Travel Inn Praia Bonita, Natal: pequeno resort numa grande praia

Camurupim

Aproveitando por inteiro um terreno estreito, mas com uma boa área para convenções, o Travel Inn Praia Bonita usa um pouco de licença poética (ou marqueteira) para intitular-se resort. É no entanto uma base conveniente e confortável para aproveitar o lado menos explorado de Natal (o sul) e ainda dar um pulinho em Pipa.

O hotel ainda estava em fase de pré-pré-inauguração quando dormi uma noite por lá — por isso perdoem a falta de alguns itens no relatório. O soft opening estava previsto para dezembro.

Lagoa Arituba

A localização. Zerando o contador  na saída de Ponta Negra, o Travel Inn Praia Bonita fica 25 km ao sul de Natal, no município de Nísia Floresta. Depois de Pirangi, a estrada tem pista única, e passa rente à praia de Camurupim na altura do hotel. A lagoa de Arituba fica a 10 minutos de caminhada na oposta ao mar. Indo de bugue ou 4×4 pela areia da praia de Malembar, Pipa está a 30 km (é preciso pegar a balsa para atravessar a lagoa Guaraíras). Pelo asfalto, Pipa está a 80 km.

Camurupim

A praia. Camurupim é um dos segredos da costa próxima a Natal: uma barreira de recife torna o banho aqui gostosíssimo — sobretudo na maré baixa, quando se transforma numa enorme piscina natural. Há uma barraca grande poucos metros à esquerda do hotel. A estrutura de praia do hotel ainda não foi construída.

Camurupim

Travel Inn Praia Bonita

As instalações. Uma grande palhoça no andar de cima do lobby funciona como restaurante e área de shows; na parte da frente há vista para o mar. O espaço para convenções se reparte entre o térreo e o subsolo; a  maior das salas também pode ser transformada em boate. Os prédios de apartamentos ficam nos fundos: são dois blocos de três andares, sem elevador, ladeando a piscina. Ao fim da piscina há um parquinho.

Travel Inn Praia Bonita

Os apartamentos. São cerca de 100, mas nem todos funcionam como hotel; há investidores que compraram unidades para usar como casa de veraneio. Todos têm TVs com tela de LCD e chuveiro com um engenhoso sistema de pequenas duchas que esguicham no corpo inteiro. O último andar tem coberturas com solário e banheira de hidro, que podem ser usados pelos hóspedes/proprietários dos dois apartamentos abaixo.

Travel Inn Praia Bonita

Piscina. Em formato de rio, estende-se ao longo dos blocos. Tem áreas de hidromassagem, decks molhados e jatos d’água que jorram do piso.

Travel Inn Praia Bonita

Kid’s club. Tem um parquinho nos fundos do terreno. Estava prometida uma equipe de recreadores para o verão.

Restaurante. As diárias incluem café da manhã e jantar, servidos em buffet. Quando passei, antes da inauguração, o cardápio à la carte ainda não estava pronto. As barracas de praia próximas servem petiscos e almoço.

Travel Inn Praia Bonita

A sala de ginástica. Fica entre o restaurante e o bloco de apartamentos do lado norte. Tem anexo uma jacuzzi ao ar livre.

Travel Inn Praia Bonita

Internet. O wifi cobre todo o hotel; ainda não estava decidido se ia haver cobrança.

Os passeios. Antes da inauguração ainda não havia agência de receptivo no hotel. Todos os passeios para o litoral sul (Pipa, Cunhaú, Baía Formosa) estão 30 a 45 minutos mais perto do que de quem está na Via Costeira (Genipabu e outros destinos do litoral norte, porém, estão 30 a 45 minutos mais longe).

A região é pródiga em lagoas pouco conhecidas dos turistas; uma delas, Arituba, fica praticamente nos fundos do hotel. Veja outros passeios fora do circuito aqui: Escondidinhos de Natal.

Travel Inn Praia Bonita

Um cantinho. O solário na cobertura dos apartamentos (sempre lembrando que cada cobertura serve a dois apês).

É pra você… que quer se hospedar em Natal numa praia sem contra-indicações.

Talvez não seja pra você… que busca um resort de verdade, ou quer aproveitar o centro de Natal.

Travel Inn Praia Bonita

Site oficial: aqui (atenção: as fotos são do projeto, geradas por computação gráfica)

Leia também:

Todas as resenhas até agora do Guia de Resorts

Página de resorts no Viaje na Viagem

Visite o VnV no FacebookViaje na Viagem
Siga o Ricardo Freire no Twitter@riqfreire


83 comentários

marquei uma semana em janeiro para este hotel e estou com muuuuuito medo de ir, ainda mais que tenho uma criança de 1a7m e a parte de comida dizem ser péssima e parquinho deteriorado.Será melhor ficar na ponta negra?

    Olá, Marcia! Leia mais uma vez a resenha e veja se sua idéia de férias se encaixa na proposta do Travel Inn. Se os dois não concordarem, troque. O Comandante não colocaria aqui um hotel onde achasse que não se deveria ficar. Mas precisamos ter sempre as nossas expectativas do tamanho do que o estabelecimento pode oferecer 🙂

Meus amigos, pelo que estou vendo, ou a administração tenta coibir esses problemas, ou este hotel se tornará em pouco tempo hotel de primeira e única vez.

Pessoal,

Estive este final de semana com minha esposa e os dois filhos. A estrutura do hotel é boa, mas o espaço kids está deteriorado, todas as piscinas tinham lodo (o que demonstra a falta de manutenção até na limpeza) e, o pior de tudo, a comida é cara e péssima. Acabei de chegar da médica pediatra após meu filho ter vomitado três vezes, febre de 38,4° e diarreia intensa: uma baita infecção intestinal após se alimentar com a comida do hotel. Caso não haja uma mudança drástica na administração do hotel, não o sugiro para ninguém.

Estive no hotel e realmente a estrutura é o ótima, porém a parte de manutenção deixou muito a desejar, tv não ligava, box do wc estava vazando, o split não tinha controle, as camareiras não trocam diariamente as toalhas e copos, existem diversas lampadas queimadas no hotel e quartos,o café da manhã não é diversificado, enfim o valor cobrado não correnponde as expectativas.

Me hospedei esse fim de semana nesse Resort! Achei sem opções para se chamar de Resort! Só tem um restaurante, é muito caro e sem opções de comida! O café da manhã é uma vergonha, já fiquei em pousadas pequenas que tinham mais opções que esse Resort, muito fraco mesmo!!!
Eu achei que fosse mais perto de Natal, mas é longe de tudo, a cidade não tem nada pra fazer. É só pra quem quer realmente descansar!
As instalações são bonitas e confortáveis, a piscina é linda e os funcionários bem prestativos!
Gostei muito da praia! É bonita e mansinha!

    Olá, Willyana! O Comandante alerta nesse post para todos esses “poréns”, mesmo — e comenta sobre os pontos fortes também. É uma pena que suas expectativas não tenham sido atendidas, mas quando nós viajamos é importante saber de antemão o que esperar, senão a frustração é certa!

Me hospedei neste final de semana neste pré-resort. O atendimento apesar de ser bem prestativo, é bem lento. Os funcionários tentam atender os hóspedes, mas os poucos recursos disponíveis impossibilitam tal ação. As instalações são bem confortáveis, com exceção do banheiro que é bem pequeno, com um box bem pequeno e estranho. O restaurante realmente é muito ruim. Pela falta de opções e pelo sabor das refeições mesmo. Isso precisa melhorar muito. Além disso, é necessário levar remédios para alguma emergência, pois a unica farmácia próxima fecha as 18 horas e o hotel não tem nada para oferecer.
A praia é legal, mas pouco movimentada. Deve ser melhor na temporada de janeiro.

Pertubando mais um pouco um dos lugares que eu estarei hospedado(estarei 15 dias RN)é a pousada paraiso das tartarugas em tabatinga.Alguem sabe informas se a praia de frente desta pousada é boa para banho?

Valeu, me tira outra duvida para fazer o passeio litoral norte de buggy eu também dependo da maré baixa das praias,para ser um passeio mais bonito?

Valeu na mare alta estarei sempre nas lagoas.

    Olá, Rafu! Nas demais praias de Natal a maré também é indiferente. Fique atento à maré baixa apenas para curtir Camurupim e também para ir aos Parrachos de Maracajaú (ou a alguma outra piscina natural do litoral norte).

Em relação as lagoas no rio grande do norte arituba,carcará pitangui,jacumã…..possuem alguma interferncia das mares quando estão baixa ou alta?Obrigado

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.