Seguro-saúde no exterior: a Wanessa usou (e conta como é)

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Usando seguro-saúde no exterior

A Wanessa Lima, que destrincha Buenos Aires com riqueza de detalhes no seu Caderno de Viagem, deu uma passadinha semana passada por aqui para dar um depoimento que faltava nos nossos arquivos: como é usar um seguro-assistência durante uma viagem. No seu caso, foi o seguro "automático" do cartão Visa. Sua experiência positiva:

Voltei há uns dias de minha última viagem e dessa vez precisei usar o seguro saúde…

Comprei as passagens com cartão Visa e resolvi usar o seguro que eles oferecem. Como estava indo para a Europa, entrei em contato com eles para pegar o “certificado Schengen” para apresentar à imigração se fosse o caso. (Não me pediram.)

O procedimento foi simples. Por telefone, me deram um endereço na internet que eu precisava acessar para preencher meus dados e, dentro de 72 horas, receberia o certificado por e-mail. Não recebi no prazo, mas liguei para eles novamente e recebi na mesma hora. Também me passaram os números de telefone para os quais eu deveria ligar em cada um dos países do meu roteiro (isso foi iniciativa deles, eu não perguntei).

No meio da viagem, em Budapeste, precisei de atendimento e liguei para o número indicado. Fui atendida em português. Expliquei o problema, me deram o número de protocolo e disseram que devia aguardar a visita do médico em 50 minutos. Dentro desse prazo, me ligaram para dizer que, por causa do tipo de problema que eu tinha, seria necessário fazer o deslocamento para um hospital, mas que o médico da seguradora viria ao hotel para me acompanhar e que eu tinha de pagar esse custo, não coberto pelo seguro. Esse foi o único contato feito em inglês.

Aguardei mais um tempo – não foi muito – e o médico chegou apenas para me acompanhar ao hospital. Se eu não estivesse viajando sozinha e se não fosse de madrugada (medo!), eu teria tentado dispensar essa etapa, mas, nessas circunstâncias… Paguei 60 euros para o médico me levar no carro particular dele ao hospital.

Chegando lá, o lugar parecia meio abandonado, porque não era um local que tivesse internação, então, havia só uma atendente dormindo atrás do balcão(!). Ela chamou a médica de plantão e fui para a sala de exames. Fiz uma ultrassonografia e fui liberada para voltar ao hotel com a receita dos medicamentos que precisava comprar. Saí procurando o médico do seguro (que, na minha imaginação, deveria me levar de volta ao hotel), e ele tinha ido embora(!) sem me avisar (!!).

Pedi para a médica que havia me atendido chamar um táxi (e ela tinha muito boa vontade). Paguei o equivalente a 4 euros pelo táxi.

Em resumo: o atendimento da seguradora por telefone foi ótimo, todos foram bastante atenciosos e ter podido falar em português ajudou muito. O atendimento pela médica no hospital também foi ótimo. Agora, o médico da seguradora tinha de ter ficado me esperando para me levar de volta ao hotel! Arquei com um custo de 60,00 euros apenas pelo serviço de transporte, porque a assistência médica que ele me prestou foi mínima. Essa semana foi que enviei toda a documentação para a seguradora, então ainda não sei se vão me ressarcir ou cobrar alguma das desperas, mas não tive de pagar nada adiantado pelo atendimento no hospital nem pela ultrassonografia. Paguei a medicação na farmácia (muito barata, aliás). No geral, fiquei satisfeita com o atendimento (tirando o médico fujão…), principalmente pela rapidez com que foi prestado. Acho que usarei de novo o seguro do cartão.

Obrigado, Wanessa!

E você? Já precisou usar o seguro-assistência em viagem? Conte pra gente como foi!

463 comentários

tati
tatiPermalinkResponder

Olá Bóia! Parabens pelo seu blog... Olha só vou viajar pra europa, se eu comprar a passagem pelo visa gold, o seguro oferecido por esse cartão, já é o suficiente para ser aceito pela imigração? olhei o site, mas não achei uma resposta que me convencesse... ou seria só o visa platinum? e caso seja aceito, como imprimo o certificado? obrigada...

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Tati! É preciso consultar o emissor do cartão. Entre em contato pelo atendimento telefônico.

Dayse Macedo
Dayse MacedoPermalinkResponder

Olá Tati, também vou viajar e comprei com o cartão visa gold, mas não consegui o seguro não. Liguei pra eles e me informaram que não tem mais o seguro. Você conseguiu seguro pelo visa gold?

Marcus
MarcusPermalinkResponder

Olá, Tati e Dayse. Já parei para ler o contrato da VISA. Só os cartões PLATINUM cobrem o seguro Europa.

Monica Victorino

Concordo com o Marcus, Tati e Dayse. Eu possuo o cartão Visa Gold e não possuo direito. Somente o Platinum mesmo! sad

Augusto
AugustoPermalinkResponder

Boa noite! já emiti o certificado schengen p Europa. Imprimi a primeira folha do certificado schengem contendo os dados da viagem como: meu nome, data de inicio e fim da viagem, os 6 primeiros numeros do cartão visa platinum...se for solicitado em algum país da Europa e só apresentar essa folha que imprimi ou eles exigem mais algum coisa?
fico no aguardo de sua resposta
Obrigado

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Augusto! Se você precisar usar o seguro, talvez precise esperar que a seguradora confirme que você comprou a passagem ou a taxa de embarque com o cartão, antes de executar o atendimento.

Léo
LéoPermalinkResponder

Bóia, demais blogueiros, talvez vocês possam me ajudar.

Eu e minha companheira, que estpa grávida, viajaremos ao exterior em dezembro e janeiro. Telefonei na VISA e a atendente, muito solícita, explicou que eventos relativos à gravidez não estão cobertos pelo seguro do cartão. Há uns 3 dias tenho feito simulações nos sites das seguradoras e sempre, ao ler as condições contratuais, deparo-me com a exclusão da gravidez. Vocês conhecem e indicam algum seguro-viagem que contemple a gravidez?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Léo! A Assist-Card tem um produto que cobre até a 32a. semana:
http://www.assist-card.com.br/Topicos.aspx?idTop=60

Fabio
FabioPermalinkResponder

Faz na http://www.worldnomads.com/ é a melhor essa não tem erro. Oferecido pela empresa dinamarquesa (existe procedência mais confiável)e indicado pelo excelente guia Lonely Planet, ele tem um preço imbatível, cobertura ilimitada em serviços médicos e inclui acidentes em esportes de risco sem cobrar um acréscimo (como mergulho, não há coisa melhor), coisa que nenhuma outra marca faz. Em outras palavras, tem um custo-benefício muito superior.

Só ir no google e buscar

https://www.google.com.br/search?q=world+nomads+seguro+viagem&oq=worldnomads+segur&aqs=chrome.1.69i57j0l5.3400j0j7&sourceid=chrome&espv=210&es_sm=93&ie=UTF-8

Vítor Goersch

Olá Boia e colegas,

Alguém mais conhece ou já usou esse seguro do WorldNomads, indicado pelo Fábio?

Além disso, vou à Europa em setembro e tenho um amigo alemão que agora mora no Brasil, mas ainda tem um "endereço fixo" na Alemanha, e disse que é possível emitir um seguro por lá, o que sairia bem mais barato do que daqui. Alguém sabe se isso poderia trazer alguma complicação?

abs

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Vítor! O importante é que o seguro ofereça os 30.000 euros de cobertura exigidos pelo Espaço Schengen, assim como repatriação de corpo em caso de falecimento.

Lorenza Cordeiro

Oi! Valeu a dica! Dei uma olhada na abrangência do seguros da worldnomads e me pareceu muito bom! Inclusive eu não havia prestado atenção na cobertura para casos de acidentes advindos de atividades esportivas, como mergulho, por exemplo. Achei bem interessante a proposta deles.

Gerson Strelniek

A Boia.
Por favor. Alguém com mais de 70 anos teve experiência com o seguro de viagem Visa Infinite. Não consegui ver no site nada a respeito.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Gerson! É preciso comprar a passagem ou a taxa de embarque com o cartão. Você emite o certificado no site do Visa. Ao precisar usar o serviço, vai ter que ligar para o telefone informado da seguradora. Será necessário apurar se o seu cartão foi usado para a compra da passagem ou da taxa de embarque. Em alguns casos você vai precisar pagar o procedimento médico e pedir reembolso ao voltar.

Acreditamos que seja válido para maiores de 70 anos também. Mas para ter certeza, comunique-se com a central de atendimento do Visa.

Gerson Strelniek

Obrigado A Bóia. A dúvida é sòmente os " mais de 70 ".

Gerson Strelniek

A Bóia.
Acabei de contatar a central de atendimento do Visa. Não há limite de idade ( no meu caso +70). Mandaram-me um e-mail com todas informações.
Foi-me dito, inclusive, para ter sempre o n. de telefone à mão. Assim qualquer problema é resolvido de imediato. Se não, pagar as despesas e
exigir todos os recibos e documentos para apresentá-los logo depois e ter as despesas devolvidas. OK

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Gerson! Obrigadíssima pelo retorno!!! Muito gentil!

ricardo igreja

Olá Bóia, eu comprei passagens para os EUA (NY) pelo Visa Platinum, e sei que para lá não tem o lance do certificado - tratado para entrada obrigatória com seguro-saúde. Mas a minha pergunta é a seguinte: liguei para o Visa e eles disseram que o meu cartão dá 25 mil de seguro-saúde, sem doença pré-existente, porém; tal é recomendável para 13 dias lá nos EUA? 2 - Eles só me enviaram os múmeros de telefone e um caderno de condições gerais dos benefícios do cartão, com o seguro-saúde incluído, mas sem apólice, sem mais nada. Disseram que eu tenho que ligar, se for o caso, e provar a compra pelo cartão - comprei a taxa de embarque (resgatei milhas) no cartão e outras 3 passagens no mesmo cartão. É so isso msm? tem mais documentos (apólice, cartão de seguro?) Obrigado.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Ricardo! É como a moça explicou. Você não paga nada, mas haverá uma certa burocracia para provar a compra da passagem com o cartão caso você precise usar o seguro.

Se você investir num seguro-saúde à parte (não é caro), você terá um atendimento mais agilizado.

Elza
ElzaPermalinkResponder

Boa noite Boia,
Poderia me informar se tenho que ter um seguro para Londres alem do schengem.
Grata
Elza

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Elza! Não saia do Brasil sem seguro, quer o país exija, ou não. A preocupação maior tem que ser sua.

cesar
cesarPermalinkResponder

olá gostaria de saber como procedo em viagem a California EUA eu sou renal cronico e necessito fazer hemodialise em transito teria de fazer 4 seçoes de 4 horas em solo americano gostaria de informaçoes como levanto custo disto? é via seguro?

rafael
rafaelPermalinkResponder

ola, boa noite! vou viajar para orlando e comecei a pesquisar sobre a questão do seguro viagem. Tenho algumas duvidas, seria ótimo se vc pudesse saná-las!
1 - pesquisei em varias empresas de turismo e algumas vendem um seguro no esquema de reembolso (eu pago a "emergência" e eles me reembolsam), já outras vendem um seguro que eu não tenho que pagar nada, é tudo por conta deles. É normal isso mesmo?
2 - tenho o visa infinite e tbm me informei sobre o seguro deles, realmente não tem apólice, nem nada...apenas comprovar que comprou as passagens no cartão. Mais isso é fácil neh, afinal vem na fatura, ou não?! obrigado desde já

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Rafael! Existem essas duas modalidades. O melhor é o que você não precisa pagar primeiro para ser reembolsado depois. O seguro do cartão costuma ser desse tipo (em que você paga primeiro para pedir reembolso mais tarde).

Baran
BaranPermalinkResponder

Rafael,

O seguro do Visa Infinite é complementar a seu seguro principal, se você tiver um. Ele cobrirá o que o seu seguro principal não cobrir. Se você não tiver um seguro principal, o Visa cobre tudo, dentro dos limites que ele oferece.

Para fazer uso do seguro do Visa, tem que solicitá-lo antes de viajar por este site: http://www.interpartner.com.br/visaoutrospaises/

Em viagem recente tive uma emergência médica. Havia contratado um seguro, que está me reembolsando as despesas que tive mas deixou por minha conta uma franquia de US$ 100. Estou agora pedindo ao Visa o reembolso desses US$ 100.

kleber
kleberPermalinkResponder

ola, fiz uma cotaçao na mondial, mas gostaria de almentar os valores segurados, europa, será que e possivel?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Kleber! Entre em contato com a Mondial. O atendimento deles é em Português e vão saber explicar direitinho como fazer.

Denise maria Barbosa

Ola gostaria de uma informacao: Vou fazer uma viagem para Europa ( pela iberia ida Sao paulo -madri- Frankfurt. e volta Frankfurt. _madri_ Rio de Janeiro com troca de aviao para tam para chegar em Sao Paulo destino final. So que vamos ficar a noite toda no aeroporto do Rio para viajar para Sao Paulo com o sou de Belo Horizonte. Posso pegar um voo direto Rio BH sem fazer a ultima conexao? E alfandega free shop e bagagem como fica? Agradeco a ajuda

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Denise! Este é um post sobre seguro-saúde. Por favor, repita a sua pergunta aqui: https://www.viajenaviagem.com/2013/11/hidden-city-ticketing-brasil

MILENA
MILENAPermalinkResponder

Oi, eu pretendo ir morar no exterior assim que terminar a faculdade, passar 1 ano ou mais na Europa. Eu tenho doença crônica (diabetes), e sou transplantada renal....na parte de saude como funciona, esse cartão me ajudaria caso aconteça algo lá, ou eu teria q arcar com os gastos? Q acredito q bsejam bem caros....to muito perdida com isso, é a única coisa q me impede por enqnto de ir....terei alguma assistencia, posso fazer um seguro aqui mesmo, quais as precauções?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Milena! Não faça o seguro pelo formulário. Faça por telefone e exponha sua situação, é o melhor a fazer.

Vanessa
VanessaPermalinkResponder

Oi Pessoal! Só um aviso às mamães gestantes: estava quase contratando a Assist-Card para uma viagem (eles fazem propaganda que cobrem gravidez) quando descobri que eles só cobrem grávidas até 39 anos.
Então prestem atenção, pq além de restrições com idade, existe limite de cobertura para gravidez (seu plano cobre 30 mil euros, mas problemas decorrentes de gravidez tem limite de 10 mil dólares) ou não-cobertura para gravidez de múltiplos ou decorrentes de tratamentos para infertilidade. Verifiquei tb Travel ace, Premium assistance, Coris, GTA, Sul américa...e nenhuma cobre o que preciso! Estou tentando o seguro do Itaú Personalite e da Worls nomads. Pela apólice, não tem restrição de idade, mas mandei email para me resguardar. Então, antes de contratar, não deixem de ler beeeem a apólice.

Heloisa
HeloisaPermalinkResponder

Olá, comprei passagens para mim e minha filha para a Europa com cartão Mastercard Black. Parece que o seguro não cobre filhos que não são mais dependentes. Alguém tem mais informações? Obrigada

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Heloísa! O melhor é comunicar-se com a central do cartão para obter uma posição garantida e atualizada. Não busque informações oficiais perguntando a terceiros na Internet.

Gisilaine
GisilainePermalinkResponder

Bom Dia!
Gente...vim parar aqui e vou meter a colher na conversa...
Há muitos anos sempre viajo com seguro viagem. Antigamente nem havia tantas empresas desse segmento. Depois do tal acidente no passeio de Balão que ocorreu na Turquia, as pessoas se conscientizaram que não dá pra sair do país sem um respaldo... dá que...(acontece alguma coisa). Essas empresas se multiplicaram absurdamente... Visitei sites de reclamações....todas tem muitas reclamações!!! Vou viajar em Julho com minha mãe (acima de 70) já comprei o seguro dela e procurei um seguro de acordo com o perfil dela (idade e doenças pré-existentes) eu ganhei o tal seguro do cartão Master Card/Personnalité. Sinceramente não estou botando fé e não me passou confiança!!!! já estou fazendo outra cotação!! e como diz o ditado: o barato pode sair caro!
O negócio é muita pesquisa. Checar prós e contras, e por último tomar a decisão claro que torcendo pra nunquinha precisar usar!!!!

Vinicius
ViniciusPermalinkResponder

Olá a todos! Estou planejando viagem para NY em agosto com minha esposa e pensava que apenas os serviços oferecidos pelo Visa Platinum em relação a seguro viagem/saúde seriam suficientes, mas lendo o pdf deles, não me senti seguro... Que seguradora a parte seria a mais indicada para uma viagem curta (8 dias) apenas para nós 2?

E parabéns pelo blog! Estou me organizando desde o inicio pelas dicas de vocês!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Vinicius! No rodapé deste post temos opiniões de leitores sobre seguros que efetivamente testaram, incluindo os seguros de cartão de crédito: https://www.viajenaviagem.com/2013/01/viagem-a-europa-como-fazer-o-convenio-do-inss/

Existem vários seguros bons no mercado. Nós recomendamos a Mondial, que é parceira do site.

lilian
lilianPermalinkResponder

Olá!
Preciso de uma orientação...
Depois de ler uma notícia no jornal, fiquei preocupada...
Irei com minha família em julho para a Europa, compramos as passagens pelo Visa Platinum, e com isso já estamos com os certificados do seguro Schengen...
será que posso ficar despreocupada apenas com o seguro oferecido pelo cartão ou devo contratar outro seguro...qual vcs indicariam????
obrigada pela ajuda!!!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Lilian! Veja relatos de quem já usou seguro de cartão de crédito ao final deste post: https://www.viajenaviagem.com/2013/01/viagem-a-europa-como-fazer-o-convenio-do-inss/

trycia valadares martins

Olá. Estou indo com meu marido e uma filha de 3 anos para a Califórnia em outubro e ainda não vimos o seguro saúde pra família. Compramos nossas passagens com o cartão american express. Sabem se esse cartão oferece o seguro saúde? Alguém já precisou utilizá-lo em viagem? Qual a melhor opção para minha viagem?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Trycia! Entre em contato com o American Express e veja com eles quais são as regras para ter direito ao seguro-viagem.

Se quiser, você também pode cotar com nossa parceira, a Mondial.

Temos opiniões de leitores sobre os seguros disponíveis no mercado neste post: https://www.viajenaviagem.com/2014/08/seguro-assistencia-exterior-dicas

marcone vieira de melo

pessoal, tenho cartões visa infinite, mastercard black e american express e não confio em usar o seguro saude deles, não tentem ou pensem em economizar neste ponto, em todas as viagens que fiz, tanto para europa , america do sul ou estados unidos , utilizo sempre o seguro da mondial, este negocio de pagar e pedir rembolso depois é problema, pois o seguro sempre vai contestar e dificilmente vai lhe reembolsar tudo o que voce pode vier a gastar. já usei o seguro mondial 6em santiago de compostela e o a3tendimento foi de primei6ra qualidade,
o custo desse seguro para europa é menos de 200,00 e voce ainda pode pagar em 6 parcelas. ............................

Rui Dável Tavares de Oliveira

Como eu poderia fazer uma ou duas seções de hemodiálise em Buenos Aires por um valor mais acessível? Teria como fazer pelo SUS?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Rui! Desculpe, não dispomos desse tipo de informação.

Luciane Violato

Vou fazer uma viagem ao Reino Unido agora em dezembro e foi super tranquilo fazer a carta do Visa Platinum. Eu liguei pro telefone 0800 que está no site e o atendente foi me instruindo passo a passo e ainda me enviou por e-mail as informações detalhadas de como deverei proceder caso precise do serviço no exterior, além de uma lista completa com números de telefone em um monte de país - e eu nem precisei pedir. Para as minhas filhas eu fiz pela Porto Seguro, foi o que me ofereceu o pacote mais completo com o melhor preço, pois eu não comprei as passagens delas com o meu cartão.

Leonardo Prado

Olá pessoal. Venho tirar mais uma das minhas milhões de dúvidas.
Embarco em Janeiro e vou ficar 20 dias na Europa. O meu cartão não é o Platinum e ele oferecem apenas o "seguro-viagem", cuja a cobertura se refere à eventuais problemas na viagem (caso o avião caia no Atlântico, por exemplo).
Minha dúvida: esse não é o seguro saúde, certo? Se não, eu tenho que fazer um com alguma segurado, certo?
Esse "Certificado Schengen" é, de fato, o seguro?
Sem ele é possível passar pela imigração (vou entrar por Munique)?

Minha namorada é cidadã portuguesa. Ela não precisa desse seguro, ou precisa ?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Leonardo! O seguro do cartão é um seguro-assistência que cobre os problemas de saúde que constam da apólice. Doenças pré-existentes não são cobertas. Em alguns casos você poderá precisar pelo atendimento para depois pedir reembolso. Leia: https://www.viajenaviagem.com/2014/10/15-seguros-viagem-relatos-leitores

Melina
MelinaPermalinkResponder

Meu Visa Platinum já dá direito ao certificado de Shengen que preciso para passar meus 25 dias na Europa. Vocês recomendam fazer outro seguro além desse do cartão ou já é suficiente pra viajar sem medo?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Melina! Já é o suficiente para viajar. Mas recomendamos entrar em contato com o Visa Platinum para saber as regras de funcionamento no caso de você precisar usar o seguro.

Nelson
NelsonPermalinkResponder

Eu pessoalmente, graças a Deus, nunca precisei mas nas duas mais recentes viagens que fiz (Vietnã) e Suíça, duas pessoas do grupo precisaram, coisas simples, mas precisararam. A seguradora era a "GTA" . Pude ver como a coisa funcionava. Foi excelente. No Vietnã (Ho Chi Min) a guia ligou pra seguradora e em 30 minutos lá estava o médico no hotel já levando o medicamento. Na Suíça, foi mais complicado porque uma sra. teve um problema cardíaco e teve que ser internada. Foi custo brabo. Ficou 3 dias no hospital, e o guia, acionando a GTA (coincidência) pagou tudo inclusive a locomoção da paciente da cidadezinha onde estávamos até Lausanne, via rodoviária, porque ela não podia voar. Eu, pessoalmente, nunca escolhi a GTA, sempre viajei com o VISA. A GTA foi incluida no pacote turístico. Fiquei bem impressionado.

Silvia Spinassi

Bom dia, pessoal

Li todos os comenários e não achei nada sobre o seguro saúde obrigatório pra entrar em Cuba. Pode ser qualquer um desses (Mondial, GTA, Travel Ace, etc)?
Alguém que já tenha precisado usar o seguro lá tem algum pra recomendar?
Vou comprar as passagens com o Visa Platinum, mas já vi no site deles que Cuba está na lista das exclusões...

Obrigada

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Silvia! O seguro é obrigatório. Compre o das seguradoras.

Silvia Spinassi

Obrigada, Bóia!

Mariha
MarihaPermalinkResponder

Olá! Estou fazendo a cotação na Mondial e queria saber uma coisa, coloquei país de destino Holanda, mas vou rodar pela Europa (Paris, Londres, Bruxelas) o seguro cobre certo? Outra coisa, alguém já contratou esse seguro para Europa? Estou vendo o Europa e o Europa Top, mas não vi muitas vantagens no TOP além dele ser mais caro... Viajo eu, meu marido, pai (59) e irmã.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Mariha! Há um botão de "Adicionar destinos" ao lado da caixinha em que você coloca de onde vai sair e para onde vai. Coloque todos os países para ter a cotação correta. Entre os dois planos, o que muda é a quantia prevista de reembolso em casos de roubo, necessidade de pagar fiança e por aí vai.

Daniela Letícia dos Santos

Olá, vou passar 4 dias em Madri e contratei seguro viagem do Itaú, é um seguro confiável? Grata

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Daniela! Nunca ouvimos reclamações dos leitores sobre o seguro do Itaú. O importante é saber se o seguro que você fez cumpre as exigências do Espaço Schengen. Veja:
https://www.viajenaviagem.com/2013/07/nova-exigencia-entrada-espaco-schengen

Ana
AnaPermalinkResponder

Olá, vim de ferias de 17 dias para Santiago do Chile sem seguro viagem (confesso que fui burrinha) agora decidi ficar até final de março e gostaria de fazer um, entrei em contato com a Mondial e não sei pq não fazem se já estou fora do Brasil. Sabem de alguma seguradora que faz isso, ou alguma outra sugestão para q eu não fique aqui sem este "suporte"? Valeu!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Ana! Infelizmente desconhecemos.

Erica A
Erica APermalinkResponder

Estou bem atrasada com a resposta, mas enfim... A única que eu conheço que aceita fazer o seguro depois que a pessoa saiu do país de origem é a World Nomads. Nunca usei, e sei bem pouco sobre eles, mas já li ótimos relatos a respeito.

Tatiana Wolff
Tatiana WolffPermalinkResponder

Olá! Alguém sabe dizer se o seguro do Master Black vale pra Cuba? O do Visa Infinite exclui expressamente, o do Master silencia, então em tese vale, mas não sei se Cuba aceitaria na imigração...
Obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Tatiana! Será que não vale a pena consultar o cartão?

Amanda
AmandaPermalinkResponder

Olá! Gostaria de esclarecer uma dúvida: irei ao Chile em setembro e gostaria de saber se o seguro saúde da Mondial é aceito por médicos dentro da estação de ski do Valle Nevado. Tenho esta preocupação porque estou indo com meu filho de 7 anos e, como todo mundo diz, que é muito normal chegar lá em cima enjoado por conta das voltas para subir a montanha, além disso tenho medo também dele se machucar brincando lá de ski e só ter atendimento voltando para Santiago. (Li um blog que citava seguros aceitos lá em cima e o Mondial não estava na lista). Vocês sabem me informar com mais precisão? Desde já grata!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Amanda! A clínica em Valle Nevado não trabalha com seguros-assistência. Você precisa contratar um seguro-assistência que cubra acidentes de esqui e faça reembolsos (para ser atendida no local, você precisa pagar no local). Nesses casos, use o atendimento telefônico dos seguros para ter certeza de que está comprando o seguro certo.

Ana Célia
Ana CéliaPermalinkResponder

Eu tive experiência com o seguro da Credicard em viagem para os EUA. Meu filho passou mal, entrei em contato, me indicaram uma clínica próxima ao hotel que eu estava (me desloquei em carro próprio). O atendimento inicial demorou um pouco (quase 1 hora), mas foi muito bom, indicaram os remédios e havia uma famácia ao lado da clínica (Walgreens). A parte nada boa foi que no retorno, não me informaram sobre o que eu deveria enviar de documentação nem entraram em contato comigo (quando não enviei a documentação que pensava já estar de posse do seguro). Resultado: depois de meses, a clínica entrando em contato comigo acabei arcando com cerca de US$ 300 pelo atendimento. O cartão falhou na minha visão, porque se omitiu. Eu errei porque acreditei na informação dada por telefone de que não era necessário apresentar nenhum comprovante da compra das passagens (o que depois foi a justificativa do seguro para não pagar o atendimento).

Ana
AnaPermalinkResponder

Boa tarde, gostaria de saber se podem me esclarecer uma dúvida... estou indo para a Europa em maio, chegarei em Londres no dia 02 e sairei dia 7 chegando na manhã do dia 8 na Holanda, depois irei para outros países. Já possuo um seguro de viagem, mas que não se encaixa nos moldes do Schengen, então a minha dúvida é se posso contratar um seguro somente a partir do dia 8, já que na Inglaterra não é necessário. Muito obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Ana! Sim, pode.

Ana
AnaPermalinkResponder

Muito obrigada pela resposta grin

Adriana
AdrianaPermalinkResponder

Olá, passarei um ano na Europa cursando mestrado. A primeira parada será na Itália mas preciso de uma cobertura para toda a União Européia. Qual é o seguro mais indicado para viagens de longo período? Li sobre o INSS, mas me preocupo com a assistência que terei em emergências. Prefiro saber que terei um médico que poderá ir ao local se eu não conseguir ir para o hospital sozinha. Pesquisei algumas seguradoras mas não consigo identificar ao certo qual trabalha somente por reembolso e qual tem assistência coberta. Aguardo boas dicas, pois os preços estão nas alturas. Não dá para economizar com saúde, mas prefiro encontrar um seguro bom, confiável, que atenda as exigências da União Européia e não custe o dobro da passagem! É possível?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá Adriana! Nosso site é de turismo. Consulte a universidade onde você vai cursar o mestrado, eles estão acostumados a lidar com essa situação e saberão te orientar. Senão, procure algum outro mestrando brasileiro no país. Não procure informações em sites dedicados a viagens de curto prazo; não funcionarão para você.

Nathalia
NathaliaPermalinkResponder

Olá,
Sei que o assunto do post é outro, mas estou procurando relatos sobre a utilização do seguro oferecido pelo cartão Visa para veículos alugados no Brasil. Tem algum post ou informação sobre esse assunto?
Obrigada

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Nathalia! Ligue para a central de atendimento do seu cartão para saber que tipo de seguro é oferecido. É preciso declinar as coberturas oferecidas pela locadora. Na maioria dos casos você terá primeiro que pagar pelo sinistro e depois cobrar do seguro, que então decidirá se paga.

http://www.visa-platinum.com/br/beneficios/seguro-de-locao-de-veiculo_481

Amaro - Recife

Nathalia, eu nunca precisei acionar o seguro, mas sempre uso o do Visa Platinum.
O que é importante saber é que ele só cobre os danos (roubo e furto,tb) ao veículo alugado, então sugiro fazer o seguro para terceiros (para mim o mais importante).
Saiba também que algumas tarifas promocionais não permitem o aluguel sem o seguro da locadora, já aconteceu comigo: se você negar o seguro a tarifa fica mais alta, ou seja, eles embutem o desconto da tarifa no valor do seguro.
O grande problema no aluguel de veículos são as letrinhas miudinhas...

Marília Verdussen

Bóia, me ajuda numa dúvida, por favor?
Li o post "Europa: onde faço imigração e onde pego a bagagem?" e os comentários. Espero que o meu não seja mais um sem noção.

Vou a Itália em outubro, 30 dias. Pegarei o Certificado de Direito a Assistência Médica (CDAM) para não ter que pagar seguro saúde - no site do MS diz que há acordo do Brasil com Portugal, Itália e Cabo Verde..
Mas vou pela Iberia, com parada de 10 horas em Madrid, então entendo que farei a imigração na Espanha. Dúvidas: além do seguro saúde é obrigatório ter seguro viagem?

E se eu vou pra Itália, preciso contratar seguro porque vou ficar 10 horas no aeroporto de Madrid? Certificado de Direito a Assistência Médica (CDAM) se me exigirem a documentação do seguro?

Grata,
Marília Verdussen

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Marília! Se o agente de imigração quiser implicar com você, arranjará este ou qualquer outro motivo. O agente tem autoridade absoluta para barrar um estrangeiro até mesmo se atender a todas as exigências de entrada. Mas não estão mais recebendo mal brasileiros.

Melina
MelinaPermalinkResponder

Boa noite! Sempre comprei passagens com Visa Platinum e contei com o seguro deles, que felizmente nunca precisei usar. Dessa vez, por um lapso, acabei comprando as passagens para minhas férias na Europa com o Mastercard Platinum. Só vejo comentários sobre o VISA. Posso ir tranquila só com a assistência do Mastercard? Alguém aqui já usou?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Melina! O esquema é o mesmo.

Marcelo
MarceloPermalinkResponder

Já usei o seguro viagem do Mastercard Black na Grécia e precisei usar. Foi bem tranquilo, liguei pro número informado no cartão e falei com alguém em português mesmo. Agendaram o médico pra mim e ele foi no hotel me atender. Conversou comigo em inglês e me deu uma receita em grego, rsrs... fui na farmácia e comprei o remédio.

Marcos Medeiros

A Porto Seguro sem dúvidas.

Link: https://goo.gl/41t7dc

Indico porque sempre que precisei ela me atendeu.
Abraço.

Paulo Afonso Graner Fessel

Usei o seguro de bagagem atrasada. O cartão é um Citi Master Corporate. Cheguei a Sófia na Bulgária num domingo (9/10), e minha mala de roupas não chegou. Liguei para central, me informaram que não poderiam abrir o sinistro no domingo mas somente no dia útil seguinte; de qualquer maneira, me recomendaram ao menos fazer a comunicação pelo sítio (mycardbenefits.com). Na segunda-feira (10/10), já com a notificação de bagagem não recebida no aeroporto de Sófia, fiz a abertura formal do processo pelo telefone (santo VoIP) e fui informado de que teria até US$ 300,00 disponíveis para compras emergenciais. A mala só apareceu no dia 12/10, no final do dia, após eu ter comprado algumas camisas e dois suéteres - além de outra mala para poder levar as roupas de volta.

Após meu retorno ao Brasil, na semana seguinte, as coisas começaram a ficar estranhas. Comecei a notar que os documentos que eu enviava pelo sítio mycardbenefits.com não eram corretamente recepcionados - no caso da fatura do cartão de crédito com a listagem das compras emergenciais, enviei o mesmo documento umas três vezes. Agora, o pior de tudo é que, mesmo com o número do sinistro, o sítio não permite visualizar aquilo que você já enviou - essa confirmação é feita pelo atendente, pelo telefone. E além disso, mesmo que o documento tenha sido enviado pelo site, leva dois dias para que a recepção do mesmo seja confirmada - com o risco de ser confirmada pelo telefone e depois "desconfirmada" pelo sistema.

Outra coisa que me aborreceu bastante é que tive que explicar três vezes que a passagem havia sido comprada com cartão CTA da empresa e que abri o sinistro usando um cartão corporativo "filho" desse cartão. Expliquei isso por escrito e pelo telefone, em português e inglês. Só foram entender isso quando de meu penúltimo contato no dia 25/10.

Minha situação atual é: a fatura de meu cartão (que usei para as compras emergenciais) já está fechada; por sua vez, a Mastercard me disse hoje (28/10) que está "revendo" as informações providas sobre o meu sinistro e que, se houver necessidade de mais documentação (o qual o próprio sítio de assistência diz não ser necessária), deverei ter informações somente no dia 02/11 - véspera do vencimento da fatura de meu cartão pessoal.

Nenhuma informação de prazo sobre quando o reembolso será efetivamente creditado. E o seguro usado foi o do cartão empresarial! Enfim, quase três semanas após a abertura do sinistro, não sei quando, quanto e como serei pago. Dá até vontade de comprar um seguro-viagem próprio se eu tiver que viajar novamente a trabalho, ao invés de usar o da empresa.

Jairo Stoco
Jairo StocoPermalinkResponder

Pessoal, boa noite. Procurei bastante e não achei a resposta, me desculpem se estiver em algum lugar que não vi....Vou fazer uma viagem para a Itália de 41 dias e estou sem trabalhar, e por conta disso me parece que não poderei fazer o seguro CDAM (pois não estou contribuindo com o INSS). Eu tenho direito a 31 dias de seguro pelo cartão da Master, e a maioria das seguradoras não deixa eu fazer mais 10 dias de seguro para completar esse da mastercard...A AssistCard disse que poderia, mas eu não senti muita firmeza da atendente nessa resposta. Alguém passou por essa situação? Abraço pro Ricardo e pra todos!!!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Jairo! Quem responde é A Bóia. O seguro deveria valer nas datas para as quais for emitido e pelas quais você pagou... De todo modo, vou compartilhar sua pergunta no Perguntódromo; havendo resposta, aparecerá aqui. Compartilhei a pergunta no Perguntódromo, e a resposta é que isso só é possível com a seguradora World Nomads. Veja as respostas abaixo.

Jairo Stoco
Jairo StocoPermalinkResponder

Oi Ricardo, obrigado pela resposta super rápida!! Infelizmente, praticamente todas as seguradoras dizem que o seguro só vale a partir da data que eu sair do Brasil, ou seja, eu não posso fazer iniciando na Europa...Obrigado, grande abraço!!!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Jairo! Quem responde é A Bóia. Vamos ver se alguém tem alguma informação diferente. Se for isso mesmo, você vai precisar fazer um seguro pago que cubra toda a extensão da viagem desde o primeiro dia.

Jairo Stoco
Jairo StocoPermalinkResponder

Ops...Desculpe por isso bóia, rsrsrs....Obrigado smile

Amaro - Recife

Jairo,
Tem a World Nomads que permite a emissão, e a extensão de prazo, inclusive durante a viagem (há um 'delay' para isso).
Não sei se já tem atendimento em português (antes era só e inglês) e eles tem algumas restrições com relação a doenças preexistentes e cobravam uma taxa de 100 dólares por evento. Dá uma olhada pra ver se te atende

Daniele
DanielePermalinkResponder

Jairo não é possível, você pode até tentar junto ao seguro que você já tem se eles aceitam prorrogar, mas em geral eles não aceitam.
Você pode até fazer outro seguro com outra data, mas se tiver um sinistro e para obter atendimento ou reembolso precisar apresentar sua passagem aérea, eles verão que você embarcou em outra data e o seguro não vai te atender.

Alberto
AlbertoPermalinkResponder

Ao viajar para Portugal basta pedir no INSS do Brasil o documento PB4 para usufruir dos mesmos estatutos que o cidadão Português. Vos deixo o numero Europeu de qualquer emergência 112 e ainda o numero europeu de emergência caso perca do paradeiro de CRIANÇAS 116000.

ELIANE BARBARA DOS SANTOS PAIS

Ola
Comprei as passagens pelo visa platinum e consegui dois certificados para mim e meu marido com as coberturas abaixo.Preciso saber se é suficiente ou é muito básico.

A cobertura máxima para o Serviço Médico da Emergência Internacional é de 150,000 USD e inclui alguns dos seguintes
benefícios:
Expensas Médicas no caso de acidente ou doença inesperada do titular do cartão,
cônjuge ou crianças dependentes
Evacuação de Emergência Médica
Repatriação de restos mortais

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar