Dicionário da Bóia

Caso você tenha descoberto o Viaje na Viagem há pouco tempo, ou ainda continua, ahn, boiando quando lê alguns termos peculiares usados no site, seus problemas acabaram. Basta procurar o verbete nesta página. Boas viagens.

A Bóia a Charada

boia1

A Bóia. No finzinho de 2004, um pouco antes de montar o Viaje na Viagem no Zip.net, pedi ao querido Alexandre Suannes, designer de primeiríssima e meu colega na W/Brasil, para criar o cabeçalho. Dei a ele três fotos que tinha tirado em Los Roques, na Venezuela, e que podiam render um bom aproveitamento horizontal. Uma tinha um pelicano, outra um aviãozinho, e uma terceira, a bóia. O Suannes escolheu a foto da bóia porque tinha mais céu e horizonte, que proporcionavam uma área interessante para jogar o letreiro. (Ou seja: o símbolo do Viaje na Viagem poderia ter sido um pelicano!) Dez meses mais tarde, quando eu estava no início da Expedição Pé-na-areia (três meses de praia em praia pelo Nordeste transmitidos ao vivo pelo blog) eu cheguei a pensar em variar o cabeçalho usando outras fotos. Fui demovido pela reação irada dos leitores. No final de 2007, quando o blog se transferiu para o ViajeAqui e perdeu, por alguns meses, o cabeçalho da Bóia, muita gente ficou inconsolável. Foi quando eu me dei conta de que a Bóia tinha virado uma questão de saúde pública. O público é sábio: enxergou desde o início a Bóia não como um simples enfeite do alto da página, mas como um símbolo do que o site pode fazer pelo viajante. Suba na Bóia, que ela te leva pra onde você quiser chegar.

As Bóias. Desde janeiro de 2011, A Bóia também é o codinome das assistentes do Ricardo Freire. A Bóia mais antiga da equipe atua na resposta a perguntas, enquanto uma nova Bóia compila comentários de leitores, organiza mapas e páginas do menu.

A praia da Bóia. Madrizquí, em Los Roques, Venezuela.

Avivixe. Associação das Viúvas e Viúvos de Xongas Eternamente. O Alexandre Giesbrecht é o autor da sigla, o fundador e o presidente da associação.

Bate-volta. Viagem de um dia só a algum lugar dos arredores, sem precisar carregar mala nem trocar de hotel. Funciona muito bem para lugares que estejam até 1h30 de distância e que sejam visitáveis em poucas horas.

Berimbau. Compra feita por impulso que você acaba carregando pela viagem inteira. Mesmo amaldiçoado durante todo o percurso, existem chances de vocês virem a fazer as pazes depois da viagem. Já discutimos bastante sobre isso numa enquete.

Charada da 6a. Tradicional passatempo que vai ao ar toda sexta-feira. O vencedor ganha a posse temporária do Troféu da Bóia. O troféu tem 70 píxels de altura, vem com o nome do ganhador e fica muito bem em qualquer estante virtual.

Comandante a Diretora

boia2

Comandante. Veja “Tripulação”.

Comentódromo. Na fase do ViajeAqui os posts não podiam ser indexados — por isso, era impossível achar um post específico sobre algum assunto para fazer uma pergunta. Para contornar esta limitação, criei o Perguntódromo — um post-gambiarra (espécie de Formspring avant-la-lettre) em que todo mundo podia fazer qualquer pergunta. Os perguntadores gostavam, mas para o respondedor era um inferno — as perguntas se repetiam a todo instante, porque quem perguntava nao tinha como saber que já tinham sido feitas. Mas o nome era engraçado, e acabou sendo adaptado na nova fase solo como nome da área de comentários.

Comunidade. Comecei usando o termo com alguma ironia, meio na onda do sinônimo politicamente correto de “favela” que cunharam no Rio. Mas no meio do caminho aconteceu a afirmação do fenômeno das “mídias sociais”, e não dava para negar que a coisa tinha ficado séria. Tínhamos virado, de fato, uma comunidade, que se espalhava por vários blogs, alguns deles surgidos por influência do Viaje na Viagem. Todas as enquetes e menções a posts de blogs amigos passaram a ser classificadas na categoria “Comunidade”.

Cónéquissão. Normalmente indica a falta dela.

ConVnVenções. Encontros do povo da Bóia. O primeiro foi em março de 2006, entre o blogueiro e o Alessandro Hirata, o Doktor Alê, em Munique. De lá pra cá já aconteceram ConVnVenções de todos os formatos e tamanhos, em vários locais do Brasil e do mundo. Normalmente são relatadas nos blogs e nos twitters dos envolvidos. Muitas delas você encontra aqui e aqui. Algumas das ConVnVenções maiores são anunciadas previamente aqui; outras, no Filigrana, da Majô.

Co-pilota. Cargo honorífico concedido pela tripulação à Sylvia Lemos, mais conhecida nos meios tuiterísticos como Sylviatravel. No dia em que eu tiver uma editora, vou editar o livro de ouro das dicas da Sylvia e ficar milionário.

#desacordo. Este site tem plena convicção de que essa reforma ortográfica rastaqüera e malfeita não vai cumprir o seu objetivo de unificar a grafia do idioma. Os portugueses não vão se desapegar de suas consoantes mudas nem vão abrir mão de acentos importantíssimos em Portugal, como o de “ficámos”. Por isso, enquanto não der cana, o dono deste cantinho do çáiber-espaço vai continuar escrevendo “idéia”, “Bóia”, “vôo” e “conseqüentemente”, e usando hífens da maneira que achar que facilite a leitura. Além disso, não se espante com grafias pouco ortodoxas como “récorde” ou da manutenção de formas banidas pelos revisores de alguns jornais, como “ter que”, “ao contrário de” e “deck”. Não é ignorância, não. É para dar mau exemplo, mesmo.

Diretora social. É a Majô, do Filigrana. Não me lembro quem criou o cargo (apresente-se, por favor!), mas até hoje não foi contestado. Seu equivalente paulistano é a Liciana.

Lerê a Riq

boia3

Lerê. Tudo o que é obrigatório — entre aspas, claro — numa viagem, e que nem sempre é agradável de cumprir. Quando o tempo é curto e é preciso juntar muitos lerês num mesmo dia, você se sente escravo do lugar que está visitando.

Momento Tommy. Autoconfete. Tommy é o primo da Tássia. Da Tássia Achando.

Organizações da Bóia. Nome-fantasia da holding que controla o site e seus derivados. Não, ainda não há previsão de lançamento de ações na Bolsa.

Pin da Bóia. Idéia da Sylvia, que achava que o Povo da Bóia precisava se identificar mais facilmente nos aeroportos por aí. Acabou sendo materializada pelo EduLuz, que produziu um lote de duzentos pins, já quase inteiramente distribuído em ConVnVenções. Os Pins da Bóia originais são collector’s items e devem alcançar grande valor de mercado nas próximas décadas.

Piti. Blogueiro também tem TPM. De vez em quando ele não agüenta e tem um ataquezinho de pelanca. Seu alvo mais comum são perguntadores que perguntam o que já está escrito no post, ou que têm preguiça de ler os comentários anteriores. Ante estes pequenos acessos de fúria, muitos esquecem a infinita paciência e solicitude 24 horas e quase real-time com que o blogueiro atende aos consulentes. Hmpf!

Povo da Bóia. Veja “Tripulação”.

Riq. Quando era jovem, o futuro dono deste troço encrencou com a grafia “Rick” para o seu apelido e começou a assinar “Rique”. Com o tempo, o “ue” caíram, e ficou esse “Riq” esquisitão. Infelizmente já ficou tarde demais para reverter essa frescuragem.

Rometta a Xongas

boia4

Rometta. Uma vez, depois de consultar sabe-se lá qual site, uma leitora perguntou se tinha que pegar o trem de Roma para algum outro lugar numa estação chamada Rometta. Até hoje não descobrimos onde fica esta Rometta da pergunta, mas o Zé-JET não se cansa de identificar Rometta como a resolução de todas as Charadas de 6a.

Tripulação. Na fase Zip.net do blog, quando a interação ainda era muito pequena, eu costumava me dirigir aos leitores com um respeitoso “Senhores tripulantes”. Quando o blog migrou para a plataforma Wordpress e se tornou repentinamente interativo, eu promovi os passageiros a “Tripulação”. Não tardou para que alguns tripulantes passassem a me tratar por “Comandante”. Fora do contexto pode parecer meio ridículo, mas aqui no site é fofo, vai.

Turistagem. Conjunto de lerês.

Trips. Genial abreviação de “Tripulantes”, cunhada pelo Wander.

Vibanas. Viciados em Buenos Aires Não-Anônimos. Copyright by Mô Gribel. A comunidade está cheia deles.

Vibanear. Ir para Buenos Aires. Não me lembro quem começou a usar como verbo, se foi a Carla Portilho ou a Sylvia.

#vnv. Tag usada no Twitter para designar assuntos de interesse dos trips.

Xongas. Nome da coluna de crônicas que escrevi entre 2000 e 2003 no Jornal da Tarde, e entre 2003 e 2006 na Época. A fase do JT em particular era como se fosse um blog impresso; eu escrevia três vezes por semana e recebia muitos emails dos leitores. Alguns deles estão hoje entre os trips. Uso a categoria “Xongas” para republicar as crônicas que escrevo quinzenalmente na última página do Guia do Estadão.

237 comentários para “Dicionário da Bóia”

  1. [...] querido Ricardo Freire, do Viaje na Viagem, sempre usou o termo “lerê” para se referir aos itens obrigatórios de uma viagem, aqueles monumentos, museus, catedrais [...]

  2. Oi Ricardo!
    Obrigada pelas dicas. Estou indo para Playa dia 20 de junho e como alguns já disseram, a previsão da semana é para chuva. Estou pensando e remarcar para Julho, apesar de preferir fora de temporada. O que vc acha?

    1. Alô, Michelle! Aqui quem responde é A Bóia. Para organizar melhor o site, você poderia repetir a sua pergunta em algum post relacionado à Playa del Carmen? Obrigada!

      1. Amigo, dicas ótimas!

        Sabe dizer se vale a pena estacionar na Barra Funda ou em Guarulhos por 4 dias
        para viajar e ter o carro na mão na volta?

        Conhece estacionamentos nestes locais?

        grata
        Rosangela
        ro@projetoz.com.br

        1. Olá, Rosangela! Em Guarulhos só vale a pena nos estacionamentos que ficam nas redondezas do aeroporto e levam de van ao terminal.

          À Barra Funda é melhor ir de metrô.

  3. Olá Ricardo!
    Estou com a mesm dúvida da Michelle! Estou com medo de pegar tempo ruim do dia 21 a 30. Será que mudo tbm?!! Obrigada!!

    1. Olá, Adriana Michelle! Aqui quem responde é A Bóia. É MUITO FEIO repetir pergunta com nome diferente. Não faça isso, garota. Daqui vemos que o IP é o mesmo.

  4. kkkk é isso aí…a bóia botando ordem no site!Pega na mentira!

  5. gostaria de saber se tem algum problema alugar um carro alemao em Berlim, para seguir viagem até Praga e Budapeste.Agradeço de antemao , a atenção. Obrigada Marina

    1. Alô, Marina! O Comandante não recomenda fazer isso não. Entenda por que:

      http://www.viajenaviagem.com/2011/04/budapeste-viena-praga-use-a-receita-da-wanessa/comment-page-1/#comment-128904
      http://www.viajenaviagem.com/2011/04/budapeste-viena-praga-use-a-receita-da-wanessa/comment-page-1/#comment-136527

      A propósito, se tiver outras dúvidas, por favor deixe dentro deste outro post, sobre Budapeste, Viena e Praga, que tem mais a ver com o assunto. E aproveite para pegar as dicas de viagem da Wanessa ;)

  6. Gostaria de saber como faco p me cadastrar neste blog e receber os post via email?

    1. Olá, Tina! No momento devido a limitações de template ainda não podemos oferecer essa possibilidade. :oops: Mas em breve isso será oferecido, fique ligada.

  7. Como faço para enviar uma foto para a charada?

    1. Olá, Christina! Envie para redacao arroba viajenaviagem ponto com.

  8. Olá Boa Noite Ricardo!
    Nunca tinha visto um blog tão interessante quanto o seu, o descobri por acaso procurando informações sobre Punta Cana, me ajuda pra caramba pois sou agente de viagem e as vezes surgem aquelas dúvidas que facilmente encontro no site,

    Parabéns pelo trabalho!

  9. [...] O Viaje na Viagem é um exemplo. Ele é um dos blogs mais completos do Brasil e traz informações de destinos nacionais e internacionais, com destaque para a sessão sobre os países da Europa. O blog é tão diferenciado que tem até vocabulário próprio [...]

  10. poderia ter informaçoes claras e didáticas para conhecer Istambul e Capadócia, aproximadamente de 2 a 12 de setembro de 2012? Como deve haver muita coisa para conhecer, gostaria de uma seleção das coisas mais importantes.
    Muito obrigADA,mARINA

    1. Alô, Marina! Você encontra o que já foi publicado no site sobre a Turquia nesse post: http://www.viajenaviagem.com/category/turquia/

  11. Quero viajar por 2 semanas em janeiro com meu namorido depois de uma crise,mas a grana não é muita,me dê uma sugestão,ele é musico,somos romanticos e ele nunca saiu do Brasil,pensei em algo romantico mas nao melancólico,ou melhor algo inesquecivel,pensei na europa mas acredito que a temperatura se tornaria um problema,e acredito que americas seria show,pensamos no passado no peru mas acredito que seria chatinho,estou confusa me ajuuude!!!!

    abraços

    1. Olá, Claudia! Comece clicando nos menus superiores. A partir dali você encontrará páginas-guia de diversas cidades. Veja o que combina mais com o casal :) Viajar pelo Brasil não é má idéia, também.

  12. Olá, pessoal, estou indo para Washington na semana de carnaval a trabalho. Tenho a segunda-feira (20) para turistar e as noites dos dias seguintes, até sexta. Alguém tem dicas da cidade?

  13. [...] No ano passado percorri algumas delas. Me apaixonei por todas. Mas como meu interesse era bloguístico fiquei só na observação, não arrisquei qualquer rodopio. No fim de semana – passamos o último feriadão em Buenos Aires – conhecemos a milonga Bien de Abajo que acontece na La Glorieta, no bairro de Belgrano. O local, um coreto, é praticamente ao ar livre e tem entrada grátis. É só chegar e participar. Partimos para lá com um grupo de viajantes brasileiros. Foi o encontro #Vibaníadas2012. Para quem não sabe, Vibana® – Viciados em Buenos Aires Não-Anônimos – é um termo patenteado pela Mô Gribel e acabou entrando para o Dicionário da Boia. [...]

  14. Vou ficar 6 dias em Madri, 5 em Roma, 1 em Florença, 3 em Veneza, 3 em Milão, 3 em Paris, 2 em Londres, 2 em Porto e 2 em Lisboa. Onde faço o seguro de 30000 euros e como fazer a respeito de dinheiro? Devo levar meu extrato bancário provando que tenho saldo suficiente para gastar durante a viagem?

    1. Olá, Flavia! O seu roteiro está muito corrido. Recomendamos rever a divisão de dias e estabelecer prioridades. Consulte o post: http://www.viajenaviagem.com/2010/07/europa-quantos-dias-em-cada-lugar/

      Há diversos seguros-assistência disponíveis para compra pela Internet. Recomendamos o da Mondial.

      Mais detalhes sobre a imigração na Europa aqui: http://www.viajenaviagem.com/2012/05/europa-imigracao-bagagem/

    2. Muito obrigado!Sei que está corrido, Mas as minhas prioridades são conhecer a Itália, visitar a Torre Eifel,atravessar o canal da mancha de trem e conhecer Sobrosa. Este vilarejo fica em Paredes, próximo a Porto. Você sabe como chego lá? Depois retornarei com mais tempo nos lugares que gostar mais. Quanto ao dinheiro, eu já li os prós e os contras neste site. Ainda assim, peço a sua opinião a respeito de quanto levar no visa travel money. Tenho cartão de débito da Caixa e do Banco do Brasil. Posso usar os 2 lá? Tenho minhas dúvidas quanto ao da Caixa no exterior.Penso em levar 500 euros trocados e sacar no aeroporto mais 300 e, quem sabe, 1500 euros no visa travel money. Fica bom assim? Mais uma vez, muito obrigado!

      1. Olá, Flávia! Não podemos dar pitacos em despesas pessoas, justamente porque são pessoais ;) Para entender o funcionamento dos cartões, por favor consulte: http://www.viajenaviagem.com/2012/06/cash-debito-credito-vtm/

        Peço que as dúvidas sejam deixadas em posts mais específicos sobre cada assunto. (Esse é o Dicionário!) Precisamos manter a casa organizada :mrgreen:

  15. Gostaria de parabenizar o site pelo trabalho realizado. Fui recentemente(20-24/jun) à Santiago e me orientei pelas informações do VnV. Por ter informações disponíveis (inclusive com os comentários dos “trips”) pude explorar bem a cidade e em torno.
    Abçs, M Collares
    Não sei se interessa ao site: Em Lastarria abriu o restaurante Nolita (muito bom, fui por acaso, na inauguração). E também: cuidado com overbook da LAN (fiquei presa e só consegui voo no dia seguinte 25jun).

  16. [...] de ser VIBANA® (copyright by Viaje na Viagem) de carteirinha, há muito tempo não piso o solo portenho, ou melhor, não risco os pisos [...]

  17. Prezado Ricardo Freire,

    Eu e meu marido fomos para New York e visitmaos vários sites, entre eles o seu. Queríamos agradecer as dicas, pois foram super válidas. Adoramos tudo que vimos e vivemos em NY. Queremos voltar o mais rápido possível!!! Lugar incrível, com mil e uma opções para todos os gostos…
    Nosso hotel teve uma loclaização privilegiada: Affinia Manhattan e a questão do inglês mais “debilitado”, não impediu que a viagem emperrasse em nada. Foi simplesmente incrível!!!

  18. [...] blogosfera brazuca, e agora ficou muito mais bacana ainda. O Riq aproveitou e elaborou também um glossário bacana da “comunidade da bóia” pros novatos acostumarem com os termos e gírias que a galera VnVética usa comumente lá pela [...]

  19. [...] mas o que eu fiz é nada menos do que o obrigatório. Obrigatório, sim, porém serão os lerês com menos cara de lerês que você vai fazer na [...]

  20. [...] Marinhos Tropicais” foi citado numa reportagem do Globo sobre livros de viagem. Momento Tássia: a 2a edição da versão em português já está encaminhada. [...]

  21. Meu marido e eu pretendemos tirar 10 dias de férias entre abril e junho, e estamos em dúvida entre a Toscana e a Costa Amalfitana. O que você recomenda? O que é melhor nessa época do ano? 10 dias são suficientes?

    1. Olá, Débora! Este post é sobre termos usados pelo site.

      Por favor refaça sua pergunta num dos posts das categorias http://www.viajenaviagem.com/category/toscana e http://www.viajenaviagem.com/category/costa-amalfitana .

      Aproveite para ler os posts antes de perguntar novamente.

      Tanto sua pergunta quanto minha resposta serão apagadas.

  22. Olá Ricardo!
    Farei uma viagem com meu marido para Áustria (Viena) até a Croácia , iremos dia 27/4/2013 a 7/5/2013 , Adoramos suas dicas e gostaríamos de saber se tem alguma especial para nossa nessa época.
    Obrigada Debora

    1. Olá, Debora! Aqui quem responde é A Bóia! Veja o que já foi publicado aqui sobre Viena:
      http://www.viajenaviagem.com/category/viena/

      E todas as dicas da Croácia:
      http://www.viajenaviagem.com/category/croacia/

  23. Muito legal o dicionário… gostei!!!!

  24. [...] mas o que eu fiz é nada menos do que o obrigatório. Obrigatório, sim, porém serão os lerês com menos cara de lerês que você vai fazer na [...]

  25. Olá, Ricardo!
    Você poderia opinar sobre esse meu roteiro?
    Estamos planejando 20 dias Portugal/Espanha, emsetembro. O que queremos visitar:
    PORTO e arredores;
    LISBOA (já estivemos em Lisboa por 1 dia e tb já estivemos em Sintra, Caiscais, Estoril, Batalha, Fátima). Alguma sugestão de outros arredores?
    LISBOA/SALAMANCA (não estou sabendo comprar trem noturno com cabine completa!!!);
    SALAMANCA/AVILA (provavelmente um bate e volta de Salamanca)
    SALAMANCA/VALÊNCIA
    VALÊNCIA/MADRID – Madri já conhecemos. Uns 2 dias na cidade para relembrar já basta e, então, bate e volta para Segóvia e outros arredores. Sugestões?
    Quantos dias em cada lugar? Me parece que estão sobrando dias que não sei como preencher. Alguma sugestão? Já andamos pela Andaluzia até a Costa do Sol… Barcelona mais de uma vez. Gostaríamos de conhecer “pueblos” nos arredores dessas cidades que citei!
    Obrigada se puderes opinar.
    Abraço e parabéns!
    Jussara

    P.S-Estamos preferindo trem ao carro. Avião, só em último caso. (é possível receber respostas pelo meu e-mail?)

    1. Olá, Jussara! Esta página é sobre termos usados no site.

      Leia sobre Portugal e Espanha:
      http://www.viajenaviagem.com/2012/10/praiometro-nordeste-caribe/

  26. [...] dia seguinte, o tão esperado momento: o encontro com nosso Comandante. Nos hospedamos no Mar Ipanema Hotel, que fica a um pulo do ponto de encontro de onde sairiam as [...]

  27. Olá Ricardo Freire,
    escuto seu programa na Band e gostaria de fazer uma “consulta”: Eu, meu marido, minha cunhada e cunhado, queremos ir ao Peru, conhecer alguma coisa por lá e também visitar Machu Pichu e outros locais interesantes. No entanto não sabemos qual a melhor época para viajar, o que levar, etc.

    O tempo que pretendemos dispender nessa viagem é de 10 dias. Temos idade variando entre 64(eu), 69(meu marido) e 74(meus cunhados).

    Gostariamos do máximo de informações possivel, tais como: cia. que faz o voos, hotéis, traslados aero/hotel, táxis, melhores compras, como chegar (bem) a Machu Pichu, passeios, onde comprar os ingressos para ir etc.

    Sei que não vou ficar decepcionada com a resposta. Se puder responder por e-mail ficarei muito agradecida, pois durante o programa da Band não dá para fazer anotações e a cabeça já não guarda as coisas muito bem… rsrs

    Ficarei no aguardo com ansiedade, sempre atenta às suas recomendações.
    Um abraço e muito sucesso!

    Marta Segala

    1. Olá, Marta!

      Quem responde é A Bóia.

      O Ricardo Freire nunca foi ao Peru, por isso não temos conteúdo próprio sobre o país.

      Indicamos vários blogs que oferecem respostas às suas perguntas:

      http://www.viajenaviagem.com/category/peru

  28. Olá,

    Que pena!

    O Ricardo descreve tão bem os lugares que é quase uma viagem que faço com ele!

    Já havia olhado essas dicas sobre o Peru e não me animei muito, principalmente por causa da altitude, que não pensei fosse tão alta (3.300m) e as comidas. Não por mim, mas meu marido e minha cunhada são enjoadinhos para comer e também porque já temos um pouco de idade e não sei se seria uma boa enfrentar lugares tão altos.

    O objetivo maior é conhecer Machu-Picchu! E parece ser meio complicadinho obter ingressos! Vou consultar uma agência de viagens e ver se vale realmente a pena.

    De qualquer maneira, vou pesquisar bem e, quem sabe, encarar esse desafio.

    Agradeço o rápido retorno.

    Estou sempre por aqui. Recentemente fizemos uma viagem a Santiago do Chile e fomos descendo pelos Lagos Andinos até chegarmos a Buenos Aires, numa viagem que durou 10 dias, passando por Bariloche (que amei), tudo com dicas daqui.

    Obrigada pelos passseios que faço através de vocês.

    Fale pro Ricardo Freire ir ao Perú e depois nos contar como foi o passeio.

    Sucesso com o site e blogs.
    Beijo

  29. Maria do Carmo
    29 de Junho de 2013.
    Olá Bóia!
    Estamos com uma viagem marcada, eu e meu marido, para Punta Cana, no dia 20 de agosto á 27. Gostaria de saber se è um bom mes, para irmos? Fizemos reserva para o Risort Melliá. Será que fizemos uma boa escolha. Tanto do Hotel quanto do mes?
    Não vi nada, sobre o que vou perguntar, mais se puder me orientar, ficarei muito agradecida. Para uma viagem de oito dias, o que devo levar na mala?
    Aguardando resposta.
    Agradeço de coração