Turquia: as dicas da Carla Tolosa

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Pamukkale

A querida Carla Tolosa, também conhecida como Carla2, esteve em junho de 2008 na Turquia. Durante doze dias, passeou por Istambul, Capadócia, Pamukkale e Éfeso (Kusadasi). Recentemente a Carla resumiu as dicas testadas durante a sua viagem para ajudar no planejamento da Mari Campos (que está no momento em Istambul) e da CarlaZ (que vai agora em setembro). Eu entrei no meio da conversa delas para pedir uma cópia desse precioso email, que repasso, com a devida autorização, para todos vocês.

Istambul

Fiquei quatro noites no Erboy Hotel, no bairro de Sirkeci; reservei pelo site Otel.com. Eu ficaria nesse hotel de novo só pela guest manager – um doce de pessoa, e resolveu nossa vida na Turquia, nos apresentando o Metin, que nos ajudou a montar o roteiro pelo interior (dados do Metin daqui a pouquinho). Ela se chama Ayse (pronuncia-se Aicha); seu email é ayse@sirkecigrouphotels.com.

Aconselho você a pegar um hotel em Sirkeci ou em Sultanahmet.

Quanto aos passeios, faça tudo que estiver no guia que você levar, e mais:

• Pegue o ferry-boat (no último píer, mais próximo da ponte) e fazer o passeio pelo Bósforo até o Mar Negro. O ferry vai parando em diversos pontos, mas a idéia é saltar na última parada, onde tem um castelo no ponto mais alto da vila. A subida é dureza, mas a vista compensa. Não esquecer de levar água!!!

• Às 20h tem um show de luzes e som na Mesquita Azul (é do lado que tem vários bancos do lado de fora). A dica é chegar cedo e ficar num restaurante muito agradável que tem em frente à mesquita (mesas no jardim), pois no intervalo tem um show dos dervixes rodopiantes – na verdade é meio fake, tem só 3 músicos (o original são 8 se não me engano) e apenas um dervixe. Mas se não der para ir até a cidade-sede deles (Konya, que fica na Capadócia, ao sul de Goreme e Ürgüp), pode ser um bom programa.

Depois de Istambul

O agente que montou toda a programação pelo interior da Turquia foi o Metin Koca, da Ensemble Travel. No pacote da Ensemble estavam inclusos: todos os trânsfers hotel/rodoviária/hotel, os hotéis (todos com café da manhã, e na Capadócia com 1 refeição), e os tours guiados na Capadócia e em Éfeso.

Capadócia

Pegamos um ônibus noturno na Nevtur de Istambul a Ürgüp (11 horas de viagem). Reservamos duas noites no Hisar Evi Cave Hotel (hotel na caverna) próximo a Uçhisar.

Nosso passeio de balão estava marcado para o dia seguinte. Custa entre 120 e 150 euros, mas conseguimos por 110 euros com a Ensemble Travel. Eles te pegam no hotel às 5h30 da matina, mas vale a pena. Às 8h você volta para o hotel, toma café da manhã, e sai para o tour pela Capadócia, incluindo visita à cidade subterrânea e aos "pombais".

No último dia fizemos outro tour, visitando as igrejas construídas nas rochas e uma loja de cerâmica em Avanos.

Os passeios na Capadócia foram feitos com a Agra Tour. O atendimento era péssimo (fomos mal recepcionadas), mas o guia que nos acompanhou era fantástico!!! O nome dele é Onur Koksuyer.

Pamukkale

De Ürgüp pegamos outro ônibus noturno com destino a Pamukkale. (A cidade maior perto chama-se Denizli.)

Ficamos uma noite no Hotel Koray. Vi num guia que é o melhor da cidade – a cidade é pequena e o hotel, simples, mas agradável.

Atenção: em Pamukkale, não compre a visita guiada aos terraços de travertino e à Hierápolis. Os terraços ficam a 10min de caminhada do hotel (a cidade é pequena), e subindo os terraços chega-se à Hierápolis. Leve roupa de banho para os terraços e a piscina termal em Hierápolis. Dá para fazer os dois em um dia. Fizemos no mesmo dia da chegada, pois no dia seguinte íamos sair cedo para o próximo destino.

Éfeso (Kusadasi)

Pegamos um ônibus logo depois do café da manhã para Selçuk (três horas de viagem).

Ficamos hospedadas duas noites em Kusadasi, num confortável hotel de frente para o mar Egeu, o Pine Bay Marina.  Kusadasi é meio Guarujá, mas é um bom passeio, mar bonito, bons restaurantes, ocidentalizada. Pôr do sol no mar, lindo.

No dia seguinte fizemos o passeio a Éfeso, uma das ruínas mais importantes (senão a mais importante) da Turquia. Ali viveram de 400 a 500mil pessoas.  Foi capital da província romana na Ásia (ou seja, durante o império romano, era a cidade mais importante depois de Roma). Não fica muito longe de Tróia, que nós não visitamos. Dizem que São João Batista, encarregado por Jesus de cuidar de sua mãe após sua “morte”, levou Maria para viver em Éfeso. Não exatamente na cidade, mas numa casa nas montanhas a uns 10 km dali. A Casa de Maria é famosa e pode ser visitada no mesmo dia das ruínas. Leve uma ou mais garrafinhas para trazer as águas que brotam de três fontes no local. Nesse mesmo tour visita-se o museu localizado em Selçuk e o templo de Artêmis (do qual só sobrou uma coluna visível; para o restante é necessário olho de arqueólogo).

No terceiro dia na região passamos o dia em Sirince, uma cidade grega no alto da montanha – pega-se um microônibus em Selçuk (na estação de ônibus), que leva uma meia hora. A cidade é encantadora, pequenininha, não tem carros, e tem várias lojinhas e tendas pelas ruas. Procure pela Igreja (Kilise), e tome algo ou almoce no terraço do Kilise Restaurant – prove os vinhos de frutas que eles fazem lá.

Voltando a Selçuk, pegamos o ônibus noturno para Istambul.

Observações gerais

1) As viagens em ônibus noturno são cansativas. Sugiro gastar um pouco mais e fazê-las de avião, ainda que os ônibus sejam de primeira linha, confortáveis, com banheiro a bordo, café, água, bolinho...

2) Junho já estava muito quente. Somente na Capadócia as noites eram frias, mas de dia muito sol.  Istambul e Selçuk (ruínas de Efeso): muito, muito, muito quentes. Para ir no verãozão, talvez seja melhor ter mais dias, para fazer tudo devagarzinho. (O dia que visitamos as ruínas estava fazendo 43ºC, e não tinha muita sombra, não...).

3) Pelo tour pelo interior, pagamos 450 euros (fora o balão). Os preços começaram em 740 Euros (com deslocamentos de avião), baixaram para 680, depois tiramos os aviões... Esse pacote incluiu: todos os hotéis, todos os ônibus, todos os transfers, os passeios com guia (todos da Capadócia, Éfeso) – os passeios incluíam o almoço, e todos os hotéis tinham café da manhã.

4) O passeio de balão é IMPERDÍVEL – tem que ir, ainda que custe caro. Vale cada centavo.

5) Lugares aonde não fui, mas acho que merecem ser visitados: Ankara ( a capital, afinal de contas...), Tróia, e um cruzeiro de 4 dias no Sul, próximo a Olympus. Também ficaria mais dias na Capadócia, para fazer as trilhas que dava para ver do balão.

6) Li num dos guias que quanto mais a leste e para o interior do Mar Negro, o país vai ficando menos turístico (tanto na infra-estrutura quanto na quantidade de turistas) e o islamismo é mais sentido. Por onde andamos, não era necessário cobrir a cabeça, com exceção das mesquitas. Também usamos shorts, camisetas regatas, sem problemas. E a região Leste do país não é das mais tranqüilas politicamente.

7) Quanto ao assédio dos homens: nada grave, mas acontece.  No primeiro dia entramos numa loja no Grande Bazar e o vendedor ficava se encostando no meu braço, pegando pela cintura para conduzir o meu olhar a outras coisas. Demorei a perceber que aquilo era uma forma desrespeitosa (tenho certeza que ele não faria isso com uma turca), pois nós, latinos, estamos acostumados ao contato físico, e encostar o braço realmente não me incomodava. Comecei a achar estranho aquela mãozinha boba na cintura. Depois disso fiquei mais esperta, mas nem todos são assim. Eles gostam muito de conversar, e acho que para eles também é algo inusitado, as nativas não ficam dando trela.  Eles adoram o Brasil e o futebol brasileiro. Alguém com alguma cultura futebolística (a minha é nula) vai fazer mais sucesso, seguramente.

Obrigadíssimo, Carla!

Leia também:

348 comentários

Leandro
LeandroPermalinkResponder

Por favor, escrevo para pedir um conselho. Estou indo para a Turquia (não só Istambul) em setembro e gostaria de saber o que é melhor levar, dólar ou euro? agradeço antecipadamente a quem se dispuser me ajudar.

Ricardo Freire

O Turkey Travel Planner diz que euro é um pouco melhor que dólar.

http://www.turkeytravelplanner.com/details/Money/

Na minha opinião o melhor é sacar direto do caixa automático com seu cartão de banco em moeda local.

https://www.viajenaviagem.com/2009/05/pros-x-contras-dolar-euro-peso-real-travelers-cartao-de-credito-saque-internacional-ou-visa-travel-money/

Leandro
LeandroPermalinkResponder

Riq, muito obrigado pelas dicas. Tenho alguns euros comigo e assim não preciso comprar dólares.

Um forte abraço

Leandro

Vanessa
VanessaPermalinkResponder

Obrigada Ric e Georgia!
O Metin da Ensemble me respondeu.
Mas eu vou tentar contato rockvalleytravel.com.
Obrigada!

DANIELA   DE  NATAL

HOJE RUMO A TURQUIA!

Georgia
GeorgiaPermalinkResponder

Oba!!!!!!!!!! Minha inveja será resolvida em exatos 2 meses!

DANIELA   DE  NATAL

Adorei cada segundo da viagem fiquei 5 dias em istambul, 1 em pamukalle e 2 na capadócia
O vôo de balão é indescritível ..

Georgia
GeorgiaPermalinkResponder

Boa tarde, Riq, e trips. Alguém saberia informar se na Turkish airlines(especialmente voos internos) e na Sun express, eles são muito rigorosos com a questão de excesso de bagagem?
Obrigada!

CarlaZ
CarlaZPermalinkResponder

No meu ultimo voo com a Turkish (quando perderam minha mala e nunca deram as caras) estava uma confusão no aeroporto por conta de pagamento de excesso de bagagens...muita gente pagando...uma reclamação só...

Viaje na Viagem

Viaje leve, Georgia. Sua vida melhora, você não se estressa. Perca uma hora por semana numa lavanderia automática se for preciso para lavar camisetas e jeans.

https://www.viajenaviagem.com/2009/04/como-usar-lavanderias-automaticas-na-europa/

Georgia
GeorgiaPermalinkResponder

Obrigada!
Riq, normalmente consigo não exceder e adoro não ter que carregar peso. Mas a franquia da sun express é de 15 kg para voos internos. Tenho que fazer economia mesmo!

Clarice
ClaricePermalinkResponder

Trips que vão, ou já foram, para a Turquia está bem bacana o blog da Dri Setti.
http://viajeaqui.abril.com.br/blog/achados/

Georgia
GeorgiaPermalinkResponder

Riq e trips, feed-backeando!

Acabei de voltar da Turquia e queria contar umas coisinhas pra vcs. Usei esse post para inspiração, peguei muitas dicas com a Emília e no tripadvisor.com.
Iniciei a viagem em Istambul(3 noites), fui para a Capadócia (3 noites), Kusadasi (2 noites)e voltei para 5 noites em Istambul.
Fiquei no Hotel Amira em Sultanamet (Istambul) e recomendo muitíssimo. Bem localizado, café-da-manhã ótimo, lindo, limpo, staff agradabilíssimo. Reservei direto com o hotel.
Seguindo a idéia geral do relato da Carla neste post, fiz um pacote numa agência local e, após pesquisar no TTP e no TA, mandei um e-mail para a rockvalleytravel e fiquei muito satisfeita com o resultado. Fui muitíssimo bem atendida pela Nalan e fiz um pacote que incluiu 3 voos (Istambul-Kayseri, Kayseri- Izmir e Denizli -Istabul)todos os traslados e passeios de 3 dias na capadócia, Pamukkale e Ephesus. Não achei caro. Se quisesse planejar tudo sozinha até daria mas acho que seria muito trabalhoso porque são muitos traslados. A idéia é que vc voa para o aeroporto A, se hospeda na cidade B e passeia nos locais C, D e E. Achei muito mais fácil o pacotinho local incluindo tudo. Também seria possível reservar apenas os hotéis e fazer os passeios reservados com o próprio hotel. Pra quem quer viajar de carro, as estradas na capadócia são ótimas e bem sinalizadas.
No final, gostei muito do resultado do pacote. Fiquei no hotel Kelebek em Goreme, que é lindinho. Na capadócia geralmente as pessoas ficam em Goreme ou em Urgup. Gostei mais de Goreme. Achei a cidade mais bonitinha. Por nada no mundo, deixem de fazer o passeio de balão na capadócia. Imperdível!!!!! Paguei 105 USD, reservando pela Rockvalleytravel, com a empresa ezair.
Saindo da capadócia voei para Izmir e fiquei hospedada em Kusadasi fazendo base para os passeios de Ephesus e Pamukkale. Ephesus é bem perto de Kusadasi e o passeio foi ótimo. Pamukkale é bem mais longe, 3 horas de carro de Kusadasi. Já estava quase me arrependendo mas, depois de conhecer os travertinos, achei que valeu muito ter ido. Voltei pelo aeroporto de Denizli para Istambul. Como todo mundo comenta de uma certa desonestidade dos motoristas de taxi em Istambul optei por contratar um transfer do aeroporto para o hotel. Peguei a indicação no TA e entrei em contato com o istanbulairportexpress.com (por 20 Euros). Na volta para o aeroporto usei o taxi do ponto em frente ao hotel e foi o mesmo preço. Em Istambul, fiz todos os passeios obrigatórios. O transporte público é moderno e fácil de usar. Não fui para os restaurantes pra lá de Galata porque no final do dia já estava tão cansada que preferi ficar em Sultanhahmet mesmo. Gostei muito do Sarnic, mais pelo ambiente do que pela Turkish food em si. Fica numa antiga cisterna, atrás da Santa Sofia. Melhor reservar (direto pelo site). Gostei tb do Aloran (reservado pelo hotel), do Seasons (Four seasons) e do Albura Kathisma (fica numa rua cheia de restaurantes pega-turistas mas é diferenciado dos demais). Este último está sobre o que se acredita ser parte das ruínas do antigo Great Palace de Constantino. Grande parte de Sultanahmet está sobre as ruínas do Great Palace. Vi um programa na TV sobre isso e tb no Museu Arqueológico.
Pra quem quer comprar, achei super fácil ir ao shopping Kanyon mall, em Levent. Dá pra ir de metrô bem fácil.
Se quiser se sentir um pouco mais na Europa, vá para o lado Asiático, para a Bagdat Caddesi! Pegue o ferry em Eminonu para Kadikoy. Chegando no porto em Kadikoy vc vai ver um balão branco e vermelho. Siga nesta direção (à direita de quem desembarca) e verá a parada de ônibus. Pegue o onibus 4, 16, ou 16b. Depois de 10 ou 15 minutos, quando vc vir o mar novamente, desça na parada Erenkoy, do lado direito. Vc verá um Mc donalds do outro lado da rua, em frente à parada. Siga nesta direção e a próxima avenida grande que vc achar será a Bagdat street. Na verdade ela fica quase que paralela ao caminho que o ônibus faz quando ele já está perto da parada Erenkoy. Para voltar, peguei uma mini van e o motorista me deixou no porto. Não é difícil. Os Turcos são muito amáveis e, mesmo quem fala pouco o Inglês tenta ajudar. A rua é bem grande e tem muitas das grandes marcas internacionais. Siga no sentido oposto ao dos carros. Os restaurantes e cafés são lindos. Fui lá no meu último dia, quando já estava beeem cansada de Turkish food e almocei muito bem no Sallon, que acabou se revelando um achado.
Acho que escrevi demais! Espero ter ajudado. Beijos

Rita
RitaPermalinkResponder

Georgia, amei o seu roteiro! Voce foi direto de Pamukkale para o aeroporto? a empresa que voce contratou fez tudo?
obrigada
Rita

Georgia
GeorgiaPermalinkResponder

Sim, passei para a Nalan minhas datas e quantos dias queria ficar na Capadócia e ela programou tudo(capadócia, Pamukkale, Ephesus) incluindo os transfers. Achei que valeu muito pq fazer tudo isso sozinha ia dar um trabalhão. Não ficou caro. O atendimento dela foi nota 1000. Ela é simpaticíssima. O pagamento foi feito quando eu estava na capadócia, exceto os voos internos que foram pagos quando eu fiz as reservas, uns 4 ou 5 meses antes. O endereço é http://www.rockvalleytravel.com/.
Se precisar de alguma ajuda estou por aqui.

Rita
RitaPermalinkResponder

Georgia,

desculpe só vi a sua resposta agora.
a agencia manda tudo antes de voce viajar? eu morro de medo, meu marido só viaja com todas as reservas na mão, voce não teve receio de pagar e depois não encontrar nada?
Não entendi, voce ficou 3 noites em Capadocia e kusadasi?
Como foi isso? Sempre acompanhada de guia?
Pelo que eu entendi em Istambul voce fez tudo sozinha, sem guia, né?
Quanto tempo voce acha que é suficiente para fazer esse trajeto sem estresse? Temos do dia 20 de agosto até 6 de setembro. Pensei em depois ir para Atenas e Santorini. Loucura?
Obrigada
Rita

Georgia
GeorgiaPermalinkResponder

Rita, só agora eu te vi..Desculpa!

Em Istambul fiz tudo sozinha. Tranquilo!

Na capadócia fiquei 3 noites, e 2 em Kusadasi. Contratei transfer para todas as chegadas e saidas para aeroportos e passeios com guia para 3 dias na capadócia, 1 dia em Pamukkale e 1 dia em Ephesus. Ao todo fiquei 8 noites em Istambul, sendo 3 antes da capadócia e 5 depois.
A agencia me mandou todos os vouchers por email e tickets aereos. Paguei antes os tickets aereos mas o pacote na agência (que seria debitado 7 dias antes da viagem) acabei pagando quando eu estava lá. Achei a indicação da agencia no Turkey travel planner e adorei o atendimento. A capadócia vive do turismo. Eles não teriam interesse em te dar um bolo.
Contratei por fora (on line) o transfer de e para aeroporto de Istambul.
O meu pacote na agencia foi apenas para a parte fora de Istambul.
Achei a mesma coisa que viajar sozinha (sem grupo) pra São Paulo. Não há o que temer. A experiência é deliciosa.
Aproveita!!!
beijos

Rita
RitaPermalinkResponder

Georgia,

Nem esquente, eu também demora para entrar e responder.

Estou quase acertando a viagem, entrei em contato com uma agencia da Capadocia, eles estão sendo muito gentis e pacientes!
Só preciso confirmar a passagem aerea, como pretendo ir em setembro pela tam com milhagens, só posso pedir no mes que vem.
Uma ultima(?) perguntinha: voce voou de Kayseri para Izmir em voo direto? Ou teve que ir para Istambul?
Quando voce foi para Pamullake já foi com a mala no carro e depois foi direto para o aeroporto perto?
Resumnindo: dá para fazer os passeios com malas?
Obrigada,
Beijos

Rita

Georgia
GeorgiaPermalinkResponder

Oi Rita!
Fiz um voo direto pela sun express mas acho a "sun" voa essa rota 3 vezes por semana ou algo assim. Talvez não te deram essa opção por causa da data do seu voo.
Pamukkale: saí do hotel com a mala já na van. Chegando na cidade que dá acesso ao travertino o guia deixou a mala numa "agência de turismo",( vc precisava ver o lugar!) e depois levou o grupo para o passeio. Quando acabou, o guia me deixou na agência de turismo e um taxi veio me buscar e me levou ao aeroporto. Deu tudo super certo, apesar da aparência da agência. Não se preocupe. A logística é muito bem preparada.
Beijos!
Qualquer coisa... estamos aí!

Georgia

Fê Costta - viaggio mondo

De todos os destinos, o que já escreví mais por completo foi a Turquia: http://www.viaggio-mondo.com/search/label/turquia

São 29 posts para a sanar a dúvida de qualquer um. Espero que ajude.

Abs

nico nicolaiewsky

ricardo ou alguém pode me dizer se em fevereiro , no inverno deles , tem o voo de balão??

Ricardo Freire

Tem sim, Nico! Mas te prepara pro frio smile

Ricardo Freire

FAQs de uma das maiores cias. da Capadócia:
http://www.hotairballooncappadocia.com/Cappadocia-FAQs.html

nico nicolaiewsky

Obrigado Rick.
Me diz uma outra coisa , por favor , sabes de alguem que foi conhecer a Turquia no inverno e gostou?
pergunto porque acabei de ler num guia de turismo que tem só 3 ou 4 horas de sol por dia nessa época do ano se isso for verdade deve ser complicado de fazer passeios...

Marcie
MarciePermalinkResponder

Eu fui em novembro, e a temperatura estava em torno dos 27 graus C. Inverno? Cadê? wink

Ricardo Freire

Do ponto de vista da luz, é sempre menos bacana viajar no inverno. Em março acredito que este problema esteja um pouco minorado, porque as noites mais curtas são em dezembro.

A vantagem de viajar no inverno é ter menos colegas turistas ocupando o espaço em torno (o que pode ser interessante em lugares megaturísticos como a Capadócia, onde hoje em dia já tem mais turista do que gente).

O Turkey Travel Planner diz que a melhor época para fazer o vôo de balão vai de abril a outubro, mas que no inverno as cias. também voam nos dias em que o tempo permite. O que nos traz a outro aspecto importante para viagens no inverno: ir com mais tempo para poder contornar esses problemitas meteorológicos.

http://www.turkeytravelplanner.com/special/balloon/index.html

Georgia
GeorgiaPermalinkResponder

Nico, acho que os dias curtos do inverno podem não ser uma boa para a Capadócia, uma vez que os passeios são a céu aberto.

Nina
NinaPermalinkResponder

tenho uma viagem marcada pra Turquia pro final de fevereiro. Devido os conflitos no oriente médio, devo desmarcar? alguém sabe como a Turquia está no meio desta tensão?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Nina! A Turquia é um país democrático, está totalmente fora dessa problemática de Egito, Tunísia, Iêmen ou Irã. Pode ir tranqüila!

Nina
NinaPermalinkResponder

Ótimo! Muito obrigada!

Monique Ribeiro

Pessoal, estou programando minhas ferias em setembro para a Turquia e penso em incluir a Grécia também. Ando pegando muitas informações de blogs e fazendo cotações com agências de turismo, pois não sei ainda se terei coragem de fazer minha primeira viagem internacional sozinha. Besteira?
Pelo que andei pesquisando compensa muito ir sozinha e fazer por conta os passeios em Istambul e estando lá contratar uma emrpesa para fazer os tours no interior certo? Peguei as recomendações da georgia e da Fê Costa de algumas destas empresas, mas estou com muitas dúvidas ainda quanto ao roteiro e a quantia necessária para ficar de 20 a 25 dias rodando pela Turquia -Istambul -Pammukale -éfeso -Hierápolis-Capadócia e Atenas-Mikonos-Santorini e Rhodes. Alguém consegue me dizer se é loucura considerar R$7000 para este roteiro? Levando em conta hospedagens bem econômicas. Pacotes de agência saindo aqui do Brasil estão saindo de 9000 pra cima....

Georgia
GeorgiaPermalinkResponder

Monique, não tenho idéia, até porque não conheço a Grécia. Na época que eu fui para a Turquia, um casal amigo foi de pacote e eles gastaram menos que nós.
Tenho achado os preços de pacote praticamente imbatíveis. Mas viajar independente é imbatível na satisfação (opinião pessoal).
A Turquia é muuuito mais fácil do que aparenta à primeira vista. Lembro que gastamos quase 1500 U$(o casal) no roteiro que eu descrevi (fora Istambul e fora as passagens internas e externas, todas compradas com antecedência). Esse valor se refere a hotéis, guias, transportes e tal. Não achei caro na época e o pacote que eu comparei foi o da Argeus Tour, que não atendia o que eu queria. Então, nem cogitei.
Já fez o orçamento com agências locais para a capadócia?

Monique Ribeiro

Oi Geórgia, obrigada por responder!
Hoje mesmo envie um pedido de orçamento para a Rock Valley Travel, conforme indicado aqui no fórum e estou aguardando os valores.
Acho que vou deixar a Grécia para uma próxima vez e vou aproveitar para fazer mais partes da Turquia. Vc comentou que fez seu roteiro pelo interior com a rockvalley e em istambul ficou sozinha certo? Vi no blog da Fê Costa, indicação para o hotel Agan e tbm vou cotar a sua sugestão do hotel amira. Vc acha que dá pra fazer tudo sozinha em Istambul? A maioria dos passeios pelo que vi dá pra fazer a pé certo? Mas e qto ao transpoprte, caso necessite, qual seria a melhor opção? Levando em consideração que meu inglE^s já não é uma beleza e morro de medo de ser enganada por taxistas...rs

CarlaZ
CarlaZPermalinkResponder

Monique,
Não sei se tenho mais tanto a acrescentar depois das dicas da Geórgia, mas enfim, fiquei no hotel Agan como mais tantos que freqüentam o blog e é simples, mas é tranquilo e se ficar mais de 4 noites ganha transfer na chegada do aeroporto.
Fiquei tentando lembrar como fiz a viagem pelo interior e eu realmente achava que tinha sido tudo independente, mas n foi, foi com a agencia do hotel da Capadócia.
Cotei os mesmos vôos e os mesmos hotéis que eles e realmente deu o mesmo preço, a diferença foi que tive transfer em todos os trechos.
Istambul é muito fácil de andar! E tem tanto transporte publico! Andei de ônibus, metro, bonde, barca...e sempre tem alguém pra te ajudar. O trocador do ônibus tentava falar inglês! Só estuda antes os passes de transporte publico porque eu me perdi entre fichas, jetons, chaveirinho...

Georgia
GeorgiaPermalinkResponder

Monique, Istambul é super tranquilo para estar sozinha. Usei transporte publico pra tudo e andei à pé. Para oss passeios em SultanAhmet você não precisa de transporte. Usei barco para o lado Asiático, tram e metro (fui a levent -Istambul moderna). Fui à pé do Amira até a Taksim mas é muito longe. Poderia ter usado tram mas fui andando, andando... quando vi, estava lá. Quanto ao Inglês, o sotaque deles é um pouco difícil mas eles fazem de tudo pra se comunicar. O povo é muito amável. Só usei taxi para ir embora para o aeroporto mas com tarifa pré-fixada. Não tenha medo. Bjs, estou por aqui.

Monique Ribeiro

AH legal Georgia, você está me encorajando,rs
Valeu mesmo pela prontidão e vontade de ajudar! wink

Georgia
GeorgiaPermalinkResponder

Monique, é um prazer retribuir aqui as dicas que fizeram a minha viagem tão legal!
Como a Carla falou, é legal estudar os transportes porque facilita bastante na hora se vc já sabe pra onde vai. Eu peguei muitas dicas no blog da Emília ( a turista acidental).
Um detalhe: se vc for ao museu de Chora dá uma olhada no blog da Emília (turista acidental). Ela explicou como fez pra chegar lá de metro e taxi. Eu usei apenas metro (uma conexão) e achei bem mais fácil que a maneira como ela fez. Não lembro direito como fiz mas escrevi alguma coisa lá no turista acidental. Lembro bem que peguei no google maps a direção da estação de metro mais próxima (Edinerkapi?) e fiz a rota entre a estação e o museu. Não teve erro. Deve ter um passo-a-passo nesse site:
http://www.choramuseum.com/articles/chora-church-kariye-museum-kariye-muzesi/

Veja o transporte público aqui: http://www.istanbul-ulasim.com.tr/en/

Importante para o planejamento:

Topkapi e Basilica: Fechados na terça-feira.
Santa Sofia ,Museu arqueológico, Dolmahbace, Museu do Mosaico: Fechados na Seg feira
Chora Church: fecha na quarta -feira

Beijos

Georgia

Monique
MoniquePermalinkResponder

Oi Carla! Não tinha visto suas dicas!Muito obrigada, vai ser muito útil pra mim!
Georgia adorei as dicas sobre os dias que as atrações não funcionam! Vai ser essencial também.
Sobre o tour pelo interior da Turquia, incluindo Capadocia, Troia, Pamukkale, Gallipoli e Efeso eu vou fecahr com a All istanbul tour, dica da Fê Costa do Viaggio Mondo. Acho que é a melhor alternativa mesmo e existem muitas opções de pacotes de acordo com o roteiro que você deseja! Semana que vem já compro as passagens e efetuo as reservas aí é só esperar até setembro! wink

Obrigada meninas e beijos

Georgia
GeorgiaPermalinkResponder

Excelente! Boa sorte!

Izabella
IzabellaPermalinkResponder

Boa noite pessoal!
No final de abril irei para a Turquia e pretendo ficar 3 noites em Istambul, 02 na Capadócia e da costa turca seguir de balsa para a ilha de Chipre. Entretanto, de acordo com minhas pesquisas pela internet, quem chega pelo lado turco da ilha não pode atravessar a fronteira rumo ao lado grego (gostaria de ficar 3 noites em Pafos). Esta informação procede? Vi no blog da Dri Miller que ela atravessou do lado grego para o turco e pelo que sei é permitido por 1 dia. Caso não seja mesmo possível visitar Chipre, alguém tem sugestão de cruzeiros pela costa turca no mediterrâneo?
Agradeço a quem puder me ajudar.
Abraços..

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Izabella!

O seu tempo está curto demais. Os lugares são distantes uns dos outros.

Para planejar uma viagem à Turquia, visite o Turkey Travel Planner:
http://www.turkeytravelplanner.com

Lili-CE
Lili-CEPermalinkResponder

Izabella, estou nesse momento montando minha viagem e por tudo o que li até agora, não ouvi falar em nada parecido.

Izabella
IzabellaPermalinkResponder

Olá!
Pois é, na verdade estarei na Turquia a partir de 23/04 e volto em 08/05. De Istambul para a Capadócia faremos de avião pela low cost Pegasus e também para descer para a costa do Mediterrâneo.
Gostaria de ficar uns dias em Chipre e depois o restante em Bodrum e redondezas. Estou pesuisando pelo Turkey travel planner agências de turismo para passeios pela costa do Mediterrâneo.
Pelo que pesquisei no Lonely travel se eu chegar pela parte turca terei problemas em ir para a parte grega. Ainda não consegui falar no consulado de Chipre aqui em São Paulo para confirmar esta informação. Se alguém pude me ajudar, agradeço!
Abraços..

nydia
nydiaPermalinkResponder

Oi Pessoal! estou com viagem marcada pra Turquia em junho. Estamos com várias cidades no roteiro, mas uma em especial me deixa dúvidas: Antalya.
Uma amiga que mora em Istambul faz questão que eu vá, mas na internet não encontro muitos relatos.
Alguém já foi? Vale a pena? Qts dias?
Grata wink

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Nydia! O Turkey Travel Planner traz razões para visitar Antalya:
http://www.turkeytravelplanner.com/go/med/Antalya/

Thais Zundt
Thais ZundtPermalinkResponder

Pessoal, fui à Turquia em 2010 - Istambul, Éfeso e Pamukkale. Para quem quiser ver como foi, confiram em meu blog: www.proximosdestinos.wordpress.com.

veranize
veranizePermalinkResponder

VOU PARA TURQUIA NO PROXIMO DIA 16 DE ABRIL,GOSTARIA DE SABER QUE TIPO DE ROUPA DEVO LEVAR SE FRIO OU CALOR OU MUITO FRIO ,ALGUEM PODE ME INFORMAR

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Veranize! Neste post o Ricardo Freire ensina como pesquisar as médias de temperatura de qualquer lugar do exterior: https://www.viajenaviagem.com/2010/09/como-pesquisar-temperatura-e-chuvas-no-exterior/

carla caldas
carla caldasPermalinkResponder

Vou para Istambul em dia 20 de maio e queria saber:

- alguem já alugou moto lá ? vale a pena
- quais os lugares mais bacanas para ir a noite, dizem que istambul é lotado de baladas legais
- o passeio do red bus vale a pena fazer?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Carla!

Istambul é uma cidade enorme, não é uma ilha grega grin Alugar uma motinho não parece uma boa idéia não:

http://www.lonelyplanet.com/thorntree/thread.jspa?messageID=14130610&tstart=0

O Time Out traz informações sobre balada:

http://www.timeout.com/istanbul/search/?tag_id=4239

Encontrei um tópico sobre ônibus hop on hop off em Istambul:
http://www.tripadvisor.com/ShowTopic-g293974-i368-k3601572-Hop_on_hop_off_bus_in_Istanbul-Istanbul.html

Esta é a opinião do Ricardo Freire sobre esse tipo de passeio:
https://www.viajenaviagem.com/2011/02/city-tour-x-onibus-hop-onhop-off-x-nenhuma-das-anteriores/

Lia
LiaPermalinkResponder

eu fiz o passeio com o red bus em Istambul e me arrependi amargamente.
Quando fui o ônibus estava imundo, as cadeiras empoeiradíssimas e sujas, além deles re-utilizarem os fones de ouvido. O ônibus tb não para em todo parada. Se não me engano ele só parou em uma parada, que é na parte nova da cidade e só. Fuja desse passeio!

Chris Cruz - Fui e voltei prá contar

Para Carla, Veranize, e outros viajntes que querem curtir Istambul. É uma cidade para se explorar a pé e de metrô ou trem (tramvay- trem de superfície).Esqueça o ônibus porque o trânsito é caótico, e pelo mesmo motivo e por segurança, moto nem pensar! É muito fácil andar por lá: vejam como no meu blog que tem tudo explicadinho, e outras dicas como restaurantes legais, comidas típicas e as principais atrações - http://fuievolteipracontar.blogspot.com/.
Veranize, em Abril começa a esquentar, tipo meia estação. Então, vai ter de fazer aquela mala onde tem de tudo um pouco, certo? Mas veja bem, o tempo está bem imprevisível. Estive em Istambul em Novembro passado, deveria estar frio, mas fez calor! Olhar na previsão do tempo ajuda, ok? Boa viagem a todos!

Maryanne
MaryannePermalinkResponder

Andar de moto em Istambul é como ver um ingles andando de moto em SP, acidente na certa. O transito de Istambul esta certamente entre os piores do mundo, como em SP, Cidade do Mexico e Pequim. Dificil saber onde é o pior. Eu nao sabia disso ( sao quase 17 milhoes de habitantes) e fiquei bem surpresa qdo cheguei la.

Mari Campos
Mari CamposPermalinkResponder

Concordo com o pessoal, Carla: alugar moto em Istambul, nem pensar! E também não ficaria com o red bus, não, porque vc vai perder muito tempo em cima dele. A cidade é fácil e deliciosa de ser explorada de metrô e trem de superfície e bacanérrima pra caminhar wink

carla caldas
carla caldasPermalinkResponder

Boia, Chris,Maryanne e Mari,

Adorei o help de vocês ! Definitivamente vou desistir da moto em Istambul.

Estou indo em maio para Istambul , Capadocia e Grecia e estou SUPER SUPER animada. Vou contar tudo no meu blog, por enquanto vou contando os dias e trocando figurinhas com todos vocês. Super valeu!

Chris , vou olhar seu blog em detalhes.

marcela
marcelaPermalinkResponder

Carla, o trânsito lá realmente é uma loucura, até um carro me parece uma insanidade, quem dirá uma moto... quando chegar lá, você vai entender porque todo mundo foi contra sua idéia...hehehe. Eu peguei bstante ônibus lá e taxi e foi tranquilo, mas cuidado quando for pagar os taxis: um golpe comum lá é você entregar uma nota ao motorista e ele te devolver dizendo que não tem troco, mas na verdade, ficou com sua nota e está te devolvendo uma falsa. Ou então, você dá uma nota de 100 e ele diz que você deu de 10, que é uma nota muito parecida e você sai no prejuízo. Eles enrolam mesmo, tome cuidado!
Eu recomendo o restaurante 360º, super conhecido, mas muito lindo. Fic ano último andar de um prédio com vista para o Bósforo e é frequentando por jovens de 30 e poucos anos. /aos poucos, eles vão tirando as mesas e vai virando um lounge/balada. O Ulus também é legal, mas todo mundo que vai no Reina diz que é um lugar imperdível para ir à noite. Eu não conheço, mas vale a pena pesquisar na net, é super famoso por lá.

Carla Mazon
Carla MazonPermalinkResponder

Olá pessoal!!
Ano passado montei um roteiro da Itália com as dicas dos posts do VNV e valeu a pena fazer a viagem por conta.
Este ano eu e minha irmã escolhemos a Turquia como destino de férias (03 a 25 de junho)e já estou pesquisando os blogs indicados e peguei dicas com a Fê Costa.
Como temos interesse tanto na parte histórica/cultural dos locais como também em aproveitar as praias, estamos em dúvida se compensa dividir o roteiro entre Grécia e Turquia, considerando-se que preferimos ter mais tempo para conhecer Istambul, Capadócia, Ephesus, Pamukkale. etc. Neste caso, ficaríamos menos dias na Grécia, quantos dias vocês sugerem para um roteiro básico na Grécia?

Obrigada!!!

Alessandro A.
Alessandro A.PermalinkResponder

Carla, a Grécia é sensacional e tem tudo o que você deseja, ou seja muito história e belíssimas praias. Para um roteiro básico, recomendo pelo menos Atenas, Mykonos e Santorini no mínimo uns 8 a 9 dias. Foi exatamente o que eu visitei por lá e você ver tudo lá no meu blog: http://wazari.wordpress.com/2009/08/27/grecia-indice/

Além desses locais, também recomendo Rhodes e Milos.

Carla Mazon
Carla MazonPermalinkResponder

Olá Alessandro!!
Já fechei o roteiro Turquia e estou com um pouco de dificuldade para finalizar o roteiro Grécia, tentar concilar as datas com o transporte entre as ilhas. Seu blog é muito bacana e vou deixar um post com as minhas dúvidas.
Obrigada

Kelly
KellyPermalinkResponder

Fui a Grecia ano passado, uma viagem incrivel = 2 dias em Atenas, 3 dias em Santorini (MUST), 3 dias em Sifnos (liiinda ilha, nao muito turistica, com muitos vales de oliveiras, pequena ilha com 2.000 habitantes e 365 igrejas! praias maravilhosas, paisagem inesquecivel!), 3 dias em Milos e 5 dias em Creta. Se vc nao tem muito tempo nao va ate Creta. Apesar de ser incrivel, e ter ido a praia mais linda que ja fui na vida (Baloos), os 5 dias que fiquei foi pouco, 'e longe, entao nao vale a pena ir com menos tempo que isso. Mas recomendo MUITO Santorini e Sifnos, e lembrando, claro, que depende de que tipo de viagem te agrada mais. Eu fui com meu marido e quis poucos turistas ao meu redor, descanso, natureza e lugares romaticos. Se vc vai atras de agito, Mikonos e Ios com ctz. Boa viagem.

Carla Mazon
Carla MazonPermalinkResponder

Olá Kelly!!

Nesta viagem vou ter somente 6 dias na Grécia para aproveitar as praias e conhecer os locais. Com tantas ilhas interessantes a Grécia vale uma viagem inteira de férias!! Obrigada pelas dicas.

Thaís Zundt
Thaís ZundtPermalinkResponder

Ano passado fiz uma viagem pelo Egito, Grécia e Turquia e amei! Fiquei 2 dias em Istambul, fui à Éfeso e Pamukkale. No Cairo fiquei 3 dias e na Grécia 10 (2 em Atenas, 2 em Rhodes, 2 em Santorini, 1 em Milos, e 2 em Mykonos). Meus relatos estão no meu blog www.proximosdestinos.wordpress.com . Eu acho que vale a pena conciliar Grécia e Turquia, não só pela curta distância entre os países, bem como pela complemento histórico-cultural das duas civilizações.
Como você gosta da parte histórica, acredito que para Atenas deva reservar uns 2 dias para poder explorar as principais atrações com tempo. A parte mais difícil é em relação às ilhas, que são muitas e bem diferentes, mas 1 semana seria um excelente período para definir o roteiro. É claro que se tiver menos tempo disponível, também dá pra aproveitar.

Carla Mazon
Carla MazonPermalinkResponder

Olá Thaís!!
Pela distância vale a pena conciliar os dois países mas devido à logística e com tanta coisa interessante na Turquia eu acabei deixando somente 6 dias para a Grécia. Minha idéia de roteiro é Rhodes, Santorini, Mykonos e Atenas e ainda estou pesquisando a disponibilidade dos meios de transporte para finalizar o roteiro.
Adorei seu blog, vou anotar suas dicas.

Diogo Avila
Diogo AvilaPermalinkResponder

Olá, Estou também de viagem marcada para parte deste roteiro. Creio que o essencial é Atenas, Mykonos, Santorini, Istambul e Capadócia. Claro que sobrando tempo, e com 22 dias creio que você tenha, dá para esticar ao menos uma ou duas outras ilhas, quem sabe Creta ou Ios que parece bem bacana e com belas praias.

Carla Mazon
Carla MazonPermalinkResponder

Olá pessoal!!
Obrigada pelas dicas, estou lendo todos os posts e relatos dos blogs e coletando as informações para montar o roteiro, começando por Istambul e terminando em Atenas. Vou solicitar uma cotação de pacote para o interior da Turquia com as agências indicadas. Como pretendo ficar mais tempo na Turquia para conhecer Istambul, Ankara, Capadócia, Pamukkale, Éfeso,...vou definir quantos dias serão destinados às ilhas gregas em função do tempo e distância.
Imagino ser mais prático vir da Turquia de barco e seguir o roteiro básico de 7 - 8 dias sugerido por vocês até Atenas.
Até a data da viagem surgirão muitas dúvidas!!

marcela
marcelaPermalinkResponder

Carla,

Veja se não vale a pena fazer todos os trechos com a Turkish, que voa direto do Brasil para Istambul e faz toda aquela região. Para a Grécia, fora do verão muita coisa fica fechada nas ilhas, então dependendo da data, é uma coisa a se considerar! Em Santorini, o vilarejo de Oia tem os hoteis mais caros, mas que são indiscutivelemtne mais lindos... são dentro de cavernas, tudo em branco, um show... Se o orçamento permitir, dê uma olhada no Perivolas. É um sonho de lugar! Alugue um carro e faça passeios até as praias (mas volte para a piscina do hotel para tomar sol, é muio melhor) e pelas vinícolas. Fomos à Boutari e levamos vários vinhos ao hotel, aí ficávamos vendo o pôr do sol,e tomando vinho branco com queijo feta... inesquecível!
Em Mykonos, também vale a pena alugar um carro para conhecer as praias mais longe e os vilarejos do interior da ilha, que são mais tradicionais, e por isso, mais autênticos, o que faz deles muito especiais.
Nós fomos de avião de Atenas a Santorini (3 dias), depois de Flyingcat até Mykonos (4 dias) e de lá, de avião de volta a Atenas e direto a Istambul (3 dias). Recomendo este roteiro, valeu a pena, mas se você tiver mais dias para cada lugar, é melhor ainda. Sobrou ainda muita coisa que queríamos ver, pricipalmente em Istambul. Queríamos ter mais dias para ter conhecido mais ilhas, mas certamente vamos voltar

Já em Istambul, recomendo um passio até a o bairro de Ortakoy, é uma delícia almoçar nos restaurantes típicos de lá. E para jantar, não deixe de ir ao 360º, um restaurante super famoso e descolado. Fica no último andar de um prédio e tem uma vista maravilhosa do bósforo e golden horn. Os frequentadores são pessoas jovens, bonitas e a comida é ótima. O Reina e o Ulus também são muito famosos, vale a pena uma visita.

Diva do Nascimento

Olá

To adorando o blog.Cheguei até vcs,através de um outro relato.
Por favor, só pra ter ideia, qto sai a viagem completa?
Este será exatamente o meu proximo destino! Uhuuu

Um abraço

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Diva! Preços variam drasticamente conforme cada viagem.

Orce passagens em sites de passagens, orce hotéis em sites de reservas de hotéis.

carla caldas
carla caldasPermalinkResponder

Pessoal estou contando as semanas e dias para minha viagem Grecia e Turquia, enquanto isso sigo pesquisando.

Alessandro , o wazari está muito legal e completo!!!

Eu fui na Travel Week e conheci algumas pessoas de hoteis de lá( hoteis de luxo fora do meu bugdet rsrsrrs mas as dicas valem )mandei email e elas me responderam com dicas.

Coloquei tudo no meu blog www.longeeperto.com

Abs

sonia cristina

Gostaria de fazer uma viagem para a Turquia em out 2011,vc tem alguma agencia para indicar? fiquei sabendo de uma chamada Pacha tour mas o hotel em Istambul seria na estrada longe do centro,vale? E a Abreu ? Por favor dê uma dica. Bj.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Sonia! Siga a dica da Carla e use agências locais!

Se quiser fazer tudo por conta própria, o melhor site de referÊncia é o http://www.turkeytravelplanner.com .

CLAUDIO
CLAUDIOPermalinkResponder

Sonia, naõ gosto de viajar por pacotes, em função dos problemas de sempre : ficar amarrado ao ritmo e programação do guia, perda de tempo depdendendo da quantidade de pessoas, pois é preciso esperar todos se juntarem, pa ssagem rápida em lugares interessantes para poder termais tempo na lojinha onde o guia leva uma grana, etc...

No entanto, em função de fazer estes passeios pelo interior, e preocupado com a língua,acabei pegando um pacote aqui no Brasil, mas com uma condição : que eu conseguisse incluir mais dias extras na Capadócia e Istambul ... com isso as opções diminuíram,pois a maioria tinha roteiros fechados onde isso não era possível .
Conseguimos isso com uma delas ( vou procurar o nome para postar aqui) e acertamos em cheio !

Como no pacote não estava incluído "hotel caverna" nos dias extras escolhemos um para ficar e fizemos questão que fosse em Goreme, e foi maravilhoso...diferente,e ficar hospedado naquele visual "lunar" foi fantástico. Ficamos então 3 dias extras lá e quando finalmente chegou o transfer para nos agregar ao grupo, vimos como tínhamos salvado nossa viagem : o hotel do pacote era distante de tudo ( vou postar aqui também ) e qualquer deslocamento, ou era feito pelos passeiodo vendidos , ou o taxi era um absurdo por se longe de tudo.

Mais : tínhamos a visita ao museu a céu aberto de Goreme incluído no pacote, mas por via das dúvidas, como nos hospedamos muito perto e tínhamos tempo, resolvemos ir por conta própria : outra bola dentro ! Fizemos nosso tour por conta própria e depois voltamos com o grupo , resultado : Um lugar para ser visitado com calma, se admirar as "capelas" feitas dentros das rochas ,etc... foi feita numa correria louca. O que fizemos no dia anterior numa tarde inteira, com calma ,etc.. foi feito em cerca de algumas poucas horas na correria. Só nós percebemos o quanto o grupo perdeu.

Fizemos a mesma coisa em Istambul,incluímos mais noites extras que nos deram liberdade , mas neste caso foi diferente pois, na parte do fima para o meio do pacote demos a sorte que o grupo tinha feito o caminho contrário a nós ( Começamos pela Capadócia e fechamos em istamcul)e acabamos fincando somente nós 2 com o guia, ou seja aí foi execelente : guia particular com preço de pacote...e mais 3 dias livres em Istambul.

Depois posto mais comentáros aqui...

Um abraço,
Cláudio.

gisele
giselePermalinkResponder

Acabei de voltar da Turquia hoje. Foi bárbaro!!!! Istambul é possível conhecer por conta própria. Chega-se relativamente fácil aos pontos turísticos com um mapa, as pessoas são bastante cordiais nas ruas. Mas se vc vai a Istambul, tem que ir tb a Capadocia, fazer o passeio de balão, a Pamukale, um dos lugares mais interessantes que já conheci. Só que pra se aventurar pela Turquia asiática é necessário um pacote! E aqui fica minha recomendação da Ensemble Travel, e o melhor agente de viagens: Metin Koca. Metin parecia um mago, tudo ele resolvia de qq lugar. É pra se aventurar sem medo! Recomendo a Turquia e a Esemble Travel!

suzi
suziPermalinkResponder

Gisele, estou contatando o Metin e só queria saber se vc reservou daqui ou se de Istambul, ele me pede 30% de sinal e na verdade dá um medo de fornecer nr de cartão de crédito e etc...
Bjs
Suzi

Jamile
JamilePermalinkResponder

Alguém fez roteiros Túrquia - Sul da Itália ou Túrquia - Espanha?
Abraços

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Jamile! Há vôos de Istambul para Madri, Barcelona e Roma. Não há vôos diretos de Istambul para Nápoles.

Rosane
RosanePermalinkResponder

Costumo fazer viagens por conta própria, compro a passagem e vou. Estou planejando ir para a Turquia em agosto durante 15 dias. Gostaria de saber se alguém já fez essa viagem de carro alugado, se as estradas são boas, se é facil encontrar hotéis sem reserva , ..

Nydia
NydiaPermalinkResponder

Oi Rosane!! Pois eu estou neste momento fazendo exatamente isso!! Volto pro Brasil dia 11 e posso Te dar tds dicas q quiser. Mas de antemão vou dizendo: dá sim e é um país surpreendente!! Estou encantada. Bjs

Rosane
RosanePermalinkResponder

Nossa Nydia! Que legal! Obrigada pela informação. Vou comprar as passagens essa semana. Qualquer dica será bem vinda. Curte bastante sua viagem. Bjs

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Alô, Rosane! Nesta mesma caixa de comentários há relatos de quem alugou carro por lá. Procure nos comentários acima!

Rosane
RosanePermalinkResponder

Ola Bóia. Obrigada pela sugestão. Com certeza vou ler os relatos. Abraço.

ane
anePermalinkResponder

gente gostaria de saber quanto que eu gasto pra ficar 7 dias em istambul e ankara pois vou eu e mais 2 amigas pra turquia ,vamos pra passeio mas tbem pra encontramos e conhecer nossos futuros maridos smile.estou com tantas duvidas pois o dinheiro de lá é pouca coisa mas caro e não sem como conseguir ou se o cartoes daqui do brasil pode se usar lá e qual banco ..se alguem puder me ajudar ficarei grata beijos

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Alô, Ane! Infelizmente não podemos ajudar sobre os gastos. É muito complicado dar uma previsão que sirva para qualquer pessoa e qualquer estilo de viagem. Quanto às despesas com cartão, oriente-se por esses dois posts:

https://www.viajenaviagem.com/2010/10/dinheiro-x-cartoes-no-exterior-minha-receita/

https://www.viajenaviagem.com/2011/03/iof-o-que-muda-para-o-viajante/

Luciana Brito
Luciana BritoPermalinkResponder

Olá Riq, trips e bóia.

Planejo uma viagem para turquia no inicio de setembro. Penso em Istambul e Capadócia e talvez pamukale. 10 dias seriam suficientes? Penso também em fazer um stop na europa antes de uns 3 ou 4 dias para não fazer as 20 h de vôo numa levada só - Madrid, barcelona ou lisboa - qual seria a melhor para essa conexão?

Mais uma vez obrigada

nydia
nydiaPermalinkResponder

Oi Luciana. Acabei de voltar de lá. é difícil dizer que é suficiente ou nao, pq depende muito do que vc gosta de fazer, mas eu diria q sim. Fiquei 2 dias na Capadócia (chegamos de manha bem cedo, dormimos 1 noite e fomos embora as 23h) e eu suuuuuuper me arrependi, queria mais um dia sad
Acho que 4 ou 5 dias está de bom tamanho para Istambul. Quanto a Pamukkale... desculpa te falar isso, mas eu fui com a expectativa super alta e foi a decepçao da minha viagem... todas essas imagens bonitas que se ve na internet estao COMPLETAMENTE SECAS. só existem umas pouquíssimas piscinas com água, que parece que foi obra do homem, mas nao sei direito... enfim, da uma pesquisada.
abraços

silvia menezes moraes

Pessoal, já li vários comentários e estou organizando minha ida a Turquia. Estou com uma super dúvida, não sei se vou em setembro ou outubro. Sou friorenta e adora viajar no verão para facilitar a mala e poder aproveitar bem os dias. Sai cedo do hotel e volta bem tarde. O que vocês que conhecem podem opinar... Alguns dizem que não faz tanto frio assim, outros dizem que é bem frio.... pretendo ir a Pamukkale e Capadocia.
muito obrigada pela ajuda de todos.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Silvia! Setembro ainda é quente. Lembre-se que o verão vai oficialmente até o dia 21.

CarlaZ
CarlaZPermalinkResponder

Silvia,
Fui no início de setembro e ainda estava quente, mas nao tão quente assim. Short e casaquinho de dia e a noite na Capadócia era friozinho sim, pelo menos pra uma carioca wink

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia de férias. Só voltaremos a responder perguntas que forem postadas a partir de 3 de junho. Relatos e opinões continuarão sendo publicados.
Cancelar