Paisagem na janela: de Santiago a Mendoza de ônibus

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Só no janelão

Relato de março de 2010

Hoje de manhã comecei finalmente a voltar pra casa. Aos pouquinhos. O primeiro passo foi voltar à Argentina, terminando a costura do zig-zag que venho fazendo há cinco semanas. Peguei um ônibus de linha em Santiago para Mendoza.

El boleto

Comprei a passagem pelo site da Andesmar, o único que aceitou meu cartão de crédito brasileiro. Ao chegar ao Terminal Sur (de onde saem os ônibus internacionais de Santiago) pude ver que continuam operando as lotações a Mendoza: taxistas ficam anunciando suas partidas nos corredores da estação.

Mendôça aí bôi xô!

Eu pensava que tinha comprado as poltronas da frente, mas a configuração do ônibus no site era diferente da vida real. Hmpf. Fiquei com uma vista lateral mesmo.

A janela esquerda também tem seu valor

Para quem faz a rota Santiago-Mendoza, o melhor lugar para sentar é o direito, para ver os Caracoles -- a seqüência de curvas vertiginosas na subida final dos Andes. (A descida é bem menos acentuada.)

Caracoles!

Mas é da direita que se vê o Caracol

O lado chileno tem os Caracoles, mas a paisagem é mais bonita do lado argentino, com formações rochosas espetaculares -- e uma linda represa de águas azulzíssimas quase no fim do caminho.

Do lado argentino

Do lado argentino

Do lado argentino

Do lado argentino

A única desvantagem de fazer esse trajeto de ônibus -- com relação a fazer de táxi, de carro ou de excursão -- é que não há paradas para tirar fotos. Todas essas fotos foram tiradas pela janela, com o bumba em movimento.

Foram 6 horas e meia de viagem (incluindo aí os 45 minutos perdidos na imigração, que funciona de maneira conjunta num posto só), mas a paisagem é tão bonita que não deu pra sentir.

Mais um cartão postal e eu tenho um treco!

Só tenho uma coisa a dizer. Depois de cinco semanas vendo cartões-postais e mais cartões-postais, se eu por acaso vir mais uma paisagem bonita, mas umazinha só, juro que eu surto mrgreen

Leia mais:

646 comentários

Rossi
RossiPermalinkResponder

Muito obrigado, Adriane!!!!

Bom retorno, Ricardo!

Abraço!

Rossi

Consuelo
ConsueloPermalinkResponder

Quer dizer então que as poltronas de número maior ficam na frente do ônibus? Estou querendo comprar aqui do Brasil, pela internet e fiquei na dúvida, em função do que vc falou...

Nataly
NatalyPermalinkResponder

Olá Ricardo. Estarei com meu marido em março de 2011 em Buenos Aires. Gostaríamos de ir à Santiago, Montevideu e Punta. Para onde devemos ir primeiro? Que roteiro vc recomenda??(indo de ônibus, é claro, pq amamos suas fotos!!!). Desde já, muito obrigada!!!! smile

Rômulo
RômuloPermalinkResponder

Olá Nataly, cheguei dia 8 de outubro de Buenos Aires.
Se vc deseja realmente fazer essas cidades, recomendo que vc vá primeiro a Montevidéu. Fique 2 ou 3 dias. Pegue um ônibus até Colonia Del Sacramento, que é uma cidadezinha deliciosa do Uruguai. Passe o dia lá e pegue o barco (www.coloniaexpress.com) para Buenos Aires às 17 horas. Não vai custar mais de R$ 50,00 e a viagem demora apenas 50 minutos. Em Buenos Aires você pode ficar 4 a 5 noites (eu fiquei 7!!!).

Espero ter ajudado um pouquinho.

Nataly
NatalyPermalinkResponder

Olá Romulo!
Muito obrigada pela dica!!

karen
karenPermalinkResponder

Oi Riq!

Seis horas é bastante tempo. Qual a sua opinião sobre o conforto do ônibus, e como se faz para comer? Há serviço de bordo? A comida é razoável e já está incluída no valor da passagem, ou é preciso levar algo? Dei uma olhada no site, mas isso não ficou muito claro.

Abraços!

Ricardo Freire

Se a viagem fosse maçante eu teria dito. São pelo menos 5 horas de paisagem deslumbrante. Eles servem lanchinho.

karen
karenPermalinkResponder

Obrigada, Riq! Eu sempre pergunto sobre conforto porque meu marido é muito chato para essas coisas. Para mim, só a paisagem basta.

Marilene
MarilenePermalinkResponder

É isso mesmo Ricardo,fizemos agora em outubro a travessia de Santiago a Mendoza,com a Turisbus,internacional. Ótima viagem,as paisagens são deslumbrantes, com alguma neve no pico da cordilheira. Difere a paisagem quando entra em solo argentino,mas sempre linda.
Mendoza é uma história a parte,vale conhecer mesmo!!Nada falaste......
Boas dicas,tenho livros teus.
3 de novembro 2010..ás 14.33hs

João Vitor Corrêa

imagens perfeitas... site perfeito... informacoes preciosissimas... antes de perguntar quero agradecer por tudo q ja foi escrito e publicado no site a respeito das viagens, principalmente a santiago, informacoes serao muito bem aproveitadas durante minha viagem em janeiro.
Bom a pergunta eh a seguinte, alguem tem alguma informacao sobre locadoras de automoveis em mendoza, em que possa haver a devolucao do carro em santiago??? apenas retirada e devolucao em mendoza mesmo :/ as q eu tive informacao... obrigado desde já

Ricardo Freire

Alugar num país e devolver no outro é inviável. Alugue num país, devolva, vá de ônibus, alugue no outro, devolva por lá.

Vanilza
VanilzaPermalinkResponder

João Vitor,
Vou para Mendoza e, de lá, para Santiago em dezembro. A princípio eu e o marido pensamos fazer o mesmo que você (retirar o carro em Mendoza e devolver em Santiago). O meu marido até conseguiu uma locadora que fizesse isso, mas desistimos depois de descobrir que há uma taxa de U$250,00 para fazer a travessia de um país para o outro com o carro locado. Decidimos ir de ônibus mesmo (conforme nosso sábio guru Rik já fez e indica). As passagens são vendidas no site da Andesmar e estão $$100,00 pesos.

Mari Monteiro
Mari MonteiroPermalinkResponder

João, fiz essa viagem em abril de 2009 e amei! Eu havia visto as dicas de outro viajante aqui no site.
Minha dica é: vá de ônibus mesmo! Há muita paisagem para olhar e o ônibus é muito bom. O inconveniente é a "polícia federal" na fronteira. Às vezes demora muuuuuito.

João Vitor
João VitorPermalinkResponder

ricardo... mari... valeu pelas dicas... foram decisivas para minha programacao, pensei na possibilidade de parar no trajeto por causa de algumas fotografias, mas pelo que da para entender a paisagem do onibus é a mesma né hehe e sem o inconveniente de estar dirigindo qdo puder vê-la, qto ao inconveniente da policia federal... estarei de ferias... bem tranquilo me divertindo... creio q nao sera impecilio... mais uma vez pbrigado wink abracos

Gustavo
GustavoPermalinkResponder

Ricardo,

Ótima dica sua essa viagem para Mendonza. Estou indo para o Chile agora em Novembro. Pena que nao tenho muito tempo disponível em Santiago. Há algum passeio de um dia ou no máximo de um dia para o outro que desse para sentir algo parecido com essa "atmosfera" dos Andes? Uma ida ao Vale Nevado por exemplo? Abraço e mais uma vez obrigado!

Ricardo Freire

É bobagem fazer o passeio a Valle Nevado sem neve. Você já vai ver os Andes de Santiago. Vá ao mirante do Cerro San Cristóbal num dia claro. Mendoza não vai sair do lugar.

Gustavo
GustavoPermalinkResponder

obrigado pela dica!

Hélcio Veloso

Olá Riq. Analisando suas dicas, vi que o melhor mesmo é ir de ônibus entre Santiago e Mendoza. Vou no carnaval/2011 com mais duas pessoas que não têm passaporte, apenas carteira de identidade. Há algum problema na passagem da fronteira por causa disso? Obrigado.

Ricardo Freire

Precisa não, RG vale. A foto tem que ser reconhecível.

Vinicius Valverde

Hélcio,

To indo para lá no carnaval de 2011 também e estou buscando as melhores opções. Vou chegar em Santiago dia 04/03 e só volto para o Brasil dia 10/03. Vocês vão partir de onde? estou indo sozinho e buscando cia, pq to com vontade de alugar um carro ao invés de ir de ônibus.
Tá afim de manter contato para trocar informações?
Meu msn: vinnyeconomista@hotmail.com

JOSE CARLOS
JOSE CARLOSPermalinkResponder

Ricardo,

Vc acha que vale a pena, alugar um carro e ir de Mendoza para Santiago ?

Ricardo Freire

Não. Vá de ônibus.

Vinicius Valverde

RIcardo,

Na sua opinião porque é melhor ir de ônibus?Com carro tenho mais liberdade para parar, tirar fotos não acha?

Ricardo Freire

É uma confusão atravessar fronteira de carro. Se o carro for alugado, então, é impossível.

Vanilza
VanilzaPermalinkResponder

José Carlos,
Além da burocracia, há uma taxa de U$250,00 dólares (só pela travessia). Vou de Mendoza para Santiago de ônibus(a passagem custou 110 pesos).

Sobre o dilema "como comprar a cadeira da frente do piso superior do ônibus" entrei em contato com o sistema de venda de passagens da Andesmar por telefone (para quem se interessar, uso o justvoip - preço de ligação local) e confirmei com a atendente o número correto da poltrona.

Para curtir a paisagem, fotos e conhecer os principais pontos turísticos da estrada (Uspallata, Puente del Inca, Parque do Aconcágua, mirante do Cristo redentor, entre outros) contratei um remis em Mendoza.

eva
evaPermalinkResponder

Atravessei essa fronteira de carro alugado(ida e volta, só ida é impossível) e não paguei esses US$250,00. A locadora preparou a documentação necessária e foi tranquilo. O trajeto é maravilhoso, mas difícil.

tania
taniaPermalinkResponder

Por favor pode me dizer como foi esta travessia, estão nos colocando medo dizendo que na fronteira com carro alugado, eles pedem várias coisas, um seguro especial e etc.

eva
evaPermalinkResponder

Oi Tania,

Realmente são necessárias diversas providencias especiais, eu aluguei com uma empresa local, avisei que queria atravessar a fronteira e em 2 dias eles preparam toda a documentação necessária, uma pasta bem gordinha. Na aduana, como disse, foi tudo muito tranquilo.

