Presidente boca-suja da Ryanair quer mesmo cobrar pelo toalete

privadadeaviao

Michael O’Leary, o folclórico presidente da cia. low-cost irlandesa Ryanair, volta às manchetes com declarações inusitadas.

Dois meses atrás ele tinha dito que só os favelados terceiro-mundistas deveriam se preocupar com a gripe suína.

Agora, depois de ver a Ryanair apresentar o primeiro resultado negativo desde a fundação (devido sobretudo à desvalorização de suas ações na compatriota Aer Lingus), O’Leary (conhecido no trade como “O’Really?”), volta a confirmar que cogita cobrar pelo uso do toalete nos vôos da cia.

A explicação até que não é totalmente fora de propósito. O’Leary diz que não imagina ganhar dinheiro com o xixi alheio, e sim poder eliminar dois dos três banheiros a bordo, que seriam substituídos por mais seis assentos — contribuindo para baixar o preço da passagem.

O”Leary alega que a maioria dos vôos da Ryanair não dura mais do que uma hora, e que os passageiros podem ir ao banheiro imediatamente antes de embarcar, que não serão prejudicados.

Mas daí o cara se empolga e diz que, no fundo, vai prestar um serviço aos passageiros — afinal, quem não se incomoda em precisar se levantar para dar passagem a um vizinho de fila que vai e volta ao banheiro?

A frase imortal do boquirroto, porém, veio como resposta a uma pergunta.

A partir desse momento transcrevo integralmente o Guardian, para você não achar que eu estou exagerando.

Perguntado se ele estaria interessado em cobrar 5 libras pelo banheiro para eliminar totalmente a necessidade de ir ao toalete, ele respondeu: “Se alguém quisesse pagar 5 libras para ir ao banheiro eu carregaria essa pessoa nos braços. Eu limparia a bunda dela por cincão”.

Jupurdeus.

Foto gentilmente afanada do flickr de ijuggle534.

56 comentários

Aqui no Brasil nao podemos sonhar com tarifas de R$6.00 ou ate mesmo R$15.00…pois so a taxa de embarque ja sao por volta de 15 ou ate mesmo 20 reais por trecho

Ai o governo vem e faz programas pra financiar em 36 passagens aereas, que maravilha o pobre vai poder viajar de 3 em 3 anos =)

RIQ e ARNALDO, muito obrigado pelas dicas. Já estou lendo a respeito das peças.

Obrigada, Ric E Ana. Esse valor está acima do meu limite hotel/pousada (máximo 500 reais, ainda. Acho que preciso atualizar isso…) Mais até lá tem que ter muita conversa com o marido… o meu cartão entra na relação receita/despesa, sendo assim eu, muitas vezes, abro mão de uma hospedagem melhor, para desfrutar de restaurantes melhores. Compras não é muito a minha praia, eu gosto, mas sou bem controlada. Para ocasiões mais especiais, vou começar a rever os meus conceitos.

Rosa, quem fez a reserva para mim foi a Designer Tours e realmente foi bem salgado, eu paguei R$630,00 a diária com taxas e café da manhã. Mas, para ser sincera, acho que vale. Acredito que este nível hotel no Brasil não sairia por menos, não.

Vou passar o feriadão no Rio, no Hotel Promenade Palladium, no Leblon. Me deram um desconto de 50% na tarifa pela promoção cultural, para o hóspede que for a teatro, cinema ou outra atração. Por falar nisso, alguém do Rio sugere alguma das peças que estão em cartaz no Teatro do Leblon ou do Shopping Gávea? Obrigado!

    Ficamos no Palladium na ultima convnvenção , e gostamos tanto das acomodações e da localização , que nem aventamos a hipotese de ir ao Rio , e ficar noutro lugar .

    Além dos musicais sugeridos pelo Arnaldo (eu vi “Avenida Q” — que coincidência, não, Sylvia? — e gostei muito), eu sugeriria duas peças-peças.

    Uma é “O Estranho Casal”, que acabou de estrear no Teatro Leblon. É uma comédia do Neil Simon (o mestre nesse tipo de peça) com tradução do Gilberto Braga. http://www.teatros.art.br/principal.htm (clique em Sala Fernanda Montenegro)

    A outra é “A alma boa de Setsuan”, com a Denise Fraga, que foi superpremiada. http://www.shoppingdagavea.com.br/teatro.asp

Ricardo,

Vi esses dias, no Twitter, sua reclamação em relação ao serviço da Speedy.
Como seu blog é voltado para viagens, deixo aberto o espaço do meu blog, o “Senhor, estarei te irritando…” (http://www.estareiteirritando.blogspot.com) para você contar sua história de irritação.
Se quiser me mandar a história por e-mail, faço um post de “blogueiro convidado” por lá.
Abraços e parabéns pelo blog e pelas colunas na Época e no Estadão.

    Tô meio ocupadaço e atrasadão, Raphael, mas quando der uma brecha vou sim — vai ser divertido…

    O espaço está aberto, meu caro. Quando quiser.

    Abraços!

Ana Cláudia, eu olhei no site do hotel, pra setembro o quarto mais simples custa 235US$, achei bem salgado.

    Pro padrão do hotel não é caro não, Rosa. Fora de crise esse é um hotel para uns 400 dólares de diária.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.