Machu Picchu limita visitantes; ingressos só são vendidos online

Disponibilidade em Machu Picchu - julho

Quem avisou foi a querida Lu Malheiros, que além de fazer um post no seu Dividindo a Bagagem, deixou um recadinho na caixa de comentários.

Seguindo (ma non troppo) recomendações da Unesco, o sítio arqueológico reduziu o acesso a 2.500 visitantes por dia (a Unesco advoga 917). E para que isso seja respeitado, a partir desta semana só se pode entrar no parque com ingresso comprado antecipadamente pela internet.


A venda é feita pelo site MachuPicchu.gob.pe. Estão abertas as vendas até o fim do ano (mas lembre-se de que a época das chuvas começa em novembro). Clique em “consultas” para ver a disponibilidade. Não há mais vagas para esta semana, mas agosto ainda está tranqüilo.

Comprando no siteLista de agências que podem comprar o ingresso (veja no site)

Para comprar é preciso usar um cartão de crédito Visa integrado ao sistema Verified by Visa. Ou seja: é provável que os cartões que dão galho nos sites de trem na Europa tenham problemas aqui também. Há duas alternativas: comprar por intermédio de uma agência de viagem local (clique em “consultas” e, ao pé da página, em “agencias de viaje”, que aparece uma lista, com sites e emails) ou deixar para comprar quando você estiver no Peru — porque depois de comprar pela internet você ainda tem seis horas para pagar pessoalmente num banco credenciado. Esta alternativa não é recomendável nos meses de julho e agosto, altíssima temporada de visita.

Segundo este site, o limite de 2.500 pessoas por dia nem é tão draconiano assim; só em julho e agosto os visitantes estourariam este número se não houvesse a restrição.

Obrigado pela dica, Lu!

Leia também:

Mudança na compra de ingressos para visitar Machu Picchu, por Lu Malheiros

MachuPicchu.gob.pe

Assine o Viaje na Viagem por emailVnV por email
Visite o VnV no FacebookViaje na Viagem
Siga o Ricardo Freire no Twitter@riqfreire


182 comentários

Olá vou MP no fim de outubro e gostaria de saber se consigo conhecer Huaynapicchu e machu picchu no mesmo dia ou eu precisaria comprar ingresso para dois dias…
Abraçs..

    Olá, Magno! Os ingressos valem para um dia apenas. O de Huaynapicchu inclui Machu Picchu.

Olá aqui estou de novo. Depois de utilizar bastante esse maravilhos site para ir a BA, agora estou planejando viajar para o Peru em ago ou set/2012. Já de cara adorei essa informação.
Muito obrigada.

Genteeeeeeeeee consegui finalmente entrar no site!!! Porém, qualquer data que ponho fala que não existe disponibilidade de ingresso!!!! Será que acabaram mesmo?? Até pra janeiro, que é quando pretendo ir, avisa que não tem mais… já aconteceu com algum de vcs??

    Olá, Maria Julia! Deve ter dado algum probleminha no sistema. Há ingressos disponíveis, sim. Mas devemos alertar que janeiro é época de chuvas, que podem ser bastante fortes. A época ideal para visitar Machu Picchu é de abril a setembro.

Consegui comprar o ingresso com o Visa Itaucard (não é Verified by Visa)!

    Patricia,me da uma ajuda?Estou tentando comprar ingressos com o Itau Visa,mas eles me dizem que no Brasil,so quem tem o sistema Verified by Visa eh o Bradesco.Como vc conseguiu?Alguma manobra especial?Ja comprei passagem,reservei hoteis e nao tenho os ingressos par Machu Picchu.Estou comecando a me preocupar.Obrigada!

Gente, ontem consegui acessar o site por volta de 18h30, mas infelizmente não consegui efetuar a compra pq meu cartão não é Verified by Visa. Já contactei algumas agências no Brasil a fim de saber se fazem a venda dos ingressos, mas nenhuma delas vende. A minha viagem está chegando (vou dia 19/08) e o desespero cada dia aumenta por conta do problema do ingresso. Alguém para me dar “uma luz”? Não sei mais o que fazer.
Abraço a todos.

    o cartão de crédito é internacional? habilitou pra uso no exterior? isso faz toda a diferença

Oi, gente!!
Tentei hoje a madrugada inteira e nem pelo IE nem pelo mozilla o site pra comprar o ingresso tá entrando. A sorte é que vou pro Peru em janeiro e ainda tem tempo. Achei legal essa restrição, mas a forma de comprar (só pelo site do governo) é que está péssima… abraços!

    Se o site funcionasse, acho que seria a melhor medida. Caso contrário, aconteceria como em Bonito: um oligopólio de agências de viagem dominando toda a quota de visitantes.

    André, concordo com vc a respeito do oligopólio, mas não sou contra, pois isso deixa a coisa bem organizada, o que é difícil de acontecer no Brasil e preserva as belezas naturiais, apesar de deixar tudo mais caro.

Olá. Ontem eu consegui acessar o site mas não consegui comprar. Tentei de novo à noite, tentei hj o dia todo e nada… Acho que vou tentar de madrugada, hehe

Eu consegui comprar acessando o site bem cedo, pois é bem lento e acho que está sendo super acessado. Comprei dia 27 de julho, logo que vi a notícia aqui no blog. Ainda tinham muitos ingressos para agosto, comprei para o dia 08/08. Esta semana tentei entrar e não consiguir. Comprei com o cartão Visa Bradesco.

Olá. Eu tenho tentado há vários dias acessar o link para a compra de ingressos, mas não consigo de forma alguma. Alguma sugestão para que eu consiga comprar os ingressos que não seja pelo site fornecido aqui?
Um abraço a todos.

Olá!
Você comentou que as chuvas começam em novembro, mas aquele ano que Machu Pichu ficou “ilhada” foi no início do ano, foi? Quer dizer que o período chuvoso começa em novembro e vai até meados do primeiro semestre? Essa informação dos ingressos on line está excelente!

Um abraço

    Olá, Petterson! O período mais crítico realmente é entre meados de janeiro e meados de março.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.