Vídeo do sábado: Asmara, Eritréia

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=VKpGKBUw7pE]

Construída por Mussolini para ser a capital de um grande império colonial italiano na África, Asmara é tida como uma das cidades mais bonitas do continente, por conta de seu urbanismo mediterrâneo e de sua arquitetura art-déco.

Chegar lá não é fácil — só há vôos de Frankfurt (pela Lufthansa), do Cairo (pela Air Egypt) e de Djibouti. O país continua em guerra com a Etiópia, do qual se separou em 1993, e todas as fronteiras terrestres estão fechadas.

Sair de Asmara pode ser mais difícil ainda; para visitar qualquer outro lugar do país é preciso tirar autorizações, o que torna as coisas bem complicadas para o viajante independente (como este sueco que esteve lá agora em março).

Mas há operadores (como a britânica Undiscovered Destinations) que organizam expedições pelo país, incluindo a cidade árabe de Massawa, o deserto vulcânico de Dankalia, a costa do Mar Vermelho, deserta e repleta de corais, e suas ilhas Dahlak.

No fórum do Lonely Planet encontrei boas recomendações da agência local Travel House.

11 comentários

Eu tava lendo sobre este lugar no Lonely Planet Blue List. Eu sempre achei curioso que a Eritréia tenha ficado com todo o litoral do que era a Etiópia. Acho que este destino está no capítulo de destinos perigosos, mas olhando esse vídeo, nem dá pra suspeitar que é um destino perigoso. Achei bem interessante…

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.