Marrocos pra Sabrina

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Marrakech. Foto: Arnaldo Interata, Fatos & Fotos de Viagem -- http://interata.squarespace.com

A Sabrina está pensando em ir ao Marrocos. Bora ajudar?

Eu de cara recomendei não perder tempo com Casablanca, que é uma cidade grande e chata. Mas minha experiência no Marrocos não é muito grande. Fui em 98, como parte de um périplo pelo Oriente Próximo (em francês é mais bonito, Proche-Orient). Permaneci algumas horas em Casablanca, daí peguei um vôo a Ouarzazate, já próximo ao deserto (peguei um passeio até Zagora), depois aluguei um carro com motorista para atravessar as montanhas Atlas até Marrakech. Adorei, e estou pra voltar desde então.

Uma coisa que muita gente desconhece é que há muitos vôos diretos a Marrakech, que não precisam passar por Casablanca.

Preparei uma seleção de fontes quentes sobre o Marrocos:

Marrakech no Fatos & Fotos de Viagem, por Arnaldo Interata (de onde eu gentilmente surrupiei a foto do post)

Marrakech no Achados, por Dri Setti

Marrocos no Saia pelo mundo, por Mari Campos

Marrocos no O que eu fiz nas férias, por Gabe Britto

Marrakech com crianças no Viajando com pimpolhos, por Sut-Mie

Marrakech no Crônicas de viagens, do Claudio

Marrakech no Viagem & Aventura do Estadão, por Camila Anauate (continua aqui)

Fez no Viagem & Aventura do Estadão, por Camila Anauate

Merzouga no Viagem & Aventura do Estadão, por Camila Anauate

Morocco Travel, ótima agência -- aproveite para se inspirar nos roteiros

Riads Morocco, riads para alugar

Trem no Marrocos -- só para consulta; não dá para comprar do exterior

Marrocos no New York Times

E você, já foi ao Marrocos? Compartilhe as suas dicas na caixa de comentários. Shukran!

134 comentários

gabebritto
gabebrittoPermalinkResponder

Um país maravilhoso, cheio de gente querida e simpática (tá, nem todos, mas a maioria é) que adoram o Brasil. Sinto muitas saudades de lá.

Minhas dicas básicas:

1) Até dá para ir ao deserto de carro (aliás, eu recomendo), mas pegue um voo para voltar. Fazer tudo de carro/ônibus é um suplício.

2) Duas horas em cima de um camelo deixam a sua bunda em frangalhos, mas não perca a oportunidade de dormir em tendas no meio das dunas do Saara. É história para contar pelo resto da vida.

Tem outras lá no site: http://www.oqueeufiznasferias.com.br/viagem/2006/

Ai, que invejinha... =)

Ricardo Freire

Ops, esqueci de ti, Grão-Mestre das Charadas! Tô editando lá no post. (Cónéquissão lenta que só...)

gabebritto
gabebrittoPermalinkResponder

Que isso! Não precisava! =)

Ermesto, o pato

Fui em 2001, gostei muito. Sugiro a Cidade de Essauera um porto muito bonito e pouco conhecido. O Marrocos tem vários Ibis que são boas opções de hopsedagem.

Claudio Motta
Claudio MottaPermalinkResponder

Em Marrakech lembre-se:
- se tirar foto de alguém, terá que pagar! Aconselho a ter sempre moedas. Eles vão pedir muito, mas não dê mais que 10 dirhams. Vai haver protesto, saia caminhando e seja firme!
- fique pelo menos 1 dia para jantar na praça Djeema el fna. Recomendo o número 1 da Aisha.
- se alguém Te ajudar a se achar (isso será bem provável) vai querer uma recompensa. O dono do ryad que fiquei me disse que 20 dirhams para cada 5 minutos de acompanhamento seriam suficientes. Mais uma vez: eles reclamam, seja firme!
- ryad Karmela. Excelente opção se quiser ficar na Medina.
Bom, é isso. Tem mais algumas coisinhas no blog. Aproveito para agradecer a inclusão nas dicas do Ricardo.
Abraço.

Paulete
PauletePermalinkResponder

Tenho umas dicas de restaurantes descolados, lojas e muitas outras com fotos da minha viagem em 2009.
http://www.viagensdapaulete.com.br/search/label/Marrocos

Luciana Ferreira

Fui em Marrakesh em 2008, só com dicas do povo daqui. É muito lindo, um lugar cheio de contrastes, cheiros e sons maravilhosos nas ruas. As pessoas são bem simpáticas conosco. Fiquei numa riad e valeu muito a pena. Comi muita coisa boa e aprendi como pechinchar. O fundamental é respeitar os costumes dos marroquinos. Fazendo assim, não tem problema. Divirta-se, Sabrina.

Sabrina
SabrinaPermalinkResponder

Obrigada, Riq. Muita coisa boa pra ler só nas dicas "seleção fontes quentes". Que maravilha!
Obrigada também aos comentários todos. Já estou "começando a viajar" só de lê-los.
Sigo tentando acomodar os desejos e perfis dos 4 nesta viagem de casais. A companhia é boa, então será ótimo, de qualquer maneira.

Luisa
LuisaPermalinkResponder

Um programa imperdivel, pra mim, è dormir no deserto!

Pra quem nao se incomoda com "detalhes higienicos" è um passeio e tanto, daqueles pra se contar pros netos e pra se fazer uma vez na vida e nunca mais!

Nesse post conto com detalhes como foi a minha viagem:

http://arquivodeviagens.wordpress.com/2008/05/10/uma-noite-no-sahara/

Beatriz
BeatrizPermalinkResponder

Oi Sabrina!

Fui pra Marrakesh e Esaouira, que é uma cidade de praia. Passamos, eu e trê amigas, cinco dias em setembro de 2009. Marrakesh é uma cidade bem diferente dos nossos padrões, a principio parace uma grande favela e assusta pelos inúmeros pedintes e homens nas ruas. Mas em dois dias você está mais do que acostumada e o pior, acahndo tudo mais do que normal!
Fui durante o ramadan, o que eu não aconselho, já que eles só podem se alimentar quando não há mais sol, e muita gente fica com o humor bem alterado.

Ficamos num riad muito bacana, RIAD EDEN, de um francês. Perto da praça central. Se você pedir com antecedencia o jantar, eles preparam varias comidas tipicas, mas o couscous marroquino deles é pra comer rezando! FANTÁSTICO!

No SOUKS, enoooorme feira da praça central, a dica que eu tenho é: BARGANHE, BARGANHE MUITO, uma hora cansa, mas é assim que funciona! O precø chega quase sempre a menos que a metade pedida! Uma loucura!

Para mulheres é bom estar sempre de calça comprida ou saia comprida. Tb é bom estar de camiseta, nada de alcinha... Como fui num calor escaldante, usava regata, mas sempre com um lenço por cima. Não precisa cobrir a cabeça, Marrakesh é muito turistica.

Posso escrever aqui pra sempre! HAHAHA
Se tiver alguma duvida mais pontual, pergunte!
E boa viagem! smile

Ermesto, o pato

Tem tambem o blog do Arnaldo o Fatos e Fotos de viagens.

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Casablanca é mesmo dispensável , mas adorei Rabat ,e Marrakesh é para sentir como se vive, num mesmo dia, no século passado e na idade media :bárbaro!

Janaina
JanainaPermalinkResponder

Ja fui duas vezes, uma em 1998 e outra no ano passado , 2009. Todas as duas vezes, sem guia, só com uma amiga e depois com o meu marido . Alugamos um carro e fomos ate Merzouga que é imperdível . Acho que voce deve ficar pelo menos de 1 semana a 10 dias no país (pelo menos uns 3 em Marrak) e tambem nao deixe de conhecer Fèz. Se quer uma dica de um hotel maravilhoso em Marrakesh : Les Jardins de la Koutoubia , do lado da praça Djma El Fna . Mas nao aconselho voce a alugar carro para ficar em Marrakesh nao, ate porque os taxis sao baratos e o trânsito é bem caótico. Pegue o carro apenas no dia que estiver saindo para o deserto, e de lá siga para Fèz. É um país cheio de contrastes e acho que é mais ou menos assim : "ou voce ama, ou voce odeia... " Eu me apaixonei pelo Marrocos .

Dri Miller
Dri MillerPermalinkResponder

Bem deixo meu link aqui tambem, de quando passei 10 dias mochilando por Marrocos em 2005:
http://drieverywhere.net/index.php/category/viagens/marrocos/
Nao sei o quao util minhas dicas serao, ja que foi um tipo de viagem que pouco encaram: 3 meninas, praticamente dinheiro nenhum, 10 dias e um livro de viagem. Pegamos trem noturno, dormimos em albergue de 3 Euros a noite e tivemos dor de barriga depois de comer nas barraquinhas da praca de Marrakesh (entre varias outras cosias), mas foi uma das viagens mais inesqueciveis que ja fiz!
Do meu roteiro recomendo Fez e Marrakesh, ja Tangier achei bem sem gracinha!

silvia
silviaPermalinkResponder

Fiz o roteiro classico, casablanca, rabat, meknes, fez e marrakesh. Se voltasse faria somente marrakesh, que é imperdivel e iria a Ouarzazate. Pesquisei na epoca e vi que algumas cias aereas chegavam direto a marrakesh ( conforme o Ricardo comentou ) e portanto ir a casablanca poderia passar batido, mas acabei, por medo ( viajei com minha irmã ), comprando um pacote com air france que chegava por casablanca, aliás , bem sem graça mesmo.. A travessia das montanhas Atlas e chegada a marrakesh foi o ponto alto da viagem, passando pelos povoados berberes . As demais cidades também tem seu encanto , principalmente Fez e Rabat .Usei por um bom tempo, até acabar o vidro , um remedio a base de flor de laranjeira , comprado numa farmacia de medicina berbere em marrakesh, para insonia ...muito bom...vale a pena conhecer por curiosidade essas farmacias ao redor da praça .

Gabriela Azevedo Forlin

Fui em 2008 e adorei!
Conto o comecinho da saga aqui: http://forlin.wordpress.com/2008/04/09/o-dia-em-que-eu-pisei-na-africa/ e aqui:
http://forlin.wordpress.com/2008/04/11/o-dia-em-que-eu-pisei-na-africa-2/

Passei uma semana, indo inclusive ao Deserto do Saara, na fronteira com a Argélia. Algumas fotos estão disponíveis aqui: http://www.flickr.com/photos/gaforlin/sets/72157604843255908/

Espero que ajude. Qualque coisa, basta entrar em contato smile
Já adianto que minhas cidades favoritas são Chefchouen, Fez, Volubilis, Mekness e Ifrane.

Miguel Bemfica

Fala Riq,

Estive em Marrakech semana passada.
Tenho duas dicas quintes.
Uma é ficar no Riad Madani, chiquérrimo, o dono é um brasileiro que viveu 30 anos ña frança. Um palacete no meio da loucura da Medina com muito bom preço. Google it e vc vai ver.
A outra é dar uma escapada a praia de Essauira. Fica a 170 km de Marrakech mas tambem a anos luz do caos do Souk o que tambem é bacana. É como vc diz no seu livro: tirar férias das fériAs.
E só mais uma: tomar um drink no la Mamounia, claro.

Aquele abrazo desde Madrid, onde vivo agora smile

M

2 Na Estrada
2 Na EstradaPermalinkResponder

Marrakesh e sua alucinante Praça DJemaa El Fna.

** Se for comprar especiarias, atenção. Trouxe açafrão, chá de menta, canela... tudo falsificado.

Luciano J
Luciano JPermalinkResponder

Em Marrakech, se é fã de hotéis classicos, já deve saber que o La mamounia foi recentemente reinaugurado e deve estar fantástico pelas fotos do blog Fatos & Fotos já mencionado. Caso não for esta opção, deve ficar num Riad a lista é enorme, e acaba sendo uma loucura escolher (eu passei por isso). Já fiquei no dar Attajmil (www.darattajmil.com) e o tradicional Riad Kaiss(www.riadkaiss.com)
ambos já apareceram na Blue Travel e eu voltaria para qualquer um.
Quanto a restaurantes considero dois imperdíveis:
-ambiente e comida excelente do Narwama, perto da praça Djema el Fnaa (http://www.frommers.com/destinations/marrakech/D65710.html)
- o bom e barato Italiano Le Chat Qui Rit (http://www.viamichelin.co.uk/web/Restaurant/Ceret-66400-Le_Chat_qui_Rit-1840-41102).
Aproveite a viagem para fotos, é um dos lugares mais fotogênicos do mundo!

Maíra
MaíraPermalinkResponder

Estive em Marraquexe no meio deste ano, vou deixar aqui um link do meu blog
http://mairinhanomundodalua.wordpress.com/category/marrocos/

Flávia Toledo

Oi Ricardo, oi pessoal, é minha primeira vez dando dicas por aqui. Quando li a manchete não pude me conter em dividir minha terrível experiência no Marrocos. Fui sozinha com uma amiga (o que de cara não recomendo nem aos inimigos), era verão por isso não conseguíamos andar cobertas e nos sentíamos violadas nos olhares que recebíamos nas ruas. Ademais fomos seguidas, passamos mal com a comida (a água não era tratada) e no Mercado de Marrakesh chamávamos mais atenção do que as pobres cobras saindo das cumbucas... Deus me livre, pro Marrocos nem de graça! Para quem quer muuuuuito ir pegue uma excursão e não vá no verão, e boa sorte!

Lecio
LecioPermalinkResponder

Olá Ricardo! Você sabe se chove muito em janeiro no Marrocos?

Teté
TetéPermalinkResponder

a única coisa que vale o tempo em Casablanca é a mesquita Hassan II. tem alguns bons restaurantes, mas comer bem, isso vc fará em qualquer lugar do Marrocos.
Bom, aqueles velhos cuidados que temos que tomar e pechinchar e negociar sempre.
As pessoas não são tão "invasivas" como no Egito, mas sempre te oferecem coisas e se você pegar, já era, te cobram.
Não me sentiria bem la só com mulheres, eu andava grudada no meu namorado. é bom não olhar homens nos olhos na rua, li que eles interpretam isso como uma paquera. É sempre bom cobrir joelhos e ombros, não usar roupas decotadas.
E não beber água nem refrigerante com gelo em restaurantes mais simples ou nas ruas, nas feiras - a água não é tratada.

eva
evaPermalinkResponder

Eu fiz o roteiro das imperiais em trem, sem nenhum planejamento (tive exatas 48 horas entre a decisão e o voo) e foi muito tranquilo, claro que já havia lido muito sobre o país anteriormente. Adorei Fèz!
Em Marrakech experimente o restaurante Al-fassia, na Av Mohammed V, decoração bacana e comida deliciosa, mais frequentado pelos locais.
Como já disse o Ernesto, os Íbis são uma opção interessante, ficam colados às estações de trem e ocupam prédios reformados para ser da rede,são até charmosinhos.

luis r.
luis r.PermalinkResponder

se a sabrina realmente optar por marrakech ao invés de praga, eu recomendaria q não ficasse no centro novo da cidade. gosto e já apostei mt no ibis em diversos lugares, mas há opções tão em conta qt ele na medina -- q é o principal motivo pra se ir a marrakech -- e certamente mt mais charmosas.
voltei de marrakech há duas semanas. escolhi randomicamente o riad carina (http://www.charming-riads-in-marrakech.com/english/riad_carina/traditionell-riad.html) e acabei me dando mt bem. ele fica ao sul da praça jemaa-al-fna, colado ao muro do palácio el badi e com vista para os ninhos de cegonha (um monte deles!); um lugar mt agradável e cheio de cor local. como esse, há mts outros riads q te deixam ainda + próximo do centro da ação de marrakech.
eu ñ trocaria por nada essa experiência. além de proporcionar um mergulho na cultura local, te colocar perto das gds atrações (el bahia, el badi, medersa, tanneurs) e facilitar as compras e o acesso à praça em todas as horas do dia, ficar na medina tb deixa à mão ótimos lugares pra comer, como villa flore (www.villa-flore.com), cafe arabe (http://www.ilove-marrakesh.com/cafearabe/index_en.html) e o simpático bougainville.
medina toujours!
tb não acho mt recomendável bate-e-voltas a partir de marrakech: o deserto fica longe, o ônibus pra essaouira leva horas pra cobrir 200 km etc. com seu pp carro as coisas ficam mais fáceis, claro, mas melhor mesmo seria fazer excursões de 2 ou 3 dias, dormindo no local de interesse.
ah! e desencana de camelo: no marrocos é "dromadaire" (dromedário, o de uma corcova só).

Fabi
FabiPermalinkResponder

Ricardo e leitores, o que vcs acham: passo minha lua-de-mel no Marrocos ou na Grécia? Valeu!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Fabi! Não deixe uma decisão tão importante na mão de outras pessoas que não você e seu marido! Informe-se sobre os destinos e faça uma enquete de dois participantes wink

Fabi
FabiPermalinkResponder

Eu e meu noivo já pesquisamos sobre os dois destinos. É que bate uma dúvida danada pois Marrocos e Grécia parecem incríveis! Minha pergunta aqui fou uma tentativa de encontrar alguém que já tenha visitado os dois países e que possa emanar algum tipo de opinião comparativa para nos ajudar. É claro que a decisão final será nossa. Como vc bem disse, ela é muito importante para ficar a cargo de terceiros. Bjo e bom fds!

mariana
marianaPermalinkResponder

Ola!

Estou programando minha viagem p portugal, espanha e italia, e pensei em incluir o marrocos no meu roteiro ( as passagens pela easyjet sao tentadoras), estou indo com minha mãe. Minha duvida e se e arriscado 2 mulheres em marrakech, em vista q iremos por conta propria? Estava lendo o post da flavia toledo logo acima e fiquei um pouco assustada. Tem mais alguem q ja tenha ido na msm situaçao ( 2 mulheres) e sofrei algum preconceito?

Obrigada!

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Mariana ,use guias oficiais para ir ao souk ( contrate na oficina de turismo , não use os dos hoteis( lembre disso)) e usem roupas largas de algodão cobrindo todo o corpo .Prendam os cabelos ( se forem claros usem lenços) e divirtam-se !
Complicadinho é 1 mulher sózinha, no mundo árabe mulheres em dupla, e corretamente vestidas não são impostunadas ( ao menos esta é minha experiencia).

mariana
marianaPermalinkResponder

Muito obrigada Silvia,

estou mais tranquila...acho q e isso msm, respeitar as tradições, e procurar os guias oficias, estou mais tranquila!wink

hassan
hassanPermalinkResponder

Bem-vindo ao desierto-Merzouga

VIAS DE VIAGEM A MARROCOS 4X4 Marrocos.

Eu lhes dou as boas-vindas ao desierto-merzouga.c.la
Nós somos uma família do deserto do Sahara, que nos especializamos, durante vários anos, e organizar as rotas
Viagem de 4x4 descobriu a beleza do Marrocos. Em nossas viagens, os viajantes são escoltados para descobrir o esconderijoancanto o deserto e as dunas, para viver e gastar o tempo com a família nômade no deserto, misturado com
locais nos mercados e se mover em um 4x4 todos os campos do país. Pretendemos fazer a viagem uma experiência inesquecível.Oferecemos viagens especiais para grupos, famílias, empresas eindividuais. Convidamo-lo a deixá-lo envolver com o aroma das suas ruas, com o contraste de suas paisagens
seus costumes, cultura antiga e hospitalidade de seus habitantesque tanto surpresa o viajante.
Viagem com a simpatia e profissionalismo dos www.desierto-merzouga.c.la

Cristiana
CristianaPermalinkResponder

Rezem por mim!! Estou indo sozinha no fim do mês!! :S

Isabel Reck
Isabel ReckPermalinkResponder

Em novembro estou indo para Marrocos vou com muma amiga, estamos pensando em alugar um carro, pretendemos fazer Casablanca, Rabat, Fez , Marrakech, o que vocês acham??? caso alguem já tenha feito desta forma, por favor me digam qual melhor itinerário, olhando no mapa é como se fosse uma ferradura.