Eloisa
EloisaPermalinkResponder

Oi Tania, vc saberia dizer o nome da empresa que alugou o carro?

Luiz
LuizPermalinkResponder

Vanilza,

Sei que já faz tempo, mas vc conseguiu conversar na Andesmar, em sua viagem Santiago-Mendoza, para saber sobre as poltronas da frente. Por acaso vc lembra quais são os números destas poltronas?

Obrigado

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Luiz! Ao reservar pela internet você verá o mapa de assentos!

Vanilza
VanilzaPermalinkResponder

Oi Luiz,
as primeiras poltronas do piso superior são a 10, 11, 12 e 13. Mas esta informação só vale para os ônibus da empresa andesmar (saída às 7:30 de Mendoza). Eu conferi no site de novo e para este horário são estas poltronos. Espero que dê tudo certo!
A viagem é linda, vale a pena! Se precisar de mais alguma informação é só falar.

Henrique Pinto Guedes

Prezado Ricardo Freire
Gosto muito de viajar, estou com bonus Tam/conveniadas para utilizar
com o retorno até 12/03/2010. Gostei da idéia de viajar de onibus,
veja se é viável: S.Paulo/Santiago-Lan Chile, Santiago/Mendoza - oni
bus - Mendoza/Cordoba - onibus e Cordoba/SP Lan Chile.
Se for víável e souber os preços das passagens, fv informar.
Santiago Mendoza =$ 14.000,00 = +- R$ 50,00 -Semi Leito
Mendoza/ Cordoba ????
Agradeço por essas como tambem por qq outra informação.
Abraços
H.P.G.

Ricardo Freire

O roteiro está bom. Faça conversões em http://www.oanda.com .

Veja passagens de ônibus dentro da Argentina em http://www.plataforma10.com

Adivaldo Junior

Sabe informar se essa rota de Santiago para Mendoza funciona normalmente nos meses de junho e julho, devido à neve?

Ricardo Freire

Funciona normalmente, menos quando neva smile

Ou seja: podem ocorrer interdições na estrada sempre que cair uma nevasca.

André
AndréPermalinkResponder

Ricardo, pretendo fazer a rota Santiago-Mendoza em Março de 2011. Infelizmente vou ficar apenas 04 dias em Santiago... Vc recomendaria fazer este passeio para Mendoza ou visitar Vina del mar e valparaizo ?

Ricardo Freire

Essa viagem é só para quem vai às duas cidades, de preferência sem precisar voltar.

Se quiser muito ir à montanha, há passeios organizados a Portillo, no alto da cordilheira, na fronteira. Informe-se no seu hotel, todos os passeios estão disponíveis na recepção.

lene
lenePermalinkResponder

fiz esse percurso de carro, cheguei ontem. é a-ni-mal!

Sinara Suzin
Sinara SuzinPermalinkResponder

Olá Iene! Estou indo para Santiago e gostaria de fazer o passeio para Mendoza de carro, mas já ouvi muitas pessoas dizendo que não vale a pena, que é muito caro e cheio de burocracias para sair com carro alugado do país, como foi para você? você retirou o carro e devolveu em Santiago? Realmente é muito caro?

lene
lenePermalinkResponder

o pessoal tá perguntando ali das burocracias, vou dar uma dica. fomos de carro próprio (desde SC!) e pra passar da argentina pro chile é um bando de papel e tempo perdido, mais de duas horas na imigração, revista com cachorro e o diabo. a aduana da volta é um pouco mais tranquila e rápida, mas o tanto de papel é o mesmo. e isso que era carro próprio, de carro alugado parece impossível mesmo.

lene
lenePermalinkResponder

André, eu achei Vinã Del Mar muito Punta Del Este, prédio e cassino. Depende do que você gosta, mas se quiser praia de verdade vá uns 20kms a mais pro norte e conheça a região de Zapallar.

André
AndréPermalinkResponder

Valeu a dica lene..Vou alugar um carro e conhecer Zapapallar ! Abs

Fernandes
FernandesPermalinkResponder

Olá pessoal, parabens! exelente as suas dicas, tira muitas duvidas pretendo ir de ônibus de Mendoza para Vina Del Mar, no final de abril ou inicio de maio de 2010 o que acham, a data é boa? tem ônibus de Mendoza p/ Vina? devo comprar passagens para criança de 04 anos? qual a temperatura no final de abril?

Abraços e Boas Viagens a todos.

Ricardo Freire

Há ônibus de Mendoza para Valparaíso, de lá você vai de táxi ou metrô de superfície para Viña.

Para ver temperaturas na região de Santiago, vá à página de Santiago e clique em "Temperatura e precipitação mês a mês".

https://www.viajenaviagem.com/americas/santiago-ricardo-freire

Fernandes
FernandesPermalinkResponder

Obrigado, Ricardo, comprei minhas passagens para maio, tenho muito tempo e quero me imformar bastante. meu roteiro será (avião) de S. Paulo B. Aires, depois Mendoza 1 noite, dia seguinte (ônibus} pelas cordilheiras até Vina del Mar, 2 noites em seguida Santiago 3 noites, Fialmente S Paulo, o que acha? tenho certeza de que grande parte de suas dicas me serão úteis, estou muito animado e acho que vou curtir bastante a viagem, ou melhor já estou cutindo, pois para mim a viagem começa desde a programação.

lene
lenePermalinkResponder

só mais um esclarecimento sobre atravessar a fronteira argentina/chile de carro: não tem essa taxa de 250 dólares não. tem um pedágio que tem que ser pago dentro da imigração, mas equivale a uns 15 reais. se tiver alimento perecível no carro tem que declarar, porque senão a multa é pesada (declarando ou não, vai perder os produtos). atualmente tanto argentina quanto chile estão em alerta por causa da mosca do mediterrâneo e a fiscalização tá intensa.

Patrícia Maia J.

A taxa que estavam falando é de devolução de carro alugado em outra localidade e não de entrada de carro de outro país.

linda
lindaPermalinkResponder

Obrigada riq. as informações vao ser uteis, pois vou viajar de santiago para mendonza dia 18 de janeiro. Todavia, gostaria de saber: tenho que levar roupa de frio? vc acha que devo viajar de dia ou noite?

obrigada,

linda

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Alô, Linda! Viaje de dia para ver a paisagem! De dia é bastante quente, de noite pode fazer frio porque o clima é seco dos dois lados da Cordilheira!

linda
lindaPermalinkResponder

Obrigada ricardo. Vou comprar a passagem. Vc saberia me informar quais sao os numeros das cadeira no piso superior do onibuse ficam na janela da frente no piusio superior?
obrigada

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Linda! Há um mapa de assentos dos ônibus no site, igualzinho aos das companhias aéreas! E eu não sou o Ricardo, eu sou A Bóia! Boa viagem!

Alandra
AlandraPermalinkResponder

Olá Ricardo, tudo bem?
Gostei bastante das tuas dicas.
Vamos ir para o Chile de carro no período do carnaval (março/2011).
Qual a tua sugestão de trajeto? Saíremos de Porto Alegre. Tens sugestões de hotéis por lá? Que tipo de roupa se leva nesse período?

Muito obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Salve, Alandra! Eu pedi e o comandante subiu sua pergunta para o Perguntódromo. Tenha em mente que são 2.600 km -- um pouco menos do que a distância entre Porto Alegre e Porto Seguro, e que além da ida existe a volta. Lembre-se de adequar seu carro às exigências argentinas e chilenas e de adquirir o seguro Carta Verde.

Alandra
AlandraPermalinkResponder

Que tipo de roupa de leva para ir a Santiago em março?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Alandra,

Veja as temperaturas médias em Santiago neste período para adequar o guarda-roupa (ou mala, no caso): http://www.bbc.co.uk/weather/world/city_guides/results.shtml?tt=TT001770

Mirella
MirellaPermalinkResponder

Meu irmão fez essa viagem duas vezes no inverno.
Ele escreveu algumas dicas aqui: http://mikix.com/?p=983
Espero que ajude com alguma coisa smile
Abs

Alandra
AlandraPermalinkResponder

oi Mirella!
Vocês possuem indicações de hotéis para ficarmos em Santiago? Quais outras cidades vocês já ficaram e indicam hotéis?

Muito obrigada pelas dicas!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Alandra! Veja nossa página de hotéis recomendados em Santiago:

https://www.viajenaviagem.com/2010/09/20-hoteis-em-santiago/

Veja também nossa página de Santiago:

https://www.viajenaviagem.com/americas/santiago-ricardo-freire

Diana
DianaPermalinkResponder

Eu fiquei neste aqui e amei: http://www.vilafranca.cl/eng/elhostal/el_hostal.htm

É uma casa, com uns 8 quartos. Você se sente realmente como um convidado, não como um hóspede. É tudo bonitinho, cheiroso... Tem um jardim atrás bom para descansar, tomar um vinho branco... Fui na mesma época que você, estava BEM calor...

Este hotel fica no bairro Providencia... De lá fiz tudo a pé:

- Astrid y Gastón, restaurante de comida peruana fusion chiquérrimo (mas meio caro) fica a uma ou duas quadras;

- Muito próximo fica o Liguria (bar famoso) e uma sorveteria Bravíssimo (peça um Faça su Fiesta e experimente o sorvete de Lúcuma, fruta típica).

- Dá para ir a pé ao Parque Metropolitano, à casa do Pablo Neruda, à Bellavista ( a Cidade Baixa deles, cheia de barzinhos)...

Santiago é muito plano, andar o dia inteiro cansa, mas vale a pena!

Quero ainda voltar lá e pretendo ficar no mesmo hotel.

Diana
DianaPermalinkResponder

Em Vinã Del Mar, Hotel Ágora. Foi um dos mais baratos que achei na época (embora caros para os padrões brasileiros) e achei excelente. Quarto ótimo, e muito bem localizado... http://www.hotelagora.cl/

Perto do Cassino, da Praia, de Barzinhos, do Parque... Tudo a pé.

Detalhe: O Vila Franca (Santiago), não tem estacionamento, a dona deixou a gente estacionar no prédio onde ela morava, na garagem dela (uma querida). É bom combinar antes.

No Ágora a garagem é bem pequena, mas dá para se virar... Naquele esquema, um carro na frente do outro, quando precisa um sair, o outro tira da frente e por aí vai... Mas nunca precisamos deixar o carro na rua...

Ermesto, o pato

Alandra

Tem ótimas dicas de viagens de carro e dicas com a policia argentina, no http://www.4x4brasil.com.br/forum/forumdisplay.php?f=23. O forum é de 4 x 4 ,mas as dicas se aplicam a qualquer veiculo.

Marcela
MarcelaPermalinkResponder

Fiz essa viagem no sentido contrário: Mendoza a Santiago. Consegui comprar as passagens nas primeiras poltronas do andar de cima do ônibus. Esta foi, sem dúvida, a viagem de ônibus mais extasiante da minha vida!

Bruno
BrunoPermalinkResponder

Olá Marcela,

Você poderia me informar qual a numeração destas poltronas que ficam à frente no ônibus? liguei para a Andesmar, mas a ligação via Skype estava muito ruim e não deu para obter essa informação.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Bruno! Há um mapa do ônibus para escolher o assento no site!

Diana
DianaPermalinkResponder

Fui de carro de Porto Alegre ao Chile no ano em 2009.

Na ida fizemos Porto Alegre - Uruguaiana - Córdoba - Mendoza - Vina Del Mar (Com paradinha para almoço em Alegrete). É uma viagem tranquila, você chega ao final da tarde em cada uma das cidades, ainda dá tempo de sair para comer alguma coisa na rua e dar uma passeadinha...

Provavelmente, no entanto, faria mais sentido fazer Uruguaiana - Rio Cuarto - Mendoza... Creio que seria menos km rodados. Mas por Córdoba também não fica ruim não.

Na volta fizemos Santiago - Mendoza - Uruguaiana - Porto Alegre... Aí é para quem gosta de dirigir... Entre Mendoza e Uruguaiana foram muitas horas, das 05h manhã às 22h.

De qualquer forma, é uma viagem que VALE MUITO A PENA. Uma das melhores da minha vida. Cruzar os Andes podendo parar onde se quer não tem preço...

Só não esqueça de ligar as luzes SEMPRE nas estradas argentinas (é lei federal!), faça a carta verde, e leve TUDO que precisa... Perto da fronteira com o Brasil a Polícia Caminera vai parar vocês váááárias vezes.

Para entrar no Chile leva algumas horas, eles são bem criteriosos na fronteira... Nas estradas, no entanto, sem paradas... Parte mais crítica da estrada é a descida dos Andes... Um caracolzão.

Estradas argentinas excelentes, velocidade máxima permitida 110 nas estradas de baixa velocidade, 130 na de alta... tinha muita obra naquela época, os argentinos realmente pareciam cuidar de suas estradas... Nada que atrapalhasse muito. Cenários tranquilos, parecidos com o interior do RS...

Vale a pena! Boa viagem!!!

Thiago
ThiagoPermalinkResponder

Olá Pessoal!
Estou indo para o Chile dia 5 de Fevereiro e fiquei muito interessado em fazer esse passeio até Mendoza. Queria saber se algum de vocês sabem da possibilidadede de alugar uma van saindo de Santiago para fazer esse passeio em família. Estou indo em um grupo de quatro pessoas. O preço será muito maior que o passeio de ônibus? Se alguém puder me responder ficarei muito grato.

Obrigado desde já! Thiago

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Hola, Thiago! Há passeios de um dia organizados vendidos por agências até Portillo, no alto da cordilheira, na fronteira. Pegue um desses. O Comandante atesta que o bate-volta a Mendoza no mesmo dia é loucura!

Thiago
ThiagoPermalinkResponder

Não seria bate e volta a Mendonza, passar uma noite em Mendoza para conhecer um pouco da cidade e voltar no dia seguinte. Um transporte que faça este trabalho.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Alô, Thiago! Você pode negociar isso com alguma operadora de receptivo. Mas tem certeza de que quer fazer uma viagem de 6 horas para ir e 6 horas para voltar em tão curto espaço de tempo? O recomendável neste caso é entrar pelo Chile e sair pela Argentina, ou vice-versa.

http://www.turistour.com/

Vanilza
VanilzaPermalinkResponder

Thiago,

Um bate e volta a Mendoza é muito, muito pouco tempo para conhecer uma cidade tão linda e com tantas atrações. Conhecer alguma vinícula, andar pela cidade, curtir os barzinhos à noite, visitar o Parque do Aconcágua, aproveitar um almoço degustação nas vinículas, comprar vinhos, etc... fiquei 3 dias e meio na cidade e achei pouco.

Marcella
MarcellaPermalinkResponder

Olá Ricardo e pitaqueiros do VnV!!! Tudo bem?
Estou programando uma viagem com a família(eu, meus pais e dois irmãos de 18 e 25 anos) durante o carnaval deste ano, passando por Santiago e Mendoza. Iremos de milhas Tam Fidelidade até Santiago onde pretendemos passar uns 4 dias, e então partiremos de ônibus para Mendoza(seguindo suas dicas =)) para ficarmos mais uns 4 dias. Minha dúvida é a seguinte: Vamos comprar a volta para Santiago de LAN, chegaremos no mesmo aeroporto em que partiremos para São Paulo? Ou teremos que pegar táxi para mudar de aeroporto? Nesta segunda situação, seria melhor pernoitar mais uma noite na cidade já que nosso destino final é Fortaleza?
Outra pergunta: Consigo comprar as passagens do ônibus pela net daqui do Brasil? Ainda tenho que trocar o voucher da internet pelo ticket na rodoviária?
Obrigada pelas dicas preciosas de sempre Ricardo!!! Beijos.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Marcella! O aeroporto de Santiago é um só; vocês vão precisar mudar de ala, mas não vão precisar pegar táxi.

É preciso que os dois vôos tenham um bom intervalo, porque como as passagens não serão vinculadas, se um vôo atrasar você perde o outro sem perdão e terá que pagar as multas da sua tarifa para remarcação.

Pernoitar em Santiago na volta é uma boa maneira de não ficar horas no aeroporto à toa nem arriscar perder o vôo de volta.

Compre a passagem de ônibus online no link que está no post. As palavras em azul são todas links clicáveis.

Vanilza
VanilzaPermalinkResponder

Marcela,
comprei minhas passagens pela Andesmar (de Mendoza para Santiago). Não há necessidade de trocar a passagem impressa por outro ticket na rodoviária. O importante é imprimir tudo (o comprovante de pagamento e a passagem emitida em seu nome e com seus dados pessoais - número do documento, etc.).
Outro detalhe: na época (comprei as passagens para 29 de dezembro) a venda online só ficou disponível 30 dias antes da viagem. Programei direitinho e não tive problema algum para comprar. Consegui, inclusive, comprar as primeiras cadeiras do piso superior.
Boa viagem! Você vai adorar.. Mendoza é apaixonante!

Paola
PaolaPermalinkResponder

Eu fiz esse trajeto de ônibus da mesma companhia, saindo de Mendoza rumo a Santiago e me arrependi amargamente. Não sei se pq fiz num domingo, mas minha travessia não durou as seis horas prometidas, mas umas dez, umas quatro horas perdidas na imigração.
De fato o trajeto é lindo, mas pra nunca mais.

Vanessa Pjevac

Ricardo
Gostaria de me hospedar em um lodge, dentro de um vinhedo em Mendoza. Conheço somente o Cavas Wine Lodge, mas o preço está meio salgado. Você conhece algum outro?
Bjs.
Vanessa

Erica Oliveira

Oi Vanessa,

Alguém respondeu a sua mensagem sobre lodges em vinhedos? Parece fantástico! Eu não vi nenhum comentário em cima do seu. Vou acompanhar atenta. Gostei da ideia!
Abraços,
Erica

ERNANI
ERNANIPermalinkResponder

Ricardo,

Estou indo em agosto para Buenos Aires com mais 2 casais, e iremos também passar 2 dias em Mendoza, posso fazer 3 perguntas:

1º Você nos aconselha a fazer a compra antecipada no site da ANDESMAR, ou compramos no Terminal Retiro em Buenos Aires?

2º Têm alguma dica de um agente de turismo que faça o serviço para visita nas "bodegas de vinho"?

3º A viajem de onibus até MENDOZA é muito cansativa?

Obrigado,

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Ernani! Você pode comprar no site da Andesmar, como fez o Comandante, ou no terminal rodoviário -- da maneira que lhe for mais conveniente. Os ônibus são bastante confortáveis e a paisagem, estonteante. Estando acostumados a viajar de ônibus, não será nada incômodo.

Para saber mais sobre as degustações de vinho em Mendoza, veja este post e não deixe de ler também os comentários:
https://www.viajenaviagem.com/2010/04/uma-degustacao-em-mendoza/comment-page-1/#comments

Valdir
ValdirPermalinkResponder

Ola Ricardo

Vamos em 4 pessoas de Santiago a Mendoza em março, mas gostaria de saber os números das poltronas que devo comprar as passagens (Primeiras poltronas da Parte superior). No site da Andesmar, o layout dos assentos parece não estar de acordo, pois apresenta poucos lugares na parte inferior. Mandei um Email para Andesmar e não me responderam. Voce pode me ajudar?

OBS: A "Vanilza" "31 de janeiro de 2011 às 12:20" Disse que conseguiu comprar mas não informou os números das poltronas.

Grato

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Valdir! Você deve comprar as primeiras poltronas do andar de cima, pois têm janelas à frente e nas laterais!

Valdir
ValdirPermalinkResponder

Mas Ricardo, alguem sabe me dizer os números das poltronas que ficam na frente(andar de cima), pois logo após a terceira foto voce disse que pensou ter comprado a primeira, mas o layout do onibus no site não é igual ao real.

Grato

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Valdir! Seriam as primeiras, mas para ter certeza-certezíssima, entre em contato com a empresa de ônibus!

Vanilza
VanilzaPermalinkResponder

Oi Valdir,
as primeiras poltronas do piso superior são a 10, 11, 12 e 13. No piso inferior são menos poltronas porque os assentos são leitos (especiais). Mas esta informação só vale para os ônibus da empresa andesmar (saída às 7:30 de Mendoza) que eu utilizei em dezembro. Boa viagem!

Angelica
AngelicaPermalinkResponder

Oi Ricardo, parabéns pelo site! Vou para Santiago em Abril e estou aproveitando muito suas dicas p/ organizar minha viagem.
Verifiquei que existem muitas opções no site da Andesmar na hora de comprar a passagem de Mendoza p/ Buenos Aires, mas vc sabe qual delas vai p/ a região próxima ao buquebus? Obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Angelica! A estação central de Buenos Aires é o RETIRO. Marque qulquer outra, e você vai ter que descer no subúrbio...

Gustavo
GustavoPermalinkResponder

Olá amigo, eu estou querendo fazer essa viagem de Santiago para Mendoza em julho, por acaso vc tem alguma informação a respeito de estradas interditadas neste período por causa da neve?
Estou com medo, pois já me falaram que nesta época de inverno as estradas fecham com frequência.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Gustavo! Pode acontecer mesmo e você ter que mudar um pouco os seus planos!

cristina
cristinaPermalinkResponder

Ola boia que ótimas as suas dicas! ADOREI. Estou planejando minha viagem no final de abril 22 a 30 e o roteiro seria santiago - mendoza - santiago. Já estou com as passagens - voo tam.
Vc sugere quantos dias para cada cidade?
Moeda é melhor trocar peso ou aceitam o dolar / cartão?
Abs

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Cristina! Mais dias para Santiago e arredores, menos dias para Mendoza smile Com relação ao dinheiro, veja a fórmula do Comandante! https://www.viajenaviagem.com/2010/10/dinheiro-x-cartoes-no-exterior-minha-receita/

cristina
cristinaPermalinkResponder

Boia aproveitando... meu trecho aéreo é SP-Santiago-SP. Vc acha que vale a pena pagar multa e retornar pela argentina?
tks

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Cristina! Isso depende essencialmente dos seus planos de viagem! Pense direitinho no roteiro que pretende fazer, e chegar a essa resposta não será complicado wink

Você já leu os comentários deste post? São justamente sobre Mendoza e Santiago! https://www.viajenaviagem.com/2007/07/mendoza-e-santiago-pro-thiago/comment-page-1/#comments

tiago
tiagoPermalinkResponder

Ola Ricardo,

Estou em Santiago e farei esta travessia, seguindo seus conselhos, na proxima segunda feira (07/03/11) de carnaval. Comprei a passagem de onibus na andesmar (tambem seguindo seu conselho). Agora me deu uma duvida... Este onibus pego e na rodoviaria central da cidade (terminal de buses santiago)?

Abracos,

Tiago

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Alô, Tiago! Positivo!

Bruno S. Duarte

Olá!

Eu e minha esposa estamos planejando sair do Brasil (BH) com o seguinte itinerário: chegada em Santiago, alguns dias para conhecer a cidade, visita a vinícolas próximas a Santiago, busão ou táxi até Mendoza, alguns dias para conhecer a cidade, visita a vinícolas próximas a Mendoza, avião até Buenos Aires e retorno ao Brasil. Muita "viagem"? Algum sério inconveniente? Antecipo agrdmentos.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Bruno! Chegar pelo Chile e voltar pela Argentina é um esquema que faz total sentido não só no seu roteiro (Brasil-Santiago-Mendoza-Buenos Aires-Brasil) como em vários outros, nos lagos, na Patagônia e na Terra do Fogo.

Como você pode ler neste próprio post, há ônibus fácil entre Santiago e Mendoza. Há trânsfers privados, mas custam bastante caro.

Fernandes
FernandesPermalinkResponder

Olá pessoal alguem sabe me dizer qual a comfiguraçao dos onibus da Argentina, rumo ao chile (Andesmar ou Cata Internacional) quais os numeros dos primeiros assentos superiores (frente)

Aradeço antecipadamente.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Fernandes! Você pode checar no site da CATA Internacional: http://www.catainternacional.com e da Andesmar: http://www.andesmar.com

Será exibido um mapa do ônibus no processo de compra.

Carolina
CarolinaPermalinkResponder

ola, pretendo fazer uma viagem com uns amigos em julho para a argentina de lá seguir para mendonza e dapois santiago. Gostaria de saber se as passagens mendonza - santiago são tbm entorno de 50 reais, se vc sabe o preço das passagens e o tempo de viagem de buenos a mendonza?!?!?...gostaria tbm de saber sobre os preços de comidas em santiago e mendonça!?!?!?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Alô, Carolina! O preço varia em relação ao nível de conforto do ônibus e do assento. Você pode se informar sobre os valores e tempo de viagem nos sites da CATA Internacional e Andesmar, as empresas que fazem o trajeto:
http://www.catainternacional.com/
http://www.andesmar.com/

Sobre a alimentação, não deixe de ler as ponderações do Comandante! https://www.viajenaviagem.com/2011/03/quanto-vou-gastar-em-alimentacao/

Fábio Bandeira

A viagem é excelente, ônibus confortável, servem 02 lanches no percurso.
PS1. Na compra das passagens pela internet, apenas oriente-se pela localização das TVs, que não tem erro;

Ps: Os onibus da Empresa EL Rápido, as cadeiras das frentes são bem amplas, espaçosas, contudo, a empresa constuma fixar cartazes de publicidade que comprometem a visão do passageiro.

Ricardo
RicardoPermalinkResponder

Ricardo
Elaborei o seguinte roteiro de viagem:

São Paulo - Montevidéu (AVIÃO)
Montevidéu - Colonia (ÔNIBUS)
Colonia - Buenos Aires (BARCO)
Buenos Aires - Mendoza (ÔNIBUS)
Mendoza - Santiago (ÔNIBUS)
Santiago - São Paulo (AVIÃO)

Pensei em ir na segunda quinzena de maio. Vou fazer algumas pesquise e volto a comentar por aqui provalmente com duvidas.

Seu blog é muito bom
att

Ricardo

Ana Carolina
Ana CarolinaPermalinkResponder

Ricardo: se eu puder me meter, será que não é melhor ir de avião de Buenos Aires a Mendoza? É longe...

Ricardo
RicardoPermalinkResponder

Então Ana pensei em viajar a noite, assim economizo uma diária de hotel smile .

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Ricardo! O roteiro é perfeito. Leve apenas em conta que a viagem de Buenos Aires a Mendoza leva 12 horas em ônibus (e 1h20 em avião).

Ricardo
RicardoPermalinkResponder

Ricardo

Trabalhei melhor no roteiro e gostaria de uma opinião sua com relação á quantidade de dias.

Montevideo 4 Noites
Colonia 1 Noite
Buenos Aires 2 Noites
Mendoza 2 Noites
Santiago 5 Noites

Total 14 dias

A quantidade de dias está adequada para cada cidade? Obs: Buenos Aires eu já conheço.

Valeu

Ricardo

Ana Carolina
Ana CarolinaPermalinkResponder

Ricardo: que roteiro gostoso! Eu só tiraria 1 noite (ou duas) de Montevidéo e colocaria em qualquer outro destino (em Mendoza para a recuperação da viagem, wink).

Ricardo
RicardoPermalinkResponder

Boa Ana ....vou fazer exatamente isso.
Valeu !!!!!

Rômulo
RômuloPermalinkResponder

...Um dia em Colônia é suficiente. Mas lembre-se de conhecer a cidade mesmo, que tem lugares que valem a pena. A maioria das pessoas só vai na parte antiga e abandona o restante. Você pode fazer o trajeto de ônibus mesmo ou alugar uma espécie de mini-carro.

Raquel
RaquelPermalinkResponder

Oi Ricardo,

Gostaria de saber se o ônibus da Andesmar tem alguma parada durante o percurso(lanchonete, restaurante, etc). E qual a melhor poltrona.

Fiquei sabendo que a CATA gasta uma hora a menos para fazer o mesmo percurso. Você saberia me dizer se isso é por conta das paradas.

Obrigada

Vanilza
VanilzaPermalinkResponder

Oi Raquel,

Não há paradas durante a viagem, com exceção da Aduana, quando todos têm que descer do ônibus e retirar malas e pertences para revista e procedimentos da imigração.

Carolina
CarolinaPermalinkResponder

muito obrigada boia!!!

Giulliana e Helladio

Oi Ricardo, adorei ter visto sua experiencia, eu e meu namorado iremos a Santiago dia 04/06, vamos passar 6 dias por lá e incluimos Valparaiso e vina del mar no mesmo roteiro, mas depois que meu namorado viu sua experiencia, ele nao tira da cabeca a ideia de ir tambem a mendoza de onibus, vc acha que vale a pena pelo tempo q iremos passar em santiago? Agradeco a atencao!

Andre L.
Andre L.PermalinkResponder

Acho pouco tempo. Desse jeito, vcs mal vão aproveitar Santiago! Com 6 dias inteiros (sem contar o dia da chegada e da partida), eu só incluiria Valparaíso e Viña del Mar, e já tá bom demais.

marcia
marciaPermalinkResponder

voce tem alguma dica de hospedagem em Valle Nevado? Vale a pena ficar la umas 3 noites? E Valparaiso e Vina del Mar? Seria bom passar 1 noite em cada cidade?
Obrigada,

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Marcia! Valle Nevado tem um complexo de 3 hotéis, entre no site. Para economizar existem hotéis mais baratos em El Colorado. Na temporada há estadias mínimas.

Leia:
https://www.viajenaviagem.com/2010/07/santiago-com-neve-um-dia-entre-valle-nevado-e-farellones/

Valparaíso e Viña del Mar são vizinhas e ficam a 1h30 de Santiago.

Leia:
https://www.viajenaviagem.com/2010/04/valparaiso-surpreendente/

marcia
marciaPermalinkResponder

Sou eu de novo Ricardo,
Gostaria de saber como voce dividiria se tivesse 8 dias inteiros para ficar em Santiago (sei que 8 dias e muito para la, entao penso em Valparaiso. vina del Mar, Valle Nevado e etc). Quantos dias para cada? E se tivesse 12 dias ? Como ficaria seu roteiro pela regiao? Estou indo em Julho e ainda nao decidi o dia da volta.Obrigada mais uma vez.

Marcia

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Marcia!
Aqui quem responde é A Bóia.
Infelizmente o Ricardo Freire não pode analisar roteiros individuais.

Leia:
https://www.viajenaviagem.com/americas/santiago-ricardo-freire
https://www.viajenaviagem.com/2010/04/expedicao-zig-zag-chile-argentina-todas-as-aventuras/

Valdinho Pellin

Olá Márcia:
No fim do ano passado e inicio desse ano fiquei 12 dias no Chile. Dividi da seguinte maneira:
5 dias em Santiago
3 dias em Vinã del Mar ( Vinã é muito legal e é um pecado fazer Vinã e Valparaiso em um único dia como a maioria dos tursitas faz. Fiquei 3 dias lá e em um destes dias dei um pulinho em valparaiso de metrô mesmo)
Na sequencia, em Vinã del Mar peguei um ônibus e Fui a Mendoza (ARG) e fiquei 3 dias em Mendoza ( a cidade é muito legal e vale muito a pena. Vc pode fazer vários tours e esportes se preferir)
Depois voltei de Mendoza a Santiago e fiquei um dia em Santiago para o dia seguinte voltar ao Brasil.

Em Santiago tudo é muito tranquilo, a transporte público funciona muito bem e vc faz tudo em 4 dias tranquilamente. No entanto como vc quer ir ao Vale Nevado pode ficar 5 dias.
Abraço

Débora
DéboraPermalinkResponder

Olá pessoal,
Fiz um relato sobre a viagem a Santiago e Mendoza no meu blog:
http://tudodedebora.blogspot.com/
Se tiverem dúvidas, sintam-se à vontade para perguntar.
Abraços

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar