Parnaíba

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Parnaíba: o que fazer

Veja nesta página um roteiro prático de passeios para sua viagem a Parnaíba.

Passeios pelo Delta do Parnaíba

O maior delta fluvial em mar aberto das Américas é formado pela partição do Rio Parnaíba em outros rios e inúmeros igarapés um pouco antes de chegar ao mar. Esta multidivisão cria um labirinto fluvial que desemboca no mar em cinco barras ("bocas") distintas.

A topografia do Delta permite que esse emaranhado de canais seja visitado em vários percursos diferentes. Os passeios operados a partir de Parnaíba costumam levar a duas bocas: a das Canárias (normalmente preferida para passeios matutinos, com almoço na Ilha das Canárias) ou a do Caju (a mais usada para passeios vespertinos que terminam com observação de guarás ao pôr do sol -- meu passeio favorito).

À primeira vista, o passeio pelo Delta não difere muito de outros passeios fluviais costeando zonas de mangue que você já tenha feito em outras partes do Brasil. O que torna os passeios pelo Delta especiais são o volume e a beleza da vegetação -- as aningas, em particular, são um deslumbre. Além disso, é possível observar a mudança da paisagem à medida que a embarcação vai se aproximando do mar, devido ao progressivo aumento da salinidade da água. Dunas também podem compor a paisagem, no meio do trajeto ou na foz.

Os passeios saem do Porto dos Tatus, na Ilha Grande de Santa Isabel, a 11 km do centro de Parnaíba. O trânsfer entre Parnaíba e o Porto dos Tatus na maioria das vezes não está incluído no preço do passeio, mas pode ser contratado a R$ 20 por passageiro.

Como comprar os passeios

Parnaíba  que fazer: Porto das Barcas

Porto das Barcas

As principais agências têm sites completos e atendem rapidamente por WhatsApp e email. Caso você prefira 'fazer um shopping' pessoalmente, pode ir até o Porto das Barcas, no centro histórico de Parnaíba, onde a maioria delas tem agências para atendimento ao público.

Passeios de chalana ou catamarã

Parnaíba o que fazer: passeios de chalana pelo Delta do Parnaíba

Os passeios mais baratos pelo Delta são feitos em grandes embarcações -- a típica chalana ou o catamarã, mais confortável. Em muitas agências o passeio de chalana é chamado de "passeio tradicional ao Delta".

Devido à baixa velocidade da embarcação, esses passeios duram 7 horas -- mas têm música, comida e bebida a bordo. Normalmente há uma parada para banho próximo à foz do rio e outra parada nas dunas do Morro Branco, parte dos Lençóis Piauienses. Alguns passeios incluem demonstração de extração de caranguejo no mangue.

As vantagens dos passeios de chalana/catamarã são o preço (almoço e lanche, sem bebidas, estão incluídos) e, para quem gosta, a muvuca.

As desvantagens desses passeios: as grandes embarcações não trafegam nos canais mais estreitos/rasos, não incluem a revoada de guarás ao pôr do sol em nenhum roteiro (a foz é muito distante para voltar no escuro) e, para quem não curte muvuca, passar o dia num barco com até 80 pessoas e música alta pode não ser prazeroso.

Passeio ao Delta em chalana ou catamarã
  • Duração: 7 horas
  • Saídas:
    • janeiro, julho e dezembro: diariamente
    • fora de temporada: fins de semana (dias de semana, só para grupos fechados)
  • Preço: R$ 70 a R$ 90 (trânsfer: + R$ 20 por passageiro)
  • Operadoras: Clip, Igaratur, Delta Rio Parnaíba

Voltar | Passeios pelo Delta | Topo

Passeios de lancha com almoço na Ilha das Canárias

Parnaíba o que fazer: Passeio ao Delta do Parnaiba com Ilha das Canárias

Os passeios de lancha rápida que saem de manhã seguem pelo igarapé dos Periquitos e costeiam a Ilha das Canárias, a maior do Delta. A maioria chega até a foz conhecida como Boca das Canárias. Mas há um roteiro alternativo que leva ao igarapé do Feijão Bravo, que corre entre o mangue e as dunas.

Normalmente há uma parada para demonstração de extração do caranguejo do mangue, e outra parada para banho nas dunas perto da foz. O almoço, num restaurante da Ilha das Canárias, não está incluído no preço.

As vantagens do passeio de lancha rápida com relação às grandes embarcações vão além da velocidade do deslocamento. As lanchas podem trafegar por canais estreitos e vencer trechos assoreados do rio. Quem não curte muvuca de grupo grande em barco também vai preferir o esquema de lancha.

As desvantagens das lanchas estão no preço (é bom lembrar que o almoço não está incluído) e no fato do passeio na maioria das vezes ser feito apenas em modo fretado. Apenas a Rota Combo tem saídas regulares compartilhadas (para o roteiro das Canárias, não para o Feijão Bravo).

Passeio de lancha rápida (Canárias ou Feijão Bravo)
  • Duração: 4 a 6 horas
  • Saídas: mediante fretamento ou número mínimo de passageiros avulsos
  • Preço:
    • Fretamento até 4 passageiros: R$ 380 a R$ 480
    • Compartilhado: R$ 150 por passageiro (com trânsfer)
  • Operadoras:

Voltar | Passeios pelo Delta | Topo

Passeios de lancha com revoada de guarás

Parnaíba o que fazer: Delta com Revoada dos Guarás

Se você só tiver tempo de fazer um passeio pelo Delta, que seja esse. As lanchas rápidas partem no começo da tarde e tomam a direção da boca (foz) do Caju, mais distante que a das Canárias.

Perto das 5 da tarde, as lanchas se encaminham para as proximidades de uma ilhota que serve de dormitório para uma grande colônia de guarás. O show parece ensaiado. Os primeiros pássaros chegam timidamente, dois aqui, quatro ali, tomando seus lugares nos galhos das árvores da ilha. Dez minutos depois, porém, verdadeiras nuvens de pássaros vermelhos começam a chegar vindas de todas as direções, num balé tão bonito quanto caótico. Por milagre, todos encontram lugar nas árvores, sem acidentes de percurso.

O espetáculo acontece todas as tardes -- e fica mais bonito quando não há nuvens, já que o sol deixa os guarás ainda mais vermelhos.

A vantagem deste passeio é, claro, permitir que se assista à revoada. Trata-se de um roteiro que não dá para fazer com as embarcações grandes (que precisariam navegar mais de duas horas no escuro da Baía do Caju ao Porto dos Tatus).

A maior desvantagem é, devido à maior distância percorrida, não haver tempo para uma parada para almoço.

Passeio de lancha ao Delta com revoada de guarás
  • Duração: 4h
  • Saídas: mediante fretamento ou número mínimo de passageiros avulsos
  • Preço:
    • Fretamento até 4 passageiros: R$ 480
    • Compartilhado: R$ 170 a R$ 175 por passageiro (com trânsfer)
  • Operadoras:

Voltar | Passeios pelo Delta | Topo

Safári noturno com focagem de animais

Similar aos passeios noturnos feitos na Amazônia e no Pantanal, o safári noturno é feito em lanchas rápidas, que se embrenham pelo igarapés do Delta do Parnaíba à procura de jacarés.

No percurso também devem ser avistados outros anfíbios, como cobras, e animais terrestres, como tamanduás, iguanas e macacos-prego.

Passeio de lancha ao Delta com revoada de guarás
  • Duração: 3h
  • Saídas: mediante fretamento ou número mínimo de passageiros avulsos
  • Preço:
    • Fretamento até 4 passageiros: R$ 380
  • Operadoras: Clip, Delta Rio Parnaíba

Voltar | Passeios pelo Delta | Topo

Praias em Luís Correia

O município vizinho a Parnaíba, Luís Correia é o destino tradicional de veraneio do Piauí. São 45 km praticamente contíguos de praias, que vão mudando de nome conforme o trecho.

A praia de Atalaia (também conhecida como da Armação) é a menos interessante de todas: apesar de ser bastante ocupada, tem urbanização precária. Tem uma faixa larga de areia dura, boa para caminhar, e enormes barracas de praia. Muitos banhistas têm o hábito de entrar com seus carros na areia.

Parnaíba o que fazer: Praia do Coqueiro

Praia do Coqueiro

A praia do Coqueiro é o reduto da burguesia teresinense. Tem casas de bom padrão e uma orla central ocupada por bares e restaurantes. Também sofre com o trânsito de jipões e outros carros na areia.

Praia de Itaqui

Praia de Itaqui

Na minha opinião, a melhor praia de Luís Correia é a praia do Itaqui, a primeira passando o Coqueiro. Pouco ocupada e sem trânsito de carros na areia, Itaqui também tem o melhor bar de praia da região, o da pousada Vila Itaqui. Nos fins de semana, chegue cedo para garantir mesa.

A praia do Arrombado também tem poucas construções, mas muitas barracas de praia populares.

A última praia do município é a do Macapá. Selvagem, fica na foz do rio Camurupim (na outra margem já é Barra Grande.

Voltar | Topo

Lagoa do Portinho

Parnaíba o que fazer: Lagoa do Portinho

Ainda dentro dos limites de Parnaíba, a Lagoa do Portinho é parcialmente cercada por dunas. É considerada parte dos "Lençóis Piauienses". Tem estrutura de bares e restaurantes, e lota nas férias e fins de semana, quando é possível fazer passeios de banana boat.

Voltar | Topo

Parque Nacional de 7 Cidades

Parnaíba o que fazer: Parque Nacional de 7 Cidades

A 140 km de Parnaíba (e 180 km de Teresina), o Parque Nacional de 7 Cidades abriga um conjunto de formações geológicas de peculiar beleza. De quebra, ostenta inscrições rupestres de 6 mil anos, que acrescentam uma dimensão cultural a um passeio que poderia ser apenas panorâmico.

A visita ao parque deve ser feita de carro. Dá para fazer também a pé ou de bicicleta, mas o calor é muito forte, e os atrativos, muito distantes uns dos outros. Na entrada do parque você contrata um guia e escolhe um dos circuitos que caibam no tempo de visita de que você dispõe. Um passeio curto de carro vai levar entre 2 e 3 horas. Leve água e lanche.

Agências de Parnaíba oferecem o passeio a 7 Cidades em modo privativo.

Caso você chegue ou saia por Teresina, pode também negociar um pit-stop no parque como parte do trânsfer.

Parque Nacional de 7 Cidades
  • Endereço: Piracuruca (PI)
  • Acesso: BR 343 (Transpiauí)
    • vindo de Parnaíba: entre em Piracuruca
    • vindo de Teresina: antes de Piripiri, saia pela BR 222 sentido Fortaleza
  • Horário: aberto diariamente 8h-17h
  • Ingresso: gratuito
    • obrigatório contratar guia (R$ 80)
  • Tour privativo saindo de Parnaíba (2 passageiros): R$ 550 (Clip)
  • Site oficial

Voltar | Topo

Nenhum comentário, deixe o primeiro!

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia de férias. Só voltaremos a responder perguntas que forem postadas a partir de 3 de junho. Relatos e opinões continuarão sendo publicados.
Cancelar