Beijos e obrigada

Claudio Motta
Claudio MottaPermalinkResponder

Isabel,

Apesar de ser um país seguro e de respeitarem de uma maneira geral os turistas, vc não acha arriscar muito duas mulheres ocidentais sozinhas num carro por lugares realmente desérticos? Sei lá, acho que em certos lugares temos que nos precaver de todos os meios. Recomendo muito Marrakech, mas se quiser sair rodando pelo Marrocos acho que deveria pegar uma agência de turismo com boas referências... Viajei solo para lá e me vi em algumas enrascadas (nada grave) que nunca havia passado em nenhum outro lugar...

Pensa bem e vamos ver o que os outros trips pensam...

Abraço.

http://cronicasdeviagens-mottas.blogspot.com/2009/12/marrakech-cidade-vermelha.html

Mirella
MirellaPermalinkResponder

A Luiza fez uma viagem pelo Marrocos de carro e contou algumas coisas em 3 posts, não sei se encaixa com seu roteiro, mas vale olhar: http://arquivodeviagens.wordpress.com/category/marrocos/
Eu concordo com o Carlos, acho complicado duas mulheres sozinhas se aventurando por lá... talvez as grandes cidades não tenha problemas, mas começou ir para o interior, o negócio pode ficar mais chatinho.
Mas nunca pesquisei sobre o assunto muito detalhadamente... mas certamente seria a primeira coisa que eu buscaria informações.
Boa sorte... e se for, depois vale um relato, né? smile
Abs

Roberta Martins

Fui em 2006 e acho complicado 2 mulheres alugarem um carro sozinhas num país onde sempre perguntavam onde estava o meu marido em qualquer pergunta que eu fazia. Isto fora de Marrakech, onde é cheio de turistas.
Tem relatos meu e de uma amiga que foi em 2009 em http://www.territorios.com.br/index.asp?pais=Marrocos&i=BRA

A viagem de carro até Zagora e dormir no deserto foram a melhor parte.

Marco Aurélio Simonassi

Olá! Estive no Marrocos em 2010 (Outubro) e voamos de Barcelona (pela Royal Air Maroc, uma aventura e tanto num Boeing que ainda tinha cinzeiros e devia ter uns 30 anos de uso), direto para Marrakech. A cidade é linda em seus encantos porém com um povo honesto e sofrido. O país é bem liberal mas continua sendo muçulmano então se vestir apropriadamente é fundamental pra não ser uma isca humana feminina. Estava com minha noiva e ela foi assediada algumas vezes então se estiver sozinha prepare-se pra se sentir o pão da padaria no domingo pela manhã. Quanto a alugar um carro é bem complicado, o trânsito é caótico, as estradas não tem sinalização nenhuma (fomos a Ouzoud, a cascata no meio do deserto e bem dispensável por sinal) e não há muitos locais pra pedir info no deserto não.
Não deixe de comer no Al Fassia, um restaurante tradicional e que serve o melhor Tajine que eu já comi e o melhor carneiro da minha vida!!
Um abraço e boa trip!

Helena
HelenaPermalinkResponder

Fabi, conheco a Grecia e Marrocos e acho que para lua de mel a Grecia seria mais legal, por ser um esquema mais tranquilo e pelas praias paradisiacas. Mas se voces estao buscando mais aventura ou alguma coisa mais exotica, Marrocos sera' perfeito.
Para quem pensa em ir sozinho ou nao quer fazer passeios com agencias, eu acho que falar frances ajuda muito. Nem todos falam ingles. Eu nao alugaria um carro para ir ate Marrakesh. E' muito longe de tudo e, mesmo com roupas largas, passei alguns "apertos" na medina devido ao "excesso de gentileza" dos homens de la, mas nada que estragasse a viagem. A pracinha de entrada da medina ferve no final da tarde, quando o sol ja baixou. Tem bares, restaurantes, bicharada (cobras, macacos) e muita gente.
Faca tatuagens de henna em Fes. Sao maravilhosas e baratinhas e em Marrakesh e' mais dificil achar. Cuidado se vc for alergica a tinta de cabelo porque eles misturam na henna, ja que os turistas querem desenhos mais duradouros. Pergunte antes.

Isabel Reck
Isabel ReckPermalinkResponder

Olá Pessoal, super obrigada pelas dicas que me deram, realmente estou pensando se devo ou não alugar um carro, e trens são bons , vale a pena ?

Beijos

Maria Helena
Maria HelenaPermalinkResponder

Isabel, vou falar tá? Se de carro é ruim, imagina de trem, mulher!! Aliás, nem vi trem qdo estive lá! Foi uma viagem totalmente empacotada - já q eu estava sozinha - e, por isso mesmo, fantástica. Vc está desgostosa da vida? Deixa p/ viajar de carro, com sua amiga, por lugares onde vcs não vão ser olhadas com olhos gulosos e desrespeitosos #medoporsuasegurança!

Fabiana
FabianaPermalinkResponder

Montei uma viagem para o Marrocos em junho 2011 ,mas a explosao na praça em Marrakesh fez com que meu marido desistisse.
Aprendi muito sobre o país lendo o site do Joao Leitao. http://www.joaoleitao.com .
Ele é o Ricardo Freire de lá.
Nao percam a dica pois ele indica programas ,guias e ^picadas^em todo o país.

Isabel Reck
Isabel ReckPermalinkResponder

Pessoal, voltei de Marrocos semana passada onde fiquei 13 dias, quero dividir minha experiência com vocês, indico:

- alugar carro ( barato, autoestrada ótima)

- mulher sozinha (viajei com uma amiga, fomos bem recebidas, povo muito receptivo, adoram Brasileiros);

- hospedar-se (para quem quer pagar pouco, viver uma pequena aventura, viver a Cultura do País, fiquem em Riad);

- como vestir-se (de forma tranquila, claro sem extravagância, porém relaxe);

- assistir um show de dança do ventre (não deixe de ir);

- deserto (2 dias 1 noite... mais que isso não);

- banho turco (fantástico)

- Chefchaouen Cidade perto de Tanger (maravilhosaaaa... pequena, linda, azul e branca, super recomendo).

Tenho muito mais dicas, estou a disposição, fiz um diário de bordo, creio ser super util, quem quiser compartilho.

Beijos

alex
alexPermalinkResponder

infelizmente nao gostei de marrakech, quer dizer as lembrancas ruins superaram as boas, tentei as dicas de nao tirar fotos, negociar antes, dar 20 dihans, nada disso funcionou, por varias vezes eles me amaeacaram e nao tinha nenhum policial! Tive que quase correr algumas vezes...eles nao respeitam voce, jogaram o macaco em cima de mim, sem eu pedir foto ou nada, com a cobra foi do mesmo jeito, basta parar para ver...claro que nunca paguei o que eles queriam! mas nao me senti seguro na cidade, e eu estava hospedado na medina!! Me perdi muitas vezes, mesmo com mapa, a opcao e perguntar para os vendedores ou entrar nas lojas e perguntar, se perguntasse a quaisquer transeuntes, ele tentaria te levar todo o seu dinheiro!! a desculpa de ser brasileiro colou algumas vezes, mas eles so querem euro!! ate as criancas tentam te enganar! casablanca e muito feia!! mas eu visitei a mesquita hassan, muito bonita, so isso mesmo!!

alex
alexPermalinkResponder

sobre alugar carros, nao sei nao!! vi estradas ruins, transito caotico nas cidades, algumas ficalizacoes
fui para o show chez ali e, minha mulher saiu traumatizada, todos os artistas do show estavam pedindo dinheiro...nao era so para tirar fotos com eles, mas so o fato de passar perto deles e ficar olhando para eles, motivava-os...alem de encontrar mosca na comida...nao recomendo marrocos para ninguem, a nao ser que va com um bom guia, ou va para ver o deserto, ah.. tem que saber falar frances ou arabe, no meu hotel nao falavam nada, estava hospedado num riad na medina, muito bonito internamente

Millena
MillenaPermalinkResponder

Oi, estou programando uma viajar no carnaval e Marrocos eh uma das opcoes...vou com amigas, mas pensamos um excursao, tenho ouvido comentarios desfavoraveis e fiquei confusa...nao gosto de excursao e achei engessada, pois todas as refeicoes estao inclusas no pacote e seram em hoteis. Realmente eh perigoso? vale a pena? eh melhor de excursao? me ajudem a decidir. Obrigada!

Isabel Reck
Isabel ReckPermalinkResponder

Olá Milena, acabei de voltar de Marrocos fiquei lá por 13 dias, fui sem pacote, eu e uma amiga, foi ótimo não tive problema nenhum, inclusive ficamos hospedadas em Riad, se quiser mais dicas, me pergunte.

Beijos

Paula Walesko
Paula WaleskoPermalinkResponder

Oi, Isabel!!!

Estou indo para o Marrocos no Carnaval. Tens dica de restaurante por lá (Marrakech, Casablanca, Meknes)?
Vc fez o passeio para o deserto?
Onde posso fazer o banho turco?
Se vc puder compartilhar seu diário de bordo, vou adorar!!!!
Obrigada pelas dicas!!!
Feliz 2012!!!
Paula
paulawalesko@hotmail.com

Claudio Motta
Claudio MottaPermalinkResponder

Paula,
Em Marrakech eu recomendo o restaurante número 1 da Aisha. Ele fica na praça Djeema el fna e só é montado no final da tarde. Comi um pouco de tudo e estava maravilhoso. Fiquei 3 dias e sempre jantava por lá. E o melhor de tudo que era muito barato! Existem muitas opções para todos os gostos e bolsos, mas eu não deixaria de ir lá pelo menos 1 noite. É viver a experiência local!

Abraço e boa viagem.

http://cronicasdeviagens-mottas.blogspot.com/2009/12/marrakech-cidade-vermelha.html

Paula Walesko
Paula WaleskoPermalinkResponder

Claudio!!!!

Dica anotada!!! Muito obrigada!!!

Adorei a descrição da viagem!!! Já tinha lido mesmo que não podemos aceitar ajuda dos marroquinos, sempre querem $$$ em troca.

Abraço,
Paula

Gabi Erbetta
Gabi ErbettaPermalinkResponder

Pessoal, será que minha pergunta consegue ir pro Perguntódromo? Tenho apenas quatro dias no Marrocos, em março, e minha base será Casablanca. Talvez role uma esticada até Fez ou Marrakesh, mas acho que vou ter que me contentar mesmo com a cidade do Rick Blaine. E todo mundo - inclusive nosso Riq - fala tão mal da pobrezinha... Casablanca é tão chata assim? Alguém consegue se lembrar de alguma coisa interessante pra ver ou fazer lá, sem ser a mesquita? (Essa já está nos meus planos!) Obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Gabi! Tenho pra mim que é sempre bom escutar o Comandante e não foram poucas as vezes que ele já disse não ver graça em Casablanca mrgreen

Philipp
PhilippPermalinkResponder

Para tão pouco tempo eu faria 2 dias em Fes 2 dias em Marrakech. Casablanca tem "somente" a grande mesquita e alguns bons restaurantes, para tão poucos dias eu pularia.

Se vc decidir mesmo por base em Casablanca, recomendo conhecer Rabat, El Jadida (Mazagão - aqui com grande influencia portuguesa), Mekenes e Volubilis também achei muito interessante.

sylviatravel
sylviatravelPermalinkResponder

Casablanca é a menos interessante das cidades marroquinas, pode passar direto ! Rabat é ótima, Fez e Marrakech são únicas.

sylviatravel
sylviatravelPermalinkResponder

Gabi, fazer base em Casablanca é o mesmo que fazer base am Brasilia
mrgreen

Paula Walesko
Paula WaleskoPermalinkResponder

Oi, Gabi!!!

Ainda não fui para o Marrocos, vou fevereiro (carnaval). Meu período vai ser curto (7 dias) e tb chegarei por Casablanca. Minha sugestão, já que vc vai ficar em Casablanca é EL JADIDA (1h20 trem), MEKNES (3 horas trem), VOLUBILIS (40 min de carro a partir Meknes). Para estas 3 cidades vc pode ir de trem. (http://www.oncf.ma/ para conferir horário e valor. Ah melhor 1° classe). Sugiro dormir em Meknes. Se vc puder dar um pulo em Marrakech, acho que não vai se arrepender.
Se vc quiser, na volta te conto o que achei de cada cidade. Além destas vou a MARRAKECH, OUARZAZETE E ZAGORA.
ótima viagem,
Paula

Isabel Reck
Isabel ReckPermalinkResponder

Olá Paula, feliz ano novo pra você também.

Como não tenho muitos detalhes de sua viagem, vou dar algumas dicas para que você possa inserir de acordo com seu roteiro, se for obrigatória sua ida para Casablanca, ok, porém não tem nada lá, apenas a mesquita que é muito bonita, mas se o seu tempo for curto não vale a pena, em Marrakesh existem muitos lugares para o banho turco, fui a alguns em minha opinião o melhor é o, Lês Bains fica na 2 Derb Sedra, Bab Agnaou,
Fiz amizade com muitas pessoas principalmente em Marrakesh que me deram dicas valiosas, tenho contato até hoje, se quiser te passo o email de um amigo (que fala inglês e espanhol) poderá te ajudar, e por incrível que pareça sem cobrar nada rsrsrs, pois como todos dizem os Marroquinos cobram até para falar “bom dia”, porém por sorte, comigo não aconteceu...caso não tenha feito reserva em hotel, sugiro fazer uma busca em Riad, o inconveniente é que é meio complicado chegar, mas vale muito a pena alem de ser barato, você realmente entra no clima do País um exemplo é o Riad Jona www.riadjona.com , assisti a um show de dança do ventre onde não se paga para entrar e você pode jantar , comida excelente e preço honestíssimo.
Outro lugar para jantar é o Le Café Árabe em Marrakesh, aqui servem-se pratos de alta cozinha marroquina e italiana. Os preços das entradas variam entre os 90 e 100 dirhams (8/9€), os pratos principais entre os 90 e os 160 dirhams (8 e 15€) e as sobremesas 80 dirhams (7.5€), endereço: 184, rue Mouassine – Médina .
Outro bem legal é o Lês Jardins de Bala é um de vários restaurantes que pertencem ao hotel de 5 estrelas Lês Jardins de La Koutoubia e situa-se no último andar. Para chegar tem que atravessar o átrio e os jardins do hotel. O restaurante é bonito, acolhedor e confortável. Com uma linda lareira e uma espetacular vista que tem sobre a cidade e a torre da maior mesquita de Marrakesh, a Koutoubia. O preço dos pratos varia entre os 100 e os 230 (10/23 €) dirhams e das sobremesas entre os 80 e os 120 dirhams (8/12 €).
Fiz o deserto 2 dias 1 noite para mim foi o suficiente, não tem muita estrutura sem conforto, mas, vale a pena, não pague mais que € 100,00.
Agora se você puder vá para chefchaouene, fica entre Fez e Tanger indescritível não é muito frequentado pelos turistas.
Vou encaminhar o email de meu amigo por email pra você ok?
Estou a disposição para mais dicas.

beijos

Gabi Erbetta
Gabi ErbettaPermalinkResponder

Pessoal, muito obrigada! O caso é que vou encaixar quatro dias no meio de uma viagem a Portugal para visitar uma prima que está morando em Casablanca (e ela até gosta...). Pensamos em dar um pulo a Marrakesh, mas como eu acho que pode ser muito corrido, gostei muito dessas sugestões do Philipp e da Paula, pelo menos podem ser bate-e-voltas bacanas!

(sylviatravel, nem me fale, uma vez precisei passar uma semana em Brasília sem ser a trabalho - don't ask - e visitei até o templo da Legião da Boa Vontade por falta do que fazer... smile)

Heloisa Polo
Heloisa PoloPermalinkResponder

Vele duas noites em Casablanca! Conheça a Mesquita Hassan II,projetada pelo francês Michel Pinceau. Vá com guia local e permaneça ao menos 4 horas por lá. É imenso o complexo e tem um vista linda voltada para o mar. Vá também ao mercado central e à velha medina, entre outros.
Heloisa

Paula
PaulaPermalinkResponder

Pessoal, acabei de voltar do Marrocos. Comecei a colocar algumas dicas. Talvez possa ajudar alguém.
http://paulawalesko.blogspot.com.br/

Abç

Raquel
RaquelPermalinkResponder

Olá pessoal,
Há tempos sonho ir para o Marrocos, agora poderei ir, mas vou só!
Estou lendo um monte de relatos bons, mas duas conhecidas não tiveram muita sorte.
Vou para albergues, então imagino que tenha companhia... Irei a Marrakech, Fès, Meknes e Chefchaouen, de tranporte público.
E agora?
Alguma recomendação?
Desde já agradeço!!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Raquel! Não temos conteúdo sobre o Marrocos. Leia todos os comentários a partir da página 1 (clique no número embaixo da caixa)

Mara
MaraPermalinkResponder

Olá pessoal!
Vou contar a minha experiência:
Estive em Marrakech em Abril deste ano com uma amiga brasileira. Morava em Madrid e fomos de Ryanair (vôo direto). Todos falavam pra termos cuidado já que éramos duas mulheres se aventurando sozinha por lá. Acho que rola um "terrorismo" desnecessário em relação a isso.
É claro que se deve ter atenção e cuidado mas nada que um brasileiro (ainda mais carioca, rs) não esteja acostumado. Ficamos num Riad Excelente, o Riad Fantasia que fica a poucos minutos andando da Praça Djema Al Fna. O staff é sensacional, sempre dispostos a ajudar com dicas e informações, possuem serviço de transfer (acho importante principalmente na chegada)e estavam a nossa disposição para qualquer coisa.
De fato, fomos muito assediadas( muitos olhares, assobios, cantadas,etc), porém de forma respeitosa. Sim, acredite. Nunca fomos tocadas, nem atacadas, nem desrespeitadas. Muitas vezes queriamos rir com as situações mas se queremos respeito, devemos nos impor, ser firmes e continuar a caminhada pela Medina..rs
Se a mulherada está com baixa auto estima, é pro Marrocos que elas devem ir!hehehe
A comida é INCRÍVEL! Na Praça comemos no Taj'in Darna, vale a pena ir pro terraço e comer uma pastilla de entrada e o famoso cuscuz marroquino! Delicioso!
Em Gueliz, a parte moderna, tem muitos restaurantes e hotéis. Pra quem curte uma boa noitada, as boates Sylver e So ( dentro do Sofitel ) são ótimas e lindas, não deixam a desejar pra nenhuma outra da Europa.
As negociações no comércio chegam a cansar, mas faz parte! No final eu já não queria dar meu preço pra nada, perguntava quanto custava e pronto, se pudesse pagava, se não virava e ia embora. hehehe
Ah! Pra quem vai ficar 2 ou 3 dias, como eu, indico os ônibus sightseen, são baratos e dá pra conhecer tudo!!
Vá sem medo! Esteja sempre atento, mas acima de tudo ABERTO pra conhecer o Marrocos, sua cultura, contrastes e encantos!

Ciça Matos Dauar

Olá! Vou para a Andaluzia em Abril 2013 com meu marido e meu filho que terá 6 anos então.
Gostaria de saber se vale a pena visitar Tanger, Ceuta ou Melilla e quantos dias precisaria para isso.
Tenho algumas restrições na viagem, pois iremos a partir de Madrid e gostaria de mesclar as praias (Marbella) e sky(Serra Nevada) com os castelos e palácios (Granada, Ronda, Cordoba, Sevilha) para que a viagem não fosse cansativa para o pequeno. Ficaremos de 05/04/2013 a 21/04/2013.
O que vcs acham?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Ciça! Deixe para ir ao Marrocos quando você tiver entre 10 e 15 dias livres só para o país. Atravessar o canal só para dizer que esteve num outro país não vai fazer com que o Marrocos suma da sua lista de viagens não-feitas.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia de férias. Só voltaremos a responder perguntas que forem postadas a partir de 3 de junho. Relatos e opinões continuarão sendo publicados.
Cancelar