Chillán

Termas de Chillán: neve em família

Mountain Park de Termas de Chillán

Termas de Chillán, no Chile, há muitos anos é o destino de inverno das celebridades brasileiras na revista Caras. Com um empurrãozinho da propaganda na revista, acabou virando sinônimo do centro de esqui da cidade de Chillán. Algo que, por muito tempo, não foi de todo impreciso — o hotel e a estação de esqui estiveram sob a mesma administração durante muitos anos.

Recentemente, a concessão das pistas e da estrutura de neve passou para outro grupo, o do hotel Nevados de Chillán, que fica próximo. Aos hóspedes de Termas de Chillán isso pouco ou nada afeta, uma vez que ainda conseguem comprar por lá mesmo seus passe para esquiar, podem alugar equipamentos sem sair do hotel, e ainda têm acesso direto do hotel às pistas de esqui (ski in/ski out). E quanto aos flashes e ao agito, quando não está recebendo Rodrigo Santoro, Angélica, Luciano Huck ou Ana Hickmann, o Gran Hotel Termas de Chillán é absolutamente despojado, pacato, e 100% família.

O hotel

Termas de Chillán

Termas de Chillán tem um prédio principal de 7 andares que concentra a maior parte dos serviços e atividades fora das pistas de esqui, e também seus 108 apartamentos, classificados em 4 categorias (sétimo andar, bosque/montanha, executivo, luxo). Em termos de conforto, são equivalentes; a diferença fica essencialmente na metragem. Os apartamentos do sétimo andar têm as menores tarifas e são mais compactos.

Quarto categoria bosque

O meu quarto, da categoria bosque, tinha vista para a área da entrada do hotel, era sóbrio na decoração, e aconchegante como um chalezinho na montanha.

Quarto categoria bosque

Luz indireta no quarto e banheiro com piso aquecido foram dois detalhes de que gostei especialmente.

Termas de Chillán

Passear pela grande área nevada do hotel e imediações já rende muita diversão, mas toda noite chega ao quarto um folheto com as atividades do dia seguinte, que ficam a cargo de um simpático grupo de animadores. Podem ser caminhadas, aulas de dança ou capoeira, torneios de ping-pong ou totó, hidroginástica.

Sala de ioga

Academia

Para relaxar, na agenda há também sessões diárias de meditação e ioga, e se você não consegue deixar a malhação de lado nem durante as férias, fique tranqüilo: o hotel tem academia.

Piscina

A piscina aquecida (com parte coberta e ao ar livre) fica aberta até as 23h e um mergulho ali é uma forma gostosa de terminar um dia intenso nas montanhas.

Piscina

Piscina

Nos dias mais gelados, a piscina vira uma brincadeira e tanto para as crianças, que se divertem saindo da água, pulando na neve, e entrando na água de novo.

Spa

Spa

A área de spa é super zen, iluminada a velas e com uma música ambiente bem calminha. As especialidades da casa são a massagem com pedras quentes e a fangoterapia. Os produtos utilizados são chilenos, da marca de cosméticos naturais Dellanatura, e os tratamentos devem ser pagos à parte.

Termas de Chillán

Termas de Chillán

Termas de Chillán trabalha com pensão completa, meia pensão e tarifa só com café da manhã (é recomendável a meia-pensão ou pensão completa; não há restaurantes tão próximos). Você pode reservar diárias avulsas, mas é mais comum optar por pacotes de 3 noites, 4 noites, ou 7 noites.

Restaurante Shangri-la

O hotel tem um restaurante principal, o Shangri-la, que funciona para almoço e jantar em sistema de buffet. O cardápio varia diariamente e a seção mais caprichada é a de saladas, com muita variedade de frutos do mar. Entre os pratos quentes, aproveite para experimentar receitas típicas chilenas, como o pastel de choclo (torta de milho).

Cena Volcán

No jantar, o evento mais especial da semana é a Cena Volcán, um jantar temático com banda ao vivo e sobremesa flamejante.

Restaurante Andino

Restaurante Andino

Para variar de cenário, use a cortesia de uma refeição no restaurante Andino, que fica no mesmo terreno do hotel, mas separado do prédio principal. É um ambiente simpaticíssimo, com mesas de toalha xadrez. No horário de almoço a estrela é o churrasco, e à noite são servidos fondues e massas.

As bebidas são sempre pagas à parte, e se o refrigerante parecer caro… a carta de vinhos é bastante diversa e tem rótulos com bom custo x benefício.

Karaokê

Animadores de Termas de Chillán

Termas de Chillán não é um lugar de agito, mas após o jantar há atividades noturnas como bingo, karaokê e discoteca. A balada fica no primeiro piso do restaurante Andino, fora do prédio principal, e é aberta não só para hóspedes. Para badalar é preciso agüentar firme até as primeiras horas da madruga, que é quando, nas sextas e sábados, o público começa a aparecer.

O centro de esqui

Centro de esqui

Vans que saem da entrada principal de Termas de Chillán fazem o transporte entre o hotel e o centro de esqui, continuamente, durante todo o dia. Quando há pouca neve pela estrada, é também possível ir andando até lá, em uma caminhada curta de 10 minutos.

Termas de Chillán

Aluguel de equipamentos

Termas de Chillán tem uma entrada própria no centro de esqui, que é chamado por ali de Mountain Park. Quem não alugou equipamento no hotel pode alugar lá mesmo, e quem não comprou o passe, pode comprar ao chegar também.

Aulas de esqui

Aulas de esqui

O centro de esqui tem 31 pistas e 10 meios de elevação. São 8 pistas de nível iniciante. Há bastantes instrutores para quem está começando, e as aulas coletivas acontecem em grupos de 3 a 7 pessoas.

O lift poma

Os ski-lifts são de cadeira dupla, tripla ou quádrupla, dependendo da pista, e nas áreas de aprendizagem, os lifts são do modelo poma, ou de arrastre, como chamados por ali.

Esqui no bosque

Uma característica bastante elogiada em Chillán é o cenário: você esquia entre os bosques. A parte mais baixa das pistas fica a pouco mais de 1.500 metros do nível do mar, e a parte mais alta, a 2.400 metros.



Se você já está em um nível entre intermediário e avançado, saiba que em Chillán está a pista mais extensa da América do Sul, a Tres Marías, que tem 13 longos quilômetros de comprimento.

Moto de neve

Trenó com Malamutes do Alasca

Além do esqui e do snowboard, o Mountain Park de Termas de Chillán também oferece esqui nórdico, esqui noturno, motos de neve, paintball e passeios de trenó puxado pelos parrudos cães malamute do Alaska (nesta temporada, apenas para crianças). Todas as atividades têm custo extra.

Espaço para crianças

Há também o Jardín de Nieve, um clubinho para os pequeninos de 3 a 6 anos onde podem aprender com os monitores a dar suas primeiras deslizadas com esquis ou esquibunda (que, em espanhol, tem o nome muito mais polido de trineo, ou igualmente pouco polido de colapatín). O Jardín de Nieve também deve ser pago à parte.

Esqui em Termas de Chillán

Snowboard em Termas de Chillán

Não há pistas de esquibunda ou tubing para adultos, e pedestres são devidamente advertidos quando resolvem dar um rolê pela pista de esqui (presente!). Os meios de elevação são exclusivos para esquiadores ou praticantes de snowboard, ou seja, nada de passeio pelas montanhas para quem não estiver devidamente equipado.

Pela montanha há pontos de apoio com restaurantes, banheiros, lanchonetes que pertencem ao complexo de Nevados de Chillán, mas podem ser utilizados por não-hóspedes com passe de esqui.

Lanchonete

Pedestres só podem usar as lanchonetes da entrada do centro de esqui. Termas de Chillán tem uma lanchonete própria ao lado da bilheteria, que quebra o galho de quem quiser aproveitar o dia na neve sem voltar para o hotel. São servidos sanduíches, pizzas, bebidas quentes e frias.

Mountain Park

Informações sobre o centro de esqui, como mapa e estado das pistas devem ser consultadas na página de Nevados de Chillán.

Atividades e passeios do Mountain Park de Termas de Chillán estão listados no site do hotel.

Como chegar em Termas de Chillán

Sky Airline

Termas de Chillán está a 480 km ao sul de Santiago e as três maneiras mais recomendáveis para viajar à região são de trem, de ônibus ou de avião.

De trem, a viagem com a cia. TerraSur começa no Terminal Alameda, em Santiago, e termina na cidade de Chillán, em um total de 5 horas.

A viagem de ônibus com a cia. Tur-Bus também sai do Terminal Alameda, em Santiago, e dura cerca de 6 horas até Chillán.

De avião, as cias. Lan e Sky Airline levam de Santiago ao aeroporto da cidade de Concepción em um vôo de aproximadamente 1 hora de duração. De Concepción a Termas de Chillán são 2 horas e meia de estrada.

Termas de Chillán

Em todos os casos, é possível coordenar a chegada com traslados gratuitos de Termas de Chillán, que acontecem algumas vezes por dia. Fora desses horários, o hotel oferece transporte pago. Informe-se com Termas de Chillán antes de comprar as passagens.

Apesar de toda a estrada N-55 a Termas de Chillán estar asfaltada, para quem tem pouca prática não é recomendável dirigir na neve, e um carro vai ser de pouco uso neste capítulo da viagem.

Mariana viajou a convite de Termas de Chillán e Sky Airline.

Leia mais:

28 comentários

Vamos pro termas de chillan e a preferência é fazer o trajeto de santiago de trem. Mas gostaria de saber se é um passeio bom de fazer e como é o trem, já que são 5h de viagem. Obrigada!

    Olá, Cintia! Nunca fizemos o trecho. Mas a viagem de trem será mais rápida do que ir de avião a Temuco e seguir de carro.

Ola, fiquei com uma grande duvida… em Chillan a única opção de hospedagem é o Gran Hotel Termas de Chillan ou há outras opcoes ? Gostaria de um hotel mais barato, mas com piscina externa e lugares que possamos fazer refeicoes próximo ao hotel. Pretendo viajar em julho ou agosto / 2019 . Ficarei muito grata se puder me “dar uma luz” . Abraço !

Olá! Estou com viagem programada pro Chile na segunda quinzena de Junho 2019 com meu esposo e filho de 5 anos.Gostaria de saber se a Estação de Ski estará aberta neste período ao menos para meu filho conhecer e brincar na neve.

    Olá, Juliana! A temporada nas estações de esqui chilenas costuma iniciar na última semana de junho. O início pode ser antecipado ou atrasado de acordo com o acúmulo de neve.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.