Como é alugar apartamento pelo Airbnb

  • 0
Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Meu apê pelo AirBnB

O que é o AirBnB

"BnB" é uma abreviatura consagrada de "bed and breakfast". O "air" se deve ao fato de tudo ter começado dois dos (futuros) fundadores do site terem começado alugando colchões infláveis na casa em que moravam para visitantes de uma feira de design depois que todos os hotéis lotaram. No início, o Airbnb era um site em que pessoas alugavam apenas quartos na sua casa -- algo como um CouchSurfing pago.

A coisa deu tão certo, que o site começou a ser usado para alugar apartamentos inteiros. E hoje é a "imobiliária" que mais cresce online.

    A diferença entre o Airbnb e sites de aluguel

O que torna o Airbnb diferente das agências convencionais é o fato de funcionar como uma rede social. Para alugar -- tanto como anfitrião, como inquilino -- é preciso criar um perfil e entrar na rede.

Resenhas AirBnB
Atenção: print screens feitos em 2012, com o design de então

Anfitriões e inquilinos são avaliados um pelo outro e vão criando uma reputação na rede.

AirBnBAnfitriãMeu primeiro comentário

Todas as transações são feitas diretamente, sem intermediação de agentes.

    A navegação

Não tenho dúvida de que o layout bonitérrimo e a navegação intuitiva contribuíram para alavancar o sucesso do Airbnb. As fotos dos apês são convidativas (nos maiores mercados o site oferece fotógrafos para fazer fotos profissionais), e todas as informações de que você precisa aparecem sem você precisar se esforçar.

AirBnB

Pelas suas características de rede social, o Airbnb tende a atrair muitos proprietários que moram nos apartamentos que alugam (e desocupam quando arranjam inquilinos). Prepare-se para encontrar poucos apartamentos "clean" (desses mantidos apenas para alugar) e mais apartamentos repletos de tralhas pessoais.

    Pegadinhas e perrengues

Os procedimentos iniciais dão um certo trabalho. Antes de mais nada, é preciso criar seu perfil. (É melhor fazer isso antes de se entusiasmar por algum apê.) É recomendável que o seu perfil tenha foto, e que você esteja sorrindo na foto. (Veja pelas fotos dos anfitriões; há um padrão.) Procure escrever seu perfil em inglês e não esqueça de associar pelo menos a sua conta do Facebook.

Um perfil

Outra providência que vale a pena fazer o quanto antes é abrir uma conta no PayPal (você vai levar alguns dias até habilitar e liberar um bom saldo) e/ou habilitar seu cartão de crédito para gastos internacionais.

É preciso também aprender a conviver com os "nãos". Muitos proprietários não atualizam o calendário de disponibilidade para ter desculpa para selecionar seus inquilinos. Sem histórico na comunidade, a probabilidade de receber negativas aumenta. Eu recebi três "nãos" antes de receber um "sim" -- e, confesso, doeu.

RecusadoAprovado

Atualização: para evitar essa decepção, agora existem as "instant bookings", em que a sua reserva é aceita automaticamente, sem precisar da aprovação do anfitrião. São os anfitriões, porém, que decidem se incluem essa facilidade no anúncio.

    A transação

É feita por PayPal ou cartão de crédito. Debita-se o total da estadia, já com a taxa de limpeza e a comissão do Airbnb. Mas o site só repassa a grana para o anfitrião 24 horas depois do hóspede se instalar. No caso de reclamação grave, o dinheiro pode ser retido pelo Airbnb e usado em outra locação.

(Mas o que eu mais gosto é não haver caução -- aquele depósito em dinheiro vivo que, no mercado tradicional, você tem que deixar empatado na mão do anfitrião e depois recebe na saída, quando não vai mais poder usar.)

Atualização: as transações agora são feitas em reais, debitadas na conta nacional do seu cartão de crédito. É possível também optar pelo pagamento por boleto.

Caixa de entrada

Antes de o negócio ser fechado, toda a comunicação entre anfitrião e inquilino é feita pelo seu mural no Airbnb. Uma vez feita a transação, você recebe o endereço do apartamento, o email e o telefone do anfitrião. E então começa a combinar os detalhes da entrega e da devolução da chave.

    Minha primeira experiência

Conseguimos um apartamento bacanérrimo, de um quarto, num prédio com elevador no melhor ponto de Chelsea (rua 19, entre 8a. e 9a. avenidas, exatamente a meio caminho entre a rua 23 e o Meatpacking District), por 200 dólares por dia. Por esse preço, naquela época, só dava para conseguir hotel com banheiro privativo em Chinatown.

A entrada do prédio4 de Julho na janela

Nosso proprietário deixou uma porta do armário livre, mais geladeira e despensa bastante equiapados (à saída, repusemos o que consumimos). O check-in foi pontualmente ao meio-dia (tínhamos passado a noite anterior num hotel nas redondezas) e o check-out foi uma tranqüilidade: pudemos sair às 4 da tarde, direto para o aeroporto, deixando a chave com um vizinho.

Já deixei o meu comentário positivo na ficha do proprietário, que tinha tomado a iniciativa de falar bem de mim no meu perfil. Estou pronto para a próxima...

Atualização: depois desse, aluguei mais cinco vezes...

Leia também:

284 comentários

Douglas B
Douglas BPermalinkResponder

Excelente post e excelente site. Só um adendo para melhorar a informação inicial: o nome AirBnB vem de "airbed and breakfest" mesmo, pois o idealizador da plataforma testou o modelo de negócio a partir do aluguel de um colchão de ar na sala de sua casa... e, com o sucesso (inesperado?!) dessa iniciativa, criou coragem para buscar investidores e viabilizar o que é hoje o AirBnB. Curto muito este case! smile
Abraços e votos de contínuo sucesso ao Viaje na Viagem.

diego
diegoPermalinkResponder

Bom a história minha é basicamente essa eu fui para África do sul e fiquei 4 meses lá.

No último dia que estava lá enquanto eu estava no banho (era uma suite) um ladão!!! Sim um cara armado entrou no meu quarto!

Detalhe que era um sobrado e roubou 2 notebooks meus (dois Macbook pro) que eu tinha acabo de comprar 5 mil dólares.

Eu imediatamente falei com o dono da casa, que acredito que pode ter sido o responsável por contratar essa pessoa, por saber dos meus computadores e das coisas eu tinha, além do mais era meu último dia (eu fiquei 3 semana),

Enfim fui na policia documentei tudo, avisei o AirBNB isso faz 10 dias hoje.
Na verdade eu liguei 5 vezes enviei a documentação toda a documentação três vezes (Boletim de Ocorrência, Notas fiscais enfim tudo).

O Airbnb tem sede na Irlanda e tem seguro de até 1 milhão de dólares para a pessoa que aluga mas não cobre nada ao hospedes.

E o proprietário da Africa do Sul, está na lá, como vou processar ele.

Eles me informaram que isso não é responsabilidade do AirBnb, além do mais eu que outro hospede foi roubado a três semanas atrás.

Fazemos as contas o hospede tem 4 quartos aluga em média por 5 dias isso da 40 pessoas que avaliam regularmente. Acontece uma situação por mês (o prejuizo dá mais que a soma da hospedam de todo mundo) e Airbnb mantém o cara no site.

Eduardo
EduardoPermalinkResponder

Boa noite. Irei passar 21 dias na Europa. Imprimindo minha reservas do Airbnb (vou alugar um apto em cada cidade que ficarei) essas reservas são aceitas como garantia de hospedagem?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Eduardo! São sim.

Lia de MirandaLopes

Ao entrar no cadastro a pessoa fala direto com o viajante,ou um funcionário que fale português. Eu já tenho um Site que anuncio mais uso o Google Tradutor ,pois não falo idiomas. Como fica TB.a transação financeira.

Isis
IsisPermalinkResponder

Só acrescentando q valor até 10 mil reais consegue dividir em 3x wink

Joao
JoaoPermalinkResponder

É preciso uma carta-convite para conseguir entrar na Europa?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, João! Não. Basta mostrar o seu contrato de aluguel, se pedirem.

André Felipe
André FelipePermalinkResponder

Olá pessoal, sou da Alemanha e estou tendo um pouco de dificuldade, voces podem me ajudar?
É o seguinte, vi um apartamento e a senhora disse que era para eu depositar o dinheiro numa conta como se fosse da "himobiliaria" airbnb e que só depois da transferencia feita eu iria ver o apartamento e que me dariam as chaves. (Alguem seria enviado para entregar no caso)
Entao eu queria saber a vossa opiniao.. se acham que vao me enganar ou isso é dessa forma? é seguro? Nao é um AP para férias é para viver...

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, André! Nunca use transferência bancária para nenhum serviço turístico. É um canal muito fácil de ser fraudado.

Matheus
MatheusPermalinkResponder

Pessoal, tenho uma dúvida. O proprietário do imóvel fica na casa/apartamento durante a estadia do hóspede?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Matheus! Se você alugar um 'quarto', fica. Se você alugar uma 'casa inteira' (pode ser apartamento, claro), não fica.

ingrid
ingridPermalinkResponder

Gostaria que pudéssemos ter um outro acesso além de email com o Airbnb. Estamos recebendo emails da empresa confirmando para fazermos a transação de um aluguel anual, mas gostaríamos de confirmar a veracidade.

Sergio Júnior

A pergunta pode parar meio idiota, mas gostaria de saber, se o ao alugar Airbnb, o dono da casa fica lá ou o apartamento fica apanas para quem o alugou durante os dias determinados?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Sérgio! Quando você aluga na modalidade "casa inteira", só vê o anfitrião na hora de receber e de entregar as chaves. Se você aluga na modalidade "quarto", o anfitrião estará na casa.

Laís
LaísPermalinkResponder

Olá! Minha dúvida é: caso eu faça o pagamento mas depois desisto da reserva, eles devolvem o meu dinheiro? Obrigada

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Laís! Em todo contrato de reserva ou compra de serviço turístico você verá as condições de cancelamento. São variáveis de contrato a contrato e também de acordo com a antecedência do cancelamento. Na imensa maioria dos casos você sempre perderá ao menos parte do que adiantou.

Vicência
VicênciaPermalinkResponder

O problema do Airbnb é que o anfitrião pode cancelar sua reserva sem te dar nenhuma satisfação. Aconteceu comigo numa reserva feita com 6 meses de antecedência, que foi cancelada 20 dias antes da viagem. Assim fica difícil confiar.

Adimar
AdimarPermalinkResponder

Reservei um apto e fiz o pagamento através de cartão de crédito,agora estou esperando a aprovação do anfitrião,se ele não aprovar a minha estadia,serei informado pela Airbnb ? E como se dá o estorno do valor pago?
Obrigado

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Adimar! Se não for aprovado, o estorno será feito pelo cartão mesmo.

wilson garcia may

Já estamos com a reserva e pagamentos feitos para Torremolinos Spain
Com os dados do apartamento endereço , comprovante de pagamento etc.e constando nossos nomes. PERGUNTO:isso serve como contrato para solicitar
o empadronamento na espanha comprovando nosso endereço?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Wilson! Será aceito na imigração como prova de reserva, sim.

dayane
dayanePermalinkResponder

Gente, estou com uma duvida.
Sempre o anfitrião fica na mesma casa que nós ou não? em alguns casos a casa é inteira para nós?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Dayane! Se você aluga a casa inteira, o anfitrião não está. O anfitrião só está quando você aluga um cômodo.

Renato
RenatoPermalinkResponder

Dúvida.
Vou alugar uma casa inteira com dois quartos, 4 lugares, por X reais a noite, somos dois hóspedes. (Não achei no período casa inteira com 1 quarto). Nesse caso o proprietário pode cobrar pelo espaço não utilizado? (As duas vagas restantes?)

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Renato! Ao fazer a sua reserva você estabelece o número de pessoas. Você só pagará a tarifa que aparecer para você.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar