Vai por mim: trem na Europa

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Estação Atocha, Madri

Vai pra Europa? Para mim o trem é a expressão máxima da civilização européia: eficiente, charmoso, democrático, tradicional mas em permanente modernização. No trem você viaja anônimo (só há check-in nos trens AVE espanhóis e no Eurostar, e a conferência de passaportes só acontece quando se ultrapassa a fronteira do espaço Schengen) e ninguém implica com o que você leva na bagagem de mão. Tampouco você é submetido às mesmíssimas explicações básicas toda vez que sobe num vagão. Quem nunca andou de trem talvez sinta falta daquele beabá que acompanha todo o penoso processo de check-in e embarque dos aviões. Mas basta chegar com alguma antecedência nas primeiras vezes, e logo você vai usar o trem com a mesma naturalidade dos nativos.

Para que serve

De Madri a Barcelona

O trem é o meio mais rápido e civilizado de chegar a qualquer lugar situado a até 4 horas de distância. Para comparar: um vôo de uma hora de duração costuma resultar (pelo menos) nas mesmas quatro horas de viagem, contando os perrengues envolvidos no deslocamento, check-in e recolhimento de malas. (Para comparar tempo de vôo x tempo de trilhos, acrescente sempre três horas à duração do vôo.) O trem deixa você no centro da cidade, muitas vezes a poucos passos do seu hotel. É imbatível para explorar regiões delimitadas, com paradas em cidades de médio e grande porte, onde o carro seria um estorvo.

Para que NÃO serve

Na hora de cobrir grandes distâncias, o trem perde feio para o avião. Oito ou dez horas num trem podem ser ainda mais desgastantes do que o mesmo período no ar. Trens também não são interessantes como se imagina para apreciar paisagens. Claro que existem as rotas realmente panorâmicas, mas são poucas (as da Suíça são imbatíveis). Nos trens de alta velocidade, então, só se vê um borrão na janela. Para apreciar o caminho (percorrendo estradas secundárias), o carro ainda é mais indicado na maioria dos lugares.

Estude sua viagem

Quanto tempo leva o trem entre Budapeste e Viena? (Resposta: 2h38.) Quais são as paradas intermediárias de Milão a Florença? (Resposta: Bologna.) Será que dá para ir e voltar confortavelmente de Paris ao Mont-St.-Michel no mesmo dia? (Resposta: não.)

O lugar para você começar a destrinchar a sua viagem de trem pela Europa é no site da Deutsche Bahn, a ferrovia alemã. Desde os primórdios da internet, a Bahn oferece o melhor (e mais amigável) banco de dados sobre as ferrovias de toda a Europa. Dica: simule viagens sempre nos próximos 30 dias.

Onde vão as malas?

Onde vão as malas (I)

Onde vão as malas? (II)

No trem europeu você não despacha as malas. Na imensa maioria dos casos tampouco há limite máximo de peso. A limitação está justamente no tamanho de bagagem que você consegue carregar sozinho para dentro do trem e armazenar nos compartimentos disponíveis. Malas maiores devem ser postas nas prateleiras que se encontram na entrada dos vagões; se já estiverem ocupadas, você vai ter que fazer força para pôr no compartimento acima do seu assento. (Alguns trens têm também espaço no vão entre assentos posicionados de costas uns para os outros).

A experiência leva os passageiros de trem a viajar leve. Procure viajar com uma mala de quatro rodinhas tamanho M (65 centímetros de altura, em pé). Leve também um cadeado de bicicleta para prender a mala ao gradil da prateleira, e assim não passar aflição enquanto a mala não estiver sob a sua mira.

Dá para ir na segunda classe?

É o equivalente à classe econômica dos aviões -- só que, com exceção dos trens muito antigos, é bem mais confortável do que a classe econômica dos aviões. É onde os europeus viajam.

A primeira classe tem assentos mais confortáveis e com um pouco mais de espaço; tem também menor disputa de espaço para colocar malas (até porque grande parte dos ocupantes são executivos que não vão com malas de turista). Em algumas ferrovias o wifi é incluído e pode haver café de cortesia. Na ponta do lápis, vale a pena quando aparece uma tarifa promocional.

Tem que reservar assento?

Assento reservado

Nos trens rápidos de Espanha, França e Itália, e em trens internacionais como o multinacional Thalys e o alemão ICE-Sprinter as reservas são compulsórias; só sobe no trem quem tem reserva.

Nos trens regionais em toda a Europa nunca é preciso reservar lugar (e na maioria das vezes isso nem é possível). Nesses trens pode-se inclusive viajar em pé.

Na Alemanha (com exceção do ICE-Sprinter), na Holanda (com exceção do Thalys) e no Leste Europeu os trens levam passageiros com e sem reserva. Os assentos reservados têm uma sinalização específica, que na maioria das vezes informa o trecho para o qual o assento foi reservado. Mesmo sem reserva, você pode ocupar esses assentos nos trechos em que não estejam reservados.

Normalmente dá para reservar os assentos durante o processo de compra da passagem online. Se você não conseguiu reservar assento, pode passar numa estação e reservar com um atendente num guichê. (No site alemão é possível entrar e reservar apenas o assento; selecione a opção "Reserve seat only" no motor de busca da home.)

Um bom lugar para viajar sem reserva (nos trens em que é possível embarcar sem reserva) são os vagões-bares...

Com que antecedência devo chegar na estação?

Se for viajar pelo Eurostar, que requer passar pela imigração (já que o Reino Unido não faz parte do Espaço Schengen), ou nos trens AVE espanhóis, que passam as bagagens pelo raio-x, chegue com pelo menos 45 minutos de antecedência. Nos outros trens, basta estar na plataforma 5 ou 10 minutos antes da partida. (É possível subir no trem até o apito que precede o fechamento das portas, que se dá na exata hora marcada na passagem.)

Para não dar sopa para o azar, enquanto você não tem experiência nesse tipo de viagem, vale a pena dar uma passadinha na véspera na estação onde você vai embarcar: você se localiza, vai até a plataforma de onde sairá o seu trem, já ganha segurança para não errar na hora.

Como funcionam as baldeações?

A malha ferroviária européia é montada de modo a proporcionar a máxima conectividade. Não estranhe se o site de qualquer cia. européia criar um itinerário com conexões apertadas, tipo 5 minutos. Quando isso acontece, provavelmente o próximo trem sairá da própria plataforma em que você desceu.

Aqui se vê outra diferença fundamental com relação ao avião: você não precisa esperar o trem parar para sair do lugar. Faltando 10 a 5 minutos para a sua parada, você já levanta, cata sua bagagem e vai em direção à porta de saída mais próxima.

Trem noturno: melhor na teoria do que na prática

Trem noturno na AlemanhaTrem noturno na AlemanhaTrem noturno na Alemanha

Muita gente sonha em viajar de trem à noite. Lamento informar que não é tão divertido quanto ver neve ou subir na Torre de Pisa. Trens chacoalham, fazem barulho, param em estações pelo caminho (ocasiões em que sobem e descem passageiros). Quem não está acostumado pode acabar pagando para passar a noite em claro. Chegar cedo demais ao destino também pode não compensar: poucas cidades funcionam antes das 9 ou 10 horas, e é provável que o quarto do seu hotel só esteja disponível depois do meio-dia (e o seu último banho deve ter sido há mais de 24 horas...)

Passes valem a pena?

Passes multipaíses não valem mais a pena. Hoje em dia não são mais emitidos por dias corridos, e sim por dias estanques de viagem. Na ponta do lápis, só valem muito a pena quando envolvem longos deslocamentos – justamente aqueles trechos que são melhor feitos de avião. Comprando com antecedência trechos ponto a ponto diretamente nos sites das companhias ferroviárias européias você consegue tarifas descontadas. No entanto, para compras de última hora – quando os descontos já se esgotaram – os passes podem se justificar economicamente também. A maior vantagem é poder mudar o itinerário (dentro da área de abrangência do passe). A parte chata é precisar fazer reservas de assentos em trens rápidos ou internacionais – e pagar entre €4 e €22 de taxa suplementar por viagem. Nos trens noturnos os suplementos vão de €25 (beliche num compartimento de seis) a €105 (cabine individual). Os passes mais vantajosos são internos, de um país só, em países onde a reserva de assento não é necessária: o German Pass (válido na Alemanha, com direito a ir até Salzburgo na Áustria e Basiléia na Suíça) e o Swiss Travel Pass, que dá direito também a barco e ônibus.

Passagens avulsas: saiba os macetes

O melhor negócio é descolar seus trechos ponto a ponto diretamente nos sites das companhias ferroviárias européias. Comprar com antecedência no site do país no qual se origina o trecho pode garantir descontos de até 70%. Na Deutsche Bahn (Alemanha), trechos de €19 e €29 aparecem 90 dias antes da data. Na Voyages-SNCF (França), as tarifas Prem e Loisirs começam a aparecer com 120 dias de antecipação. Na Trenitalia (Itália), as tarifas SuperEconomy também começam a aparecer com 120 dias de antecedência. Na Renfe (Espanha), as tarifas Web e Estrella começam a pulular entre 120 e 90 dias antes da viagem. Você também pode xeretar ofertas nos sites do Thalys (Paris-Bruxelas-Amsterdã, com um braço Bruxelas-Colônia), NS Hispeed (Holanda), ÖBB (Áustria), SBB (Suíça), CP (Portugal), CD (República Tcheca) e TheTrainLine (Reino Unido). Para comprar passagens no Eurostar saindo de Londres, use Eurostar.co.uk; saindo de Paris, Voyages-SNCF.

Passagens avulsas: entenda as pegadinhas

  • Não tente comprar com antecedência demasiada: antes dos prazos descritos no parágrafo anterior, os trens (e os descontos) podem ainda não estar inseridos no sistema. (Isso é ainda mais verdadeiro no fim do ano, quando todos os sistemas meio que param à espera da mudança de horário de inverno, que acontece lá por 10 de dezembro.)
  • Na Trenitalia, reserve os trechos em alta velocidade separadamente dos trechos regionais (que não oferecem descontos grandes porque já são normalmente baratos). A mesma coisa vale para passagens a Bruges; para conseguir desconto, compre a passagem até Bruxelas (o trecho regional quase não varia de preço e pode ser comprado na hora; não há reservas neste trecho).
  • Para comprar na maioria dos sites, você vai precisar que o seu cartão de crédito participe dos sistemas Verified by Visa ou MasterCard SecureCode (a gente explica aqui). Os sites da SNCF, da Renfe, da Deutsche Bahn e da Trenitalia também aceitam PayPal.
  • Antes de bater o martelo na compra da passagem, verifique qual o sistema de entrega que é oferecido. (Isso pode variar dentro de um mesmo site, de acordo com o trecho ou a classe tarifária.) Só compre se puder escolher e-ticket, ticket para imprimir em casa ou para retirar em máquinas numa estação do país de onde o trem vai partir. Não compre se a entrega for pelo correio (não dá pra confiar no nosso correio!).

Posso deixar para comprar a passagem na hora?

    Na grande maioria dos casos, a resposta é: não! A venda de passagens nos trens de alta velocidade funciona igualzinho à venda de passagens de avião: se quer pagar pouco, tem que comprar com antecedência. Na hora, você vai pagar tarifa cheia. E se o trem exigir reserva de assento (o que é o caso em todos os trens de alta velocidade na Espanha, na França, na Itália e no Thalys entre Paris, Bruxelas e Amsterdã), você pode simplesmente não conseguir embarcar.
    Só dá para deixar para comprar na hora se você for viajar em trens regionais, que circulam por trilhos de baixa velocidade. Esses trens normalmente não requerem reserva de assento e não apresentam variação de preço de passagem. Você pode comprar na hora trechos lentos como Florença-Pisa-Lucca, Nápoles-Pompéia, Milão-Como, Paris-Vernon (para Giverny), os trens Regio na Alemanha e todos os trens Intercity na Bélgica e na Holanda. E só.
    Para comprar trens de alta velocidade em toda a França, trens AVE e Altaria na Espanha, qualquer trecho do tronco Turim-Milão-Verona-Veneza-Bolonha-Florença-Roma-Nápoles na Itália, qualquer trecho de Thalys e qualquer trem que não seja Regio na Alemanha e na Áustria, compre com antecedência para conseguir tarifas descontadas.

