçal? As pistas estarão branquinhas?  São muitas as questões, e ter o trabalhão de chegar a Bariloche para não encontrar o lugar do jeito que você imagina pode ser pior do que adiar a viagem para o ano que vem.

Planos B: Gramado (ambiente alpino sem neve), Santiago (neve sem ambiente alpino mas com estrutura de metrópole), Ushuaia (neve sem ambiente alpino nem estrutura de metrópole, mas com bichos), Mendoza (neve a uma hora e meia).

– Julho no Chile. Santiago e Portillo não foram afetadas pelas cinzas; os transtornos se restringiram ao tráfego aéreo. Só há motivos para cancelar se você realmente não quer correr o risco de um fechamento de aeroportos justo no dia da sua viagem. Ainda assim, não custa monitorar a situação por mais uma semana…

– Julho em Bariloche. Ainda faltam vinte dias para as férias. Eu consultaria as condições de cancelamento e, se fosse possível, daria mais um tempinho para ver como as coisas ficam — com especial atenção nos relatos sobre a paisagem e as pistas de esqui. Na melhorzíssima das hipóteses, a recompensa ao sangue-frio seria um julho atipicamente tranqüilo em Brasiloche. Mas também pode ser apenas mais um pollyanismo da minha parte.

Planos B: Gramado (ambiente alpino sem neve), Santiago (neve sem ambiente alpino mas com estrutura de metrópole), Ushuaia (neve sem ambiente alpino nem estrutura de metrópole, mas com bichos), Mendoza (neve a uma hora e meia).

E você? Está de viagem marcada para Buenos Aires, Bariloche ou Chile? O que está passando pela sua cabeça? Tomou alguma providência? Conta pra gente!

Visite o VnV no FacebookViaje na Viagem
Siga o Ricardo Freire no Twitter@riqfreire


52 comentários

Minha viagem está marcada para Buenos dia 30/06 e depois para Bariloche dia 02/07. Estou segurando para ver se o trem melhora, pois envolve a família inteira, ou seja, férias de 5 pessoas. Vou rezar pra td dar certo.

Ia pra V.Angostura num super hotel ,Luma Casa de Montana, e cancelei, pelas paisagens desoladoras , por não conseguir contato com o hotel e pra respeitar prazos de cancelamento.
Pretendo voltar lá no verão .
Boa sorte a todos.

Dia 13 de Julho estou indo pra Santiago no Chile, mas conforme o que foi dito aqui no Site, só há motivos para se preocupar no caso de algum transtorno com os vôos, pois o Vale Nevado…Farellones e tantos outros locais que peguei tantas dicas neste blog, continuam intactos e sem cinzas!

Nem passou pela minha cabeça cancelar, e acho que todos devemos pensar positivo e confiar que só irá melhorar!

Um abraços aos trips!

Ps. Riq, se puder me envie um e-mail com seus dados pra eu poder te enviar seu livro para um autógrafo…ficaria muito feliz se pudesse! meu e-mai: [email protected]
Muito obrigado e um abraço!

Acho que eu sou a mais otimista daqui, rsrs, meu vôo para Buenos Aires, para 1 semana de férias, é amanhã, 11/06, e eu ainda estou com esperança de que vai acontecer 🙂

Minha viagem para BAs é em 7 de julho, caso o vulcão não adormeça até dia 20 próximo cancelo tudo. Viagem é para ser divertida, pra passar stress fico em casa .

oi, Riq
Minha viagem para Baires está marcada para 20 de junho. O vulcão tem 10 dias para dizer boa noite e ir dormir definitivamente! De preferência, pelos próximos 100 anos!
Estou acompanhando as notícias e torcendo para que até lá tudo se normalize e eu possa viajar sem estresses!
beijos

    Karla,
    estou com viagem marcada para Buenos Aires também no dia 20. E espero que até lá, ou melhor, o quanto antes, a situação se normalize!

Estou com viagem programada para 23 de junho, 1 semana em Villa La Angostura, num belíssimo hotel, indicado por vcs aliás, e com medo. Por hora, sem conseguir contato com o hotel, e medo de cobrarem 100% de multa, os planos seguem. Nunca meu lado otimista falou tão alto, mas como não estou indo atrás de neve em si, acho q o restante da paisagem já estará bem melhor. Como não tenho previsão de quando será minhas próximas féria para remarcar, sigo nesta única opção. Por isso agradeço também todas as infos, que estão sendo extremamete úteis!
Mas, caso seja necessário, algum plano B, sem que inclua, necessariamente neve, sendo que gramado vou todo mês? Algo estilo sete lagos? Obrigada galera até o momento!

Já tinha escrito anteriormente: viagem marcada para Bariloche em 09/07, com crianças relativamente pequenas e meus pais. Consegui um prazo até 15/07 para cancelar sem multas o hotel em Bari, o voo e o hotel em BsAs são canceláveis sem problemas.
Estou pensando num plano B, sim, pois fazer uma viagem de sonhos para chegar lá e encontrar a beleza natural prejudicada, atrações sem estar 100% (como Villa La Angustura), e neve escura (não é certo, mas pode acontecer. Neve é linda branquinha, enlamenada e suja é uma eca!) Ainda mais com crianças, enfrentar caos aéreo é uma roubada!
Até 3a. feira decido. Mas falta consolidar o Plano B.

    Daniela, tambem estou na mesma situação, vc já optou por plano B?
    Estou em dúvida,ja me falaram em Ushuaia ou Santiago…estou meio perdida!

    Gabriela,
    Estou quase optando pelo Plano B, especialmente agora que acabo de ver que voltaram a cair cinzas em Bariloche.
    Eu tenho muita vontade de ir a Ushuaia, mas meu marido acha arriscado com crianças pequenas no inverno. Pelo que me falaram, o centro invernal é bom, mais barato e com muitos passeios acoplados. Mas de fato prepare-se para o frio e, especialmente, o vento. Outra questão é o trafego aéreo, Ushuaia ainda estava sem voos.
    Santiago ainda é uma opção de plano B. Mendoza tb. Mas ainda nn defini…
    Um abraço!

    Daniela,

    Para mim o que mais atrapalha em Ushuaia essa época são as poucas horas de sol por dia, menos de 4. Frio + céu escuro das 15h as 10h do dia seguinte é complicado…

    Andre,
    Com certeza, passar uma semana no escuro, com crianças, é meio complicado mesmo. Melhor deixar para o verão, quando é o contrário, né: dia até as 23:00h.

    Acabo de cancelar Bariloche. Chega de expextativa. Preciso descansar, não me estressar. Buenos Aires e um pit-stop no Uruguay, via marítima. E vou feliz, refazendo meus planos, mas feliz…

    Daniela,
    Posta aqui o que decidiu porque vou pra lá no mesmo período que vc e com crianças!!!!! Me fala!!!!
    Bjs

Estou com viagem marcada para Buenos Aires dia 18.07. Estou acompanhando e pelo andar da carruagem, me parece que vai estar tudo bem até lá.
O que acha Riq?

Olá,
De férias, entre 09 e 21 de junho, marquei:
Buenos Aires de 09 a 14/06. No dia 07/06 aviso da Gol para remarcar ou cancelar bilhete; Em razão do período de férias cancelei o bilhete. Buenos Aires ficará para outra oportunidade.
Santiago do Chile de 14 a 20/06; estava bem animada, mas este decola não decola, foi aumentando o stress. Resultado estive hoje na Lan Chile (Galeão) para remarcar a passagem para as próximas férias: outubro/2011.
Sai de lá com o bilhete marcado (05 a 11/10), após pagamento das taxas referentes a mudança de itinerário, já que inicialmente sairia de Buenos Aires para Santiago, e aumento do prazo de validade do bilhete (adquirido em março/2011 com validade para 03 meses), para 12 meses. Desta eu não sabia!!!
Pena perder assim as férias, mas agora estou tranquila!
Exclente atendimento na Lan Chile.
Ana