Dezesseis

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

[caption id="attachment_5826" align="aligncenter" width="450" caption="Uma idéia sem pé nem cabeça? Não acho, não"]Não, eu não acho a Olimpíada no Rio uma idéia sem pé nem cabeça[/caption]

É claro que os orçamentos vão inchar. É claro que muito do que está planejado não vai sair do papel. É claro que não saberemos onde vai parar boa parte do dinheiro. Mas é claro, também, que o Rio e o Brasil não podiam deixar passar esta oportunidade.

Por favor, não me fale mais de Pan. O Pan é um péssimo parâmetro. Sim, em 2007 aconteceu tudo isso que tememos que se repita, multiplicado por cem, em 2016. A diferença é que o Pan não valia nada.

Ninguém presta atenção nos Jogos Pan-Americanos. A única potência esportiva que leva o Pan a sério é Cuba. Os resultados não rendem uma linha de noticiário fora da América Latina.

Ainda está para ser encontrado algum turista que tenha programado uma viagem por causa de um Pan, seja lá onde for. Acontece justamente o contrário: muitos turistas deixam de viajar para um destino, ao imaginar que o lugar possa estar conturbado ou caro por causa de uma competição esportiva internacional.

A única função do Pan era mostrar ao COI que o Rio não é uma mega Cidade de Deus. Deu certo: os jogos transcorreram na mesma santa paz da Rio 92.

Evidentemente naquela época não dava para imaginar que os Lehman Brothers nos dariam essa colherona de chá, provocando o tsunami financeiro do mundo desenvolvido. Tampouco que, depois de surfar na marolinha, Lula se tornaria Luiz “he’s the guy” Inácio.

A verdade é que agora, com a Olimpíada garantida, finalmente o Pan passa a ter sentido. Se perdêssemos a eleição mais uma vez, o desperdício teria sido total.

É lógico que os erros do Pan podem ser evitados – ainda que nem a Velhinha de Taubaté acredite nisso. Mesmo que tudo ocorra conforme tememos, porém, terá valido a pena.

Na melhor das hipóteses, o Rio se barceloniza, ganha o banho de loja de que está precisando desde a perda do governo federal para os confins do Cerrado.

No mínimo, a Olimpíada rende ao Brasil um espaço valiosíssimo no horário nobre do mundo. A Copa também faz isso, mas com uma limitação: não reverbera nos Estados Unidos. A Olimpíada completa o pacote.

A exposição internacional intensa por três ou quatro anos abre possibilidades para o Brasil que nem a incompetência ou a corrupção de qualquer governo podem atrapalhar completamente.

Está bem, eu sei: se você é contra o Rio 2016, não é uma croniquinha que vai te convencer do contrário.

Vamos dividir as tarefas principais, então. Ambas são igualmente importantes. Quem é contra, que fiscalize. Quem é a favor, que empreenda.

Texto originalmente publicado no Guia do Estadão.

39 comentários

Tweets that mention Dezesseis « Viaje na Viagem -- Topsy.com

[...] This post was mentioned on Twitter by Nelson Biagio Jr. Nelson Biagio Jr said: RT @riqfreire: Por que eu não acho o Pan uma régua adequada para medir a Olimpíada http://migre.me/8Gdp [...]

Viajante Oficial

Todo mundo feliz que o Rio vai sediar as Olimpiadas 2016. E os governantes do Rio mais ainda. São eles que vão superfaturar as obras olímpicas, passar a mão na nossa grana e investi-la no tráfico de drogas. E o povo comemora!

Nos Jogos Pan-Americanos 2007 o Rio não cumpriu quase nenhuma das promessas/exigências. Mas vamos nos alegrar! É dada uma nova oportunidade para não cumpri-las de novo!

Leia na íntegra aqui:
http://danilogentili.zip.net/arch2009-10-01_2009-10-31.html

Sandro
SandroPermalinkResponder

E como repercute no mundo. Aqui em Helsinki eu quase tive que organizar uma coletiva no trabalho de tantas vezes que eu tive que explicar o que eu como Brasileiro e carioca achava de termos sido escolhidos para sediar as Olimpíadas. smile E quando eu explico que teve o Pan em 2007 ninguem nem sabe/entende o que é isso.

gabebritto
gabebrittoPermalinkResponder

Eu fui contra desde o início. Mas depois que ganhou, passei a torcer para que dê tudo certo e que o Rio vire um lugar tão desenvolvido quanto já é lindo. Tenho dificuldades enormes para acreditar que isso vá acontecer, mas torço muito.

Mari Campos
Mari CamposPermalinkResponder

Otimo! Alias, adorei tambem "Na melhor das hipóteses, o Rio se barceloniza".

Rosa
RosaPermalinkResponder

A tarefa de fiscalizar deveria ser de todos, quem sabe assim políticos e empresários ajam com mais seriedade e menos falcatruas.

Amélia
AméliaPermalinkResponder

Fui contra até o momento que passei a acompanhar a transmissão de Kopenhagen, com todos aqueles discursos e aí... gostei do que "our guy" disse, fomos o unico pais a se manifestar em 4 idiomas, achei o marketing bem feito e foi merecido ganhar.Agora temos que acompanhar passo a passo antes que acabemos no noticiário policial.Vamos dar uma chance para Deus provar que é brasileiro messssssmo!

@pixelie
@pixeliePermalinkResponder

ah muito bem escrito este texto. e muito bem colocado.

Ernesto, o pato

Sou a favor das olimpiadas, mas lamento que as pscinas e todos os espaçõs esportivos construidos para o Pan na Barra foram praticamente abandonados e não reverteram em uso da comunidade. Pelo menos foi o que presenciei quando fui para um Congresso no Rio Centro o ano passado. Achei um grande disperdicio de dinheiro, e com um pouco a mais podeiramos contratar professores de educação fisica, e se não formarmos grandes atletas, pelo menos serão pessoas mais saudáveis. Ainda dá tempo de abrir todos estes espaços em favor da comunidade.

Hugo Loureiro
Hugo LoureiroPermalinkResponder

Sabe aquela história do filho falar com os pais que vai sair com uns amigos, ir para um lugar legal, passar noite fora. Uns proibem, outros permitem mas com muitas recomendações e outros até incentivam. Mas, quando o filho sai pela porta, todos ficam torcendo(rezando) para que ele volte, são e salvo.

É mais ou memos isso que eu sinto, não queria que acontecesse, mas já que vai acontecer, espero que o Rio e o Brasil façam as coisas de forma que no fim saíamos todos bem.

Mariana "de Toledo" _ @merel

Olha, eu sou entusiasta, eu sou carioca, eu fui no Pan até em levantamento de peso (não estou brincando) e AMAY! Para mim está sendo a realização de um sonho poder ir em uma Olimpíada, ainda mais quando a minha cidade é sede.

Já falei: quem não curtir a idéia passa 1 mês em Teresópolis, e é isso.

Helo
HeloPermalinkResponder

Olá a todos, antes não era a favor, mas depois que o Rio foi eleito, torço que tanto as Olimpiadas quanto as ParaOlimpiadas seja o maior sucesso!!! É uma oportunidade impar para o Brasil!!! E para ter o impacto que todos nós desejamos, cada um, a sua maneira, tem de contribuir...Parabens pelo texto!!!

Zé Maria
Zé MariaPermalinkResponder

--Eu nasci com o rabo virado pra lua, e com GPS dentro.
Palavras do Lulalá, na coluna da Mônica Bergamo, semana passada.

Marcie
MarciePermalinkResponder

Eu, que já trabalhei em várias Olimpíadas, acho a maior curtição. A cidade fica uma delícia, um monte de gente de outros países, uma farra só. É natural que haja a preocupação de construir, reformar e depois poder reverter para a comunidade. Na maioria dos lugares isso acontece, sim. E sei também que na maioria dos lugares o lucro é quase inexistente. Mas o prestígio, esse fica pra sempre.
E apesar de achar muito difícil eu trabalhar no Rio em 2016 estou achando o máximo: quem sabe eu até consiga ir como espectadora? :cool:

Eleonora
EleonoraPermalinkResponder

È isso ai Ricardo, como carioca digo: TO LEGAL DE BAIXO ASTRAL!

Flávia (Avassaladora)

Ric, não sei se vai dar certo, não sou contra nem a favor, que venha as Olimpíadas e que sirva para tentar melhorar o país, de uma forma ou outra!
Agora, o quê eu DEFINITIVAMENTE NÃO GOSTEI FOI O "confins do Cerrado". Minha cidade não é isso, aqui é lindo, e você deveria passear por aqui para conhecer nossas belezas. Aliás, é o meu desafio pra você, fazer posts sobre o lindo cerrado e seus encantos...
Beijos e bom findi!!!

Ricardo Freire

Menos, Flavia, please! Em 1960 aí era os confins do Cerrado, sim. Hoje é uma bela cidade, sobre a qual eu já escrevi algumas vezes. Morei aí entre 71 e 75. Tenho uma irmã brasiliense.

A gente precisa parar com essa mania de se ofender por qualquer coisa...

André Lot
André LotPermalinkResponder

Riq, também não gosto do pronome demontrativo "lá no Cerrado", lá no interior, que a maioria das pessoas que cresceram em cidades importantes como Rio e São Paulo usam para se referir ao local onde está Brasília, mas entendi o contexto e não fiquei ofendido pelo mesmo.

Todavia, isso me fez lembrar como vários conhecidos cariocas que tenho com mais de 40 anos ainda são ressentidos pelo fato do Juscelino ter construído a obra-prima que é Brasília (em 1960 era Cerrado mesmo...).

Cristiana
CristianaPermalinkResponder

Boa, Riq. Um post prá lá de equilibrado.
Pessoalmente, apesar de A-M-A-R os Jogos Olímpicos e a suposta alegria que cerca o evento, além de ter como sonho assitir as Olimpíadas, eu não estava levando fé na possível vitória.
Fui ao Pan e passei por vários dos problemas relatados por todos. Fui voluntária e me revoltei, porque após preenchimento de um cadastro imenso, me pediram pré me recadastrar, passando TODAS as info, de novo. Tremenda falta de respeito!!!
No entanto, torço MUITO prá que dê certo. Extremamente certo. Se existe uma frase do Lula que não precisa de qualquer reparo é a que indicou que o Rio precisa e merece um evento dessa magnitude.
No mais, é EXATAMENTE o que vc disse: quem gosta - empreenda, quem não gosta - fiscalize.
Isso é democrático e NECESSÁRIO prá que tudo funcione a contento.
Abraços fortes e minha admiração,

Rosa
RosaPermalinkResponder

Eu sou brasiliense e o meu marido carioca. Ele critica BSB até dizer chega(haja defeitos pra uma cidade tão jovem...), eu digo que amo e que BSB é maravilhosa. O Rio? Bom, ele não vai dizer como eu tenho que agir. Então, nada de críticas, eu amo o Rio e acho o Rio maravilhoso!!!

Érica França

Concordo em gênero, número e grau. Não será perfeito, mas valerá a pena. E amei seu pedido: fiscalizar e empreender. Todos temos de trabalhar para que tudo dê certo. Beijo.

Léo Luz
Léo LuzPermalinkResponder

Que máximo! Estou muito feliz!
A setor do turismo vai agradecer. Muito emprego direto e indireto, sejam eles temporários ou não!
Precisamos disso e certamente aumentaremos a participação do turismo no PIB nacional em função disso tudo! Vamos viver essa emoção!

Obs: devo ressaltar que considero muito ácidas as piadas que circulam na internet em função dessa nossa conquista.

Rodrigo Dantas

Belo texto

Paulo
PauloPermalinkResponder

Se houvesse alguma ideologia na criminalidade carioca, seria uma otima oportunidade para os bandidos estourarem alguem da nata do esporte mundial e mostrarem para o mundo quem manda (apenas no Brasil, claro) e que no Rio nao ha lei ou ordem. Mas acho que nem pra isso vai servir a olimpiada. A primeira propina dentre muitas que virao foi um suprimento vitalicio de drogas e prostitutos (de qualquer idade ou sexo) pra muitos dos integantes do comite olimpico.

Marcel Alcantara

Torci muito! Agora eu vou fiscalizar e empreender também.

Beto
BetoPermalinkResponder

Há um medo do fracasso que prefere desistir na véspera a assumir responsabilidades maiores no presente e no futuro. Esse discurso de que o brasileiro é incapaz é a coisa mais fascista que eu conheço. Se o país se comporta de acordo com a sua dimensão, assumindo a sua liderança natural e lidando sem complexos com o resto do mundo, surge sempre uns asas negras pra dizer que somos uns vagabundos, incapazes e ladrões. Essa história é velha. Sinceramente, acho que isso tá mudando e tá prestes a acabar. A sacação genial do complexo de viralata pode estar sendo finalmente superada.

Lea Dorf
Lea DorfPermalinkResponder

Ótimo texto, Riq! Como sempre traduziu o que muitos de nós sentimos quando o cara do COI anuncio "Rio de Haneiro"....

Netto
NettoPermalinkResponder

OPORTUNIDADE ÚNICA !
A imagem do rio muitas vezes se confunde com a do Brasil, cartão postal, capa. Logo, independente dos jogos deveria ser tratada como questao de nação. Ja que assim nao aocntece essa é uma grande chance do Rio. Só o metro da Barra que é uma obra bilionária, se sair do papel já terá valido a pena. Os grandes investimentos sao todos em infra que fica pra cidade. Aeroporto, porto, revitalizacao da zona portuaria, metro, novas vias expressas etc Sem contar q o mundo vai conhecer a cidade mais encantadora do mundo. Quanto custaria essa publicidade toda > E pro brasil mostrar que não é só bunda , futebol e que aqui se fala portugues e nao espanhol...

Netto
NettoPermalinkResponder

Quanto a segurança é sem duvidas um grande impulso ao plano de segurança publica atual. DURO, LENTO, correto, em sua origem mas a longo prazo. Com as Olimpiadas o plano de pacificacao das comunidades deve ser acelerado. Que o Cristo olhe por nos.

marcia daskal
marcia daskalPermalinkResponder

Olha que eu tô até mudando de idéia! Que venga, e que os benefícios sejam maiores que os ganhos! Duela a quem duela.

marcia daskal
marcia daskalPermalinkResponder

ooops...que os benefícios sejam maiores que as perdas...desculpem nossa falha...

Beth
BethPermalinkResponder

Eu fiquei impressionada com a repercussão que a escolha do Rio teve na mídia do Reino Unido. Foi notícia de primeira página em todos os jornais e destaque nos telejornais, com entrevistas e tudo o mais... Só li e escutei elogios... (Comentaram até do Lula ter chorado...smile) Me senti 'orgulhosa' de ser brasileira e comovida até... Acho que a escolha do Brasil representa que finalmente estamos sendo 'levados a sério', como uma nação que tem um papel importante no cenário internacional. A escolha do Brasil para sediar as Olimpíadas não vieram no vácuo... Junte a isto o novo contexto internacional, como as mudanças no G20 e as propostas para mudanças no conselho de segurança da ONU, por exemplo... Acho que Rio 2016 é apenas o começo!! Como disseram aí em cima, finalmente podemos começar a superar nosso 'complexo de vira-lata'...
Beth

Lu
LuPermalinkResponder

Eu, como carioca da gema, apaixonada pelo Rio, estou na onda do é agora ou nunca! Estão nascendo vários movimentos formados por formadores de opinião, tentando exatamente contribuir p/que todo esse projeto ñ seja em vão, incutir o espírito de fiscalização, e tb definir o que pode ser feito em paralelo. Fiquei super feliz qdo li a cronologia dos eventos e vi que em um dado momento está prevista a educação pelo esporte e o espírito olímpico. Se conseguirem explicar isso ao povo carioca e se essa moda pega, já valeu a pena!!

Carmen
CarmenPermalinkResponder

16 é uma crônica muito inteligente e sensata. Já ganhou Rio, já ganhamos todos nós...

Claudio
ClaudioPermalinkResponder

Grande oportunidade pro Brasil sair do "pais do futuro" e ser o "pais do presente" do AGORA...
Aqui na Florida virei celebridade, todo mundo dando parabens e eu super orgulho de ser brasileiro! Eh uma sensacao tao boa e gostosa, tomara que dure muito tempo...
Viva Rio 2016

Claudia Liechavicius

É a chance do Brasil mostrar sua força para o mundo. Vivemos num país com grande potencial. Sediar os Jogos Olímpicos 2016 é uma benção para a "Cidade Maravilhosa". Como Copenhague assistiu esse momento histórico, mando um link postado exatamente de lá.

http://www.viajarpelomundo.com/2009/10/o-reino-da-dinamarca.html

Vamos torcer!!!

Luiz Henrique Fruet

Caro Ricardo,

TRENS ITÁLIA - Estou planejando viagem à Itália principalmente com base em suas dicas e as de seus colaboradores - ótimas dicas, por sinal.
Estou encontrando dificuldades em comprar as passagens de trem pela internet. A Trenitalia não aceita meus cartões de crédito. Segundo Visa e Mastercard, estão todos em ordem. Até já comprei entradas nos museus de Florença e eles foram aceitos sem problemas. Você tem alguma dica sobre a Trenitalia? Ele não costuma aceitar cartões emitidos no Brasil?
Obrigadíssimo antecipado por suas dicas

Andre Lot
Andre LotPermalinkResponder

Te adianto que esse problema é meio comum. Se vc for usar um Visa Travel Money/Cash Passport, a chance de dar errado é menor.

Ricardo Freire

O site dá problema com cartões internacionais em geral, os americanos também reclamam.

Como o André falou, tente com um VTM, tem gente que consegue. (Mas outros, não...)

Se a sua viagem for para um dia muito concorrido (tipo feriado), compre em http://www.raileurope.com.br -- a taxa é de 17 euros por viagem (ida ou ida e volta), mais 12 reais para entregar todas as passagens na sua casa por Sedex.

Senão, deixe para comprar no seu primeiro dia na Itália, em qualquer estação.

Se quiser continuar esse assunto, por favor use um dos posts sobre trens na Europa, como este:
https://www.viajenaviagem.com/2009/06/trem-na-europa-qual-e-a-antecedencia-necessaria-para-conseguir-as-tarifas-promocionais/

(Este post aqui é sobre Olimpíadas 2016.)

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar