Capri: todos os detalhes do passeio à Gruta Azul

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Gruta Azul, Capri

Capri: o passeio à Gruta AzulVocê vai ouvir que a Gruta Azul é uma das experiências de viagem mais bonitas que você pode ter na vida. Também vai ouvir que a Gruta Azul é uma das maiores armadilhas para turistas do planeta. As duas afirmações têm lá o seu fundo de verdade.

Os passeios saem do portinho de Capri. Lotou um barco, saiu. O traslado de barco custa 12 euros por pessoa.

Quinze minutinhos depois, o seu barco chega à porta da Gruta Azul. Dependendo da hora e da época do ano, pode estar bem engarrafado.

Capri: o passeio à Gruta Azul

Capri: o passeio à Gruta Azul

Ali é preciso trocar de embarcação, porque a porta da gruta é pequeníssima, tipo porta de iglu. Por ela só passam pequenos barquinhos a remo, pilotados por marinheiros aptos a entrar pelo buraco e, sobretudo, a sair com você vivo.

Capri: o passeio à Gruta Azul

Nessa hora você entende por que há dias (ou momentos) em que a gruta fecha; basta a maré estar alta demais, ou o mar revolto ao extremo, para que a gruta feche. Com sorte, sem você lá dentro...

Capri: o passeio à Gruta Azul

O processo é absolutamente fascinante, pela perícia envolvida. Mas na hora você não tem como curtir esses detalhes. Tudo precisa ser tão rápido e eficiente (o mundo inteiro está esperando à porta da gruta, e os barqueiros são só aqueles), que boa parte da poesia da aventura se afoga ali.

Capri: o passeio à Gruta Azul

Os passageiros precisam se apertar no chão do barquinho (quem sai na gruta é pra se molhar), o que é uma experiência que não fica a dever para nenhuma sardinha em lata.

Capri: o passeio à Gruta Azul

Então o barqueiro anuncia que é preciso passar no barco-guichê para comprar o ingresso (dois tickets por pessoa que, somados, dão € 12,50), e informa que espera uma gorjeta ao final da operação.

Capri: o passeio à Gruta Azul

A passagem pelo buraquinho é tão claustrofóbica quanto aquelas travessias dentro de pirâmide para ver múmia no Egito.

Capri: o passeio à Gruta Azul

Capri: o passeio à Gruta Azul

Capri: o passeio à Gruta Azul

E então... putzgrils della cáspita, não é que é mágico mesmo?

Capri: o passeio à Gruta Azul

Da escuridão total brota aquela luz de baixo, totalmente sobrenatural.

Capri: o passeio à Gruta Azul

Pra falar a verdade, eu não lembrava daquilo ser tão lindo; não sei se da outra vez que fui o dia estava encoberto, ou se a rispidez dos trâmites tinha me assustado tanto que eu não consegui relaxar.

Capri: o passeio à Gruta Azul

Mas dura pouco. Devia ter cronometrado quanto tempo a gente ficava lá dentro. Não creio que seja muito mais do que um minuto.

E na saída, antes mesmo de se recuperar da passagem de volta pelo buraquinho, o barqueiro já vem pedindo a gorja (o troco do ingresso).

Capri: o passeio à Gruta Azul

Então hoje, num balanço mais sereno, eu diria que a beleza da Gruta Azul faz jus à sua fama; mas que a pressa com que tudo precisa ser feito justifica seus detratores -- sobretudo quando você vem do continente só pra isso.

O segredo de gostar da Gruta Azul, acho eu, é vir a Capri com calma. Se você não fizer da Gruta Azul o momento mais frenético de uma visita supercorrida a Capri, vai ter mais condições de se encantar grin

(No próximo post, dou a receita.)

Outras maneiras de ir à Gruta Azul

- Você pode fazer um passeio em grupo em volta da ilha (€ 15) que inclui uma parada em frente à Gruta (para entrar, pague os € 12,50 de ingresso e a gorjeta do barqueiro).

- Você pode incluir a parada na Gruta num tour privado em volta da ilha (uma base de € 120 por duas horas de passeio), mas leve em conta que o tempo que você ficar parado em frente à porta conta como parte do passeio.

- Você pode ir de ônibus a Anacapri (€ 1,80), e de lá tomar outro ônibus à Gruta (€ 1,80). Os barqueiros pegam os passageiros no píer do bar/restaurante que existe no local. (A vantagem é que você já passeia por Anacapri na ida ou na volta).

A rede AccorHotels.com apoia essa temporada do VnV na Europa.

Os carros desta viagem são alugados com todos os seguros pela Mobility Cars.

O Mondial Travel é a assistência viagem oficial do /#viajenaviagem no projeto Europa de carro.

Leia mais:

58 comentários

Anita
AnitaPermalinkResponder

Muito útil e funcional o post. Obrigada e parabéns!

Arthur | Agora vai mesmo

Arraial do Cabo cover wink

silvia
silviaPermalinkResponder

A passagem pela minuscula entrada da gruta realmente é muito apavorante . Pensei em desistir e permanecer no barco quando minha irma me mostrou algumas senhoras americanas beeem mais velhas e robustas que eu, descendo do barco, muito animadas .Fui ...apavorada ...deitei no barco, no colo do passageiro de tras , pois e´ assim que se entra, para não bater a cabeça pois a entrada é baixissima . O barco entra num golpe só ... Vale a crise de panico!!

val
valPermalinkResponder

claustrofobia rocks aqui...sad

Sílvia Oliveira

Pelas fotos imagino o quanto deve ser mágico. Mas não é para mim. Fiquei sem ar só de ver aquela aberturinha na gruta e morro de medo de água, com aquela sensação de que vai logo bater no meu pescoço. Passo a vez! mrgreen

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Sei não Silvia , acho que se tiveres sorte do dia estar bonito é um passeio pra não perder.Não me lembro de ter sentido panico ou mal estar , e é tão lindão que até um minuto tá valendo.

Bia Mignolo I Viaje no Detalhe

Você é fantástico! Estou morrendo de rir desse post. Você descreveu perfeitamente como funciona o "esquema" para conhecer a Gruta Azul.
Mas juro, não me lembrava desse sofrimento todo, que só tive consciência de ter passado agora, lendo ao post. Havia ficado somente com as lembranças daquele maravilhoso momento azul...
Turista sofre... =)

Mauro Nogueira

Tem alguma informação do melhor horário para fazer a visitação, algo em relação à luz no interior da gruta, etc?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Mauro! No post anterior (sobre como ir de Roma a Capri) o Ricardo Freire escreveu que consta que o melhor horário é entre 11h e 13h, quando o sol está alto e então aumenta a refração de luz.

Talma Gomes
Talma GomesPermalinkResponder

É realmente paradisíaco, mágico, uma aventura bela e inesquecível. É tão rápido e ao mesmo tempo parace eterno. Estive lá ano passado e pretendo voltar no próximo ano. Vale a pena ver de novo mesmo.

Sut-Mie | Viajando com Pimpolhos

Vi um video outro dia sobre esse lugar que me deu muita vontade de conhecer. Já o seu post me tirou um pouco o "elan" (não a gruta em si, que realmente, parece maravilhosa, ms, como a Silvia, tb me assustei um pouco com o buraquinho! Putzgrila!)

Angela - Alemanha! Por que não?

Olá Riq, adorei seu relato. Tenho que voltar para lá e levar meus filhos. O difícil vai ser convencer o mais novo (tem medo de lugares fechados) a entrar de barquinho na gruta neste aperto todo.
Nao lembrava que era assim para visitá-la. Também, eu tinha 15 anos quando fui para lá...já faz 30 anos!Deve ter mudado muito, só de turistas da China e Japao o lugar deve lotar mesmo...
Estou adorando suas aventuras.Beijos e continue a se divertir.

Bruna
BrunaPermalinkResponder

tá ai um lugar q sempre tive vontade de conhecer... Mas lendo o seu relato nos minimos detalhes fiquei com um pouco de medo! hehehe

Márcia Maia
Márcia MaiaPermalinkResponder

É tão supreendentemente bonito lá dentro, que a gente só lembra a doideira do muda de barco, etc, depois. Fui num dia pós-feriado. Estava calmíssimo. Só 2 barquinhos na gruta, demorou um pouquinho até pra se fotografar. Mas faz 15 anos.Devia ter menos turistas, então.

Gilberto F.
Gilberto F.PermalinkResponder

Fiz o passeio à Gruta, agora em setembro, em dia ensolarado. Saímos à 9h e conseguimos entrar na gruta por volta das 9.30h. Foi fascinante, mas tem o lado do atropelo na sucessão dos barcos; lá dentro os barqueiros entoam canções que ecoam pela gruta. O problema de fazer mais tarde é a aglomeração de turistas: os orientais chegam em grande quantidade, mas isso não é uma crítica.
Pelo menos 1 vez, vale!

Carmen
CarmenPermalinkResponder

Depois de visitar Creta neste verão, eu entendo a fascinação pelas ilhas do Mediterrâneo.
Certamente cada uma delas esconde um lugar maravilhoso para se encontrar.
Eu gostaria conhecer Capri, mas também a Sicília, a Córsega ea Sardenha e muitas mais...

Andreia Miyagi

concordo com tudo que o freire disse. é maravilhoso, mas a pressa, a rispidez e a multidao faz com que a magia escape da gruta como vento...

Breno Fajardo
Breno FajardoPermalinkResponder

Nos tempos idos de 2006, tive uma experiência engraçada. Fui a Capri e Anacapri vindo de Nápoles, para passar o dia. Tomei o o ônibus no sopé e foi subindo, lotado, numa velocidade padrão táxi no Rio, naquele caminho serpenteante, à beira do abismo, muitas vezes numa pista única para as duas vias! Só aí uma aventura. Chegou lá nos finalmentes, caíram umas duas gotas dágua e pronto: estava fechada a gruta. Tinha um restolho de turistas, eu incluso, pegos de surpresa. Pois um deles, alemão acho, não viu problemas: a despeito da placa de aviso, tirou a roupa e saltou na água, que estava azul e bem bonita. Foi nadando pelo "buraco de iglu", submergindo. Eu e os outros gatos pingados espectadores da cena, tensos. Passou uns minutos, ele estava de volta e convidando todo mundo pra pular. Disse que a corrente era forte mas que era bem bonito. Fiquei tentado, mas com medo de cometer uma infração e ser expulso como criminoso (!) na minha primeira viagem à Europa, amarelei...

Paula
PaulaPermalinkResponder

Fiz o passei ate a gruta azul, e maravilhoso, e exatamente como esta nas fotos.Recomendo.

Stefano
StefanoPermalinkResponder

Riq,

Essa aí, italiana, bate a Gruta Azul de Arraial do Cabo - RJ???

Um dos lugares mais lindos que já vi, aqui pertinho de casa...

Ok, não vi quase nada nessa vida.. Mas aquilo me tirou o fôlego...

Abraços,
Stéfano

Maga
MagaPermalinkResponder

Foi um dos passeios mais lindos que já fiz e acho que tudo compensa ao entrarmos na gruta e tomarmos aqule susto tamanha luz refletindo.

Wilian Delatorre

Inesquecível! Cada vez que eu lembro de Capri aflora uma emoção e uma saudade de nadar naquele mar olhando o Vesúvio.

roberta vieira

Fui em 1980.. e foi maravilhoso mesmo!!
ficamos no Exelcior Vittoria que parece um cenario dos romances de Agatha Christie!!
o passeiO a Capri eh lindo..as grutas sao surpreendentes!!

Ilha de Capri « desconstruindorhani

[...] dia seguinte, seguimos as dicas do Ricardo Freire, e fomos até a gruta azul de ônibus. Recomendo fazerem o mesmo. Chegamos lá e logo entramos no [...]

Silvia
SilviaPermalinkResponder

Ola Boia!!

Tudo bem? Estou procurando hoteis em Capri, mas esta uma fortuna... consegui encontrar em Ana Capri bem mais em conta, desculpe a estupidez, o que vcs acham de eu me hospedar em Ana Capri? Seria uma boa ideia? Como farei pra ir passear em Capri? Somente de barco? Voce saberia o preco? Muito obrigada! Desculpe tanta pergunta!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Silvia! Anacapri é um vilarejo que fica mais adiante de Capri, na mesma ilha. Há ônibus entre as duas localidades até tarde da noite. O trajeto não leva mais que 15 minutos.

Giovanna
GiovannaPermalinkResponder

apreciei muito seu relato. Como sou daquela Regiao,so'queria fazer mais uma reflexao: porque fazer uma visita tao apressada em Capri?! a Gruta Azul nao é a unica maravilha dessa ilha de sonho! A fama dela é sim, verdadeira, sao muitos os lugares inesqueciveis: Monte Solaro, Villa Jovis, i Faraglioni, la Piazzetta,Certosa S.Giacomo .. Prometo que nao ira' esquecer nenhum deles!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Giovanna! Sim, nossa recomendação é que se passe no mínimo uma noite em Capri, idealmente três.

valeria
valeriaPermalinkResponder

Pessoal, ja li e reli os otimos posts mas estou com uma duvida..
Vou em julho - Chegaremos em Napolis - 3 dias pois queremos conhecer O Vesuvio - pompeia - herculano e o museu com calma.JA tenho hotel em Napolis. Em seguida vamos para Capri - 2 noites e em seguida para a costa amalfitana - 4 noites e voltamos por Roma - 3 noites. Ja decidimos alugar um carro principalmente para conhecermos bem as cidades da costa. MAs... com Capri no meio do caminho o que fazer? Alugamos so em Positano? MAs e para ir ao Vesuvio e Pompeia e Herculano, nao vale a pena ja ter o carro? Sugestoes, por favor. Abracos e agradeco muuuuito qq ajuda!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Valéria! Em Nápoles não é preciso carro; use táxi e vá ao Vesúvio e Herculano (num dia) e Pompéia (em outro) de trem. Vá a Capri saindo de Nápoles e voltando por Sorrento. Reserve o carro alugado com saída em Sorrento e devolução em Sorrento ou Nápoles.

