Grand Palladium Imbassaí, um all-inclusive com rio e mar

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Grand Palladium Imbassaí

O Grand Palladium Imbassaí é mais um gigante espanhol do all-inclusive instalado na Bahia. E mais um gigante espanhol do all-inclusive desembarca na Bahia (desde o finzinho de 2010). É um resort que concorre na faixa de luxo. Seus pontos fortes são o conforto (todos os apartamentos são suítes júnior, com salinha integrada) e os restaurantes à la carte (que não exigem reserva). Outro diferencial é o clube para bebês de 1 a 3 anos. O entretenimento noturno também é superproduzido.

A localização

Grand Palladium Imbassaí

Está dentro do condomínio fechado Reserva Imbassahy, menos de 2 km ao norte do vilarejo de Imbassaí, no começo da Linha Verde baiana. O aeroporto de Salvador está a 67 km; o Pelourinho, a 100 km; a Praia do Forte, a 12 km. Caminhando pela areia, em meia hora você chega à praia de Imbassaí, onde um rio corre paralelo à praia, formando uma península de areia com praias de rio e mar.

A praia

Grand Palladiium Imbassaí

Grand Palladium Imbassaí

De mar aberto, com ondas e repuxo. É mais segura na maré baixa. Em época de estio prolongado, tem águas verdes; se chover, pode turvar. Para chegar à praia é preciso pegar uma jardineira elétrica que faz o vaivém por uma ponte que atravessa uma área de preservação de restinga e mangue (perto do mar, a paisagem é muito parecida com a da Costa do Sauípe). Há um bar sobre palafitas junto à areia; o Grand Palladium é provavelmente o único resort com um bar completo montado na praia.

As instalações

Grand Palladium Imbassaí

O resort segue o desenho clássico do gênero, com a recepção recuada no terreno. No mesmo andar do lobby estão o teatro (ao lado da recepção), o ponto de internet, as lojas e a boate; no andar de baixo você encontra os restaurantes. Uma passarela coberta leva ao restaurante do dia, que está ao lado da piscina.

Grand Palladium Imbassaí

Os apartamentos estão distribuídos em 11 blocos de três andares, sem elevador. Muitos deles circundam a piscina. O kid's club está ao lado da piscina. O spa e as quadras de esporte ficam nos fundos do terreno, à esquerda (de quem olha para o mar) da recepção.

Grand Palladium Imbassaí

O hotel é cortado por uma área de preservação de restinga e mangue, atravessada por uma ponte. A ida à praia pode ser feita a pé (menos de 10 minutos) ou de jardineira (que parte a todo momento). Por enquanto por ali só há restaurante e bar, mas o projeto prevê a construção das suítes master próximas ao mar.

Grand Palladium Imbassaí

Os apartamentos

Grand Palladium Imbassaí

Bastante luxuosos. Todos os 650 apartamentos são suítes júnior, com saletas integradas e sacada (sem rede). O frigobar vem abastecido e está incluído. Os banheiros têm banheira. Nos apartamentos com cama de casal há uma janela de correr entre a banheira e o quarto.

Grand Palladium Imbassaí

Grand Palladium Imbassaí

Os blocos são chamados "vilas". A mais bem-localizada é a Vila 21, que fica ao lado da piscina calma e do spa. As vilas mais resguardadas da piscina principal são a 21, 25, 26, 13 e 14. Também são silenciosos o dia inteiro os apartamentos vista mar das vilas 24 e 15, e os vista mata das vilas 22, 11 e 12.

Piscinas

Grand Palladium Imbassaí

A piscina principal é do tipo mega, com muitos nichos e profundidades diferentes. A zona do bar molhado é a preferida dos monitores para as atividades adultas. As atividades infantis ficam na parte rasa, que está em frente ao kid's club.

Grand Palladium Imbassaí

Grand Palladium Imbassaí

Grand Palladium Imbassaí

Para quem quer piscina mas não quer animação, há uma menor, tranqüilíssima, nos fundos da Vila 21. Ali não se permitem crianças (e há um bar funcionando também).

Grand Palladium Imbassaí: piscina dos adultos

O spa também tem a sua piscina, aberta a todos os hóspedes (veja mais abaixo).

Kid's club

Grand Palladium Imbassaí

Fica de frente para a parte infantil da piscina principal. Depois da inauguração foi acrescentado um clube para bebês, com monitoramento para os pequenos de 1 a 3 anos.

Grand Palladium Imbassaí

Copa do bebê

Está localizada no Kid's Club.

Refeições

Grand Palladium Imbassaí

O café da manhã e o jantar são servidos no buffet do restaurante principal; o almoço, nos buffets dos restaurante da piscina e da praia. Todos são extensíssimos e com todas as estações a que têm direito.

Na estação de ovos e tapioca há omeletes, ovos pochê, ovos cozidos e tapiocas prontas, para quem não quer ficar na fila das tapiocas fresquinhas.

Grand Palladium Imbassaí

Na noite que passei por lá havia várias especialidades espanholas no jantar: tortilla, paella e... fideuá, o macarrão com frutos do mar típico da Catalunha.

Grand Palladium Imbassaí

Mas o pulo do gato do Grand Palladium está nos seus restaurantes à la carte. São três: um japonês, um indiano e uma churrascaria rodízio. Ao chegar, informe-se sobre as regras vigentes para reserva.

Grand Palladium Imbassaí

Grand Palladium Imbassaí

Eu fiz o seguinte: comi um sashimizinho de entrada no japa e depois fui aos pratos principais e sobremesas do restaurante principal mrgreen

Grand Palladium Imbassaí

Grand Palladium Imbassaí

Entre as refeições há buffets de petiscos, saladas, frutas e fast food nos restaurantes da piscina e da praia.

Grand Palladium Imbassaí

Bebidas

Grand Palladium Imbassaí

Na inauguração, o chopp era Kaiser e os refrigerantes, da Coca-Cola. Se este é um item essencial na sua decisão, sugiro comunicar-se diretamente com o hotel para saber o acordo atual.

Entretenimento noturno

Grand Palladium Imbassaí

Grand Palladium Imbassaí

Grand Palladium Imbassaí

Há shows todas as noites (na minha noite, era de números de dança), num grande teatro junto ao lobby. Depois que acaba o show, a boate começa a funcionar.

O spa

Grand Palladium Imbassaí

Tem um pequeno complexo de piscinas com hidromassagem. O uso das dependências externas está incluído na hospedagem. Só os tratamentos são pagos à parte.

A sala de ginástica

Grand Palladium Imbassaí

Está ao lado do spa. Também tem acesso incluído.

Um cantinho

Grand Palladium Imbassaí

A estrutura de praia, totalmente à parte do hotel. O bar poderia estar em Trancoso.

Grand Palladium Imbassaí

O hotel Grand Palladium, em Imbassaí...

  • É para você: que curte um resort animado, e que não se incomodaria com um pouco mais de conforto grin
  • Talvez não seja pra você: que faz questão de um acesso mais direto à praia, ou que procura uma praia mansinha.

Grand Palladium Imbassaí

Site oficial: aqui.

Leia mais:

1204 comentários

Lisa
LisaPermalinkResponder

Bem, meu marido e eu (casal de 58 anos) estamos estou procuranto um hotel no nordeste para janeiro , com um bom serviço, pé na areia, praia boa para banho, com comida de qualidade.
Entendi pelo seus comentários que devo fugir dos resorts all inclusive.
Estivemos no Tivoli Eco Resort (sistema de meia-pensão) e ele nos atendeu perfeitamente.
Vc tem alguma boa sugestão com este perfil?
Obrigada

Ricardo Freire

Nannai, Transamérica Comandatuba, Arraial d'Ajuda Eco Resort. A praia do Tivoli é melhor do que a de todos esses.

https://www.viajenaviagem.com/brasil/resorts

Helenita Goés

Voltei do Grand Palladium esse fim de semana.Tenho 65 anos e viajei com um grupo da terceira idade.Estou muito satisfeita com o hotel,inclusive com toda equipe de animação em especial a gerente Cinara que nos proporcionou alegria,entusiasmo e com sua gentileza montou uma equipe de monitores para ministrar aulas de artesanato.O nosso grupo é composto de 45 componentes da terceira idade,para essa viagem compareceu apenas 20,como foi muito satisfatório estaremos voltando com todo nosso grupo em janeiro.Para a nossa idade o lazer do hotel foi magnífico.A apresentação dos shows no teatro foi maravilhosa,a postura e a disciplina na voz,e por fim assistimos a um show de ótima categoria.Com certeza voltaremos e recomendo para família em geral.Cinara aqui deixo o nosso muito obrigada !

Ana Joaquina
Ana JoaquinaPermalinkResponder

Boa noite gostaria de saber o que você quis dizer com essa frase:Um cantinho. A estrutura de praia, totalmente à parte do hotel. O bar poderia estar em Trancoso.

Ricardo Freire

"Um cantinho" é uma seção presente em todos os posts desta série de resorts. Quero dizer que a estrutura de praia não lembra a de um resort, mas a de um ótimo restaurante de praia, e que o bar de praia é suficientemente charmoso para você se sentir num bar de praia de Trancoso.

Jussara
JussaraPermalinkResponder

Olá, Ric,
Peço licença apenas para ratificar a sugestão da Bianca e da Halyne para quem vai precisar de transfer. Eu utilizei os serviços do sr. Valdecio Franco ( www.valdeciofranco.com.br ) em outubro último e gostei muito. O atendimento já é atencioso desde o contato por e-mail, e pessoalmente é bastante simpático tb. Foi o melhor preço que consegui (meu trajeto foi Salvador-Praia do Forte), mas acredito que para fazer Salvador-Imbassaí o preço não seja muito diferente. Resolvi comentar porque acho legal divulgar bons serviços prestados. Valeu.

Lori
LoriPermalinkResponder

Ricardo:
Gostaria de dirimir uma dúvida, pois não consigo subir escadas, embora não seja cadeirante. Na sua resenha você diz: "Os apartamentos estão distribuídos em 11 blocos de três andares, com elevador" e mais tarde nos comentários Marcia (12 nov) pergunta e vc e a representante do hotel respondem que não há elevadores. Estão se referindo a alas diferentes do hotel ou não há mesmo nenhum elevador no hotel?
Desde já, obrigada.

Ricardo Freire

Eu errei. É sem elevador.

lisa
lisaPermalinkResponder

Ricardo, o.k e obrigada, estava na esperança de ter uma ala com elevador...

Rodrigo Lima
Rodrigo LimaPermalinkResponder

O Gran Palladium é atualmente o melhor resort All-inclusive do litoral baiano. E digo isso de um resort com apenas 60 dias de funcionamento. De todos os resorts - incluindo aí os que não são all-inclusive- é sem dúvida, o que possui os quartos mais luxuosos. Todas as suites possuem banheira de hidro e, tanto o quarto quanto o banheiro, são todos revestidos em granito/marmore de primeira linha. Um luxo só!
Sobre restaurante da piscina master, acho uma falta de educação os hóspedes levarem alimentos pra dentro e borda da piscina. É de uma falta de higiene sem tamanho,pois derramam farofa e restos de comida na água.Deveria ser extremamente proibido comer dentro ou na borda da piscina. O resort deve estar atento a isso.
A piscna reservada para adultos é o que há de melhor no resort. Não só pelo nível das pessoas que a frequentam, mas pelo excelente repertório musical que passeia pelo melhor do jazz e blues mundial, como também pela eficiência das atendentes Polliana e Andréa no bar dessa piscina. O único desagradável foi ver hóspedes insistirem na falta de educação em querer entrar com crianças nesse espaçco,mesmo sabendo que essa piscina é dedicada exclusivamente para adultos. O resort tb tem que estar atento a isso e deixar avisado na hora do check-in.Ah, outra falha do resort é não colocar bebidas como o Black Label, Amarula e Absolut nessa piscina, que possui somente pessoal adulto e de melhor nível.
O restaurante indiano é o melhor dos restaurantes temáticos. O japonês é bem limitado. Vale lembrar que o jantar do buffet tb é de ótima qualidade, o mesmo acontecendo com o café da manhã.
Por estar na Bahia, e não tendo snacks na piscina adulto, o resort tb poderia colocar uma baiana de acarajé para os frequentadores da piscina adulto.
A boate do Palladium é a melhor entre seus concorrentes. O bar bossa nova é de excelente bom gosto e boa música. Quem tira o brilho do local são hóspedes mal-educados, que insistem em entrar em galera e falarem em tom alto, visivelmente embriagados, tirando o sossego daqueles que escolheram esse bar pra ouvir as variaveis da bossa-nova sendo executada ao vivo em um belo piano de calda.
O bar do lobby tem um balcão extenso,mas apenas 2 pessoas atendendo, deixando assim o atendimento lento e ruim:ponto negativo.
O Sport Bar que serve guloseimas na madrugada tb é deficiente e de mal-qualidade.Nesse quesito tanto o Vila Galé quanto o Iberostar, servem alimentação bem melhor na madrugada.
O restaurante da praia tb é excelente para um jantar à dois, sentindo a brisa do mar e com aquelas tochas acessas na areia e, também, acompanhado de boa música e uma boa lagosta com espumante brut. Nota 10!
O spa tb é excelente, assim como a academia. O que peca, mais uma vez, é a falta de educação desse povo pobre de educação, que insiste em urinar dentro do ofurô, deixando pra quem chega no spa no final da tarde, encontrar o ofurô com a água num mau-cheiro insuportável.
Pra ficar 100% perfeito e diferente dos outros concorrentes, o Grand Palladium poderia deixar uma garrafa de espumante no frigobar no primeiro dia de hospedagem. Do mais, é sem dúvida o melhor resort para o verão 2011. Super recomendo!

Marcelo
MarceloPermalinkResponder

Boa noite, amigo.
Obrigado pelas dicas e, sinceramente, adorei a idéia da espumante.

Bianca Morbeck

Estou indo ao GP hoje e ainda não obtive resposta à minha pergunta com relação ao horário do check-in.

Ricardo Freire

Você fez a pergunta ontem às 17h40. Eu respondi às 18h50, horário do Brasil, junto com todas as outras perguntas acumuladas até aquele momento.

https://www.viajenaviagem.com/2010/10/resorts-all-inclusive-no-nordeste-grand-palladium-imbassai/comment-page-2/#comment-104326

Só estou indicando a resposta porque deu trabalho para responder e é uma pena que não seja aproveitada. Mas saiba que se a resposta não tivesse sido dada, aí sim é que não seria, porque é muita falta de educação achar que alguém aqui tem a OBRIGAÇÃO de responder alguma pergunta. Boa viagem.

gabebritto
gabebrittoPermalinkResponder

Caracas, meu, que gente sem noção!

Carla
CarlaPermalinkResponder

Não entendo porque uma pessoa que está tão desesperada por uma resposta não vai diretamente à fonte, ou seja, não escreve ou telefona pro hotel!!! shock

Alice
AlicePermalinkResponder

Incrível. Incrível mesmo.

Aline
AlinePermalinkResponder

Começa a cobrar as dicas p gente sem educação!!!

Thyago Portela

Não tem como banir esse povo não?

Gabriela
GabrielaPermalinkResponder

IMPRESSIONANTE a pergunta dessa pessoa.... meu deus do céu...

Helena Aguiar
Helena AguiarPermalinkResponder

Comprei a viagem para o GP e logo fiquei entusiasmada com as fotos que vi no site. Achei estranho foi ler alguns comentários bem ruins de pessoas que se hospedaram antes. Pensei: será? Enfim, decidi ir e sem me deixar influenciar negativamente, prefiro ter a minha opinião. E agora repasso a quem tiver interesse: Aqui e tudo de bom! Escrevo nesse momento a beira da piscina desse resort maravilhoso. Eu e minha familia estamos satisfeitos, inclusive filhos de 9 e 18 anos. Super recomendo aos próximos hospedes!! O que vemos: hotel lindíssimo, quartos luxuosos, boa e variada comida, funcionários atenciosos e esforçados e uma super estrutura mesmo!
Amei o restaurante indiano! Já fomos 2 vezes. Eu prefiro pensar e esperar sempre o melhor dos lugares que escolho, pois tiro ferias para descansar, relaxar e me divertir. Temos conseguido tudo isso no Grand Palladium. Boa sorte a todos.

Aryelle
AryellePermalinkResponder

Olá Ricardo,

Nao acredito que uma pessoa cobre dessa maneira a sua enorme gentileza de dividir conosco sua enorme bagagem de conhecimento!!!!
ótima resposta!

Val
ValPermalinkResponder

aff...liga pro hotel, ué...

desde qdo isso é pergunta pra blog???

Amaro - Recife

Bianca,

da próxima vez contrata um bom agente de viagens. Tem gente bastante competente no mercado...

Luciana
LucianaPermalinkResponder

Cada folgado que aparece...

Eunice
EunicePermalinkResponder

Riq, talvez eu seja muito paranóica, mas minha intuição me diz que esse tipo de pergunta é pura provocação e não uma pergunta de viajante. É muito difícil acreditar que haja alguém tão sem noção assim. Uma politica que pode ser eficaz e menos desgastante seria ignorar completamente pergunta desse tipo.

Letícia
LetíciaPermalinkResponder

Riq, estou com a Eunice, vc deveria começar a ignorar essas perguntas "sem noção"!!! Acho que tem pessoas que caem de para-quedas mas outras acho que fazem so para te irritar!!! Aproveita sua viagem!!! Abraços

Rodrigo Lima
Rodrigo LimaPermalinkResponder

Bianca, seria mais rápido, inteligente e eficiente da sua parte, obter tal informação diretamente com o resort ou quem lhe vendeu o pacote.

E como bem postou Ricardo, aqui é um local de troca de informações espontâneas e não obrigatória.

Apesar da chuva que cai sobre a Bahia esse FDS, curta bem o Grand Palladium.

Simone Lobo
Simone LoboPermalinkResponder

Concordo com a Eunice que o melhor seria ignorar, mas, se eu li e fiquei com raiva, imagino você, Riq. Falta de educação não tem desculpa, eu não me conformo com isso. Mas é realmente melhor não gastar energia boa com esse tipo de coisa.

Luis Miguel
Luis MiguelPermalinkResponder

Olá ,vou viajar para GPalladium para passar 10 dias de férias mas já estou arrependido e não posso marcar noutro Hotel
Como diz o Rodrigo Lima ,(as pessoas que frequentam esse hotel GP,são de maioria Brasileiros, 85% ),não têm educação ,ñão sabem estar ,nao tem maneiras e tem falta de higiene.
O hotel devia ser firme e expulsar essas pessoas que não cumprissem as regras do hotel.

zuzu
zuzuPermalinkResponder

Que frequencia... Os unicos all inclusive que eu fui nao vi gente assim nao...nao aguento mais essa fixacao em quantidade de comida e bebida de tantos hospedes!
O povo so pensa em comer nao stop, parece que nunca viu comida !

Marcelo
MarceloPermalinkResponder

Boa noite, Zuzu.
Já estive em vários Resorts e, na minha mais sincera opinião, todos são assim, sim.
Em parte, desorganizados, os funcionários na sua maioria insatisfeitos e por aí vai. Entretanto, entendo o posicionamento e queixa das pessoas, óbviamente que não espero comer lagosta no almoço e jantar, caso o contráio, não procuraria um All Inclusive, entretanto, é muito chato não ter a fruta que você escolheu para fazer a batidinha, saber que o leite condensado acabou...falta de reposição e comidas remechidas nos self service e etc...
Agora, gosto muito desse site e o aproveito bem, porém, fica o meu relato, acho o Ricardo Freire um pouco tendencioso e não tão transparente em suas opiniões...sei lá, talvez seja apenas uma má impressão, entretanto a opinião dos frequentadores ajuda muito.

Ricardo Freire

Marcelo, não sou público-alvo de resort. No início da série eu deixei claro que faria um panorama dos resorts mostrando as especificidades de cada um, não a minha opinião sobre cada um. A caixa de comentários estaria aberta para que as pessoas relatassem suas experiências, que são muito mais valiosas -- afinal, elas ficam mais tempo do que eu, vão com crianças, experimentam os resorts com lotação maior do que as que eu peguei.

Eu só entro de vez em quando para aparar alguns exageros. E agora que terminei a maratona vou fazer um post sobre o que esperar de resorts e de all-inclusives. Que também estará aberto a comentários, evidentemente.

zuzu
zuzuPermalinkResponder

Olha eu nao acho o Riq nada tendencioso nao. Acho que ele foi super objetivo e ajuda bastante. Eu só fiz este comentário em virtude de um outro relato falando do mal comportamento de hóspedes numa determinada semana. E também, vejo que em navios e all - inclusives , as vezes, impera a filosofia do "all you can eat". Nao generalizo, e lógico que também nao sou favorável ao mal atendimento.
Os posts, como o Riq disse, estao abertos a comentários, se ele fosse tendencioso, tivesse que agradar , nao haveria comentários, ou apagaria os que nao sao elogiosos.
Além disso, concordo com o Riq, no Brasil , all inclusives sao considerados, erroneamente, empreendimentos de luxo. Luxo, prá mim, é um hotel pequeno, com atendimento dedicado, em que os hóspedes sao chamados pelos nomes. Mas costumam custar no mínimo 3 a 4 vezes os valores de um all inclusive.
Nada disso justifica o péssimo atendimento recebido por voces. Eu nao iria prá lá.

Marcelo
MarceloPermalinkResponder

Cara Zuzu, você está repleta de razão quanto aos All Inclusive, realmente não são hotéis de luxo, entretanto também não são hoteis baratos, assim como você, penso que as pessoas não devam se ater única e exclusivamente ao ítem alimentação, entretanto ítens básicos são ítens básicos e, segundo os relatos, o hotel não consegue vencer a demanda, deixando de repor os self service, deixando faltar ingredientes simples para drinks de piscina e etc.
Sou do tipo de pessoa que costuma frequentar All Inclusive, porque sinceramente gosto do esquema, pois tenho filho e etc, acho que tenho uma boa experiência nestes, entretanto jamais ouvi tais absurdas reclamações.
Mas enfim, como já tenho minhas reservas, vamos pagar para ver. Agora uma coisa que eu acho, é que as pessoas tem que chegar no espírito de férias, tentando não apontar defeito em tudo o que não lhe agrada, mas sim valorizando o clima local, as belezas naturais, o grande número de pessoas de várias localidades do Brasil e do mundo e por aí vai, ou seja, coisa que não acontece nesses hotéizinhos que te chamam até pelo nome, pelo fato de estarem hospedados meia dúzia de hóspedes.
Quanto ao Ricardo Freire, o site ajuda bastante.
Boa noite

Cristiane
CristianePermalinkResponder

Um julgamento, uma análise, uma crítica ou mesmo uma simples opinião para que sejam, de fato, imparciais e coerentes devem ter como requisito básico a ponderação. Em razão disso, antes de expor tudo que vi e percebi, quero deixar claro que fiz as devidas atenuações e subtrai o máximo que pude os conceitos negativos em razão do Grand Palladium ter sido recentmente inaugurado e a busca pelo acerto ainda ser esperada. Contudo, a minha estada no ressort foi decepcionante. Ninguém deseja que um all inclusive signifique " excesso de comida", "desperdício", ou mesmo "tirar a barriga da miséria", mas o que vi me chocou. Tomar uma simples caipiroska tormou-se uma aventura no deserto. Em um bar não havia açúcar, em outro não havia fruta, quando finalmente consegui no bar da piscina a tão almejada caipiroska ela teve que obrigatoriamente ser de manga, pois não havia outra fruta e mesmo a malfadada manga já estava escassa.Índaguei a um dos barman se não havia reposição diária do estoque ao que ele respondeu que já havia solicitado a reposição algumas vezes, mas que até aquele momento nada havia acontecido.Aquele momento era 16h de um sábado em um ressort. Inaceitável, portanto.Mas isto não é tudo.Na verdade, isto é só o começo. O frigobar da nossa suite estava com problemas no termostato e não gelava.Até aí, nada que uma simples e diligente manutenção não resolvesse.O problema é que a "manutenção" bateu na nossa porta às 02 da MADRUGADA.Isto mesmo, às 02h da madrugada e o pior para verificar o que haviamos dito e nada mais.Uma vez que saímos do ressort e deixamos o problema do frigobar do mesmo jeitinho que encontramos:Inoperante. Se tudo isso ainda não for suficiente para que seja percebido a extensão das falhas gerenciais do ressort, narrarei um lamentável episódio que nos ocorreu no restaurante indiano.Fomos em número de seis pessoas- dois casais e duas crianças. Fizemos a reserva no indiano para às 20:30.Ocorre que o show infantil atrasou - e muito- e às 20h quando percebemos que iríamos atrasar para o jantar fomos imediatamente verificar a possibilidade de alterar a reserva para mais tarde.Foi , então, que percebemos o nível de despreparo dos funcionários do ressort.A senhora Iria(responsável pelo restarurante) nos tratou como pedintes ( aliás, diga-se de passagem, ainda que fossemos pedintes, tal tratamento não se aplicaria).de forma intrasigente, absurdamente inflexível e muito, muítissimo pouco cordial nos disse que a nossa reserva seria suspensa e que nada poderia fazer porque o restaurante estava cheio. Nada nos restou a não ser nos dividirmos de modo que nós, as mulheres ficassemos no restaurante aguardando e os homens ficassem com as crianças até acabar o show. Detalhe : O restaurante não encheu, pior ainda: sua ocupação reduziu-se a menos de 30% da sua capacidade e ela, a funcionária, continuou mnantendo-se intransigente, pouco solícita e muito, muito inapta a lidar com os hóspedes.A nossa desventura no Ressort não acaba por ai, faltou variedade no cardápio apresentado, faltou reposição de estoques dos alimentos e da bebida, faltou cortesia dos funcionários para com os hóspedes (os funcionários pareciam exaustos e demonstravam que estavam insatisfeitos, o que é péssimo em um local de distração,onde a máxima é trabalhar satisfeito e para tanto, o funcionário deve ser valorizado),faltou cortesia do fotógrafo que tirava as fotos dos hóspedes e demonstrava impaciência e intolerância com as crianças ao tirar as fotos, enfim....há muito o que melhorar, mas deixo aos demais hóspedes o direito da narrativa, uma vez que vi muitos indignados e decepcionados assim como nós.
Com tudo isso, acredito que o Grand Palladium tenha tudo para ser um empreendimento de alto nível no futuro, pois a estrutura do Ressort é maravilhosa, as suítes são muito bem pensadas e confortáveis e o local é belíssimo.Tudo pensado com bom gosto, falta apenas ajustar tudo isso a um gerenciamento eficiente.

Cicero Santos
Cicero SantosPermalinkResponder

Muito obrigado a todos que escrevem aqui PARA AJUDAR COM AS SUAS INFORMAÇÕES.

Juçara
JuçaraPermalinkResponder

Retornei do Grand Palladium domingo, dia 12 de dezembro. Tive boas e más impressões do Resort, mas digo que saí de lá encantada com o luxo e glamour do local. Começarei falando dos quartos que são lindíssimos, todos com banheira de hidromassagem, e eles ficaram atentos até no detalhe de colocarem um varal na varanda, um charme! A boate é muito boa, a melhor de todos os resorts que já fui, música boa, animada, ótima! O local reservado onde fica a praia e o rio é PERFEITO, lindo, lindo. Agradabilíssimo!!!!!!!! Achei os funcionários educados e eficientes. O que não gostei do GP foram as comidas. O lay-out do restaurante buffet pecou pois as comidas ficam em locais espaçados, distantes uns dos outros. Foram os mesmos lanches todos os dias(pizza, cachorro-quente e hambúrger), sobremesas fraquinhas, sem variedade, sempre as mesmas. O refrigerante HORRÍVEL, aquele de bomba, que fica com gosto de refrigerante sem gás...argh! Drinks mal feitos. Poucos funcionários nos bares, acreditem apenas 1 para preparar as bebidas. Ficavam doidinhos coitados.... Enfim, apesar de tudo isto, acredito que havendo uma reestruturação na cozinha este Resort ficará 100%. Gente ele é lindo demais!!!!!!!!! É puro luxo!Fui no restaurante temático Brasa e Sal, fraco, fraco, e fui no REstaurante da Praia, mas a comida não foi gostosa, falta criatividade, sabor...

ANTÔNIO SOARES

Sou daquele tipo que curte ir a Ressorts. Já fui ao Ibero, ao Vila Galle, ao Costa de Sauipe, ao Tivoli, enfim.... O Grand Palladium tem uma estrutura condizente com os demais, mas todo o resto necessita de completa restruturação, reavaliação, repaginação( e olhe que acabou de nascer)...Fiquei decepcionadíssimo com o tratamento dado aos hóspedes, com a baixíssima qualidade da comida, com o excesso de regras inoportunas e absurdas, enfim, respeitando-se o fato do tempo natural e necessário a adequação, o Ressort deixa muito, muito a desejar. Contudo, os quartos são confortáveis e muito bem pensados, há bom gosto em tudo. Falta apenas gerenciamento adequado!!!!Para tanto é preciso cuidar mais devidamente dosetor pessoal... Tenho certeza de que no futuro, eles acertam o passo, por enquanto, ficamos esperançosos para voltar a aquele lugar maravilhoso em tempos mais agradáveis!

Rodrigo Lima
Rodrigo LimaPermalinkResponder

Antônio Soares, em se tratando da falta de educação dos hóspedes, sou a favor das regras.

Existe um bar chamado Bossa Nova para os apreciadores dessa música. O que leva um bando de hóspedes embriagados a usarem a dependência desse bar para promover barulho e fumarem em ambiente fechado, sabendo que no resort há outros bares abertos? Se não tiver regras, vira bagunça e incomoda os hóspedes com educação.

O que leva hóspedes a levarem seus filhos pra uma piscina onde em sua entrada tem escrito: "Exclusivo para maiores de 18 anos"?

O que leva hóspedes a levarem batata-frita e outras frituras pra dentro de uma piscina?

Se o Gran Palladium quiser realmente se destacar entre os demais, tem que realmente colocar regras em suas dependências. Pois em se tratando de conforto, o Palladium é hoje o melhor do litoral norte.

Em se tratando de educação de hóspedes, o Kioara e Txai são os mais seletos.

cristina segui

juçara, você é uma graça! percebe-se, logo, que saiu p/ passear de coração aberto, disposta a aproveitar o que lhe fosse oferecido de melhor e relevar os contratempos.Sua critica foi construtiva e imparcial.
Parabéns!

Leticia
LeticiaPermalinkResponder

Acabei de voltar do GP. o hotel é belíssimo, uma estrutura realmente maravilhosa. Tem tudo para ser o melhor do Brasil, mas pra isso precisa melhorar muito a qualidade dos serviços e a preocupação com o bem estar dos hóspedes.
Como está recém inaugurado,temos que ser flexíveis e tolerantes com o despreparo dos funcionários e da gerência, mas eles chegam lá!
Precisam melhorar também a parte gastronômica, apesar de ter boa comida, faltam camarões e petiscos variados. A reposição é lenta e as vezes falha.
Concordo com aqueles que expressam aqui o problema dos hóspedes mal educados que acham que resort all inclusive é só comida e bebida non-stop 24 hs. No GP está cheio deste tipo de gente.
Pra compensar os probleminhas, o resort conta com os quartos mais luxuosos e bem decorados que já vi e com um spa delicioso, as piscinas são de tirar o fôlego e confesso que ao longo da semana percebi um grande esforço por parte dos funcionários para melhorar a qualidade do atendimento.
Concluindo, recomendo! Acho que vale a pena conhecer.

Marcelo
MarceloPermalinkResponder

Olá Letícia.
Por um acaso você viu a parte das crianças da faixa etária de 02 anos??

Lívia
LíviaPermalinkResponder

Hoje aconteceu algo muito chato no hotel. Uma pessoa que está viajando comigo teve um relógio roubado de dentro do quarto. Ela deixou-o dentro de uma roupa, e ao voltar da piscina a roupa estava estendida em cima da mala e o relógio havia sumido. Um segurança foi até o quarto e fez um boletim de ocorrência, agora vamos ver se alguma providência será tomada.
Assim, fica a dica para que todos que forem viajar terem muito cuidado com seus pertences de valor.

Elke
ElkePermalinkResponder

Lívia,
Deixar objetos de valores expostos não pode em nenhum lugar, deixei minhas coisas no cofre e não tive problemas. Já sumiu dinheiro meu em um hotel em Natal de dentro do cofre porque deixei o cofre aberto! Bobeada minha, azar o meu... na verdade isso não deveria acontecer (das pessoas roubarem), mas já que existe, temos todos que nos cuidar, e o hotel não pode responder por roubo quando existe cofre dentro do quarto.

Rodrigo Lima
Rodrigo LimaPermalinkResponder

Lívia, desculpa, mas o resort não pode responder pela idoneidade de todos os funcionários. É justamente por isso, que existe cofre digital de segurança nos quartos.

Fico sem entender como é que um hóspede, mesmo tendo um cofre gratuitamente no quarto, deixa um relógio entre a roupa.

Arthur
ArthurPermalinkResponder

Oi pessoal. Tenho 10 anos e cheguei hoje do grand palladium. Achei maneiro o resort. Me diverti demais. Gostei da comida, dos monitores, da piscina e da praia. Senti falta de mais sabores de sucos naturais, pois não curto refri. As sobremesas são legais e as pizzas são da hora. Ah! Não gostei da churrascaria, não servem bem, passam poucas vezes e a variedade, hum...Fui no restaurante japonês e achei irado o show que o cara faz quando prepara a comida na chapa na nossa frente. Sugestão: o teen club podia ser mais perto e não na praia. Deveria ter mais computadores pra gente. De um modo geral achei tudo bem legal e queria dividir isso com a galera. Valeu!!!!!!!

Marcelo
MarceloPermalinkResponder

Valeu Arthur...

marina
marinaPermalinkResponder

Estou hospedada a uma semana e percebi uma grande diferença durante a semana e os finais de semana.
Hoje é sexta feira e isso daqui ta parecendo o piscinao de ramos, esta muito lotado, um pessoal mal educado, sem classe, crianças em locais restritos gritando e fazendo bagunça. Caiu o nivel do hotel. Numa hora dessas o conselho é ficar no quarto.
De dia a piscina fica suja, com pratos de vidro, comida, copos. Foi um caos.
Acho que alem de subir o preço da diaria, deveriam contratar o triplo de funcionarios, se durante a semana o atendimento deixou muito a desejar, agora com esse POVÃO fica pior.
Se estao querendo competir com o iberostar precisam melhorar e tentar atingir um publico mais selecionado.

Bianca Mello
Bianca MelloPermalinkResponder

Que medo! A princípio irei passar o Reveillon no Grand Palladium, mas fiquei extremamente assustada com os comentários... Imagino que nessa época do ano tudo esteja pior (atendimento, funcionamento, logística, despreparo, etc).
Sinceramente, penso em cancelar minha viagem.
Hoje liguei diretamente no hotel para confirmar minha reserva (a compra foi feita através do site hoteis.com) e fui informada que NÃO EXISTE sequer UM responsável pelo departamento de reservas no próprio hotel. O departamento responsável fica na República Dominicana e o contato é possível somente via e-mail. Até aí, ok... Agora, imaginem se ocorre algum problema na hora? Soube que o hotel está com lotação máxima p/ o período! Outra coisa: perguntei se terá algum tipo de comemoração na virada do ano, e o que eu ouvi? "não temos nenhuma informação a respeito de nada aqui, nesse caso você deve entrar em contato com o departamento de relações públicas que também fica na República Dominicana".
Juntando o que eu ouvi com o que li aqui, acho que não restam dúvidas sobre o que (não) devo fazer... Sinto o cheiro de roubada.

Elke
ElkePermalinkResponder

Bianca, acho que vc não deve esquentar a cabeça, já que está tudo acertado, o lugar é lindo, e com certeza alguma coisa eles devem fazer, vai já sabendo dos problemas principais, mas que não chegam a ser uma roubada.
Abc

Felisa Barral
Felisa BarralPermalinkResponder

Prezada Sra. Mello,

O departamento de reservas tenhe uma central na Republica Dominicana, o e-mail de contato è cr6.america@fiestahotelgroup.com, a resposta o seu e-mail é no maximo de 24h.
Penso que não entendeu bem, o departamento de Relações publicas esta no hotel, e se ocorrese alguma coisa, no hotel estamos trabalhando para atender a vocês, não se preocupe que todo vai a dar certo.
Segue o programa para o Reveillon:
Programa Reveillon
Sexta feira 31/12/10
10:00 hs Aquarelax
10:30 hs Clinica de Abdominal
11:00 hs Polo Aquàtico
11:30 hs Samba
12:00 hs Hidro temàtica
12:30 hs Jogos de piscina
13:00 hs Musica ao vivo na piscina
15:00 hs Jingle
15:30 hs Concurso de coquetel
17:00 hs Futebol e Volei
18:30-22:00h Xantar Infantil no Restaurante Bahia e Brasa
19:00 hs Fin de Ano Europeo
19:00- 23:00h Xantar de gala
20:30 hs Mini Show
21:30 hs Prè-show
22:00 hs Show da Virada “Brasil”
23:15 hs Festa Temàtica
Oferenda a Yemanya na praia com flores 23:25 hs
Fogos de Artificio 00:00 hs
Banda de música “Soul Fest” no teatro 00:20 hs

Espero que com esta informação a señora fique tranquila.
Obrigados pela sua preferência.

Saudaçôes,

Felisa Barral
Grand Palladium Imbassai Resort & Spa

Patricia
PatriciaPermalinkResponder

Olá Sra Felisa! Também estarei hospedada na semana do reveillon e confesso estar bem preocupada com os comentários, principalmente porque são referidos em períodos que o hotel está com lotação completa. Aproveito o contato para saber se neste período haverá espumumante moscatel disponível, e caso contrário, se posso levar. Tentei mandar e-mail e ligar para o hotel, mas o contato é extremamente difícil.
Obrigado

Felisa Barral
Felisa BarralPermalinkResponder

Prezada Patricia,

O espumante que nos temos da casa não é Moscatel, mais temos no nosso cardapio de venda um espumante moscatel, "Terra Nova".
No periodo de Reveillon o hotel não esta lotado, a ocupação é alta, mas eu asseguro que vai a ter umas bonitas ferias.
O e-mail de contato do hotel é:
info.brasil@fiestahotelgroup.com

Feliz Natal para você e a sua familia, esperamos a sua chegada no Grand Palladium Imbassai Resort & Spa.

Felisa Barral
Grand Palladium Imbassai Resort & Spa

Elke
ElkePermalinkResponder

Acabei de voltar do Gran Palladium e vou deixar minhas impressões também, que não diferem muito das demais. O hotel é muito bonito, os funcionários esforçam-se para agradar, mas visivelmente estão sobrecarregados, falta mão-de-obra, não sei se por falta de funcionários no mercado ou por economia do hotel, mas os que estão lá foram muito simpáticos e nos atenderam da melhor forma. Falta logística na questão da comida e bebidas, realmente, às vezes faltava algum ingrediente, mas era muito pontual e não demorava a chegar, não sofri para conseguir uma caipirinha nem outras bebidas, apenas uma demora aqui outra ali por falta de funconário mesmo.
Gostamos da comida, não esperava encontrar comida 5 estrelas, mas não tenho reclamação, comi bem ,comi camarões gigantes no restaurante japonês (yaksoba de camarão, que não sei se é assim que se escreve), sushi bem preparadinho,as sobremesas estavam uma delícia, (apesar de simples, estavam gostosas), o restaurante do rodízio não foi ruim, mas para quem conhece um pouco de churrasco, fica estranho ver assar a carne em churrasqueira elétrica...acho que foi o mais fraquinho dos 3 restaurantes temáticos.
O quarto foi muito bom, a praia é belíssima, mas o mar não serve para crianças pequenas porque é mar aberto e com ondas fortes, o rio é bem agradável, e aqueles coqueiros na praia...é de encher os olhos! O lugar todo é muito bonito.
O lado ruim foi perceber que nos finais de semana (como tb já foi dito), o hotel lota, com um pessoal diferente, daqueles que vem para comer até não poder mais e beber todas, viviam com copo na mão, em todos os lugares,com aquela mãozinha tipo playmobil, lembram? Também eram mais barulhentos e mal educados, e até dei risada quando li o depoimento da Marina, porque foi exatamente o que eu pensei quando vi a piscina, parecia o piscinão de Ramos, mas não chegou a me atrapalhar,porque saia de perto e ia para a piscina dos adultos, super relaxante e com boa música. Cheguei a perguntar para o setor de relações públicas o porque daquela população diferente, e me disseram o seguinte: foi feita uma promoção de diárias a partir de 1 dia apenas, e então as pessoas ficam apenas 1 dia e "aproveitam" o que podem e o que não podem do hotel, mas como os próprios funcionários estavam reclamando deste tipo de hospedes, além dos hospedes que pagaram mais, parece que eles vão honrar com as reservas já feitas, mas vão mudar a política do hotel e colocar um mínimo de dias para a estadia, para não perder os hóspedes mais educados (vamos colocar assim), porque o que eu vi foi uma pobreza de espírito e educação de quinta a domingo, depois desses dias, o hotel ficou numa paz incrível, uma delícia.
Tivemos alguns problemas no check in e no check out e outras coisinhas, geralmente pela famosa falta de funcionários, mas a maravilhosa Mirella Mora, coordenadora de Relações Públicas, sempre contornava os problemas com muita educação,diplomacia e competência, nota dez para ela, só faltava pegar a gente no colo.
Resumindo, aproveitei, descansei, me diverti, e os probleminhas foram resolvidos, do que eu não gostava, saia de perto e ia aproveitar em outro lugar, nada chegou a atrapalhar minhas férias, e acho que o serviço tende a melhorar com o tempo.
Abraços

Elke
ElkePermalinkResponder

Ah...esqueci de dizer que meu transfer custou 550 reais ida+volta para 7 pessoas, ficou mais barato porque fechei com antecedência de 30 dias, e foi em um período de baixa temporada, mas acho que ele iria aumentar um pouco neste mês, a empresa foi FREE TOUR SALVADOR TRANSPORTES E TURÍSMO LTDA
SITE: http://www.freetoursalvador.com.br
MSN: freetoursalvador@hotmail.com
Tels: (71) 3492-2479 / 8835-1016 / 9911-7853
Falei com o Carlos Nascimento, foram super pontuais e profissionais, o carro foi uma Van,nova, com cintos de segurança, etc e tal, recomendo.

marcia cobianchi

Estive no Gran Palladiun no começo de Dezembro e devo admitir que fiquei impressionada com os restaurantes, é claro, vc tem que fazer reserva, mas me impressionou os camarões VG que comi, maravilhosos. A comida é ótima, o atendimento, fiquei encantada com tudo.

milton
miltonPermalinkResponder

Vi no corpo da descrição do hotel acima que tem elevador nos blocos, mas um amigo que recentemente veio de lá disse que não tinha elevador, ou ele nprocurou direito ou existe uma incorreção na descrição?

