Quando a bagagem sai o preço da passagem…

Excesso de bagagem -- hmpf!

É o problema de comprar passagem no varejo, picadinho: de vez em quando aparece alguma taxa que não estava no gibi. Nos vôos da Jet Blue (Nova York-Burlington), da United (Buffalo-Los Angeles via Washington) e no primeiro da US Air (Los Angeles-Flagastaff via Phoenix) não nos cobraram nenhuma sobretaxa baseada em peso. Na JetBlue a primeira mala é grátis; na United e na USAir paga-se 25 dólares (pagamos).

Mas eis que, aqui no aeroporto de Flagstaff , o check-in da US Air disse que a nossa bagagem estava um número obsceno de pounds acima do permitido, e nos cobrou não 25 dólares por mala, mas… 125 dólares !!! (Ou seja, 90 dólares de excesso por mala.)


Como a passagem, com taxas, tinha saído 130, você deve imaginar como me sinto neste momento, no café do aeroporto, blogando o prejuízo.

(Atualização: não consegui subir a foto, então só estou publicando o post aqui em Las Vegas mesmo.)

Tentamos argumentar que na vinda a mesma US Air não tinha nos cobrado nada, mas ele bateu o pé e disse que nada podia fazer, porque a balança estava ligada ao computador. (Caso a gente tivesse voado desde o Brasil de US Air ainda teríamos alguma margem de negociação…)

Ou seja: acabei caindo na mesma armadilha que eu recomendo que ninguém caia nas viagens à Europa, quando o barato das low-costs no meio do caminho pode acabar saindo caro.

Enfim, fica a dica: numa viagem pelos Estados Unidos menos ziguezagueante do que essa minha, compare quanto custa fazer o máximo por uma mesma companhia, conservando a franquia da bagagem internacional.  Caso fique bem mais em conta fazer por um bem-bolado picadinho, entre nos sites das diferentes cias. aéreas para ver a política de cobrança de bagagem de cada uma para não ter surpresinhas desagradáveis como esta.

Viajando e aprendendo 😳

Visite o VnV no FacebookViaje na Viagem
Siga o Ricardo Freire no Twitter@riqfreire


75 comentários

estou indo para Miami dia 21/08 com milhas chegando não vou nem sair do aeroporto vou direto para nova York só que tive que comprar separado a passagem será que vou ter que pagar por uma mala com 23kg obrigado

Pessoal, alguém me ajuda: comprando uma passagem via Submarino Viagens, onde um dos trechos até se chegar no Brasil (em GRU) na volta, se passa por um voo domestico dentro dos EUA, eles honram a franquia de bagagem de 2x bagagens de 32kg?
Por exemplo, cotei aqui para LAS e o retorno é o seguinte: LAS-JFK-GRU-BSB

O trecho LAS-JFK é via American Airlines e o restante é operado pela TAM.

E agora pessoal, fica a dúvida, eles vão honrar a franquia ou terei que pagar multas lá?

Só estou esperando isso para decidir se compro ou não, aguardo.

    Olá, Pedro! O melhor é confirmar pelo telefone com a Submarino.

Prezados,
Na JetBlue há limite de peso para a mala carry on? Não vi nos posts anteriores nem no site, que só fala das dimensões….

Oi!

Vou ficar hospedada num ap alugado. Ele fica na altura da 51 com a 1 AV. Bem perto da ONU. É perigoso andar a noite, voltando da Times Square, em torno de meia noite?

    Olá, Fátima! Nova York não é uma cidade perigosa. Mas você naturalmente se sentirá insegura numa rua erma à noite. Pegue um táxi.

Olá pessoal!
Acabo de voltar da europa e comprei antecipadamente, e separadamente, o vôo de Paris para Barcelona pela Easyjet. No entanto, apesar de ter comprado e pago uma mala de 20kg ultrapassei em três quilos e fui cobrada em “apenas” 42 euros de excesso!!
Certamente com o preço pago pelo bilhete e mais o excesso poderia ter voado em companhia aérea regular. Eles estavam examinando o peso de tudo, bem como da mala de mão. No caso fui só com uma mochila nas costas e o casaco, nesta parte deu tudo certo, não pesaram a mochila.
Bjos a todos.

Oi!

Estou indo com meu marido pra Curaçao com conexão em NY. Ficaremos 10 dias lá e depois pegaremos o voo para Curaçao com conexão em Miami. A volta de Curaçao para o Rio também é com conexão em Miami. Todos os trechos são pela AA. Meu temor é se vamos conseguir pegar o voo de conexão de ida (só 1 hora de diferença) e o de volta ( 1h e 30min de diferença)Já fui a Miami há uns 15 anos atrás, eu me lembro que o aeroporto é bem grande. Será que teremos que correr assim que sair do avião ou eles aguardam o embarque, sabendo que é uma conexão?
Sei que na ida não precisaremos pegar as malas, mas na volta sim. Alguém já fez essa conexão?
Obrigada.

    Olá, Fátima! Seria melhor ter mais tempo, realmente. Mas, sendo as passagens vinculadas, a companhia se responsabiliza caso você perca o vôo seguinte.

Boa noite.

Não entendi muito bem essa política de bagagens. Vou te perguntar no caso concreto: vou para Las Vegas dia 27 pela AA. Dia 2 de maio vou de Vegas para LA também pela AA, e de lá volto pro Brasil. Vai valer a política da viagem internacional ou doméstica.

Muito obrigada!

    Olá, Mariana! Se as passagens forem vinculadas à passagem internacional, vale a franquia de peso do vôo internacional. Mas se você comprou primeiro o vôo internacional e depois comprou as passagens domésticas separadamente, vai ter que se sujeitar às regras de cada uma das passagens.

Gente, a United tem uma regra nos EUA que estrangeiros voando trecho interno não pagam a primeira mala, é só apresentar o passaporte. Inclusive, na primeira vez que descobri, a atendente que informou e ainda fez o estorno no cartão do valor pago no ato da compra.
Já a AA não cobra pelas malas (2) se a viagem for dentro de 24h do voo internacional, independente do bilhete ter sido comprado separado e de serem cias aereas diferentes (esse da AA eu usei mais de uma vez, só basta mostrar a passagem para a atendente, mas só vale se o voo for no mesmo dia).

    Thayoliveira, Bóia e demais,

    Essa regra da AA que não cobra pelas malas (2) se a viagem for dentro de 24h do voo internacional me interessa e muito. Porém, fui no site da AA e não achei essa regra. Onde acho essas regras que vc mencionou da AA ou UNITED ?

    Motivo: ainda vou comprar a passagem de um vôo de Orlando para NYC, no mesmo dia que volta para o Rio pela TAM. Vi que tem passagens pela AA, United, Delta e Jetblue. E como farei compras em Orlando, tenho medo de pagar muito excesso. Mais alguém pode me ajudar?

    Obrigado!
    Luiz Eduardo

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.