Trem na Europa: qual é o limite de bagagem?

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Malas no trem

Com raras exceções, não há limite de bagagem em trens europeus. Você pode levar quanta bagagem você conseguir carregar para dentro do trem.

(As exceções: os trens espanhóis AVE e o Eurostar entre Londres e Paris. Nos AVE você pode subir com até 3 volumes pesando no máximo 25 kg no total; no Eurostar pode carregar dois volumes, com o lado maior nunca excedendo 85 cm, e uma maleta de mão. Obrigado, Tony e A.L.!)

Mas veja bem: não encare isso como um estímulo para viajar carregado. Levar bagagem demais para o trem acaba com a sua viagem. O que era para ser um deslocamento fluido e civilizado vira uma prova olímpica -- um triatlo que combina corrida de obstáculos, levantamento de peso e luta greco-romana.


Vai por mim: viaje de trem com uma mala tamanho M (de quatro rodinhas e até 65 cm quando de pé) e uma mochila pequena ou bolsa que possa ser carregada a tiracolo. Mais do que isso, prepare-se para um pesadelo.

Por quê?

--> É você quem carrega sua bagagem

A Suíça e o Eurostar oferecem serviço de despacho de bagagem (cobrado à parte), mas em 99% dos casos você terá que subir com a sua bagagem para o trem. Isso significa percorrer uma plataforma inteira à procura do seu vagão e subir pelo menos dois degraus altos.

--> O embarque e o desembarque são rápidos e conturbados

Se você sobe ou desce com duas malas, vai empatar uma porta que precisa ser usada rapidamente por dezenas de pessoas que não querem perder aquele trem ou uma baldeação. (Você também pode ser uma dessas pessoas que precisa sair rapidamente para não perder a baldeação.)

RackRack

[Racks]

--> Há pouco espaço nos racks

Na entrada de cada vagão você encontrará um rack para bagagens. É o primeiro espaço a lotar, porque é o que exige menos esforço dos passageiros.

Compartimento superiorCompartimento superior

[Pra cima nenhum santo ajuda]

--> Você pode ter que colocar a mala na prateleira acima da sua poltrona

Se o rack lotar, na maioria dos trens só vai sobrar a prateleira. Colocar uma mala G lá em cima não é para os fracos. E se for muito gorducha (a mala!), talvez nem caiba.

--> Há escadas nos acessos de metrô

Uma das maiores vantagens de andar de trem na Europa é poder chegar à estação de metrô. O ponto baixo da experiência é ter que enfrentar uma ou outra escada no caminho. Com uma mala M já é chato. Com uma mala G ou duas malas -- você vai praguejar até não poder mais.

Compartimento superior

--> Tente encontrar uma mala G nessas fotos!

Não fui eu que inventei a regra da mala M para viajar. Quem precisa andar de trem ou low-cost já sabe que carregar a casa nas costas não vale a pena. Acredite: é possível viajar leve. Se precisar, dá para lavar jeans e camisetas em lavanderias.

Assista:

Vídeo: a mala ideal

Leia mais:

58 comentários

Camila
CamilaPermalinkResponder

Assino embaixo nesse post! Eu e minha mãe fizemos a burrada de viajar a Europa com malas grandes, e cada viagem de trem era uma aventura! Na pior das situações, eu estava aparando nossas duas malas no corredor do trem (fora da cabine, já que não conseguimos colocá-las no bagageiro dentro da cabine devido ao peso e ao tamanho), e num momento de descuido as malas "voarem" corredor afora fazendo um strike num casal que estava passando. Nada agradável... rs

Só não tivemos problemas maiores pq os europeus no geral são bem solícitos e educados, sempre tinha alguém pra ajudar.

Maíra
MaíraPermalinkResponder

Concordo muito Ricardo! Eu mesma perguntei a uns meses sobre bagageiros e malas nos trens. Felizmente sou do time dos que viaja leve e numa viagem no inverno de 30 dias, a mala de 12kg média já estava me incomodando! Sentávamos sempre nas pontas dos vagões pra poder deixar a mala naquele espaço maior da última poltrona. Ou quando não teve jeito, sofrer pra por na grade em cima das cadeiras. E sim, cheguei a ver um casal de brasileiros travando a entrada de um vagão enquanto sofriam pra subir duas malas tamanho-miami

Amaro - Recife

Adorei o tamanho-miami smile

Ricardo Freire

Tamanho-miami é realmente sensacional mrgreen

Ana
AnaPermalinkResponder

tamanho Miami, uma categoria à parte!
grin

Maíra
MaíraPermalinkResponder

grin

Lia Chagas Abuassi

Estou tentando comprar uma passagem de trem Paris-Bordeaux pela SNCF e após dar todos os dados do cartão, o pagamento foi cancelado. Pela rail Europe (site em portugues) há uma taxa extra de E$ 48 p/ 3 pessoas, achei um absurdo.
é isso mesmo?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Lia! Você pode ler sobre a diferença/comparação de preços e taxas entre a Raileurope e as cias. ferroviárias nacionais, aqui: https://www.viajenaviagem.com/2014/02/comparacao-precos-raileurope-x-ferrovias-europeias/

No caso do seu cartão ter sido recusado no site da cia. ferroviária, você pode tentar usar outro computador ou navegador, tentar outro cartão ou comprar na Raileurope.

Dri Castro
Dri CastroPermalinkResponder

Lia, tudo bem?
Eu comprei passagens de Paris para Aix-en-Provence pela http://idtgv.com/

Tive problemas com a compra(cartão), porém entrei em contato com a empresa por email e relatei o problema.

Recebi o retorno deles:
Dear Mrs de Souza Castro,
We hereby acknowledge receipt of your message relating to wish to buy a ticket on our Website with your card.
We informed the service which is in charged of this matter in view to authorize exceptionally the payment with your card from Brazil.
You should be able to realize your transaction with success. If it isn't the case please do not hesitate to contact us back.
We wish you a pleasant day and remain at your entire disposal for any further information you may require.

Fiz uma nova tentativa e consegui comprar tranquilamente, sem taxa alguma. Recebi em meu email a confirmação da compra e número localizador. Na estação apenas apresentei o papel impresso e embarquei. wink

Melissa
MelissaPermalinkResponder

Nossa,. to me sentindo uma boba mas eu nao acho de jeito nenhum o email para contato no site! incrivel! vc pode me dar o email com o qual entrou em contato? a tarde toda coloquei meus 4 cartoes.. e nada.... estou tao chateada pois o preço é uma grande promocao... e eu vou ver essa de token.. que eu nunca vi..o codigo é enviado pro meu cartao e eu coloco o codigo mas nao funciona..

Suame Gilson
Suame GilsonPermalinkResponder

Amigo,

Passei por esse sufoco pra comprar passagens pela internet com o cartão de crédito, infelizmente eles pedem além dos dados: nome, número cartão, validade e código, um outro código de 4 números. Este código é enviado para seu celular para concretizar a comprar. Você tem que cadastrar seu cartão de crédito para o serviço de token na sua operadora de cartão de crédito. Só assim eu conseguir fazer compras.

Julio Moschen
Julio MoschenPermalinkResponder

Mais uma dica importante do Ricardo. Como ele nós seguimos a regra de levar roupa para 1 semana de viagem não importa quanto tempo ela dure. Mas sempre viajamos de Mochila. Ao contrário do que se pensa ela não pesa nas costas, pra falar a verdade a gente faz menos esforço do que arrastar uma mala de rodinhas. Imagine só voce chegar atrasado na Estação e descobrir que tem que descer as escadas, atravessar por debaixo da linhas do trem e subir lá do outro lado na plataforma 12 faltando 3 minutos pra ele sair ! De Mochila é moleza. Muita gente pediu e fizemos um video mostrando como montar uma Mochila de 8kg para uma mulher e levar tudo que precisa para 20 dias de viagem. Grande abraço Ricardo , aguardamos ansiosos pelas próximas dicas !
Aqui está o Link das mochilas https://www.youtube.com/watch?v=ywO0Bb-TMUI

Danilo
DaniloPermalinkResponder

Realmente, o deslocamento com mochila é MUITO mais prático!
Isso sem falar que em alguns trens é difícil encontrar espaço até mesmo para uma mochila de 65 litros.

A.L.
A.L.PermalinkResponder

Eu acho mochila bem pior que mala média de rodinhas. Vc "dobra" de tamanho, é desconfortável em metrôs e afins, e facilita muito o trabalho de batedores de carteira e afins. Sem contar que é um peso que afeta as costas.

Danilo
DaniloPermalinkResponder

Você acaba se acostumando com o peso, e com "dobrar de tamanho".
Se a mochila for bem ajustada, andar com ela nas costas fica bem "natural", e o peso e o tamanho não incomodam.
Quanto aos batedores de carteira, é interessante usar uma "capa" resistente, que protege a mochila na esteira do aeroporto, da chuva, e ainda dificulta - muito - o trabalho dos batedores.

Marcelo
MarceloPermalinkResponder

Apoiado. Só viajo assim, e preferencialmente com mochila de média para pequena, de modo que não precise nem despachar. Depois que minha mulher experimentou viajar assim, nunca mais quis voltar às malas pesadas. Mas reconheço que cada um tem seu estilo de viajar.

Lais
LaisPermalinkResponder

Julio, vi sei video e achei bem util. Faz a gente recordar dos detalhes tipo o T e o adaptador.. Só uma duvida: vcs despacham essas mochilas no aviao? Como fazem com os liquidos e o objeto cortante?
Sei que é uma pergunta meio tola, mas nunca despachei mochilas em voos, queria saber se elas voltam inteiras.. Obrigada!

Marcia Palhares

Estou impressionada com o vídeo...só mesmo vendo pra crer!!! Ainda não consegui levar só uma mala e não despachar, mas ainda chego lá! Obrigada Julio e Rose!

Livia
LiviaPermalinkResponder

Não dá pra viajar pra Europa com mais de uma mala. A minha, não nego, é G, mas sempre vai levinha. Acabo levando G pra não correr o risco de levar uma M e ela ficar estufada. Então prefiro uma G fit que uma M fat.
Mas concordo, sempre é melhor a M

A.L.
A.L.PermalinkResponder

Eurostar de/para London

Nos trens Eurostar de/para London também há controle da raio-x e franquia de bagagem (http://www.eurostar.com/uk-en/travel-information/travel-preparation/baggage/baggage-allowances#.UzWMPPldW-0). 2 malas (máximo de 85cm na maior dimensão) + bagagem de mão pequena

O Eurostar também tem serviço de bagagem despachada entre London, Paris e Lille (http://www.eurostar.com/uk-en/travel-information/travel-preparation/baggage/luggage-services#.UzWNF_ldW-0).

SNCF OuiGo
Os trens OuiGo (a versão low-cost dos TGV franceses) também tem franquia de bagagem (http://www.ouigo.com/fr/fiches-pratiques/je-prends-un-bagage-supplementaire): 1 bagagem de cabine (55x35x25 cm) + 1 bagagem pequena de mão ((36x27x15cm). Pagando extra (€5 no momento da compra, € 20 na estação), dá pra levar uma segunda bagagem de cabine.

Mariana
MarianaPermalinkResponder

Olá gostaria de saber se o despacho de bagagem de trem pela Eurostar é obrigatório ou se eles também tem lugar no trem para colocar a bagagem. Viajo com o meu marido e serão duas malas M. Vale a pena despachar ou levar no trem ??

A.L.
A.L.PermalinkResponder

Vc pode levar duas malas médias no trem, por pessoa, sem problemas.

Ricardo Freire

Obrigado, A.L.! Já acrescentei.

Lili-CE (@lilianesonsol)

Essa regra vale EM DOBRO para as baldeações de ferryboat e congêneres por ilhas. Passei sufoco na Croácia tendo que descer escadinha de madeira e cordas servindo de corrimão - a imagem mental da minha mala afundando no mar não sai da minha cabeça!

Tony
TonyPermalinkResponder

Ricardo, caso você quiser atualizar as informações que aparecem no texto, no trem-bala espanhol o peso total das 3 peças não pode superar os 25 kg. Abraço!

Ricardo Freire

Gracias, Tony! Já corrigi. (E eu tinha entendido que o limite de peso era por mala, veja só!)

Jackie
JackiePermalinkResponder

Mais um post perfeito, Rick. Eh isso mesmo!!!
Viajei nos trens da Trenitalia com uma mala G.
Pesadelo!!! Aprendi minha lição! ???? Bjuus

yara xavier
yara xavierPermalinkResponder

De trem, avião, navio, caravanas de camelos, tanto faz: juro que eu não entendo essa mania de levar a casa dentro da mala.

Dri Castro
Dri CastroPermalinkResponder

É essa experiência com malas é realmente um capítulo a parte.
A minha mala(que já era meio velha) estourou a rodinha quando cheguei em Firenze, meu marido foi arrastando a minha mala(enquanto eu carregava a dele bem levinha) sem rodinha até o nosso hotel. Por sorte o dono do hotel nos deu uma dica de onde comprar malas baratinhas(chineses ao lado da estação sta maria novella), comprei uma daquelas malas durinhas e uma mochila(ótima aquisição aliás), na mala quase não coube o que tinha na outra(porque era molinha e eu tinha enfiado roupa até não querer mais). Aperta daqui, aperta dali deu certo, por sorte meu marido levou pouca roupa(e levou numa lavanderia no meio da viagem) e aí ainda sobrou espacinho na mala M dele para mim. rsrs
Espero ter aprendido, pois além de ter levado muita roupa, a gente sempre compra algo na viagem e eu deixei de trazer muita coisa que queria porque já não tinha mais onde colocar. rsrs

Edson Diogo de Castro

Adoro viajar de trem pela Europa, mas recomendo pouca bagagem, é voce que tem carregar tudo, e muitas vezes atravessar várias plataformas.
Abraço

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Pus minha mala em cima do banco no trem
de Napoles pra Sorriento e numa curva a mala
caiu em cima da cabeça do passageiro q estava
sentado no banco embaixo do maleiro.
Susto giga e mala só levinha ????

Cris
CrisPermalinkResponder

Olá, apenas para complementar a questão do limite de bagagem nos trens europeus: nos trens de alta velocidade Thalys existe sim um limite de bagagem: eu descobri isso ano passado quando entrei no site para comprar minhas passagens de Colônia a Bruxelas e - Bruxelas - Amsterdã para minha viagem de fevereiro (a regra começou a ser implantada em setembro de 2013)

O limite é até bem grandinho: duas malas tamanho G (soma das dimensões até 158cm) e com no máximo 32 kg cada uma.

O link segue abaixo: https://www.thalys.com/fr/en/services/before/preparing-your-journey#luggage

Apenas para constar: esse ano eu arrisquei a levar uma mala grande, confesso, porque estava cansada de a cada viagem ter de comprar uma mala pequena de bordo para a volta e ainda deixar a mala média quase estourando ("compras", não que eu compre muito, mas eu costumo comprar coisas que ocupam muito volume, tipo casacos).

Não foi tão traumático assim, afinal, a mala nunca chegou a ficar lotada (menos de 20 kg) e a organização das coisas por dentro foi bem mais fácil. Minha estratégia para conseguir os racks de bagagem maiores foi chegar com pelo menos 30 minutos de antecedência já na plataforma, para tentar ser a primeira a entrar no trem. É claro que isso não deu muito certo no trecho Bruxelas - Amsterdã, porque o trem já chega em Bruxelas vindo de Paris com passageiros. Mas como o horário não era o mais concorrido (no meio da manha), tinha lugar de sobra para colocar nos racks.

Ok, talvez não seja recomendável para todos, mas não tive nenhum problema com minha mala G de 4 rodinhas e achei preferível do que minha mala abarrotada tamanho M ... hehe.

Andreza A A
Andreza A APermalinkResponder

Recentemente eu criei coragem para passar um mês na Europa apenas com uma mochila. Vou confessar... Foi a melhor ideia da vida! Em cada aeroporto que eu chegava podia desembarcar rapidinho. Agradecia a Deus nao estar entre o público preocupado com um sumiço ou extravio da mala, pois a vida toda temi isso.
Eu era daquelas que lota o carro para um fds na praia. Agora vivo livre e leve, com um jeans um legging, uma jaqueta, tênis e três camisetas.
Mes que vem vou pra costa oeste americana, neste mesmo estilo.

Candida Silva
Candida SilvaPermalinkResponder

Como vcs conseguem viajar apenas com mala de mão ou mochila? Será que sou só eu a apegada à tesourinha e alicate de unhas?
Até viajo com mala P, mas acabo despachando por causa da tesourinha...

MARILIA BOOS GOMES

Olá, Cândida!

Com certeza, carregamos muito mais coisas na mala do que, na verdade, necessitamos.
Pense que você poderá lavar algumas peças embaixo do chuveiro ou então mandar lavar nas lavanderias. Procure levar roupas de tecidos que não amassem e que "escorrem" ao serem molhados. No Inverno a coisa muda um pouco de figura. Mas nada que a obrigue a aumentar o tamanho da mala por conta de roupas volumosas. Qual o problema em repetir as mesmas roupas? O segredo de viajarmos com pouca roupa na mala chama-se água e sabão. Aprendi isso com o passar do tempo e meu corpo agradece. Afinal, já não sou jovem, mas adoro puxar uma malinha...
Cordial abraço.

Christina
ChristinaPermalinkResponder

Interessante o vídeo dos "Tiozinhos Mochileiros" e o post do Julio Moschem.
Adorei as dicas de como fazer a mala levando somente 8kg(pra mulherada) e,também, o estojo de lentes para levar tinta + emulsão de cabelo. Sensacional!!!
Deu vontade de desapegar da mala pra sempre e virar mochileira. wink
Porém, fiquei curiosa sobre como fazer para despachar a mochila no avião?
Tem algum cadeado especial para mochilas?
Abraços

Paula M.
Paula M.PermalinkResponder

Parabéns, outro post excelente! Vou viajar em abril pelo Eurostar e pelo Thalys e ainda tinha algumas dúvidas sobre a bagagem. Mas como sempre vou de M já estou tranquila.Valeu pessoal, as informações são sempre ótimas! Quando viajei em janeiro para Ushuaia pela Aerolineas,
eles forneciam um saco plástico transparente bem grosso no check-in
para despachar a mochila.

A.L.
A.L.PermalinkResponder

Para viagens predominantemente urbanas (isto é: aquelas em que vc não vai carregar sua bagagem por vários quilômetros junto com você, mas sim transportá-la em trens, aeroportos, metrôs e afins), eu acho mochila menos prático do que mala média de rodinhas.

Para subir escadas, mochila é mais fácil e prática. Para todas as outras situações, mala com rodinhas é mais fácil, seguro e prático, penso eu.

O problema é que essa facilidade/praticidade desaparece se a pessoa, além da mala de rodinhas, tiver uma segunda mala que ocupe uma mão (ao invés de uma bolsa atravessada no ombro por exemplo).

Duas malas de rodinhas são viram um trambolho.

Marcelo Lopes
Marcelo LopesPermalinkResponder

Vou fazer uma viagem para Espanha e Portugal. Parte de trem e parte de carro. Vou levar uma mala G que vai estar certamente com mais de 25kg. Alguém sabe informar se vou ter problema para pegar o AVE nos trechos Madris-Cordoba-Granada-Sevilha. Ok! Fora o perrengue de entrar, sair e acomodar a mala, que já estou ciente. Queria saber por exemplo se posso ser barrado por estar com uma mala com bem mais de 25kg, ou se vou ter de pagar por excesso de peso. Algúem pode me ajudar? Abraços.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Marcelo! O site da Renfe não oferece alternativas - http://www.renfe.com/viajeros/info/index.html . O ideal é levar bagagem dentro das especificações deles, para não ter problemas durante a sua viagem.

Francisco
FranciscoPermalinkResponder

Marcelo Lopes, faça como o pessoal aí já disse: Desapega! Compre uma mala M de menor, de preferência de 4 rodas e não vai se arrepender.

Mariana G.
Mariana G.PermalinkResponder

Ótimas dicas! A 1ª vez que peguei um trem na Europa foi quase traumática por conta da bendita mala G. Fomos eu e minha mãe, cada uma com sua mala G de Milão à Gênova.. em Milão um senhor nos "ajudou" (em troca de alguns euros) a erguer as malas, pois estavamos na 1ª classe e os bagageiros eram acima das poltronas, mas o problema mesmo é que na estação de Gênova todos os elevadores estavam em manutenção, quebrados, sei lá.. então tivemos que subir arrastando as malas por dezenas de degraus que pareciam não ter mais fim, em um momento precisamos deixar uma mala pra trás e carregar as duas uma mala só escada a acima pq não estavamos mais em condicões de subir cada uma com sua mala.. foi terrível.. por sorte, assim que subimos o ultimo degrau e saímos da estação, lá estava nosso hotelzinho, bem do outro lado da rua! Mas aprendi a lição.. mala G nunca mais!!

Eneida
EneidaPermalinkResponder

Não sei se já deram esta dica.
O Thalys apesar de ter o mesmo espaço entre as poltronas,oferece um espaço maior acima para mochilas. E também serve lanche a bordo na Primeira Classe.
O TGV,pelo menos,nos trajetos que ja'fiz até hoje,só no Bar do Trem.
Mala G nem pensar.
Já fico desanimada com uma P e uma mochila. Como já disseram aí são muitas escadas,muitas mesmo.
Se só puder viajar com muitas malas,o melhor é ir de avião.
E uma dúvida que fiquei hoje: E se não houver lugar pra mala?Se lotar o bagageiro?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Eneida! Sempre se dá um jeito -- entre poltronas, no corredor...

Bruna
BrunaPermalinkResponder

Olá!!!
Gostaria de saber se você saber informar o limite de bagagem de Londres a Amsterdã, sendo um trecho Londres - Bruxellas de Eurostar e Bruxellas Amsterdã de Thalys. Tentei encontrar a informação no site mas não achei por nada!
Abraços!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Bruna! Como explicamos no post acima, os grande maioria dos trens na Europa não tem limites de bagagens (veja as exceções no texto). Porém, o Ricardo Freire indica viajar com uma mala média e uma bolsa ou mochila, para facilitar seu embarque e desembarque. wink

Fernanda Krupp

Olá!
Estou indo passar 20 dias na Europa, e entre trens e aviões, a dúvida cruel é qual a mala certa!
Achei uma perfeita, relativamente pequena (tamanho M), 4 rodinhas, cadeado, tudo certinho... só que ela é gordinha sad
Ela possui um expansor e ao todo tem 31 cm de profundidade. Será que caberia nos compartimentos de malas dos trens?

Beijos

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Fernanda! Deve caber. Mas evite usar o extensor por uma questão de peso.

Izamara Santana

Olá, Pessoal!
Preciso de ajuda..rsrs

Eu viajarei para Europa no final deste ano e passarei por três países, farei o percurso entre Amsterdã e Berlin de trem, porém considerando que serão quinze dias em temporada de inverno (roupas grossas e sapatos menos flexiveis) estou com medo de não caber tudo em uma mala M, talvez tenha que trocar pela mala G.

Caso eu vá com mala G, na 1º classe há espaço suficiente para colocar a mala ao meu lado ou dentro das cabines?

No momento estou olhando os tickets pela NSInternational (Intercity Berlijn).

Obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Izamara! Vir aqui no Viaje na Viagem pedir anuência para viajar pesado é como marcar uma consulta com cardiologista para pedir permissão para fumar. Para o seu bem, leve mala M. O casaco e o calçado impermeável vão sempre fora da mala.

Lilah
LilahPermalinkResponder

Oi Bóia, gostaria de saber se são 65 cm contando as rodinhas. Minha mala tem 67 cm sem as rodinhas medindo de pé. Vou fazer voos internos na Europa e viajar de trem

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Lilah! É esse tamanho mesmo.

Marcelo Ribeiro

Pessoal eu e esposa ficaremos 45 dias na Italia ( basea milao bolonha firenze roma) e seria maravilhoso cada um com uma mala media. Mas na pratica , principalmente com coisas a comorar durante esse tempo ( minha mulher sempre comora lenco, cachecol, lembrancas etc) e rouoa de frio chegamos a conclusao q nao da. Alem diaso vamos levar os 2 norebooks oois uma parte do tempo terrmoa q trabalhar la. Entao na opiniao de vcs, considerando que temos uma bagagem de mao cada um, seria melhor uma mala G ( pra ela e "comoras" ) e uma M.., ou 3 malas M ? Obrigado!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Marcelo! Dá para ir com mala M e usar lavanderias toda semana para jeans e roupas de algodão. Os notebooks vão na bolsa de mão ou mochila. Se precisar de uma mala para a muamba, você compra lá, mais para o fim da viagem.

Rogerio Fernandes Brancacio

Posso levar garrafas de água e comida( lanche) na minha mochila dentro dos trens Londres/ Paris / Madri?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Rogerio! Sim, sem problema nenhum.

Liliane Azambuja

Olá, minha filha está fazendo mestrado em Leuven, na Bélgica e em março vai para Munster,na Alemanha ( o programa de mestrado dela troca de cidade e pais a cada semestre) e eu vou ajudá-la na mudança, ela comprou e usa muito uma bicicleta lá, alguém sabe se é possivel levar a bicicleta de trem? talvez a melhor alternativa fosse alugar um carro, mas não se se pegariamos neve , teríamos problema com bagagem?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Liliane! É possível levar bicicleta em vários trens,em compartimentos específicos. Os sites de reservas das cias. européias detalham isso. Se ela não encontrar no trem, é só ir à estação e se informar, todos serão gentis.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar