Santorini: hotéis em Imerovigli

Viagem como investimento de risco | #PensamentoViaja

Onde ficar em Santorini: Imerovigli

Muitos seguidores perguntam o que a gente acha desses pacotes incrivelmente baratos que estão sendo vendidos para viajar em 2021.

Toda compra de viagem envolve algum risco — mesmo aquela mais corriqueira. Entre o dia do fechamento do negócio e a data do voo, a cia. aérea pode parar de voar (foi o que aconteceu, há pouco, com a Avianca brasileira). O destino pode ficar sem acesso (lembra do vulcão que cancelou o inverno de Bariloche?). Fronteiras podem fechar sem prévio aviso (é o que estamos vivendo agora na pandemia).

Adquirir um pacote sem data, cia. aérea ou hotel definidos para usar daqui a 6, 12 ou 18 meses não é o que podemos chamar de compra corriqueira. Ainda mais neste momento turbulento da indústria de viagens. Ou seja: os riscos se multiplicam.

Caso o vendedor do pacote incrivelmente barato fosse o gerente do seu banco, apresentaria esse produto como um “investimento”. Daqueles que são oferecidos, no jargão bancário, para clientes “arrojados”.

É o tipo de aposta que você faz torcendo para ganhar, mas sabendo pode perder.

Se o dinheiro for fazer falta, ou se as condições imprecisas da compra tirarem o seu sono, é sinal que seu perfil de investidor — como o meu! — é conservador.

Publicado em 2/7/2020

Leia todos os textos da Quarentena VNV aqui.

2 comentários

A pergunta de 1 milhão de dólares é: Tendo em vista algumas vacinas já para dezembro/janeiro, o arrefecimento dos casos de corona em alguns países, fronteiras sendo abertas, outras com alguma restrição, vale a pena comprar passagem por agora para voar, por exemplo, em março, abril de 2021? Abraço.

    Olá, Luiz Eduardo! Não compre nenhuma viagem que você não possa adiar ou cancelar sem custo. Qualquer compra de viagem não-reembolsável ou com restrição tarifária é um investimento de risco, exatamente como está argumentado no texto. Depois que houver a vacina, depois que todo mundo tiver se vacinado, depois que as fronteiras estiverem oficialmente liberadas, aí vai voltar a ser possível planejar viagens a médio e longo prazo com segurança.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.