Ricardo Freire

Eu errei, fiquei de mudar e ainda não mudei. Seu amigo está certo.

Halyne Costa Araújo

Acabei de chegar do Gran palladium e a minha opinião é exatamente igual a do Elke... Passei dez dias....Adorei o passeio...o resort é maravilhoso...muito luxo...Lagosta,camarão, voodka Absolut,Amarula,Whisky 12 anos,froozen.. sobremesas deliciosas...tem que ir de coração aberto para aproveitar o que o hotel tem de bom para oferecer...a perfeição é impossível e eles estão tentando melhorar...
São muitas pessoas com diferentes exigências....Agradar a todos é muito dificil...Valeu a pena!!!!OBS: Falei com o pessoal do hotel para darem uma olhada nesse site porque aqui estão os pontos positivos e negativos na visão dos hospedes.

MARCELO
MARCELOPermalinkResponder

Olá...agradeço depoimento animador da Halyne e de outros participantes, isso faz com que a gente relaxe um pouco...rs...
Entretanto, na minha opinião, sinceramente a questão não é estar ou não de coração aberto e sim, o hotel cumprir com suas funções básicas de serviço.
Óbviamente que a perfeição não existe, até pq cada um a enxerga de forma diferente, entretanto, existem algs ítens que são básicosa e comuns a todos:
* abrir o hotel em softy opens aos finais de semana, eu não gosto disso, a gente compra um pacote de viagem diferenciado, que não é barato, para ficar num local com gente do seu nível de educação e cultura (independentemente de raça, credo e etc) e aí, eles abrem a porta para o POVÃO e vc tem que conviver...acho isso errado.
* achho que ninguém por aí, como já foi dito, tem condições de servir LAGOSTA no almoço e jantar, mas espera-se pelo menos que haja reposição de pratos, que os alimentos não estejam remexidos, que haja variedade, que as frutas para os diversos drinks estejam disponíveis e etc.
* seria bom que o Hotel se impusesse e fizesse com que os hóspedes seguissem as normas e regras, evitando desconforto a todos.
* com relação a estar de coração aberto, alguém aí em cima esteve, e perdeu seu relógio dentro do próprio quarto. É bem verdade que existe cofre, mas o Hotel, em minha opinião, se não ressarcir o hóspede de seu prejuízo, estará perdendo uma bela OPORTUNIDADE DE MOSTRAR QUE REALMENTE ZELA Pelos seus hóspedes.
* Quanto às opiniões de ELKE, todos têem direito a expressá-las, entretanto estou achando que as dele são um pouco tendenciosas...já ouvi comentários sobre o fato de que alguns Hotéis infiltram FAKE para dar suas opiniões tendenciosas em sites de viagem, será verdade??

Felisa Barral
Felisa BarralPermalinkResponder

Prezado Marcelo,

O periodo de Soft Open, foi promovido com um desconto de 15%,esse desconto estava disponivel para todos. O que você fala dos finais de semana, tem uma parte de razão e outra que não, explico: por uma parte não existe uma tarifa especial de final de semana, o valor é o mesmo que durante a semana, por outro lado o minimo de noites é de 2, o que provoca que o hotel tenha uma ocupação mais alta os finais de semana,já esta sendo modificado e o minimo de noites serão acima de 2 noites.

Outra coisa, você esta falando de algo moito grave, sobre falsedade de identidade, e isso esta penado por lei, tais alegações, sem a devida comprobação da vossa parte, incorren, inclusive, em atitudes tipificadas e vetadas na lei. Favor de retirar tais informações infundadas, sob pena de responsabilidade pessoal por danos eventualmente causados. A chefa de relações publicas do hotel a Sra. Mirella Mora, conheceu pessoalmente quando nos visitou a Sra. Elke, e esteve com ela diretamente em todas as solicitações.

Espero que o senhor entenda que estamos trabalhando todos os dias, para melhorar, e os seus comentarios são muito bem recebidos, mas não podemos aceitar que se inventem informações.

Tenha um Feliz Natal você e a sua familia, esperamos ver o senhor em breve, e que poda comprobar pessoalmente que graças os seus comentarios e de toda a gente que participa neste maravilhoso site, estamos melhorando cada dia para poder ofrecer os nossos hôspedes o melhor dos serviços.

Saudaçôes,

Felisa Barral
Grand Palladium Imbassai Resort & Spa

Marcelo
MarceloPermalinkResponder

Prezada Sra Felisa Barral, antes de mais nada agradeço sinceramente a gentileza de ter encaminhado resposta às minhas críticas.
Entendi muito claramente suas explicações assim como as da Sra Mirella que prontamente respondeu-me por e.mail, e, sinceramente, só pelo fato de terem respondido, já passo a perceber que realmente este é um Hotel que está preocupando-se com o bem estar de seus Hóspedes.
Quanto ao fato de a Sra Mirella ter conhecido pessoalmente a Sra Elke durante sua estada neste Hotel, fiquei realmente muito satisfeito, pois os comentarios da Sra Elke foram muito positivos e animadores.
Lamento muito e peço sinceras desculpas por ter sido indelicado no meu post de 21 / 12 / 2010 tanto com o G P IMBASSAI mas principalmente com Sra ELKE, que esteve hospedada no Hotel e que a Sra Mirella teve o prazer de conhecer pessoalmente.
Na verdade eu e minha família estamos ansiosos por conhecer o Hotel, estaremos no início de janeio por aí e tenho certeza que meus comentários e críticas que enviarei a este utilíssimo site serão muito positivos.
Tenham vocês também boas Festas!!!

Saudações e até breve!!!!

Marcelo

Victor
VictorPermalinkResponder

Eu acho que esse tipo de intervenção da sra. Felisa é um modo de stalkeamento institucional. Inibe as pessoas de falar livremente o que acham, pois ameaça. E realmente alguns comentários desse post são bens suspeitos... Fora o 'portunhol institucional'...

Ricardo Freire

Victor, o TripAdvisor, que é o paradigma em sites de resenha, permite a resposta de "managers". Eu fico muito bem impressionado quando vejo gerentes e diretores rebatendo críticas e fazendo esclarecimentos por lá. Por isso, é muito bem-vinda a participação da gerência deste ou de qualquer outro hotel na caixa de comentários do VnV. É uma superdeferência com leitores do Viaje na Viagem, habituais ou eventuais.

Nâo há nenhuma espécie de censura a comentários neste site; só são retirados os comentários ofensivos. (Eventualmente bloqueio comentaristas que me irritam, mas esse é outro assunto.)

Falei dois minutos e meio com a Felisa lá na minha estada no Gran Palladium. Ela é espanhola, escreve em português como talvez você escrevesse em espanhol caso fosse gerente de um resort brasileiro que acabou de se instalar na Espanha. Suas insinuações são muito, muito feias.

Victor
VictorPermalinkResponder

Gostaria de expressar meu pedido de desculpas com a Sra. Felisa, pela infelicidade das palavras escolhidas, ao mesmo tempo que reforço sua prontidão e eficácia ao dirimir dúvidas de potenciais clientes. Além disso, não quis insinuar nada além do escrito ( tal interpretação provavelmente deve-se à limitações da linguagem escrita).

monica latorre

Ricardo, estive no Grand Palladium com marido e dois filhos adolescentes entre os dias 11 e 18 de dezembro e o que posso dizer é que fomos muito bem atendidos, as refeições, bebidas e lanches muito saborosos, com exceção do restaurante de rodízios. O apartamento é muito confortável, o mar agitado e o rio ótimo. Os funcionários muito atenciosos, enfim, fomos muito bem atendidos,e se de fato ocorreram todos os problemas aqui relatados, percebi que eles já correram atrás e solucionaram praticamente todos em muito pouco tempo. Comprei esta viagem no final de outubro e desde então venho acompanhando os comentários aqui, que foram muito úteis. Em 2011, se tivermos oportunidade, pode estar certo que voltaremos.

Beatriz
BeatrizPermalinkResponder

Bem, estive no Grand Palladium entre os dias 19 a 23 de dezembro e só tenho boas lembranças de lá. O lugar é lindo, os quartos super bem equipados (os detalhes e cuidados - cada quarto possui uma cafeteira elétrca com pó para o preparo de cafe e chazinhos, uma tabua de passar e um ferro, varalzinho na sacada, kit beleza com lixa de unha, enfim, tudo pensado nos mínimos detalhes, fora aquele hidro, que é maravilhosa), a comida achei excelente, e as pessoas ainda falaram que havia pouca variedade - MEU DEUS - tinha de tudo.
Os funcionários são muito simpáticos, sempre que fiz alguma solicitação fui logo atendida. Em relação às filas nos buffets, posso dizer que depende muito do horário, na hora do almoço o pior horário é entre 12:00 e 13:00, então só íamos almoçar às 14:00 horas, assim não tinha stress nenhum. Posso dzer que vale muito a pena, o período em que fomos foi muito bom, nada de povão, o hotel não estava muito lotado, mas mesmo se estivesse bem cheio, o lugar é muito grande, as pessoas ficam bem "espalhadas". As férias da minha família foram divinas, voltaria para lá com toda certeza. Se o hotel ainda está em fase de adaptação, daqui a alguns meses ele será, com certeza, o melhor hotel de all incluse da Bahia. Muito, muito bom mesmo.

Marcelo
MarceloPermalinkResponder

Boa noite
Prezado Sr Ricardo Freire, prezados leitores deste site:

Em 21/12/2010, encaminhei post a este site, e, sinceramente após a Sra Felisa Barral, também através deste site, ter gentilmente me respondido, pude perceber que meus comentários foram um tanto quanto indelicados tanto com o Hotel como com a Sra Elke, dessa foma acho que o mínimo que posso fazer é formalmente descupar-me e deixar claro que segundo informações da Sra Felisa Barral, a Sra Mirella Mora teve o prazer de conhecer pessoalmente a Sra Elke que esteve hospedada no GP Imbassai e que fez a gentileza de postar seus comentários neste site.
Agradeço também ao Ricardo Freire a oportunidade de retratação e a utilissima prestação de serviços de seus site.

Saudações e boas festas a todos.

Marcelo

Elke
ElkePermalinkResponder

Marcelo, quando postei minhas opiniões, achei que tivesse deixado claro que nem tudo foi um mar de rosas, tive alguns problemas que foram prontamente resolvidos pela equipe do hotel. O que eu acho é que se as pessoas procuram um serviço impecável, talvez fosse melhor procurar outro estilo de hotel e não um resortão all inclusive que acabou de abrir. Neste estilo de hotel, acho que o Gran Palladium foi muito bom, mas com os problemas de um hotel que acabou de abrir (que já foram exaustivamente comentados)e que ainda está se ajustando,o que valeu muito foi a boa vontade de todos os funcionários. E pode ficar tranquilo que sou bem real e os comentários verdadeiros.
Abraços a todos

Marcelo
MarceloPermalinkResponder

Prezada Elke, fico feliz em confirmar sua existência e veracidade....rs...rs...pois seus comentários foram muito positivos e favoráveis!!!!
Estarei lá em exatos 7 dias, desfrutando de minhas merecidas férias com a família.
Notei que os comentários mudaram muito nos últimos dias, todos se mostrando muito satisfeito com suas estadias.
Quando eu voltar, farei questão de deixar meu relato também.

Saudações.

Marcelo

Ricardo Soares

Posso dizer a todos que estão de malas para ir ao GRAND PALLADIUM, que vão sem susto. Passei um Natal perfeito em todos os sentidos.Fuí acompanhado de 10 pessoas e todos tem a mesma opinião.Das 10 famílias tinham 6 crianças no grupo que voltaram todas sem querer deixar o hotel. o kid's Club com sua galerinha maravilhosa ( todos os monitores ),deram um show a parte. As atividades durante o dia tirava o fôlego das crianças e dos pais e mães que também participavam das brincadeiras.Em vários momentos a Cinara - chefa do lazer,com seu carisma aparecia participando das atividades,acho isso muito válido O caça ao tesouro é muito bem elaborado,aguça a curiosidade de todos. Enfim é claro que ainda tem coisas a se fazer pois só tem 3 meses de abertura,agora imagine esse hotel daqui a 1 ano ?! O show da noite de Natal foi mágico,achei linda a concepção. E por fim no final do show nossos filhos sairam de dentro do espetáculo cantando "NOITE FELIZ "...! A ceia estava bem caprichada,os funcionários dos restaurantes muito dedicados. FOI VÁLIDO A NOSSA IDA AO GRAND PALLADIUM, pode ter certeza que voltaremos.

Rafaela Lima
Rafaela LimaPermalinkResponder

Prezado Ricardo,

Estou indo para p GP dia 12.01.11, saberia me informar se no hotel tem sinal de celular da operadora TIM? Pois, estou com enfermos na minha família preciso de manter contato.

Grata

Ricardo Freire

Ligue para o hotel, Rafaela. É muito mais simples e garantido.

Felisa Barral
Felisa BarralPermalinkResponder

Prezada Rafaela,

Antes de nada, Feliz 2011!!ç
Aqui no Grand Palladium Imbassai, temos cobertura para a operadora Tim.
Será um prazer receber a senhora o día 12.

Atenciosamente,

Felisa Barral
Grand Palladium Imbassai Resort & Spa

Luciane Coelho

Boa noite Felisa,
Feliz 2011 à todos!!!
Estarei hospedada com minha filha de 13 anos e meu esposo de 09 à 16 de janeiro. Verifiquei nos posts acima qe o hotel esta dividido em bloco de 3 andares e gostaria de solicitar que fiquemos no máxima no segundo andar tendo em vista que meu esposo é um recém enfartado.
A reserva foi feita através da empresa Litoral Verde em meu nome.
Grata pela compreensão.
Luciane

Rafaela Lima
Rafaela LimaPermalinkResponder

Prezados Ricardo e Felisa,

Obrigada pela resposta.
Feliz 2011 pra vcs!

Atenciosamente,

Rafaela

angelasioliver@hotmail.com

Boa Noite!
Feliz 2011 a todos.
Alguem poderia me dizer como as pessoas se vestem em um resort, a noite, estou indo para o Gp e estou em duvidas , rasteirinha ou salto?
Vestidos ou shorts?

Desde ja agradeço.
Angela

Ricardo Freire

Como você se sentir melhor, Angela. Há mulheres que se produzem, outras não.

christiany
christianyPermalinkResponder

Ricardo, boa noite! Gostaria de saber se a praia é apropriada para banho masi preciso para criança até 12 anos. Se puder me responder agradeço desde ja, estamos pensndo em ir, mas estou preocupada com a praia. Adorei seus comentarios e foram de muito ajuda.

At,

christiany

Ricardo Freire

A praia não é calma, Christiany. Tem ondas. Mas não tem repuxo exagerado nem é perigosíssima. Só não é amigável. É como está a praia na maior parte do tempo no Rio, por exemplo.

christiany
christianyPermalinkResponder

Ricardo mais uma pergunta, ja tentei várias agencias de viagem e todas tem uma resposta diferente quanto a idade de criança. Você pode me dizer se no Grand palladium até quantos anos é considerado criança. Obrigada

Obs: Obrigada pela resposta anterior

Ricardo Freire

Não sei, Christiany. É melhor ligar para o hotel.

Patricia
PatriciaPermalinkResponder

Ola, pessoal. Bom ano de 2011 a todos. Estou indo amanha pro GP com meu marido e dois filhos pequenos. Espero ter feito uma boa escolha e poder postar aqui somente boas lembrancas.

Paula
PaulaPermalinkResponder

Olá pessoal, BOm Ano de 2011 !!!

Estive no GP de 17 a 29 de Dezembro.
Foi espectacular....fui naquela de ir experimentar o hotel e foi uma surpresa, dado que houve muitas duvidas no início mas não há nada como experimentar.
Posso dizer que o pessoal é um pouco lento como disseram vários hospedes de S. Paulo, mas a cidade de S. Paulo vive em Stress e na Baía como se diz "Sorria que está na Baía " assim não devemos esperar que as coisas andem depressas porque o hotel tem 2 meses e os funcionários ainda não estão muito adpatados ao fenezim de correer com tanto tanta gente nesta éspoca.
No início quando cheguei os funcionários estavam ainda muito acanhados sem desenvolvar muito o serviço, mas com o passar dos dias notei melhoras. A nivel de pessoal de chefias aí sim , vi chefes a trabalhar muito mais do que os seus funcionários.
a nivel de pessoal, os mesmos são todos simpáticos, prestaveis, carinhosos com as crianças ( os Tios do clube são espectacular com as crianças, nota 10 !!! ), podem deixar as crianças com eles que ficam bem e os pais descansados, ainda existe babás para tratar dos mais pequenos ( a apagar por hora ).
Posso dizer que adorei tudo em geral, paisagem, o rio, o hotel a delicadeza...o hotel está considerado com 5 estrelas, mas falta ainda uma que deverá ainda estar no céu e que poderá brevemente descer, lembrem-se que só tem 2 meses.

Como dizia alguns hospedes , será na passagem de ano que será posto à prova este hotel, espero que tenha corrido bem.....
O hotel na recepção tem monitores para deixar sugestões, reclamações, etc, é um bom sinal que podemos efectuar as nossas sugestões, para melhorar, deixei poucas porque não tinha espaço de escrever, mas fiquei só triste porque não tinha a fruta PINHA que eu tanto adoro.....
A divulgação deste hotel para o exterior, ex Portugal ainda é pouca, eu fui quase das primeiras como me disseram (não sei se é verdade ), mas para a passagem de Ano chegaram muitos portugueses, por aquilo de que deu para falar todos estavam a gostar.
Posso dizer tambem que o mar não é calmo mas dá para tomar banho (tem 2 nadadores salvadores ) e ou em alternativa podem ir para o rio (lindo ), façam passeios pelo mar até à paria de Imbassaì.
Espero que tenha ajudado .....
De Portugal com muito frio......

Flávio Vieira

Independente de qualquer coisa, é muito legal que haja funcionários do Resort (ex, Sra. Felisa Barral) de olho em blogs como este.
Oxalá os comentários sejam aproveitados para o contínuo aperfeiçoamento do hotel!
Feliz 2011 a todos.

Rita Romay
Rita RomayPermalinkResponder

Sou Rita e acabei de chegar do GP.Foi magnífico.Estava sozinha no hotel por opção e estava imaginando ficar lá sem companhia.A equipe de animação foi super atenciosa comigo.Sair do hotel em lágimas,não vou esconder de vcs !!!Passei dias de alegria,me sentir como uma adolescente. A Cinara sem comentários,é de uma energia maravilhosa.Os restaurantes são de muito bom gosto.Pode ter certeza que voltarei o mais rápido possível.Eu recomendo a todos vcs, vão em susto. Agora vou postar minhas fotos de lá. A Bahia sempre maravilhosa. Rita.

Vívian
VívianPermalinkResponder

Boa Noite Pessoal!
Comprei minha hospedagem pela Litoral verde em agosto de 2010 para ficar no Sauípe Park de 15 à 22 de jan. Hoje, às 11h, a vendedora me ligou oferecendo uma troca de hotel devido a uma super lotação do Sauipe. Fiquei um pouco preocupada com as opiniões sobre o GP, mas percebi que a situação agora em Janeiro está bem controlada. Irei com meu marido e 2 filhos (1 ano e meio e 6 anos). O que vocês me sugerem? Fico no S. Parque ou troco pelo GP?
No aguardo.
Agradeço desde já!
Vívian

Marcelo
MarceloPermalinkResponder

Prezada Sra Vivian:
Acabo de chegar do GP Imbassaí, fomos eu e minha esposa e a bebê de 2 anos e 4 meses.
No momento estou com pouco tempo para lhe descrever a magnitude desse Hotel, entretanto, talvez no final de semana eu faça isso. Por hora comento o mínimo que lhe bastará: Vá sem medo que vocês ficarão muito satisfeitos, principalmente o Guri de 6 anos.
Da mesma forma que você, também passei por esse estresse, paguei para ver e ficamos muito satisfeitos.
Espero tê-la ajudado.

Atenciosamente.

Marcelo Gentil

Chris Lany
Chris LanyPermalinkResponder

Marcelo

sera que vc nao poderia me responder ser realmente vale a pena ir para este resort.
Eu irei com meu marido e minha filha de 2anos.
Tem monitor para ficar com ela por algum periodo?
é perto da praia?

Vívian
VívianPermalinkResponder

Digitei errado o meu email na mensagem anterior.
Grata.
Vívian

Patricia
PatriciaPermalinkResponder

Ola pessoal!! Voltei essa semana do GP, mais especificamente dia 12. Bom, o que o pessoal tem elogiado e criticado aqui é a realidade. A infra do hotel é otima, tudo de bom, o complexo aquatico, a piscina de adulto, o spa, enfim.....Vi tambem funcionários despreparados mas nada que afetasse o humor.
Mas o que me decepcionou foi a qualidade da comida. Tirando a parte do teppan no restaurante japones que foi bom (nada espetacular), o resto estava muuuiiiito a desejar. Nao falo nem tanto de variedades que tb era um pouco precario (basicamente o mesmo todos os dias), mas de qualidade, de sabor.
De um modo geral, foi boa a estada!! Para os que estao na duvida, digo que vale a pena desde que vc nao tenha um paladar muito exigente!! Se melhorarem essa parte, com certeza, voltarei.

João_Resort é muito ruim

Eu não gosto de resort. Nenhum mesmo. Esse aqui é igual aos demais. Fiquei 8 dias. Final de semana é povão (classe média alta da bahia e mediações). Muito cheio (sábado e domingo), mas é até engraçado, pois nos outros dias estava meio vazio. Cara, esse povo que comenta aqui é passa fome demais, se quiser comer algo refinado vai no Fassano. No mais o resort é tranquilo, tem o esqueminha de ir de carrinho para praia (muito chato). Tem black nos restaurantes à noite. No bar do piano também. Red nos demais lugares. Os shows são ridículos (só salva dois). O café da manhã é de primeira. A churrascaria é boa, o indiano e japones também. Tem o restaurante da praia que é bom também (final de semana). O quarto é show de bola, banheira vazada para o quarto. Tem a diverção das crianças que me pareceu normal. A estrutura é novinha. Os funcionários te tratam muito bem. (Baiano é gente boa para servir). Tem uma boate razoável. A piscina é ótima. O piso em volta da piscina escorrega (idiota do arquiteto). Falta um tira-gosto adequado. Enfim, é um resort com o detalhe do fim de semana (sabado e domingo) lotadaço, mas não ficou descontrolado não, ficou cheio, só. Pode ir tranquilo e não vá com o espírito guerreiro, pois vi algumas pessoas já alteradas antes mesmo do resultado. Relax.

Flávio Vieira

João, como é que alguém que escreve diversão com "Ç" fala mal de povão??

Sandra G
Sandra GPermalinkResponder

Pessoal, estive no GP do dia 4 a 12 de janeiro. Apesar das maravilhas que o resort oferece vale ressaltar algumas falhas BÁSICAS que aconteceram comigo e meu grupo, 20 pessoas,
-houve uma inacreditável falta de toalhas, não só na piscina como nos quartos. O problema das toalhas de piscina foi resolvido no mesmo dia no entanto nos quartos a situação ficou tão feia que tivemos que usar o roupão p/ se enxugar no fim do dia, infelizmente nos dois dias seguintes não houve melhora.
- Para quem vai com bebê, como foi meu caso, informo que o hotel não dispõe de esterelizador de mamadeiras. Apesar de todas as vilas terem uma cozinha p/ bb somente algumas estão operando.
- Notamos um problema sério de falta de funcionários, apesar dos poucos serem agradáveis o atendimento ficou prejudicado por várias vezes principalmente no restaurante da piscina.
- O atendimento da recepção (qdo se liga do quarto) é sofrivel! Nas vezes que tive que pedir algo sempre foi uma mexicana muito grossa que atendeu... além disso as minhas solicitações demoraram muito para serem atendidas
- Realmente o piso da piscina escorrega muito.... tome cuidado
Acredito que com algumas correções no atendimento o lugar vai ficar um show!
Boa viagem

Felisa Barral
Felisa BarralPermalinkResponder

Prezada Sandra,

Desculpe o trastorno com as toalhas que com certeza você sofreu. Eu quero aclarar que não foi falta das mesmas, tivemos uma "alta tensão" na lavandería, o que queimou todas as placas das maquinas, o que nos obrigou a enviar de urgencia todo o nosso enxoval a uma lavanderia externa, (todo este processo foi o que fez que demorasemos en ter ropa limpa)mais fizemos tudo o o que estava em nossas mãos para que os hôspedes sentissem o minimo posivel.
Temos varias pessoas trabalhando de outros hoteis da mesma empresa, como apoio, pois é um emprendimento novo, se em algum momento sentiu que alguem foi grosseiro, peço desculpas, mais é posivel que a diferença ou a dificuldade do idioma fizesse que a resposta não fosse tão fluente. Os pedidos demoraron devido que havia muitas solicitações por causa do problema da lavandería.
Agradecemos os seus comentarios, e tenha certeza que com os mesmos conseguimos fazer do Grand Palladium Imbassai, um hotel melhor día a día.

Atenciosamente,
Felisa Barral
Grand Palladium Imbassai Resort & Spa

luciana
lucianaPermalinkResponder

Bom dia!
Eu gostaria de sabe o telefone direto do hotel para confirmar uma reserva!
Obrigada!

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia de férias. Só voltaremos a responder perguntas que forem postadas a partir de 3 de junho. Relatos e opinões continuarão sendo publicados.
Cancelar