Onde comprar passagens avulsas

O melhor é comprar no site da cia. ferroviária de onde o trem vai partir. Se você vai comprar Barcelona-Paris, veja primeiro na Renfe espanhola. Se comprar na SNCF francesa, verifique o método de entrega (se o bilhete não puder ser impresso em casa e tiver que ser retirado na França, você não vai conseguir pegar).

Vale a pena comprar na RailEurope?

A vantagem da RailEurope é ter um site amigável, totalmente em português. Mas nem sempre repassa todas as ofertas ou oferece todos os horários. Algumas vezes também cobra sobretaxas salgadas (outras vezes, não.) Sempre compare com o que você achar nos sites das cias. nacionais.

Leia mais:

2190 comentários

Mari
MariPermalinkResponder

Olá! Gostaria de saber se seria uma boa ideia viajar de trem da Cracóvia para Amsterdam e se existe alguma companhia que realize esse trajeto. Obrigada e Parabéns pelo blog! Leio sempre!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Mari! É muito longe. São 8 horas de ônibus até Berlim, mais 6h30 de trem a Amsterdã. Prefira o avião.

Gisele
GiselePermalinkResponder

Olá! Estou pensando em ir em junho Guarulhos/Amsterdã e de lá de trem até Berlim (onde tenho compromisso). Queria parar em alguma cidade bacana da Alemanha no meio do caminho (Colonia ou Bonn?). Tenho 7 dias para isso. Será que vale a pena? Depois voltaria de Berlim para o Brasil...

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Gisele! A cidade que está na rota direta de trem é Hannover. Parando em Colônia você faz um pequeno desvio, mas não muito. No total a viagem aumenta em 1h30 (8h contra 6h30).

Vanessa
VanessaPermalinkResponder

Oi !
Estou viajando de Viena- Praga e Viena Budapest em maio desse ano e penso em compras as passagens online pelo site da OEBB mas estou com dificuldades de saber se os bilhetes podem ser impressos em casa ou se retirarei na estação. Essas informações nao encontrei em ingles no sire e só em alemão.. E agora?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Vanessa! Você está comprando Viena-Praga e Viena-Budapeste? Não está fazendo nenhuma viagem com origem fora de Viena? O que diz o texto em alemão?

Para mim em http://www.oebb.at/en só aparecem telas em inglês e não há nenhuma instrução antes de colocar o número do cartão de crédito. O sistema de compra mudou e tudo leva a crer que agora todos os tickets sejam eletrônicos, mas não posso dar certeza.

Vanessa
VanessaPermalinkResponder

Vc tem razão Ricardo. Fui lá no site com mais calma e consegui fazer uma simulação do que vou comprar de fato.
Obrigada por responder. Abcs

Wellington
WellingtonPermalinkResponder

Olá,
estou viajando para Madrid e vou para Munique, qual a melhor opção?
Obrigado

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Wellington! Avião. A viagem de trem leva de 24 a 30 horas, com 3 a 5 baldeações.

Silvia
SilviaPermalinkResponder

Olá!! Amei suas dicas, muito obrigada! Aproveitando, viajo para Paris e depois irei para Portugal onde ficarei por 3 meses durante o verão.
Levarei uma bagagem considerável e fica complicado pegar vôos locais devido ao limite de peso. É vantagem ir de trem de Paris para Portugal saindo do Aeroporto CDG ou melhor pagar excesso de bagagem??

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Silvia! De trem são 19 horas de viagem. Da próxima vez, compre passagem multidestinos, englobando todos os destinos a ser visitados.

http://www.viajenaviagem.com/2012/01/passagens-internacionais-como-evitar-o-erro-mais-comum

Gabriela
GabrielaPermalinkResponder

Boa noite, Ricardo. Terei 15 dias de férias 24/06 a 09/07 e gostaria de fazer uma pequena viagem na Europa. É uma boa ideia ir a Madri ou Lisboa e de lá pegar um trem para Viena, destino onde quero visitar uma pessoa? Sugere algum outro destino? Apenas Viena é imprescindível.
Abraços.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Gabriela! Quem responde é A Bóia. Para ir de Portugal ou Espanha a Viena, use o avião. De Lisboa a Viena são 40 horas de trem; de Madri, 29 horas; de Barcelona, 21 horas.

Tania Gueiros
Tania GueirosPermalinkResponder

Ola!
Estou impressionada comaquantidade de informacoes que disponibilizas. Todas super uteis. Muito obrigada.
Minha duvida eh se comprando passagem de trem entre paises, apenas momentos antes de embarcar, vou pagar mais caro,do que se comprar pela internet. Comprar com antecedencia implica em cumprir horas e dias, que nao te permitem um roteiro flexivel. E as tarifas flexiveis, sao mais do que o dobro da fixda.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Tania! O texto é claro: compre com antecedência nas tarifas promocionais, ou você pagará muito caro. Quem tem medo de dia e horário fixo é porque não planejou a viagem direito -- ou está prevendo fazer mais coisas do que o tempo realmente permite.

Leia:
http://www.viajenaviagem.com/2010/07/europa-quantos-dias-em-cada-lugar

Krika
KrikaPermalinkResponder

Olá! Queria saber se pra ir de Budapeste a Praga é melhor trem ou avião!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Krika! Atualmente o caminho por trem é feito em 6h45 (já foi bem mais demorado).

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Krika! Atualmente o caminho por trem é feito em 6h45 (já foi bem mais demorado).

Thiago Castro
Thiago CastroPermalinkResponder

A leitura do texto (será que as pessoas realmente leram?) mais uma simples consulta ao Google Maps (para ver que a viagem entre os dois pontos que vc quer visitar leva mais de 10, 20 ou 40h) seria o suficiente para responder boa parte das questões que estão só nessa página. Incrível! Parabéns pela paciência Bóia.

Rafael
RafaelPermalinkResponder

Boa noite.

Estou pensando em visitar o leste Europeu em Agosto, inicialmente pensei em ver esses Países: Áustria, Polonia, Republica Tcheca, Hungria e Croacia, é melhor ver o trecho direto no site das companhias?

Obrigado.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Rafael!

Comprar na http://www.oebb.at/en austríaca é mole. Dá para comprar também trechos originados na República Tcheca em https://www.cd.cz/eshop/default.aspx.

Parece possível comprar nas ciss. da Hungria e da Polônia (nunca tentamos):
https://jegyvasarlas.mav-start.hu/eTicketV2/V2/Bejelentkezes.jsp?Lang=EN (Hungria)
http://www.intercity.pl/en/ (Polônia)

Não é possível comprar na da Croácia:
http://www.hzpp.hr/en

Caso você não consiga comprar online nos sites dos países, deixe para comprar in loco. Não compre passagens do leste europeu na Raileurope, os preços são superinflados.

Rafael Leal
Rafael LealPermalinkResponder

Olá, tudo bem?

Estou pensando em fazer Berlim - Amsterdã de trem. Queria mais porque penso em apreciar a paisagem. É possível? Tenho medo de só ver uns borrões hahahaha

Poderia me ajudar?
Muito obrigado grin

Abraços

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Rafael! No texto está escrito com todas as letras: não dá para ver a paisagem, nos trens de alta velocidade é só um borrão. Mas mesmo assim você perde o seu tempo, o meu tempo e sobretudo o tempo de todos os que lerão a caixa de comentários em busca de informações complementares, perguntando algo que está escrito no texto com todas as letras. Como você acha que eu poderia te ajudar? Pedindo à cia. ferroviária alemã que vá mais devagar na sua viagem? Mande o dia e o horário, eu posso tentar.

Rafael Leal
Rafael LealPermalinkResponder

Muito obrigado pela resposta! (risos)

Claudia Charão

Olá! Estarei em Madri no período de 27 a 31 de maio/2016, e gostaria de ir de trem até Barcelona. Em se tratando de viagem regional ( no mesmo país), consigo comprar as passagens em Madri mesmo, ao invés da internet, com antecedência de poucos dias? por exemplo, consigo comprar no dia 28 para viajar no dia 30 ?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Claudia! Compre qualquer trem de alta velocidade, mesmo doméstico, com a maior antecedência possível. As teclas que usamos para digitar que na última hora você paga a tarifa mais cara que há já estão gastas de tanto que a gente repete essa ladainha a cada resposta.

Thiago Castro
Thiago CastroPermalinkResponder

Consegue comprar sim, mas vai pagar mais caro por isso. A escolha é sua. smile

Juan
JuanPermalinkResponder

Vou estar numa cidade perto de Udine (Italia) e tenho que ir a Dresden para o Festival de Teatro em junho. Somos idosos e com alguma dificuldade para subir e descer escadas. Penso em alugar carro e passar por Munique na ida e na volta por Praga e Viena ficando dois ou três dias em cada cidade. Você acha uma boa opção inclusive para o deslocamento dentro de cada cidade? Outra pergunta é sobre a moeda na Rep. Checa e na Austria, o Euro é aceito?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Juan! Andando de trem e táxi vocês não enfrentarão escadas e aproveitarão cada escala muito mais descansados. Na República Tcheca, o melhor é usar cartão de crédito. Os euros serão desvalorizados no câmbio no comércio e as casas de câmbio são ardilosas. A Áustria faz parte da zona do euro.

Deixe para rodar de carro por regiões delimitadas, em estradas secundárias, sem precisar sair ou entrar de cidades grandes, nem cruzar a fronteira para o Leste Europeu (muitas locadoras sequer permitem).

http://www.viajenaviagem.com/2007/08/europa-aviao-trem-ou-carro

Paulo
PauloPermalinkResponder

Olá! Irei para Barcelona no final de outubro, pretendendo ir até Valência. Estou na dúvida de fazer esse trecho de carro ou de trem. Há coisas interessantes pelo caminho ou compensa sair de Barcelona e ir direito pra Valência? Valeu!!!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Paulo! Depende de quanto tempo você tem para fazer a viagem. Se for só uma questão de parar pela costeira durante o percurso, sem pernoite, só vale a pena se você devolver o carro assim que chegar em Valência.

É possível ir de trem com pit-stop em Tarragona. Existe uma loja de aluguel de bicicletas perto da estação que guarda malas.
http://ebiketours.cat/en/contact-ebiketours/lockers-tarragona/

Caso tenha mais tempo, você pode percorrer a Ruta del Císter, uma sugestão do Passaporte BCN: http://www.passaportebcn.com/tarragona-combina-com/

Karina
KarinaPermalinkResponder

Para uma viagem de Porto a Coimbra e de Coimbra a Lisboa, o comboio mais adequado é o da alfa pendular, rápida velocidade, ou tem outra opção? Tenho lido que há necessidade de reversa, mas que esta tem que ser feita localmente. Meu receio é chegar na cidade e não encontrar bilhete para um ou dois dias depois..... Qual é a sua recomendação??

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Karina! Compre a passagem com antecedência pela internet. Você escolhe o lugar numa das etapas da compra: http://www.cp.pt .

Lídia
LídiaPermalinkResponder

Olá. Este blog tem excelente informações e comentários. Parabéns! Só fiquei com uma dúvida em relação a compra de bilhetes individuais x passes. Estarei em Amsterdam e vou visitar Colonia (Alemanha), Bruges, Bruxelas e algumas cidades de bate-volta de Amsterdam como Utrecht, Roterdam e Gouda. Voufazer isso tudo de trem. Será que vale comprar um passe com várias passagens. E que tipo de passe? Obrigada.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Lídia! Passagens internacionais em trens rápidos (Alemanha-Bélgica, Alemanha-Holanda, Bélgica-Holanda pelo Thalys): compre passagem avulsa a partir de 90 dias de antecedência. Passagens Holanda-Bélgica em trem Intercity: dá para comprar na hora. Passagens internas na Holanda e na Bélgica: dá para comprar na hora. Não compre passes, não valem a pena.

Lídia
LídiaPermalinkResponder

Ok. Muito obrigada.

Lídia
LídiaPermalinkResponder

Obrigada pela resposta. Uma outra dúvida que tenho é relativo a passagem para grupo. Eu viajarei junto com outras 3 pessoas (total 4). Eu li em algum lugar que exitem passagens para grupos mas não consegui achar em nenhum site das cia. ferroviárias. Existe algum tipo de ticket com desconto para mais de 1 pessoa?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Lídia! Ao comprar a passagem você indica o número de passageiros. Se houver desconto para grupos, a tarifa aparecerá. Quanto a desconto para uma pessoa -- se você tivesse lido o texto com a atenção que o texto e a sua viagem merecem, teria visto que nos trens de alta velocidade com 90 dias de antecedência os descontos costumam aparecer.

Paulo Almeida
Paulo AlmeidaPermalinkResponder

Ola Boia,
Estou com uma duvida. Chegarei as 19:25 em AMS e vou pra BRU. Eh possivel tomar um trem direto do aeroporto pra Bruxelas mesmo chegando nesse horario?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Paulo! Veja horários e compre passagem em https://www.nsinternational.nl/en . Coloque Schiphol como origem e Brussel Zuid como destino.

Andrea
AndreaPermalinkResponder

Olá!
Vou viajar de trem pela Itália, são 2 adultos e 2 idosos viajando juntos. Fiquei com algumas dúvidas. Se eu compro o passe de 5 dias em um mês (para nós 4 dá 229 euros cada) vocês disseram que tem que pagar reserva para cada viagem em trem rápido. Nossas viagens de trem, a princípio, seriam Veneza-Roma, Roma-Pompeia-Roma, Roma-Florença, Florença-Pisa/Lucca-Florença, Florença-La Spezia-Florença, Florença-Veneza, Veneza-Verona-Veneza. Eu fiz a conta e ficaria um pouco mais em conta, além de ter mais flexibilidade, comprar o passe, mas isso sem contar esse absurdo dessa reserva no trem rápido. Será que todos esses trens são rápidos? Eu olhei nos sites mas acabei ficando um pouco confusa, e não achei o lugar onde fala quanto custa a reserva de cada trem. Dá para mudar as datas sem pagar taxa se comprar avulso (sei lá, quero mudar o dia de bate volta pra Pompeia porque está chovendo, ou estou cansada ou doente e desisto de ir a Cinqueterre)? Ah, a viagem é de 21/06 a 02/07, ainda dá tempo de pegar desconto? E idosos, tem desconto em algum lugar?Desculpe a pergunta gigante! Abraços, adoro o site!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Andrea! Recomendamos VIVAMENTE comprar passagens ponto a ponto. Os suplementos precisam ser comprados via Raileurope ou nas bilheterias das estações, trecho por trecho. Ou seja, vai dar trabalho igual. Nos trens Freccia os suplementos custam 10 euros por trecho. Vocês precisam comprar passagem (ou comprar suplemento, no caso de terem passe) Veneza-Roma, Roma-Nápoles-Roma, Roma-Florença, Florença-Veneza e Veneza-Verona-Verona. (Só aí já são 70 euros em suplemento por pessoa; acrescente esses 70 euros aos 230 euros do passe, já são 300 euros por 7 trechos em 5 dias -- 43 euros por trecho.) A Raileurope também cobra uma taxa para fazer essas reservas. Na Itália, é de 8 euros por trem (não importa o número de pessoas no mesmo horário), o que aumentaria o custo em 2 euros por pessoa por trecho. O preço total do passe seria de 314 euros, ou 45 euros por trecho. Para junho, consigo achar passagens ponto a ponto Veneza-Verona por 12 euros, Veneza-Roma por 35 euros, Roma-Florença por 19 euros, Florença-Veneza por 19 euros, Roma-Nápoles 19 euros, todos já com reserva incluída. O mesmo pacote sai por 135 euros, menos da metade do preço do passe.

Os outros trechos entre Florença, Pisa, Lucca e La Spezia dá para comprar na hora ou com uma semana de antecedência online. Nápoles-Pompéia-Nápoles só se compra na hora (e o passe não é válido, não se trata de rede da Trenitalia).

Thiago Castro
Thiago CastroPermalinkResponder

Isso aqui foi praticamente uma consultoria. O mínimo que a Andrea poderia ter feito era agradecer pela economia de dinheiro e dor de cabeça. Novamente, parabéns pela paciência Bóia. smile

César "Cezão"

Achei esta dica:
Para não dar sopa para o azar, enquanto você não tem experiência nesse tipo de viagem, vale a pena dar uma passadinha na véspera na estação onde você vai embarcar: você se localiza, vai até a plataforma de onde sairá o seu trem, já ganha segurança para não errar na hora.
Especialmente boa, embora possa parecer boba para quem viaja muito (mas nunca viajou de trem).
Em feriados, fins de semana ou mesmo em horários de pico (fim do dia) as estações podem ficar extremamente cheias (nem só turista viaja de trem; muita gente que trabalha em capitais na Europa mora em subúrbios ou cidades vizinhas). Nessas horas, quando há 78 plataformas e 45 trens partindo ao mesmo tempo, descobrir de onde o seu vai sair pode ser mais difícil do que parece. Se não der tempo de passar um dia antes, que se chegue com meia hora de antecedência na primeira vez. Acho que vale a pena.

eloisa helena costa

oi pessoal, o blog é muuuito bom, parabens. vou viajar de trem pela primeira vez e estou cheia de duvidas. Ainda nao comprei os bilhetes. Pelo que pesquisei na internet o unico trem que faz Paris / Milao é o Thello, é isso mesmo? Posso comprar direto no site da cia? Depois de finalizada a compra tenho que fazer mais alguma coisa ou é so entrar no trem e procurar o meu lugar? A proposito, como se trata de um trem noturno, tem aquelas "camas" , qual a melhor em cima ou em baixo? Tô meio maluca ne? Obrigada, Eloisa

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Eloisa! O Thello é o trem noturno. Todos os assentos são cama. Os mais baratos ficam em compartimentos de 6 camas. Não há passagem, você ganha um código PNR.

Há outros trens diurnos, como um TGV que faz a rota em pouco mais de 7 horas.

Recomendamos avião nesse trecho. Desrecomendamos vivamente trens noturnos, explicamos por que no texto.

eloisa helena costa

Muito obrigada pela dica. Abraços

Neusa
NeusaPermalinkResponder

Ricardo suas dicas, orientações estão nos ajudando muito a montar nosso roteiro de viagem. Muito obrigada pelo excelente serviço. Abs

Andrea
AndreaPermalinkResponder

Muito obrigada, ajudou pra caramba!!!!

Emylin
EmylinPermalinkResponder

Oi, boa tarde!
Eu gostaria de fazer uma viagem de lisboa a paris e paris a lisboa, gostaria de fazer esse trajeto de trem que site vc indica que seja barato ?

Obrigada

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Emylin! Não se usa trem nesse trajeto. São 20 horas de viagem. Vá de avião, será inclusive mais barato.

manuela
manuelaPermalinkResponder

To tentando comprar paris-provins no site da SNCF, mas não aparece nem a estação de provins para buscar os horarios (falta menos de um mes). Vi muita gente dizendo que o trem sai de hora em hora e que comprou na hora. Será que não são vendidos com antecedencia?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Manuela! O trajeto é feito pelo trem suburbano Transilien. Não é preciso comprar com antecedência. A saída é da Gare de l'Est. O site é http://www.transilien.com .

Felipe
FelipePermalinkResponder

Boa noite,
Dia 29/05/2016 vou de Budapeste a Zagreb.
Na minha pesquisa, a melhor forma que encontrei foi ir de trem.
Saindo às 06:00 e chegando 12:48 em Zagreb. Mas neste trecho o site da MÁV não permite reserva de assento...
É grande o risco de eu ficar em pé?
Posso comprar a passagem pelo site e quando estiver lá solicitar a reserva de assento?
Obrigado!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Felipe! Nunca usamos o site húngaro, não sabemos como funciona. Sempre é possível reservar assentos diretamente na estação. Passe no dia em que chegar a Budapeste.

Marcos
MarcosPermalinkResponder

Bom dia, em julho viajarei para Viena e Budapeste. Estou comparando os preços de trem e ônibus e, até o momento, o ônibus está quase pela metade do preço; porém, tenho visto muitos comentários negativos sobre os ônibus que fazem o trecho Viena-Budapeste (já descartei a empresa Orangeways, mas a Eurolines me pareceu um pouco melhor). Qual seria melhor nesse caso?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Marcos! Ônibus na Europa nunca será confortável como no Brasil. Muitos saem de rodoviárias improvisadas. Existe razão para custar menos.

Jaqueline
JaquelinePermalinkResponder

Olá! Eu e meu marido chegaremos em Frankfurt (vôo internacional) às 15h e queremos ir direto para Praga. Nesse mesmo dia, único trem com duração razoável - aprox. 6h - parte de Frankfurt(Main)Hbf às 16:21h. Considerando que a estação de trem é conectada com o aeroporto, gostaria de saber se é arriscado comprar ticket para esse trem das 16:21h?
Desde já, agradeço pela atenção!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Jaqueline! Não transforme a sua viagem nessa maratona desde o primeiro instante. Por que impor essa carga de stress às suas férias? O certo teria sido comprar a passagem aérea até Praga; da próxima vez, use a modalidade múltiplos destinos:

http://www.viajenaviagem.com/2012/01/passagens-internacionais-como-evitar-o-erro-mais-comum

Durma esta noite em Frankfurt, siga viagem no dia seguinte.

(Não, não existe a menor chance de você desembarcar, conseguir fazer imigração, pegar a bagagem, achar a estação ferroviária e a plataforma do seu trem em 90 minutos.)

Stephanie Gama

Olá Bóia.
Viajarei para Austria em maio de 2016, estarei em um grupo com 5 a 6 pessoas e fico em dúvida se vale a pena comprar os passes de trem pela internet, uma vez que a OBB tem o Einfach-Raus-Ticket. O que você me aconselha?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Stephanie! Este ticket é semelhante aos passes regionais alemães, como Bayern Ticket. Só dá direito a trens regionais (Regio e congêneres); não dá para pegar trens rápidos (Intercity). Veja os trajetos que você pretende fazer e verifique se há trens regionais nesses trajetos, e se vale a pena pegar o trem lento.

jaqueline
jaquelinePermalinkResponder

Ola, não estou conseguindo encontrar o site de compra da passagem de trem berlim - praga. Qual seria? grata

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Jaqueline! Está na lista. http://www.bahn.de/international

LUCIANA REIS
LUCIANA REISPermalinkResponder

Olá, Bóia. Pesquisei uma passagem na CP de Portugal de Porto-São Bento para Sintra, no dia 06.06.2016, às 9:30 (mescla trem urbano e alfapendular), que esta inclusive com desconto, em relação ao preço normal. Quando entro na opção "comprar bilhetes", não existe a opção da cidade de Sintra. Vc sabe dizer se existe alguma restrição para a cidade? Em caso positivo, se não conseguir direto para Sintra, e comprar, Porto/Lisboa, descendo na Estação Santa Apolônia, è complicado sair da estação Sta Apolonia para a Estação do Rossio, onde se pega o trem Lisboa/Sintra, considerando que estarei com bagagens? Grata.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Luciana! Desça na estação Oriente. Lá você consegue pegar a linha em direção a Sintra.

Jaqueline
JaquelinePermalinkResponder

Olá, Bóia! Estou tentando comprar passagens de trem para o trecho Praga/Budapeste, no dia 20/06/2016, pela internet e estou tendo uma série de problemas. Na maioria dos sites das ferrovias nacionais (OBB e DB), não há tickets disponíveis para compra para o trem que escolhi (noturno - Euronight 477 - cabine sleeper, primeira classe). Achei disponibilidade no site da CD (tcheco), mas, segundo essa companhia, esse trem possui somente assentos de segunda classe. Para a primeira classe no mesmo trem (Euronight 477), só achei tickets disponíveis no site da Rail Europe. Contudo, tenho medo de que realmente não haja primeira classe no Euronight 477 e/ou que o preço esteja abusivo (167 euros para duas pessoas).
Por outro lado, também tenho receio deixar para comprar quando chegarmos em Praga, porque junho é mês de alta temporada...
Você acha que devo comprar logo pela internet ou esperar para comprar lá?
Desde já, agradeço pelo atenção!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Jaqueline! Nem a Bahn nem a ÖBB venderiam esse trecho, porque não tem nem origem nem destino na Alemanha ou na Áustria.

Dia 12 de junho entra o horário de trens para o verão e isso retarda a entrada no sistema de trechos em várias cias. Pode ser o caso da cia. tcheca. Normalmente a Raileurope é careira no Leste Europeu, mas 167 euros para duas pessoas numa cabine de 1a classe não me parece abusivo; só acho estranho que eles tenham a acomodação e a CD não (eles podem estar vendendo um ticket e depois você ainda pode ter que se virar para reservar o leito; mas é uma suposição, não temos experiência em reserva de trens do leste).

De todo modo, a noção de que se vai economizar uma diária de hotel pegando trem noturno é ilusória; só acontece quando você vai mal instalado.

Rodolfo
RodolfoPermalinkResponder

Olá! Eu e minha esposa temos viagem marcada para o périplo Suíça-Alemanha-Áustria para o final de outubro e estamos pesquisando a opção menos cara de transporte entre estes países. Iniciaremos a viagem rodando 12 dias pela Suíça e depois iremos para a Alemanha até Munique, via Konstanz, onde ficaremos mais 7 dias, finalizando com dois dias em Viena. Nossa principal dificuldade é comparar o Eurail Global Pass (21 dias) com o Swiss Travel Pass (15 dias) + German/Austrian Pass, dado que nem mesmo os sites oficiais são claros com respeito às diferenças e vantagens e desvantagens dos passes. Dos principais passeios de trem, pretendemos pegar o Glacier Express em St Moritz e depois fazer o passeio até o Jungfraujoch. Qual a sugestão de vocês para o nosso caso? O Global Pass dá os mesmos descontos que o Swiss Travel Pass? Agradecemos desde já! Abraços

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Rodolfo! Os passes multipaíses são ruins. Os únicos passes bons são o Swiss Travel Pass e o German Pass.

Valter Junior
Valter JuniorPermalinkResponder

Olá Bóia! Estou tentando achar no site da ÖBB a opção pra realizar somente a reserva dos assentos e não consigo. As passagens já foram compradas e são de Budapeste para Viena. Sei que a opção ficava depois de escolher o trecho, porém havia uma outra opção para você informar que já possuía as passagens. Será que eles retiraram?
Abraços

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Valter! Talvez pelo trecho ter origem na Hungria o site austríaco não venda reservas. Passe na estação de Budapeste ao chegar e compre a reserva no guichê internacional.

Valter Junior
Valter JuniorPermalinkResponder

Muito obrigado!

Amanda Sanchez

Olá, Bóia!
Vou viajar com a minha mãe em setembro e iremos fazer todos os trechos da Europa Central de trem, usando a Bahn e a ÖBB. Como minha mãe tem mais de 60 anos, estou procurando se há descontos em tarifa senior, porém no site da ÖBB só encontro descontos para o Vorteilscard e no site da Bahn os preços sequer aparecem (fares not available)!
Não sei se estou fazendo alguma coisa errada.... Pode me ajudar?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Amanda! Nos sites de reservas de trem você preenche a idade dos passageiros e aparece a melhor tarifa possível. Não há descontos para maiores de 60 anos. Na Bahn compre a partir de 90 a 80 dias de antecedência, os preços aparecerão.

Marcius
MarciusPermalinkResponder

Boa tarde.
Estou planejando viajar de Zagreb para Budapeste e depois Budapeste para Viena de trem. Como você me aconselha para a compra dos tickets...
Obrigadão

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Marcius! Compre em Zagreb ao chegar e no site da cia. húngara o trecho a Viena.

Vanessa
VanessaPermalinkResponder

Olá!! qual melhor meio de ir de Munique x Praga? Obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Vanessa! Há duas maneiras. Pela Deutsche Bahn, você vai de trem a Nuremberg (1h) e lá é transferida para um ônibus (3h40). No total, dá 4h55 de viagem. A outra maneira é com a cia. Alexa, que usa trens um pouco mais antigos e vai por trilhos um pouco mais lentos. A viagem leva 6h e é direta, sem baldeação. Ambas as maneiras estão disponíveis para compra no site da Bahn, http://www.bahn.de/international .

Sandra Ramiro
Sandra RamiroPermalinkResponder

Minha filha irá pra Munique num intercâmbio e visitará algumas cidades da Alemanha, Lucerna na Suíça e Salzburgo na Áustria, o que indicarias pra ela, compra por trechos ou passe para três países? Obrigada.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, SAndra! Como está escrito no texto, passagens compradas com antecedência na internet nos sites das cias. onde cada trecho se origina são o melhor negócio.

Monique
MoniquePermalinkResponder

Bóia, me ajude. Pelo que li no seu site e em alguns outros na internet, a melhor maneira de ir para Amsterdam partindo de Cracóvia seria de low cost. O problema é que eu vou passar um mês na Europa e vou estar com uma mala grande ( perto dos 32 kg ) e mais uma de mão. Pelo que eu li essas cias low cost permitem apenas a mala de mão nas exigências de cada cia, sendo as demais malas ( e ainda mais pesadas ) cobradas a parte, bem caras essas taxas extras por sinal. O que você pode me sugerir ou me informar sobre isso?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Monique! Não leve mala grande porque vai fica muito tempo: leve mala M e invista duas horas por semana numa lavanderia.

Não sei onde você leu aqui a dica de low-cost para Amsterdã; Amsterdã não é bem servida por low-costs. A única cia. que faz Cracóvia-Amsterdã direto é a KLM.

Monique
MoniquePermalinkResponder

Desculpe Bóia. Procurei tanto na internet que posso ter me confundido então. Vou pesquisar no site da cia.

Muito obrigada!!!!!

Thiago Castro
Thiago CastroPermalinkResponder

Aliás, que eu saiba, o direcionamento é sempre tentar comprar as passagens de avião em um único bilhete. Assim vc se resguarda de problemas e ainda pode usar a mesma franquia de bagagem (mas aceite o conselho de ir com uma mala M). Vale a pena pelo menos tentar cotar os trechos no esquema multi-destinos.

Renato
RenatoPermalinkResponder

Olá Bóia, boa noite! Gostaria de pedir sua orientação em relação a uma viagem que farei de intercâmbio no mês de outubro em Londres. Como o curso será apenas durante a semana, gostaria de aproveitar dois finais de semana para conhecer as atrações de Londres que não for possível conhecer na semana, após o curso e um outro final de semana visitar Paris e outro Berlim . Neste caso, qual a melhor forma de ir para estes destinos , considerando saindo de Londres a tarde após o curso e voltando no domingo a noite para Londres?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Renato! Trem a Paris e low-cost a Berlim. Compre já para pegar bons preços.

Maria Celeste
Maria CelestePermalinkResponder

Por favor, vocês podem me esclarecer uma dúvida!
Trem Regio na Alemanha e Austria, são os RailJet (RJ)?. E o que significa Fan ticket? Estou fazendo reserva de assentos em todos eles (RailJet, Intercity e ICE) , até porque dão essa opção, mas ja não sei mais se estou fazendo certo!!
Grata

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Maria Celeste! Railjet é o trem mais rápido da Áustria, opera também para Alemanha e Hungria. Não sabemos o que é Fan Ticket, mas deve ser ligado a transporte para jogos de futebol.

Maria Celeste Dias

Olá Bóia, obrigada pela resposta.
Comprei o ticket de Viena para Salzburg (RailJet 564), para o dia 04/07/2016, para 3 adultos, 1 classe, incluido reserva de assentos, por 66,00 euros. Achei o preço muito bom, e onde constava as opções de ticket, este era o tal do Fan-ticket.
Como nunca tinha visto, fiquei curiosa!!
Abraço

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Maria Celeste! Railjet é o trem mais rápido da Áustria, opera também para Alemanha e Hungria. Não sabemos o que é Fan Ticket, mas deve ser ligado a transporte para jogos de futebol.

Maria Celeste
Maria CelestePermalinkResponder

Olá Bóia, é isso mesmo!! E bastante vantajoso!!

1. Re: OBB train ticketing help
Jun 08, 2016, 11:53 PM
I just read the terms & conditions and found out that these "Fan Tickets" - which are related to the European Soccer Championship now starting in France - are like Sparschiene Tickets, hence "regular" discounted tickets with the known constraints. The only (positive) difference is that the fan tickets also include a seat reservation.

LARISSA
LARISSAPermalinkResponder

Olá Bóia,
No site da CD (Praga pra Cracovia) não consigo encontrar na minha pesquisa a 1ª classe,com cama etc, o que eles chamam de sleeper carriage. Será que não existe? Sem conexão só encotrei trem noturno.

Além disso, De Cracovia vou para Berlim, seria melhor o avião, correto?Caso seja trem,você saberia em qual cia da Polônia?

Muito obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Larissa! A opção "sleeper" deveria estar habilitada no menu onde aparece "seat reservation" como default. Talvez as couchettes já estejam todas vendidas, é temporada de verão... Este é outro trecho que recomendamos de avião. O transporte ferroviário no leste europeu ainda precisa evoluir bastante.

Procure vôos em https://www.kayak.com.br/flights

Carolina Cosmo

Bom dia,

Gostaria de saber qual site eu compro Roma-Paris?

Obrigada

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Carolina! Não há trens diretos. No total são quase 12 horas de viagem e não sai menos de 100 euros. É um trecho para se fazer de avião. Se quiser sofrer, o site é http://www.trenitalia.com .

Larissa
LarissaPermalinkResponder

Obrigada!!!!!smile

Fernanda Ferraz

Olá, Bóia!
Tenho uma dúvida sobre o trem Intercity. Comprei pelo site B-europe, recentemente, uma passagem de conexão direta de Den Haag para Brussels Central no horário de 11h. Optei por imprimir meu e-ticket em casa e apresentar diretamente no embarque. Observei que o e-ticket não aponta o horário da passagem comprada. Caso eu queira pegar um trem mais cedo, é possível, sem custos extras?
Beijos!!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Fernanda! Se a sua passagem for Intercity holandês ou belga, ela é válida durante todo o dia para o qual foi emitida.

http://www.viajenaviagem.com/2016/05/trem-entre-holanda-e-belgica-dicas

Izamara
IzamaraPermalinkResponder

Cara, que site bacana!! Consegui tirar todas as minhas dúvidas em um único lugar! Parabéns!!

Noemi
NoemiPermalinkResponder

Gostei muito de seus comentários e sugestões.serão de grande valia.
Grata

Crisla
CrislaPermalinkResponder

Olá
Quero ir de Viena pra Suica , qual site eu compro a passagem de trem?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Crisla! Em http://www.oebb.at/en .

Fabio
FabioPermalinkResponder

Olá! Vou viajar de trem (Viena - Praga; Praga- Dresden; Dresden- Berlim; Berlim-Amsterdã) com minha família em novembro. Gostaria de saber quantos minutos dura o embargue. Estou com medo de ser pouco tempo para subir com bagagem e criança.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá,Fabio! Com exceção de Dresden-Berlim, todos os outros trens têm origem no lugar onde você vai pegar. Chegue com 15 minutos de antecedência na plataforma e você embarcará sem atropelos. No dia de Dresden você terá uns 4 a 5 minutos para embarcar -- mas não se preocupe, basta estar já na plataforma e embarcar no seu ritmo; o trem não partirá enquanto houver gente nas portas. De todo modo, nunca é demais reforçar que você deve viajar o mais leve possível.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Comentar novamente

Cancelar