O que você faria com mais horas de sol?

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Ponta do Seixas, João Pessoa (PB)

Essa é a pergunta que Sundown está fazendo.

A minha resposta é fácil. Eu ficaria mais tempo na praia. Mais: eu daria um jeito de aumentar ainda mais o expediente solar. Iria atrás de mais horas de sol pra para pôr em cima dessas horas extras de sol que eu ganhei.

No Brasil, eu amanheceria onde o sol nasce mais cedo: em João Pessoa (para ser mais exato, na Ponta do Seixas, na foto lá do alto). Lá pelas 4 e meia da manhã o sol já está alto. Às 5 da matina eles fecham a beira-mar de Cabo Branco pro pessoal fazer jogging, pedalar e andar de bicicleta. 5 da manhã, Brasil!

Cabo Branco, João Pessoa (PB)
Depois, daria um jeito de me transportar para passar a manhã caminhando entre Arraial d’Ajuda e Trancoso, um dos trajetos mais lindos que alguém pode fazer a pé na costa brasileira. De manhã o sol incide direto nas falésias da Pitinga e do Taípe, iluminando o caminho. Sombra é para os fracos!

Taípe, Arraial d'Ajuda (BA)

Meio-dia, sol a pino, me teletransporte pro Recife, pufavô! Quero minha cadeirinha (de alumínio e nylon; nada dessa bagaceirice de plástico!) no meu trecho favorito de Boa Viagem, a praia do Acaiaca. Perto da hora do almoço começam a aparecer os vendedores de caldinho – um mais gostoso que o outro. Começo com um de feijão, rebato com um de siri.

Boa Viagem, Recife (PE)

No começo da tarde, no Nordeste, o sol tem hábito de começar a querer se esconder aqui e ali – atrás do coqueiro, do prédio, da duna, da falésia. Isso precisa mudar! Urgente! Enquanto as autoridades não tomam as devidas providências para o sol se manter alto, a solução é uma só: o teletransporte pro Sudeste.

Azeda, Búzios (RJ)
Eu passaria a tarde andando de aquatáxi entre algumas das praias mais lindinhas de Búzios: Ossos, Azeda e Azedinha, João Fernandes e João Fernandinho. Ou explorando as praias sem muvuca ao norte de Ubatuba – você já foi à Puruba? Não? Então vá.

Puruba, Ubatuba (SP)
Lá pelas 5 começaria o circuito do pôr do sol. Me teletransportaria pro mais famoso de todos, em Jericoacoara.

Jericoacoara (CE)
De lá ainda daria tempo para assistir a um de que pouca gente ouviu falar, mas que é tão bonito quanto: em Galinhos, no Rio Grande do Norte, onde o sol tinge o céu de amarelo.

Galinhos (RN)
Se a teletransportagem for eficiente ainda dá pra pegar o finzinho do espetáculo no Porto da Barra, em Salvador, onde é aplaudido o ano inteiro.

Porto da Barra, Salvador (BA)
De lá eu poderia emendar no pôr do sol de Ipanema, que no verão acontece no mar. Mas acho que eu iria direto pra Santa Catarina, onde o horário de verão dá naturalmente mais horas de sol para todos. Dá para ficar na praia até as 8!

Itaúnas (ES)
E então, quando não desse mais jeito, acho que eu me teletransportaria para Itaúnas, no Espírito Santo. Lá em janeiro o forró come solto a noite inteira, até... o sol raiar.

E você? Faria o quê? Passe na página “O que eu faria com mais horas de sol” no Facebook, assista ao meu vídeo (gravado em Dubai!) e entre nessa campanha por mais horas de sol!

51 comentários

Juliana Amorim

Só consigo pensar em sol com praia... Limitadinha

Juliana Amorim

queria poder pensar que as coisas ficariam abertas: museus ,academias, bares, gerando integração com a luminosidade... mas só consigo imaginar uma ondinha espumosa batendo na minha canela e gerando aquela imensa e adorável sensação de liberdade e frescor que o mar nos dá... que me desculpem os outros, vou ficar aqui com essa imagem boa e as fotos do Riq

Rosa
RosaPermalinkResponder

E eu só consigo pensar em praia com sol... Limitadinha 2.

debora
deboraPermalinkResponder

Eu so tenho pensamnento para uma bela praia como a praia da baleia ou maresias ficar esticada na cadeira e com uma bela cia

Ana Claudia
Ana ClaudiaPermalinkResponder

Eu tambem so penso em praia, e do Nordeste!

