Assento vago no meio

Como viajar de avião com o assento ao lado vazio (não custa tentar!)

Assento vago no meio

Eu sou do tempo em que os aviões só lotavam nos horários de rush dos executivos e nos dias cruciais da ida e da volta de feriados e férias. Hoje em dia, assento desocupado é a exceção da exceção. Só os muito sortudos viajam sem um vizinho para disputar o espaço aéreo do seu joelho.

Eu tenho uma técnica que me faz conseguir ser esse felizardo com alguma freqüência. Não fiz a estatística formal, mas acredito que funcione em 30 a 40% das tentativas. Quando não funciona, é porque o avião está abarrotado. Se sobrar algum assento vago, tem grandes chances de ser ao meu lado.

O que que eu faço?

Ao comprar a passagem, reservo um lugar no corredor. Básico. Garanto pelo menos uma perna livre. Se estamos viajando em dupla, reservamos dois corredores lado a lado.

Escolho sempre as três últimas fileiras. Por balançar mais e tornar a saída mais lenta, a rabeira do avião é evitada pela maioria dos passageiros. É ali que tendem a sobrar os lugares vagos.

27C

Faço web check-in 12 horas antes do vôo. É o momento de rever o mapa de assentos e trocar de lugar.

Confirmo um assento de corredor numa fileira em que a janela já esteja ocupada. Escolher um corredor numa fileira totalmente desocupada tem o efeito contrário ao que você deseja: atrai dois passageiros viajando juntos. Ao marcar um xis numa poltrona de corredor na rabeira do avião com a janela ocupada, você garante que aquela poltrona vaga do meio só será ocupada em caso de lotação total do vôo.

Uma última chance dentro do avião. Depois que você faz o check-in, porém, entrega o mapa de assentos ao algoritmo de Deus. Caso apareça alguém, ou passageiros troquem de lugar, ali atrás você estará na melhor posição para localizar outra poltrona de corredor livre (já aconteceu comigo algumas vezes).

O último teste da minha técnica foi ontem, numa viagem de São Paulo a Porto Seguro com conexão em Belo Horizonte.

No primeiro vôo, deu certo. O assento ao meu lado foi um dos únicos três vagos no avião inteiro.

Assento do meio vazio

Vôo 2: tudo certo até os 47 do 2º tempo

No segundo vôo, deu… quase certo. O assento esteve livre até os 47 do segundo tempo, quando apareceu o derradeiro passageiro do avião lotado.

(Esse é a principal contra-indicação desse método: já cansei de contar quantas vezes o último passageiro do avião veio sentar exatamente do meu lado.)

E você? Tem alguma técnica para reservar assento em avião? Conte aí!

49 comentários

Tive dificuldade pra reservar assento na air france.
Para o voo Paris / Sao Paulo, tentei varias vezes nos dias anteriores à viagem e nao consegui.
Achei que tinha dado certo quando vi no cartão de embarque que estava no corredor, que é onde gosto de viajar.
Acontece que me colocaram em um lugar na frente dos banheiros, com pouco espaço pra reclinar.
Além disso, a poltrona invadia um bom pedaço do corredor e antes mesmo do voo iniciar várias pessoas passavam e esbarravam em mim.
Parecia um lugar improvisado pra caber mais passageiros.
Imediatamente chamei os comissários e exigi mudar de lugar.
Eles nem contestaram e me colocaram em outro assento.
Ou seja, se vc sentir prejudicado, não hesite em reclamar!

Marcos, quando vc escolhe uma fileira do corredor e outra da janela, se alguém ocupa a do meio, eu lamento o espaço vazio ter sido ocupado e ofereço o meu assento para troca. No fim das contas, isso é apenas um truque, mas em voos lotados, prefiro ocupar o meio e ficar ao lado de minha mulher. 🙂

Eu nunca pensei nessas possibilidades, mesmo porque gosto da janela e até não me incomoda viajar nas últimas poltronas. A única coisa que vai me deixar P da vida, é se um gordo ou uma pessoa que ronça, me der o desprazer de sentar ao meu lado. Pense nessa situção em uma viagem de São Paulo a Nova York, Milão, Paris. É ou não é uma tormenta?

Oi, Cris! Agradeço muito pelas suas informações. Meu vôo é da Tap, sim. A fila 11 tem espaço maior para as pernas, em relação as demais, né? Li, em algum site, que o único problema de fazer a pré reserva nesses assentos é que se houver, no dia do embarque, passageiros com necessidades especiais, eles serão acomodados nesses assentos e teremos q usar outros assentos, é isso mesmo?

    Oi, Sandra,

    Eu voo com uma certa frequência no A330-200 da TAP, e ao que sei é que geralmente essa fileira 11 é aquela em que vão as pessoas com crianças, ou seja, com prioridade de embarque, necessidades especiais. Como eu nunca consegui pegar a fileira 11, não sei se existe essa troca de assentos com muita frequência. Mas sim, é verdade que pessoas com prioridade são acomodados nesses assentos. Geralmente as famílias com bebê de colo ficam ali, mas na parte do meio (4 assentos).

    Mas não custa tentar, né? Vai que você dê sorte e não precise trocar! Eu tentaria marcar e se tentassem trocar, eu tentaria contra-argumentar com a altura de 1,85m do marido …rs

Esqueci de dizer: meu avião é o A 330-200 (2-4-2); Obrigada!

    Sandra, o comentário acima também serve para o A330-200.

    O teu voo é da TAP? Costumo viajar nesses aviões e confirmo que é assim mesmo. Se for essa companhia, se você tiver a sorte de conseguir marcar o assento na fila 11 (a primeira da classe econômica, nos A333-200 da TAP), fica melhor, porque nesse caso, a TV individual fica na parede que divide a classe econômica e a executiva.

    Abs,

    Cris

Boa noite! Estou pensando em fazer a marcação de assento nas primeiras fileiras do salão, por causa do maior espaço, mas aí pintou uma dúvida: se estou na poltrona da frente onde fica a TV individual já que para nos demais ela fica nas costas do banco da frente? Ricardo/Boia, vcs tem alguma sugestão do melhor lugar a escolher na classe econômica, visto q meu marido mede 1,85?

    Se o avião tem sistema de entretenimento individual, geralmente os monitores touchscreen ficam no braço do assento. A mesinha para refeições também. O braço do assento é articulado, então, você tem de puxar a tela e a mesinha para “fora” do braço do assento.

    Esse fato faz com que os assentos que ficam naquele espaço na frente das portas de emergência sejam ligeiramente mais estreitos, apesar de dar amplo espaço para as pernas na frente.

    Recentemente eu fiz um voo em que eu tive a oportunidade de escolher um assento na frente da porta de emergência (no caso, era um Airbus A31, que não tinha tela de entretenimento individual), mas só o fato de ter a mesa no braço articulado do assento me deixou bastante desconfortável, pela estreiteza do assento!! (mas isso é uma particularidade minha, que sou “cadeiruda” e acima do peso, hehe). Para piorar, a janela tinha um bloqueio naquele ponto do avião (“missing window”), e no meu caso, que só fico sossegada com uma janela, foi um voo bem chatinho e desconfrtável, apesar de supertranquilo ….rsrsrs

    Agora, para uma pessoa muito alta, eu creio que seja um bom lugar mesmo.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.