Desempacotando NY: episódio 2 no ar!

Trips, desde ontem está no ar o segundo episódio da websérie Desempacotando Nova York, co-protagonizada por este que vos bloga para o Hotéis.com. Se você tem três minutinhos sobrando, clique pra ver, que tá ficando muito bacana!

Caso você tenha perdido o primeiro web-episódio, aí vai o web-replay:

E você ainda não está sabendo da web-promoção? Conte um mico de viagem pro pessoal do Hotéis.com e concorra a uma viagem a Nova York, com acompanhante, no hotel que você escolher, e com dicas minhas ainda por cima! Para começar, um mico meu:

Visite suaviagemdevolta.com.br para ver os vídeos que já estão concorrendo!

Leia também:

Por que estou com o Hotéis.com

68 comentários

Eu até achei interessante a proposta dos videos, porém na minha opinião o vídeo ficou bem tendencioso, pois mostrou apenas uma situação em que no pacote não compensava muito. Um viajante experiente como o Ricardo Freire está cansado de saber que “roubadas” acontecem tanto em compras por pacotes quanto em compras pela internet. No caso, como foi patrocinado pelo hoteis.com, mostraram o que interessava. Abraços!

Ola Ricardo,
Estou indo para NY com minha namorada e estou pensando em ficar no Ipanema Chalet, porque não falamos muito bem inglês e lá o pessoal que tarabalha fala. Vai ajudar muito. Você tem alguma referência de lá? Conhece outros lugares com brasileiros trabalhando?
Parabéns pelos videos!
Muito bom!!!

Riq, episódio 2 excelente. E o seu “vídeo furada” também tá ótimo! Concordo com a Dani, você pode acrescentar ‘ator’ ao seu currículo. Os olhares dentro da carruagem são de rolar de rir. Quanto ao passeio de carruagem vi vários na semana passada, e com direito a voltinha na 5ª Avenida. De capota abaixada e plástico dos lados, pois estava chovendo e fazendo muuuuito frio. Imagina que beleza de vista a pessoa não teve, que maravilha de fotos não tirou? E ficava só pensando… como a pessoa pode ter coragem de se cobrir com aquele cobertor? Por onde já não passou aquele cobertor???

Ao buscar por hotéis em nova iorque em http://www.hoteis.com/search.do?children%5B0%5D=0&showSimilarDestinations=true&searchParams.arrivalDate=13-02-2010&searchParams.departureDate=22-02-2010&searchParams.rooms%5B0%5D.numberOfAdults=2&queryFormState=OPEN&page=1&activeTab=DESTINATION&searchParams.sortOrder=SPECIAL_DEALS&rooms=1&destination=Nova+York , é apresentada uma tela informando que há 21 hotéis de 5 estrelas com preços de variando $40 a $825 dólares. Se agrupamos os resultados por preço, selecionando apenas os hotéis de 5 estrelas, o menor valor que aparece é $475. Pergunto: pq aparece preço de $40 se eles não existem? Se existem, qual hotel de 5 estrelas cobra $40?

    Hehe, não sei, Fred. Deve ser um erro de programação.

    Mas deixe de tecnicalidades e aproveite que apareceu um monte de hotel por menos de 200 dólares…

    ALÔ PESSOAL: EM FEVEREIRO TEM HOTEL DE 130 DÓLARES EM NOVA YORK DE NOVO!!!!

Nossa está ficando demais! Divertidissimo de assistir, só é triste lembrar que já entrei em furadas assim (espero já estar vacinada contra os “pacotões”!)
Mas estou com muita pena do Dudu…desse jeito não dá para gostar nem de NY!
Parabéns…

Pra variar, tá perfeito. Como voltei de lá ontem e usei o Hoteis.com, posso dizer que foi tudo tranquilo: reserva no Salisbury sem problema, tudo direitinho. O hotel é muito bem localizado, pertinho do Central Park. Quem gostar de café da manhã com aquelas mil roscas, muffins e quetais, vale a pena o do hotel (US$6 por pessoa), principalmente em dias de frio (quinta e sexta estavam geladas, chegando a nevar em lugares próximos). Acho que em NY é uma boa pedida escolher aqueles Diner’s antigos que tem comida boa e honesta a bons preços. Perto do Salisbury tem o La Parisienne que achei bem bom. Outra boa opção é o café do mercadinho que tem perto na 57 mesmo. Tem um buffet a aquilo pra quem quiser levar para o Central Park e ficar por lá. O New York Pass foi muito bom pois revisitei quase todos os lugares turísticos e valeu muito a pena, além dos descontos que ele proporciona. Quem gostar muito de compras, vale uma ida ao Woodbury, mas só se você tiver um dia inteiro para isso, senão não vale a pena. Quem puder gastar um pouco mais em comida, vale um almoço no restaurante do Metropolitan. A comida é boa e a vista do Central Park não tem preço né? No ítem comida também, quem sair do musical na Broadway com muita fome, e de preferência no mínimo em quatro pessoas, vale ir ao Carmine’s na 44 que ainda (o restaurante é uma dos mais tradicionais da área) guarda aquela atmosfera de cantina italiana dos filmes.
Pra quem, como eu, foi pego desprevenido sem guarda-chuva, na área de Times Square tem aqueles camelôs iguaizinhos aos do Brasil vendendo na rua. Ate o preço é igual: cinco, mas em doletas, claro.
Pra quem gosta de jazz tradicional (também chamado de dixieland), do tipo de New Orleans, não deixem de ir ao Arthur’s Tavern em West Village. Tem uma banda que está junta há mais de 40 anos e toca toda segunda-feira e é muito legal. Quem quiser conferir tem video no youtube.
Bem, acho que por enquanto é só. Espero que as dicas ajudem a galera como me ajudaram nesta e em outras viagens.
Riq, mais uma vez, parabéns pela série.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.