Leia mais:
https://www.viajenaviagem.com/2009/05/vai-por-mim-costa-amalfitana-e-capri/

https://www.viajenaviagem.com/category/capri

Maíra
MaíraPermalinkResponder

Olá Riq e Bóia! Ultimamente tenho visto bastante fotos de pessoas mergulhando na Gruta Azul. Até onde sei, o passeio é bem rápido e não pode descer do barquinho. Sabem se mudou isso ou se tem algum outro passeio que permita descer do barco e nadar dentro da gruta? Obrigada! Maíra

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Maíra! Até onde sabemos não é possível mergulhar na gruta azul.

val
valPermalinkResponder

pedindo com jeitinho ao barqueiro, dá sim!

Cristina
CristinaPermalinkResponder

Eu vi gente mergulhando ontem, mas tem uma placa dizendo que eh proibido. Eu nao quis considerando isso e pq eh tão bonito que vc fica estatelado.... olhando, muito lindo. As nossas fotos foram tiradas as 12:30 qdo a claridade iluminava a entrada da gruta, horario recomendado pelo post. Recomendo ficar em Anacapri. Nos atendeu perfeitamente. Seguimos a dica do ônibus ate a entrada da gruta e em 1h e 15 min já estávamos de volta. Bem rápido considerando que os ônibus aqui nao sao lá muitos e pequenos logo lotam, nem param qdo completos. P Agosto nao achei muito cheia a entrada da gruta. Tinham 6 barquinhos a nossa frente. Deve demorar p quem esta nos barcos. Só uma recomendação - nos cobraram 12,50 euros por pessoa. No nosso barco tinha mais um casal. No post me deu impressão que era esse preço p duas pessoas. Devo ter entendido errado então.

Cristina
CristinaPermalinkResponder

No final do post esta certo, mas no corpo qdo falam de 2 ingressos por pessoa fica ambíguo, Riq: meu lado econômico achou que era o preço p 2 pessoas mas acho que vc quis dizer que a entrada da gruta mais o barquinho dava esse preço, ainda valido hoje, certo?

Clarissa de paula

Passei por esse sufoco chamado passeio da gruta azul! Volto à Capri mas nunca mais nessa gruta azul,

Marilda Antonia de Souza

Estou programando uma viagem para a 1ª quinzena de abril/2014 e a intenção é ir até Capri e conhecer a Gruta Azul.
Acha viável sendo final de inverno e início da primavera?
Agradeço sua atenção.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Marilda! O passeio será oferecido. Mas ainda estará bastante frio para encarar o mar, e muitos comércios estarão fechados. Recomendamos a Costa Amalfitana entre meados de maio e início de outubro.

eliana maria santos da cunha

gostaria de saber a real dificuldade na mudança do barco grande para o pequeno ja que a pessoa possui uma certa dificuldade de locomoção obrigada

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Eliana! Não há nenhuma plataforma, a coisa é feita de um barco para outro no mar. Explique seu caso na bilheteria para ver se é possível o transbordo ou não.

Leda
LedaPermalinkResponder

Bom dia. Aqui retorno para mais uma vez ter sua ajuda. Queremos ir para /Sicília, visitar Palermo,Taormina e Siracusa. Qual a cidade de chegada e como devo locomover entre as cidades, eólica que devo visitar em ambas(dica).ja viajei para Europa e com suas dicas preciosas tudo saiu perfeito. Fico aguardando a sua ajuda.abs

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Leda! Há dois aeroportos na ilha, Palermo e Catania. Você pode ir por um e voltar pelo outro.

É possível ir de trem de Roma a Taormina, mas a viagem é longa.

Leia sobre Taormina e as Eólias:

https://www.viajenaviagem.com/2011/09/a-imensidao-azul-de-taormina-e-das-eolias-a-linda-viagem-da-flavia/

Leia sobre a Sicília:

http://majots.wordpress.com/2007/07/28/viagem-a-sicilia/

Janete
JanetePermalinkResponder

Oi Ricardo, fiz várias viagens na sua viagem. Obrigada.
tive o cuidado de ler tudo antes de perguntar.. Desculpe se não achei o q preciso
Ficarei por volta de 6 noites na costa. Vindo de romã pra Nápoles.
Pensei em ficar 4 entre surrento, positano, amalfi e ravelo( vou escolher onde fazer a base) e 2 em capri.
Dúvida : começo por capri e depois estas cidades
Ou de Nápoles vou direto pra estas cidades e após capri... Tem diferença? Gratíssima

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Janete! Você pode começar por Capri. O Comandante recomenda assim: https://www.viajenaviagem.com/2009/05/vai-por-mim-costa-amalfitana-e-capri/

Janete
JanetePermalinkResponder

Bóia muito obrigada
Vou agora ver as dicas de Veneza

Barbara
BarbaraPermalinkResponder

Ótimo post Ricardo, é bem por aí mesmo... quem tem claustrofobia melhor não entrar, mas vai perder um espetáculo... Às vezes nós divulgamos fotos da gruta e tem gente acha que usamos photoshop... rs! A cor é essa mesmo da foto do artigo. Aliás, aqui contamos porque a gruta azul é azul e da onde vem os reflexos prateados: http://bit.ly/grutazul
Um abraço para você,
Barbara

Eliana Oliveira

Rick e Cia, me diverti, como sempre com o tom da postagem, delícia de descrição, mas com todos percalços me parece um PISC (Programa de Índio Super Completo)..rsrs..Deve ser lindo, mas acho que fico no restaurante....abraço e parabéns pelo Post!

Luis Cesar de lima

a melhor pedida, se vc puder, é alugar um barco por um dia e contornar toda a ilha, existem lugares maravilhosos para mergulhar, e se programar para chegar na gruta no final do dia, pois as canoas já foram embora e vc pode entrar na nadando a vontade, não vai ter mais fila e ninguém perturbando

Abs

Olindo
OlindoPermalinkResponder

Ricardo e Boia boa noite.
Estarei em Capri por volta do dia 17 e 18/3/15, ainda inverno, gostaria de saber se não é muito frio para andar de barco em volta da Ilha de Capri, e mesmo para entrar nessa gruta no inverno. Obrigado sempre pela atenção de voces.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Olindo! Infelizmente é muito frio para curtir um passeio de barco. Mas você conseguirá entrar na gruta.

Marcio
MarcioPermalinkResponder

Estou em Capri, acabei de volta da gruta azul, realmente fascinante o local, mas vale algumas dicas...
Preços atualizados Junho/2015:
Volta na Ilha EU$18, entrada na Gruta EU$13.
Atenção com os barqueiros, são muito rudes na gorjeta, o meu exigiu EU$5 por pessoa!!! Não é bem "o troco" e ainda passou a mão na bunda das meninas "ajudando" na entrada e saída do barco...

Maria Thereza
Maria TherezaPermalinkResponder

Adorei o relato e pra mim a gruta entra na lista dos passeios "Oba! Não vou!" Rss

TALMA GOMES
TALMA GOMESPermalinkResponder

Relato perfeito, é exatamente assim...mas a beleza é tanta e o azul tão belo que se tornam momentos mágicos...estive lá em 2010 e guardo belas recordações.

Tereza Maria Lima

Olá,
Vou viajar para Itália no mês de outubro, mas estou com uma dúvida e, se possível, gostaria de uma orientação. Sairei de Roma para Capri onde ficarei 2 noites. Depois alugarei um carro em Sorrento e montarei base em Maiori onde ficarei 3 noites. por fim, devolverei o carro em Sorrento, irei de trem para Nápoles e de lá pegarei outro trem para Florença. Muinha dúvida é se esta logística vai funcionar. Maiori fica fora de mão? Seria melhor montar base em outra cidade?
Obrigado.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Tereza! Devolva o carro em Salerno e pegue o trem rápido por lá mesmo. É o mesmo troncal da linha Florença-Roma-Nápoles.

Odette
OdettePermalinkResponder

Visitei a gruta azul e bem diferente do comentário descrito.
Foi fantástico, não houve aperto e nem passei por um buraco apertado.Obarqueiro foi ótimo, mostrando o jogo de luzes que a iluminação natural formava dentro da gruta,o presépio colocado no fundo da água e a mudança da cor da água qdo batia com o remo.Acho que demos sorte,nosso barqueiro era uma figura engraçadíssima,nos proporcionou uma meia hora de boa diversão. Ficaram ótimas lembranças.

Maria Célia F.F.

Amei! De forma rápida, esclarecedora e precisa, vc relata o passeio, abordando o que nos interessa. Parabéns.

Diana
DianaPermalinkResponder

Show! Grata pela explicação e pelas belas fotos. Dessa forma, podemos decidir com mais consciência. Tudo de bom!

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar