6 meses de moderação de comentários no VnV: com a palavra, A Bóia

A Bóia
por A Bóia

A Bóia

A Bóia (com contexto e perspectiva)

Olá, ......!

(Por favor, insira o seu nome nos pontinhos. Eu sou treinada para começar todas as minhas interações citando o nome do leitor. Fico completamente sem jeito de não saber o seu nome nesse momento. Dsclp!)

Quando, no dia 1º de março, o Comandante anunciou que os comentários passariam a ser moderados, e só algumas perguntas seriam selecionadas para ser respondidas, eu gelei. Primeiro, porque isso ia contra 10 anos de tradição respondedora (e por vezes, respondona) do blog. E depois, o que seria de mim? Que função eu teria nesse site?

Seis meses depois, começo a achar que ele tinha razão. A produtividade do lado de cá da tela nunca esteve tão alta. Os posts estão saindo mais completos e detalhados. Finalmente conseguimos pôr em pauta a atualização sistemática de posts antigos – e de quebra, estamos completando as caixas de “Leia mais” com posts relacionados mais recentes.

(Outro dia o Ricardo Freire foi mudar uma informação sobre o vôo semanal a Valença e quando viu tinha feito um post novo inteiro desse tamanhão.)

Fazer este blog é complicado porque é um trabalho artesanal. Quase nada aqui é feito automaticamente pelo sistema. Você não vai encontrar listas compostas por robôs. Procuramos sempre oferecer o que os programas automáticos não conseguem dar: contexto e perspectiva. É o que faz o Viaje na Viagem ser diferente de todos os outros sites do nosso tamanho.

É certo que, num mundo ideal, a gente teria tempo e energia para responder todas as perguntas, produzir conteúdo novo completo e detalhado, viajar para trazer novos conteúdos e atualizar o conteúdo já publicado.

Mas num mundo ideal, todas as pessoas já desembarcariam direto no post mais pertinente às suas necessidades; leriam o texto inteiro, as perguntas anteriores e os posts relacionados antes de perguntar; não fariam perguntas altamente especulativas sem um mínimo de pesquisa prévia; e não esperariam que a gente fizesse um roteiro completo e personalizado numa caixa de comentários.

Quando o Ricardo Freire me contratou, há 5 anos, me disse: “Bóia, o blog cresceu muito. A caixa de comentários deixou de ser uma sala de chat para virar um SAC. Eu sou muito mal-educado para trabalhar num SAC. Você vai ser a hostess do blog. Seu trabalho principal é encaminhar o leitor ao post em que a pergunta dele já está respondida. Fora isso, o que você souber responder, responde. O que você não souber, me manda que eu te passo a cola”.

Olha que chique – hostess, moi?

Só que o tempo foi passando, e por mais versada que eu fosse ficando no conteúdo do blog, continuava repassando um catatau de perguntas diariamente pro Comandante. Se tem uma coisa que eu aprendi nesses anos bancando o oráculo, é algo que eu vou chamar de Paradoxo de Google: quanto mais informação você publica sobre algum assunto, mais informação parece que está faltando.

“Estamos em 2015, Bóia. Não faz mais sentido a gente googlar pelo leitor. A nossa parte tem que ser organizar e melhorar o nosso conteúdo para que seja encontrado por meio da navegação pelos nossos menus ou da busca pelo Google”.

E assim se fez. Mas confesso que ainda não me acostumei totalmente. Na maior parte do tempo, sou eu quem filtra as perguntas e faz as escolhas de Sofia de quais vão ser publicadas e quais vão para o poço. Não é uma tarefa prazerosa. A verdade é que não existe hierarquia entre perguntas. Toda dúvida tem importância máxima para quem está perguntando -- e não cabe a mim, nem a ninguém, rotular uma pergunta de boba ou primária.

Qual é o critério, então, que está valendo?

Basicamente continuamos respondendo perguntas que ajudem a complementar a informação do post, ou dirimir uma dúvida pertinente de formulação do texto. Se a resposta for útil para mais pessoas, melhor ainda.

Perguntas que já estejam respondidas – seja no texto, seja em perguntas anteriores ou mesmo em outros posts do mesmo destino -- estão condenadas ao poço. Perguntas que envolvam sintonia fina de roteiros, pedidos de tutorial passo a passo de situações muito específicas, pedidos contendo “na sua opinião” ou “o que é melhor” raramente são selecionados.

E ainda que eu concorde conceitualmente com o Comandante, no dia a dia isso me parte o coração. (É da minha natureza de Bóia.)

Tem horas que eu tenho vontade de sugerir um filhote para o blog. O Ombro Amigo da Bóia ponto com. Porque boa parte do pessoal que pergunta está só à procura de uma palavra amiga -- que dificilmente cabe numa resposta com base técnica. Tem certeza que vai chover na estação das chuvas? Olha, companheiro, vai com fé que de repente não chove. A rua tal é segura depois das 11 da noite? Tudo leva a crer que sim, amiga, já que não temos nenhum registro aqui nos comentários de alguém que tenha sido atacado nesse logradouro a qualquer hora do dia ou da noite. Encontrei críticas positivas e negativas sobre esse hotel no TripAdvisor; em quais devo acreditar? Olha, Fulano, o importante é a gente seguir o nosso feeling; tenho certeza que o seu não vai deixar você na mão.

Mas se boa parte das perguntas me deixa compadecida por não responder, tem umas poucas que eu não respondo com gosto. Ah, tem. Perguntas que vêm com o disclaimer “li tudo, mas não encontrei...” são as piores. Porque essas perguntas normalmente são de dois tipos. Ou do tipo “li tudo, mas não encontrei a parte em que vocês fazem um roteiro superpersonalizado para mim”, ou do tipo “li tudo, mas não encontrei a parte em que vocês recomendam que a gente faça o oposto do que vocês recomendam”.

Ao fim desses primeiros seis meses de moderação, fico feliz de ver que estamos construindo um blog mais organizado. Mas também fico chateada de não poder mais brincar de boa samaritana full time, pegando desconhecidos pela mão para ajudar a atravessar a rua.

Fui comentar do projeto do Ombro Amigo da Bóia com o Comandante, e ele respondeu: "e Bóia lá tem ombro, garota?"

(E pensar que ele parece tão fofinho no rádio...)

Leia mais:

84 comentários

Marcie
MarciePermalinkResponder

Muito amor pela Boia! Clap, clap, clap.
(sim, eu sei que este comentário não acrescenta nada e que, portanto, vai pro poço...mas sei, também, que a Boia vai ler...!)

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Marcie! Comentários só não são publicados quando contenham palavras de baixo calão ou propaganda explícita! Nesse caso, você faz propaganda explícita da sua simpatia, mas isso a gente deixa passar smile

Marcie
MarciePermalinkResponder

smile

Gabriel Britto

Hahahaha! Que maravilha!

Mari Campos
Mari CamposPermalinkResponder

hahahaha divino!

Hugo
HugoPermalinkResponder

Como não gostar de um lugar que tem uma boia tão fofa ajudando as pessoas.

Confesso que ainda sinto falta do comandante dando aquele espalho nas perguntas repetidas e mediúnicas (que querem saber se vai chover durante a viagem). Mas quer saber, é muito melhor ver ele trabalhando nos bastidores e produzindo um material tão rico e interessante.

E realmente acho que a moderação foi uma escolha muito acertada. Com um conjunto de perguntas sem relevância, sempre fica mais difícil encontrar uma resposta na caixa de comentários.

Alexandre Costa

A Bóia pode não ter ombro, mas tem um coração do tamanho de todos os fiéis leitores do VnV! Adorei o post!

Elisa Araujo
Elisa AraujoPermalinkResponder

Ai ai Bóia, você é muito fofa razz

Carlos Eduardo Stefano

Vocês são incríveis. Vivemos uma era em que muita gente não quer ouvir "não", ser objetivo e contundente é uma forma de educação! Vida longa ao VnV!!! Mudou minha forma de viajar para sempre!

Tiago
TiagoPermalinkResponder

Quero uma bóia dessa pra mim! smile Que post lindo!

Tati
TatiPermalinkResponder

Acho legal não ver repetidas as mesmas perguntas mil vezes, realmente melhora muita quando vamos ler os comentários. Sempre tem alguma coisa que serve para nossas viagens. Gosto muito de ler os comentários de quem viajou ao local do post, falando bem ou falando mal, afinal cada um tem uma percepção sobre as coisas, né? Abç.

Paula Brum
Paula BrumPermalinkResponder

Ainda sinto saudades dos momentos de boa Samaritana da Boiá, embora eu mesma jamais tenha feito uso, mas percebo o quanto está ficando mais fácil encontrar questões pertinentes na caixa de comentários. "Vai com fé que de repente não chove"? Curti muito o post, ainda estou sorrindo... Avante!! =)

Alexandre Giesbrecht

Li tudo, mas não encontrei a parte em que vocês dizem que este meu comentário será publicado.

wink

Zé Maria
Zé MariaPermalinkResponder

Até voo com chapeuzinho, Bóia

Adri Lima
Adri LimaPermalinkResponder

Bóia, nós te amamos! #teambóiaforever grin

Que delicinha de texto!

Beijos gente, parabéns mil vezes por esse trabalho lindo!

Mô Gribel
Mô GribelPermalinkResponder

Bóia, se você quiser uma sócia no projeto, tô dentro.
Sou daquelas que se pedirem indicação de um restaurante não perde a oportunidade de sugerir 3, mais um museuzinho, um passeio e mais uma lojinha suuuuper fofa que fica a 100m, do outro lado da rua.
Até um mês atrás eu já fazia isso sem ter tempo, agora então viraria uma distração pra passar ele.
Muito fofa você!

Yuri Torres
Yuri TorresPermalinkResponder

Acho que nunca ri tanto com um post do VnV, e olha que existe alguns engraçadíssimos no arquivo.

Parabéns pela decisão de moderação, é ótimo ler os comentários e não encontrar milhões de perguntas que já estão respondidas no artigo acima.

Lili-CE
Lili-CEPermalinkResponder

Amo a Bóia. Amo o Comandante (sim, eu acho ele fofo, dá licença?).

yara xavier
yara xavierPermalinkResponder

Boa Bóia!

Fabio NG
Fabio NGPermalinkResponder

Que delícia de texto – em forma e conteúdo! smile

Susana Steil
Susana SteilPermalinkResponder

Sensacional!!
E, cá entre nós: realmente as pessoas fazem cada pergunta descabida...
Mais do que apoiados! Assim, temos conteúdo sempre fresquinho e AQUELA ajuda pra todas as nossas viagens! Vocês ganham, nós ganhamos!

Rogéria
RogériaPermalinkResponder

O blog está cada dia melhor e a Boia, agora com tantos elogios, cada dia mais fofa (ego inflado? rs...). Parabéns a todos os envolvidos! <3

Amélia
AméliaPermalinkResponder

Bóia, vou te abraçar até você explodir!
Totalmente demais!

Maryanne
MaryannePermalinkResponder

Adorei. Vou começar a fazer perguntas só pra ler mais seus textos.

Rejane
RejanePermalinkResponder

Bóia, vc é um ombro amigo!!!
Obrigada por tudo, inclusive por esse post ótimo, ri demais!

EduLuz
EduLuzPermalinkResponder

Bóia, você é gente como a gente!! smile

Oscar | Viajoteca.com

Parabens pelo trabalho que voces fazem no VnV...

Sonia
SoniaPermalinkResponder

Quem acompanha o Viaje na Viagem sabe que esta política de moderação foi para o bem de todos! wink

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

O mundo viajante está dividido : o mundo confuso
antes da Bóia , e o mundo aconchegante depois da Bóia.
Vida longa !!

Adri Lima
Adri LimaPermalinkResponder

Aconchegante. Isso mesmo! <3

val
valPermalinkResponder

ah... adoro esses textos " pessoais".

aqui nos sentimos acolhidos...com ombro ou sem ombro! ( se a Bóia fosse um colete salva-vidas, quem sabe? hehehe)

Cristiana Silva

Ótimo texto. Esse site é sensacional!

Prisviana
PrisvianaPermalinkResponder

Por mais contraditório que possa parecer, minha independência turística é totalmente dependente do trabalho de vocês! Parabéns pela competência e pela paciência!! Vida longa ao VnV!!

Ale Tricolor
Ale TricolorPermalinkResponder

Como é ótimo saber que a querida Bóia sobreviveu depois de 6 meses de ataques do pessoal "li tudo e cheguei com um alfinete ou agulha para presentear a Bóia". Vida longa a essa moderação que facilitou demais para quem realmente procura as melhores dicas e as informações úteis! Para finalizar, um aviso ao nosso querido Comandante: Bóia não tem ombro, mas tem alma e coração! wink

Izabella Zava
Izabella ZavaPermalinkResponder

Hahaha.
Várias perguntas minhas já foram pro poço, mas eu entendo e estou sempre aqui! É meu ponto de partida pra qualquer viagem e como me ajuda! A boia não me deixa na mão!

Fernanda
FernandaPermalinkResponder

Oi Bóia! Olha eu de novo ! rs Fui " moderada" na semana passa... No primeiro momento bateu uma tristeza....( ou uma certa vergonha? Eu ? justo eu? Que lia os comentários alheios e algumas vezes pensava " como assim, esta pessoa esta perguntando isso??????????) Pois é..mas a gente sobrevive...E realmente depois eu fui ver que a minha pergunta era mesmo muito pessoal..eu tinha todas a informações no post e teria que tomar minha decisão sozinha. Medo ! ( Ah essas crianças...) Mas assim foi melhor e com certeza o site esta melhor com as moderações... Entro diariamente, não porque eu viaje muito, com certeza menos do que gostaria, mas sim porque aqui consigo viajar na viagem alheia...rs (péssimo... rs pode moderar esta minha frase, se quiser) Bom, continue o excelente trabalho e obrigada pelo texto que acalenta todas estas almas viajantes indecisas...Beijos...

Fernanda Lima
Fernanda LimaPermalinkResponder

I <3 BÓIA

Carla
CarlaPermalinkResponder

Que legal, o povo das antigas está em peso na caixa de comentários prestigiando o post da Bóia! wink Bateu uma nostalgia...

Sandra
SandraPermalinkResponder

E nós, leitores, tripulantes agradecemos a essa moderação!!! Está muito mais fácil navegar pelo blog e a atualização de conteúdo tornou-se muito mais dinâmica! E viva as mudanças!

Camila Navarro

Como bem disse a Carla, bateu uma nostalgia... E eu tô só batendo ponto porque também sou das antigas. wink

Sut-Mie | Viajando com Pimpolhos

Bóia é Vida!
VnV é Vida! <3

Carol Borba
Carol BorbaPermalinkResponder

Vida longa à Bóia amiga! Quantas vezes já me salvou! <3

Thyago Portela

Vida eterna à Bóia e ao VnV

Maura
MauraPermalinkResponder

Muito bom seu texto Bóia. Vc é muito clara e objetiva nas suas respostas. Um abraço daqui de Cuzco pra vc. e pro VnaV.

Sonia Amorim
Sonia AmorimPermalinkResponder

Bóia, o melhor de tudo foi voces escarecerem os critérios de resposta que ao meu ver sao profissionais o os diferenciam dos demais. E confesso que todas as minhas viagens internacionais utilizei o viajemnaviagem para me orientar em todas as decisões de hospedagem, utilização dos trens na Europa, os cuidados com a segurança, e tantos outros que ficaria difícil enumerá-los. Mas o melhor mesmo e encher a boca e recomendá-los ais meus amigos. Isso não tem preço! Bjs e muito sucesso

Léa Bueno
Léa BuenoPermalinkResponder

Adorei!

Mariane
MarianePermalinkResponder

Adorei!!! Mas tenho qur confessar que eu me divertia muito, menos com as perguntas sem noção mas muito com as suas respostas malcriadas e merecidas!

Fabiola
FabiolaPermalinkResponder

Eu também! Adorava ler as respostas levemente mal humoradas....(que malévola!) Acompanho um blog que os administradores são tão bonzinhos com as perguntas "sem noção" que irrita! Por isso estou gostando da moderação dos comentários. Também já fui "moderada" aqui no VNV, mas ainda assim continuo concordando com esta decisão!

vera
veraPermalinkResponder

Muito fofa essa bóia, adorei o post !

Eneida
EneidaPermalinkResponder

Delícia de texto. Deu vontade de abraçar a boia.

Cleide Lúcia
Cleide LúciaPermalinkResponder

Bóia, você é ma-ra-vi-lho-sa! O blog com moderação nos comentários ficou ainda melhor. Como costumo dizer, o VnV é minha "bíblia" de viagem.

Carla Boechat
Carla BoechatPermalinkResponder

Ahhh, boia!!! Como já foi dito aí em cima, se tu fosses um colete salva vidas, dois ombros terias (e aí é q vc teria trabalho dobrado com os comentários... Já pensou l!) grin
Vida longa ao VnV! Cada dia melhor!!!

Zuzu
ZuzuPermalinkResponder

Bóia, vc é maravilhosa! Eu acompanho o VnV desde o maravilhoso e espetacular livro em papel mesmo! que me abriu as portas dos aeroportos, rodoviárias e portos do Brasil e do Mundo.. Todas as minhas viagens são antecedidas de uma busca completa no VnV e as suas dicas, truques e quebra-galhos são fantásticos!

Ines Martins
Ines MartinsPermalinkResponder

Gente, que boia mais fofa! Tinha que trocar a boia da foto por uma em formato de coração! <3

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia de férias. Só voltaremos a responder perguntas que forem postadas a partir de 3 de junho. Relatos e opinões continuarão sendo publicados.
Cancelar