Visto para os EUA: mais caro, mas sem taxa de agendamento

jornal-da-boiaDesde hoje (13 de abril) o visto americano está mais caro: passou de US$ 140 para US$ 160.

O aumento de 20 dólares, porém, é equivalente à antiga taxa de agendamento de visto, que custava R$ 38 e era cobrada para que o postulante tivesse acesso ao site do consulado.

Para pedidos individuais, vai continuar saindo elas por elas; mas famílias acabarão pagando mais caro, porque antes apenas um agendamento servia a todos os familiares [obrigado aos leitores que corrigiram!].

De todo modo, o fim da taxa deve aumentar o agendamento de visto “por impulso” — já que não é necessário ter viagem marcada para solicitar visto de entrada.

O Viaje na Viagem, por sinal, recomenda que você sempre tenha seu visto americano em dia, para não perder nenhuma oportunidade que aparecer.

A majoração vem numa hora em que o consulado americano anuncia um aumento de eficiência na emissão de vistos para brasileiros, com diminuição significativa do tempo de espera para a entrevista.

Esta semana também foi anunciada a intenção de instalarem consulados americanos em Porto Alegre e Belo Horizonte, o que faria gaúchos e mineiros economizarem viagens aos consulados de São Paulo, Rio, Brasília e Recife, os únicos existentes.

Siga o Viaje na Viagem no Twitter@viajenaviagem

Siga o Ricardo Freire no Twitter@riqfreire

Visite o VnV no FacebookViaje na Viagem

Assine o Viaje na Viagem por emailVnV por email


26 comentários para “Visto para os EUA: mais caro, mas sem taxa de agendamento”

  1. Na verdade pra quem tira visto sozinho sai elas por elas, mas pras famílias fica mais caro, porque o agendamento era pago só uma vez por família, certo?

    1. Certo!

      Era tacxa em reais tambem e paga, no site com Cartao de credito. A taxa de visto era paga no Citybank em especie.

      1. É isso aí!!!

        Ao ler o post pensei a mesma coisa que a Lu… A taxa de R$ 38 servia para agendamento inclusive familiar. Então ficou mais caro para quem vai solicitar visto em família.

        Agora é bem verdade que estão facilitando muito nas entrevistas. Estive no consulado há 11 dias e não me pediram um documento se quer além dos obrigatórios (passaporte, comprovante de envio do DS-160, comprovante de pagamento da taxa de entrevista e foto). E a entrevista foi super tranquila…

        Beijos

        1. Obrigada, pessoal! Está corrigido no texto :D

  2. O pior é que ontem, dia do aumento, o citibank não estava recebendo o pagamento da taxa. Quem ia pagar sexta para fazer a entrevista na segunda se deu mal. E também que, como eu, pagou a taxa de agendamento e vai pagar o aumento da taxa de visto… Além disso, se entrarem no site hoje a taxa de agendamento ainda está sendo cobrada. No site da embaixada, na nota oficial que fala do aumento da taxa de visto, não fala da extinção da taxa de agendamento: http://portuguese.brazil.usembassy.gov/taxa2012pt.html

    1. Exatamente Nina! Trabalho no ramo de passaporte, visto e intercâmbio há vários anos e essa notícia sobre a isenção da taxa de agendamento foi espalhada erroneamente.

      Se alguém tiver interesse em nosso serviço de antecipação de agendamento ou preenchimento de formulários entre em contato no seguinte e-mail: luczensky@hotmail.com

      Pagamento pode ser feito após o novo agendamento.

      Taxa de serviço: R$120,00 (+R$38,00 crédito para o agendamento)

      Att

      Rodrigo Luczensky

  3. Não gostei. Pq já tinha pago a taxa de agendamento, agora ainda o visto mais caro…

  4. Gente deveriamos BOICOTAR os USA e não fazer turismo lá. Afinal os turistas são chamados de ALIENS pelos americanos natos, isso é um ultrage, sinto que uma alemanha com Hitler está nascendo. Boicote nelessssssss.

    1. rosi santos, o uso do termo “aliens” vem do inglês arcaico, da época em que, na Inglaterra, se costumou chamar de “aliens” aqueles que não eram “subjects of the King” (súditos do Rei).

      Usar “alien” para descrever ET é um neologismo recente de um termo usado como sinônimo atual de “foreigner”, e não o contrário.

      Com todo o respeito, e sem qualquer intenção de ofender, essa polêmica de “aliens” vai na mesma linha daquele falso argumento “America is not the country, is the continent”, feito por quem ignora que em inglês “America” (sem “s”) se refere ao país e (the) Americas (com “s”) ao continente. É procurar pêlo em ovo sem conhecer o idioma inglês suficiente para tanto.

  5. Sera que eu posso pedir o visto a uma embaixada que nao esteja no Brasil? Eu moro no Chile e queria pedir o visto por aqui, alguem sabe se tem algum impedimento?

    1. Pode, mas vc precisa que tem vínculos fortes com o Chile e ser residente aí. Não adianta estar só a passeio ou estadia curta. A embaixada americana no Chile nào tem como avaliar documentos brasileiros, portanto só aceita pedidos de quem provar vínculos com o Chile.

  6. Para já tem visto, e ainda não expirou, pretende renovar antes do prazo de validade do atual, mudou alguma coisa? Ou é como o passaporte brasileiro, sempre consideram que é um novo, e não um processo de renovação?

    1. é renovação

  7. A boa notícia da reabertura do consulado americano em Porto Alegre deixou os gaúchos aliviados. Há muito esperávamos por isto para não ter que ir a Sao Paulo, Rio, Brasilia ou Recife, gastando bem mais…
    E pensar que meu primeiro visto americano foi feito em Porto Alegre, no século passado…

  8. Eu ja paguei quando era u$ 140, não preciso pagar a diferença né? Minha entrevista é no final do mês, mas já paguei adiantado.

  9. Na prática, alguém solocitou o visto essa semana?Como foi?Pagou a tal taxa de agendamento?

  10. O site http://www.visto-eua.com.br continua dizendo que precisa pagar a taxa de agendamento e informações…

  11. O site http://www.visto-eua.com.br continua dizendo que precisa pagar a taxa de R$38,00

    1. Olá, Nina! Mas quando você clica pedem os dados do seu cartão de crédito? A gente foi até o momento de precisar preencher os dados do passaporte, e as telas não pediam nada.

  12. Minha assessoria diz que ainda é preciso pagar a taxa. No portal de Viracopos há a informação de que a notícia foi dada errada, e que a taxa ainda existe:

    http://www.viracopos.com.br/noticias/aviacao/portal-de-noticias-como-g1-uol-e-info-money-divulgam-informacao-errada-sobre-taxa-de-visto-americano

  13. Esses americanos não dão ponto sem nó mesmo… Quer dizer, então que a taxa de agendamento permanece?

  14. Bóia,
    Que tal colocar no perguntódromo se alguém conseguiu agendar a entrevista. Eu estou tentando desde domingo (meu passaporte saiu na sexta)e não estou conseguindo, mesmo tentando pagar a taxa. Na internet, quando envio os dados do passaporte o sistema volta para a págima inicial e não vem a tela para entrar com os dados do cartão de crédito.
    Tentei por telefone, eles pedem os dados do cartão de crédito (o que leva a crer que a taxa não foi suspensa), mas recebo a informação que o cartão não aprovou. Tentei com 2 cartões diferentes e tive a mesma resposta. Liguei na central do cartão e eles me disseram que não houve nenhuma consulta de crédito.
    Será que após tantos anos fazendo as coisas por conta própria terei que apelar para um despachante?

  15. Na verdade a isençao da taxa procede sim, porém só entrará em vigor para agendamentos a partir do dia 30/04/2012 no novo site de agendamentos :
    http://usvisa-info.com/pt-BR/selfservice/ss_country_welcome
    e os novos postos de atendimento serão inaugurados a partir do dia 7 de maio.

  16. E a novela para tirar o visto continua.
    Com as novas regras, os procedimentos para quem vai tirar o visto pela primeira vez mudaram. Haverá um dia só para o cadastramento biométrico e outro para a entrevista.
    Para quem não mora nas cidades que tem o consulado, ficou muito pior.
    Reportagem do JN: http://g1.globo.com/jornal-nacional/videos/t/edicoes/v/eua-vao-implantar-novas-regras-na-concessao-de-vistos-aos-brasileiros/1911868/
    Melhores Destinos: http://www.melhoresdestinos.com.br/visto-estados-unidos-2.html

    1. Olá, Ingrid! O Ricardo Freire já tinha escrito sobre isso de manhã:
      http://www.viajenaviagem.com/2012/04/visto-americano-site-novo/