JulianaL
JulianaLPermalinkResponder

Hum, a " praia do Acaica" hj beira o insuportável e os caldinhos estão em toda a extensão da Av. Boa Viagem, por isso quando vier (teletransportado claro) prefira umas 3 ou 4 quadras depois (sentido dos carros). Bem mais agradável ...
Adorei o post, super!

JulianaL
JulianaLPermalinkResponder

Sory, Acaiaca...

Fran
FranPermalinkResponder

Faria o que demoro uma semana para fazer em Ubatuba nas férias de verão, por conta das chuvas: um tour pelas minhas praias favoritas!
De manhã, amanhecer nas Toninhas ainda vazia. Em seguida iria para Puruba (amo). Ao meio dia pausa no já inexistente Sushi-bar no lado esquerdo da praia do Félix. Tarde prolongada em Picinguaba, quem sabe uma cachoeira? Fim de tarde na Vermelha do Sul/dos arquitetos, meu esconderijo em dias lotados. E por do sol na Vermelhinha do Centro...Ai ai
Outras opções para o dia seguinte: Itamambuca, Cedro, Fortaleza e Trindade (RJ)...

Amélia
AméliaPermalinkResponder

Matou!Seria bom o tempo que faz em Ubatuba em Março, só que com o horário de verão.Mas o tour do Riq, me faz bem feliz também!

Marcie
MarciePermalinkResponder

Eu procuraria mais sombra, cada vez mais sombra... lol lol wink

Lu
LuPermalinkResponder

Amei o seu roteiro solar!!!

Manddy
ManddyPermalinkResponder

Show esse post! (só pra variar um pouco)
Como carioca, eu ficaria com o pôr do sol de Ipanema, hein?! rs
Eu ficaria na praia tb, mas com mtooo protetor já que sou mto branquinha!! Depois de um tempo sou obrigada a procurar sombra senão viro camarão.
O "bão" de sol extra é qdo se viaja... dá para conhecer mais as cidades e curtir melhor os museus que adoro! =D
Bjs,
Manddy - http://tourdubaiguide.blogspot.com

Joice Cristiane

Completo... depois de SC, iria pra Punta del Leste...

Joice Cristiane

Amei o post!! Mas depois de SC, finalizaria em Punta del Leste… o sol se poe às 21h no mar, o maior sol que já vi na minha pequena experiência de viagens, mas um espetáculo liiindo de viver! =)

simone
simonePermalinkResponder

Já vi candidatos a cargos políticos prometerem levar o mar até Minas. Se um dia aparecer um garantindo deixar o sol até mais tarde nas praias do Nordeste, voto nele. Não consigo me acostumar com a noite nordestina, que chega às cinco da tarde.

Bá Conti - www.publicitariaeviajante.blogspot.com

Linda a foto de Galinhos - no mínimo, impressionante.
E de dar inveja!

Carmen
CarmenPermalinkResponder

Eu faria: viver mais... e não hibernar!

Gabi Righetto
Gabi RighettoPermalinkResponder

Adorei o post! Ai, praia é tudo de bom nessa vida né???? Eu também quero mais sol e mais praia sempre!

Cristian
CristianPermalinkResponder

Riq, desculpe o comentário totalmente off-topic. Mas queria saber se alguém já recebeu alguma multa de trânsito enquanto viajava na Itália e como procedeu. Recebi duas multas 1 ano e 3 meses depois de voltar da viagem. Li em outro blog (Notícias da Bota) que o prazo máximo de recebimento é de 360 dias, sendo que após isso ocorre a prescrição. Vou fazer um recurso mas gostaria de saber se alguém já passou por situação semelhante e como procedeu. Serve também como alerta pra quem está indo pra lá e pretende alugar um carro. Nos centros turísticos existem ruas que você não pode entrar de carro, e aparentemente a sinalização é fraca (eu não vi placa nenhuma...). Pisa e Florença, pelo que li no outro blog, são as cidades com maior número de relato de pessoas que receberam multa por transitar em via proibida.
Obrigado!

Marcie
MarciePermalinkResponder

Cristian, normalmente a multa já seria debitada do cartão de crédito que você usou para pagar a locação. Em se tratando de Itália, a coisa pode ser mais complicada. Talvez se você ligasse para a locadora e falasse com eles? Pode ser que eles possam te ajudar.
E, para sua informação: sinalização péssima na Itália é a regra! wink

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Cristian! Colocamos a dúvida no Perguntódromo também! Fique de olho! https://www.viajenaviagem.com/2011/01/perguntodromo-a-boia-e-voce/

Marcie: gracias! smile

Alessandra Fiorini

Bóia
respondi ao cristian (através do perguntódromo), mas caiu aqui e não no perguntódromo. Como faço para colocar a resposta lá??

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Alô, Alessandra! O funcionamento do Perguntódromo é esse mesmo! Eu só botei o link pra ele ver que a pergunta tinha subido!

Para funcionar melhor, ele precisava ter posto a pergunta em algum post sobre a Itália, onde seria mais útil a quem pesquisasse depois!

Alessandra Fiorini

Cristian
Eu recebi uma notificação de infração (em inglês) do depto de trânsito italiano sobre uma multa por estacionamento sem ticket em Roma. Isso 1 ano após a data da ocorrência. Na notificação dizia que eu receberia a cobrança pela infração, o que não aconteceu. Depois de uns 2 meses, recebi a cobrança diretamente no cartão de crédito, mas através da Avis, a locadora do carro. Acontece que, neste período, a multa já havia dobrado de preço (detalhe: nós não fomos responsáveis pela multa, mas sim a Avis que estacionou o carro em local sem ticket, antes de entregá-lo à nós, e de má fé passou o nosso nome ao depto de trânsito). Apesar de reclamar com a Avis (aqui no BR eles não têm o contrato no sistema após 6 meses (!), e tiveram que pedir à Roma, que, claro, disse que não tinha nada a ver com isso).
Conclusão: Minha forte sugestão é que vc entre no site que há em sua notificação o mais rápido possível e PAGUE a multa, pois mesmo com recurso o valor continua correndo, e como o provável é que vc perca (é tudo muito desorganizado, e olha que eu tenho cidadania italiana), quando você for pagar o valor será acrescido de multa e juros, e tudo em euro.
Na minha notificação há o site: www.emo.nivi.it
onde vc deve colocar o user name e a password.
Usando o cartão de crédito para pagar, só aparece um aviso que vc pagou e não emite recibo nenhum. Mandei até email pedindo recibo, e depois de muito tempo me responderam que haviam recebido e só, sem recibo.
Espero ter te ajudado.

Cristian
CristianPermalinkResponder

Marcie, obrigado, sempre prestativa. Alessandra, valeu pela dica. Riq, valeu por colocar no perguntódromo e desculpa o post no lugar errado.

Viviane
VivianePermalinkResponder

Olá a todos. Espero estar escrevendo no lugar certo.
Tenho um serviço no cartão de crédito que me envia SMSs quando efetuo alguma compra. Recebi hoje 2 SMSs, com diferença de 2 horas entre eles, informando 2 débitos de US$ 78,43 (o mesmo valor nos 2) sob o nome Auto Europa Multe-Fines. Em 2010, aluguei um carro pela Auto Europa Florença por 1 dia. Considerando o texto da mensagem Multe-fines, imagino que seja uma multa.
Porém não recebi nenhuma notificação.
Tentei contato com eles, mas ainda não obtive resposta por e-mail
e por telefone cai numa central onde falei com o atendente em inglês, que me pediu que ligasse novamente mais tarde (pois no setor responsável ainda não tinha ninguém para me atender devido ao fuso horário...). Li que recebe-se a notificação e depois sim,
paga-se a multa. Eu estou com o débito duplicado e não recebi a notificação. Que imagino ser de multa.
Tenho receio de não pagar e ter problemas. Mas não sei se a cobrança é devida. Alguém sabe se é isso mesmo? Alguém já passou por algo assim? Obrigada.

Cristian
CristianPermalinkResponder

Viviane, meu caso foi o seguinte. Aluguei na Hertz italiana. 4 meses depois de voltar da viagem recebi um valor duplicado no meu cartão de + ou - 60 euros. Na época tb fiquei na sua situação e liguei pro meu cartão pra bloquear os débitos pois não consegui descobrir a q se referia. Não paguei. 1 ano e 3 meses depois recebi 2 multas em casa. Ao pesquisar, li em um blog (dê uma olhada no Notícias da Bota) q as taxas cobradas pela Hertz não eram as multas, e sim uma taxa cobrada por identificação do meu cadastro e para repassar essas informações para aprefeitura de Pisa. Mesmo pq as multas são mais caras q 60 euros. 2 multas 2 cobranças. Caso isso seja verdade, fico feliz de não ter pago, pois 60 euros pra pesquisar meu cadastro por cada multa é abusivo (ia pagar 120 euros). Se esses 60 eram a própria multa, devia ter pago q evitava essa dor de cabeça hoje.

Andre L.
Andre L.PermalinkResponder

Christian, essas áreas onde nào se podem entrar são pequenas, próximas à muvuca central dos distritos históricos. Elas são todas sinalizadas.

O que acontece é que a sinalização segue o padrão europeu de restrição a carros ou restrição com exceções, já que moradores das quadras próximas, médicos etc. podem passar por ali. Não se usa a sinalização de acesso proibido (aquele círculo vermelho com uma faixa transversal horizontal branca que não chega a tocar as extremidades).

zuzu
zuzuPermalinkResponder

Com tanto sol, haja protetor...mas eu nao uso Sundown nao!
Dica: Heliocare 50 ou 90, textura fininha, nao meleca, é absorvido instantaneamente!!!!!

Tania Janin
Tania JaninPermalinkResponder

O que eu faria com mais horas de sol?

Pagaria com milhas, mais que em dobro, a passagem no teletransporte do Ric, aplaudiria o por do sol de Ipanema, afinal sou carioca da gema, e acabaria junto com Joice em Punta.

Melhor que viajar só mesmo sonhar!

Bjs

Sandrissima
SandrissimaPermalinkResponder

"De lá, de cima do mar" eu vou aplaudir o pôr do sol no Porto da Barra, mas indo à pé para lá daqui do Red River. No caminho, visual na Pedra da Sereia é de tirar o folego... E não é que hoje cismou de chover aqui em Salvador? E justo na véspera da Lavagem do Bomfim?
Tenho o privilégio de ir trabalhar(!) pelo menos 3 vezes/ano em Porto Seguro e andar nesse o roteiro da Pitinga, de manhãzinha, antes de ir trabalhar na cidade... Não tem preço!

Tiago dos Reis

O que são essas fotos?

Thyago Portela

Grande texto!!!
Ainda mais por ter começado falando de minha terrinha tão esquecida mas tão acolhedora!!!
Ahh Riq, qdo descer de Galinhos p/ Salvador dá um pit-stop pra ouvir o bolero de Ravel e tomar uma caipiroska no por do sol da praia do Jacaré, em Cabedelo PB, hehe

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Com mais horas de sol eu vou

*direto pra Finlandia ver o sol da meia noite
*acordo as 5 para ver o sol nascer em Agra
*as 6 vou dar um mergulho em PhiPhi pra energizar
*o café da manhã vai ser em Ubud
*as 8h pego um barco só com locais de Guilin a Yangshuo
*as 9h vou caminhar pela Praça Vermelha
*as 10h tomo um chá de hortelã com biscoitos no souk em Marrakech
*as 11h faço uma caminhada de Manarola a Rio Maggiori
*ao meio dia peço um peixe pescado na hora na Baia de Halong
*depois vou comer um sorvete na Ile Saint Louis
*e pedir um expresso duplo na Piazza Navona
*as 3 da tarde é hora de uma soneca na Lopana em Maceió
*as 4 da tarde é hora de passear de balão no Serengeti
*as 5 passo no Bracarense e levo os petiscos pro Arpoador
*as 6 tem que estar a postos para o por do sol no Angkor Wat
*antes das 7 corro pra Fira e depois pra Oia
*antes de dormir vou jantar Bondiola de Cerdo no Crizia
e passar no Freddo , que ninguém é de ferro .

Flavia (@ladyrasta)

Sylvia, tô boba aqui com suas horas de sol. alegrou minhas horas de insônia! e btw, já tem sol aqui em Salvador!

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Assim serão nossas viagens com o tele-transporte.
E o melhor : sem bagagem !
E nem dá tempo pra insonia lol

Rosa
RosaPermalinkResponder

Sylvia, adorei a citação de Maceió, é a minha paixão de praia no Brasil, se os governantes soubessem lapidar aquela joia, seria o paraíso, é uma pena o descaso público, Maceió é só beira-mar e mais duas ruas pra trás.

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Pois é , Rosa .
A grande dificuldade ( e enigma) de cada um , nas nossas andanças, é encontrar o espaço que nos proporcione boas vivencias e lembranças.
E saber que poucos lugares serão para ver e usar ...
Aliás , este é o objetivo deste site :cool:

Cristina
CristinaPermalinkResponder

Sylvia, só vc!!! òtimo!

Meilin
MeilinPermalinkResponder

Puxa, que bom, eu achei que era a única pessoa qua ainda gostava de tomar sol...bastante sol.

Ana Carolina
Ana CarolinaPermalinkResponder

ai, que delícia de post

Leandro
LeandroPermalinkResponder

Eu sou um caso estranho, pois DETESTO pegar sol por pegar sol, mas prefiro ir à praia com sol, que costuma deixar a paisagem mais bonita. Gosto mesmo é de entrar no mar, e nas águas muitas vezes frias do Rio o sol ainda serve para aquecer depois do banho de mar, se não fosse a parte de ficar queimado/corado eu não teria nada contra. Fazer o que né?

Rubys
RubysPermalinkResponder

Eu não sei o que eu faria durante o dia. Eu também gosto de sombra.
Mas meu por do Sol seria todo dia na frente da Igreja de San Giorgio Maggiore, assistindo o Sol cair atrás de Veneza !!!

Mariana "de Toledo" (@merel)

Amei o post e deu até pra sentir a areia grudando entre os dedos smile Porém-contudo-entretanto, não consigo deixar de imaginar o que faria com mais algumas horas de NOITE grin

Fernando Piracicaba

Esse seria assunto para um novo post com toda certeza... e que delicia de post. Seria uma viagem e tanto!!!!

Sut-Mie
Sut-MiePermalinkResponder

Post belíssimo! Tanto pelo texto quanto pelas fotos! Adorei!! Praia e sol, combinação perfeita!

Paula Bicudo
Paula BicudoPermalinkResponder

Riq, quando puder, manda um post sobre Ubatuba. Vontade de voltar pra lá em março/abril, quando o tempo dá uma firmada. Tem muita praia linda em Ubatuba, mas tem que ser fora de temporada. Claro que Ubachuva não é o melhor lugar pra ir em janeiro, hehehe! Acho que é a cidade com maior índice pluviométrico do estado de SP, com menos dias de sol por ano.

Ricardo Freire

Em fevereiro vai ter um esforço especial pra subir o conteúdo de praias nas páginas de destino. Vou me lembrar disso mrgreen

Paula Bicudo
Paula BicudoPermalinkResponder

Legal! Obrigada!

Naila Soares
Naila SoaresPermalinkResponder

Eu adoro sol, mas com dias frios! Combinação perfeita:céu de brigadeiro e um casacão bem quentinho.

Naila Soares
Naila SoaresPermalinkResponder

Ah! O que eu faria? Iria passear muito, de preferência pelas ruas de BsAs...Fui em maio de 2010 e o tempo estava assim. Até passei filtro solar!

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar