Passo a passo: como usar a tábua das marés

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Como usar a tábua das marés: Perobas, RN

No post Piscinas naturais: 7 dicas para não perder a viagem eu conto tudo o que você precisa saber sobre piscinas naturais, que nenhum operador de passeios vai te contar.

Muita gente, porém, parece ter dificuldade com a ferramenta mais importante para determinar o horário dos passeios: a tábua das marés.

Então vamos lá:

Passo a passo: como usar a tábua das marés

Como usar a tábua das marés

A primeira coisa a fazer é entrar na página da tábua das marés no site da Climatempo. É esta aqui.

(Antes eu indicava a página da Marinha, mas o site foi reformulado e agora está difícil pra caramba baixar as informações.)

Encontre um porto próximo da sua praia

Como usar a tábua das marés

Os portos estão listados por estado. Basta escolher um que seja próximo da praia aonde você vai.

Como usar a tábua das marés

Selecione o mês da sua viagem

Como usar a tábua das marés

Depois que você seleciona o mês, o site carrega uma longa página com as marés mínimas e máximas de todos os dias.

Serão sempre quatro resultados por dia: duas mínimas e duas máximas, já que todos os dias têm quatro marés -- duas marés altas, duas marés baixas.

Veja como decifrar as marés

Como usar a tábua das marés

Nos dias destacados acima, perceba que:

  • A mínima da maré baixa do dia 26 ocorre às 8h58 (nível: 0,2)
  • A mínima da maré baixa do dia 27 ocorre às 9h34 (nível: 0,2)
  • A mínima da maré baixa do dia 28 ocorre às 10h11 (nível: 0,2)

Veja como a maré 'anda': a cada dia, o nível mínimo ocorre entre 30 e 40 minutos mais tarde do que no dia anterior.

Esses três dias acima são ótimos para fazer passeios a piscinas naturais, pois:

  • A mínima da maré baixa ocorre de manhã, num horário em que o sol já deve estar alto. Quanto mais no meio da manhã, melhor -- a maré mínima das 10h11 é a mais interessante das três
  • O nível mínimo da maré está abaixo de 0,5. Quando mais baixo, melhor: 0,2 é um nível ótimo!

Nos dias de maré abaixo do nível 0,5, procure chegar à piscina natural entre 90 a 60 minutos antes do nível mínimo da maré. Vale a pena ficar até no máximo 60 minutos depois do nível mínimo da maré. Fora desse intervalo, o nível da maré estará alto demais e a experiência não será satisfatória.

Como usar a tábua das marés

Examine agora esses três outros dias.

  • A mínima (diurna) da maré baixa do dia 5 ocorre às 14h37 (nível: 0,6)
  • A mínima (diurna) da maré baixa do dia 6 ocorre às 15h44 (nível: 0,6)
  • A mínima (diurna) da maré baixa do dia 7 ocorre às 16h59 (nível: 0,6)

Esses dias não são aconselháveis para ir às piscinas naturais, porque:

  • O nível mínimo da maré, 0,6, está acima do máximo tolerável, que é 0,5
  • A maré baixa ocorre à tarde, o que já indica lua minguante ou crescente, quando a maré não seca o suficiente para proporcionar um bom passeio
  • Além disso, a maré baixa do dia 7 acontece já no fim do dia, sem sol suficientemente alto (17h já é pôr do sol em boa parte do Nordeste)

Recapitulando: como aproveitar as piscinas naturais

Como usar a tábua das marés: Piscinas do Seixas, João Pessoa

  • Para aproveitar piscinas naturais, viaje durante a vigência das luas cheia ou nova
  • Durante as luas cheia e nova, inclusive, a maré baixa acontece sempre de manhã
  • Se puder, escolha a semana em que o nível da maré esteja mais baixo (quando mais perto de 0,0, melhor)
  • Evite passeios muito cedo, mesmo com maré favorável (no meio da manhã, com sol mais alto, as piscinas ficarão mais bonitas)
  • Aproveite a piscina natural entre 90 a 60 minutos antes do nível mínimo da maré, e até 60 minutos depois do nível mínimo da maré
  • Durante a estação chuvosa (abril a julho), os passeios ficam bem prejudicados (se nublar ou chover, as piscinas não ficarão bonitas)

Fora do Norte e do Nordeste, as marés não variam muito, então não se preocupe com essa informação.

Leia mais:

185 comentários

Cristiane
CristianePermalinkResponder

Qual o porto mais próximo de Maragogi? Para eu poder consultar a tábua de marés.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Cristiane! Pode ser Maceió.

Elisângela
ElisângelaPermalinkResponder

Obrigada!
Informações muito úteis.

Maia
MaiaPermalinkResponder

Explicação muito clara.
Obrigada!

Andy
AndyPermalinkResponder

Excelenteeeeeeeee post, me ajudou muito no planejamento de meu roteiro para Morro de São Paulo, obrigado por disponibilizar essas informações bem importantes para realizar os roteiros das Piscinas Naturais!!!!

Ronaldo Stieger Leite

Olá. Parabéns sempre pelo excelente trabalho. No caso de Noronha, onde o snorkell é feito em mar aberto e não em piscinas naturais, seria correto considerar que a regra é ao contrário, ou seja, quanto maior estiver a maré maiores serão as chances de encontrar mais e maiores peixes? Obrigado.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Ronaldo! Não. O snorkel (sem cilindro) é tanto melhor quanto mais rasa for a maré, para que você possa observar os peixes e corais mantendo a entrada de ar pelo caninho. A praia do Sancho, a Baía dos Porcos, a praia do Porto, a praia do Boldró têm nichos que ficam mais acessíveis na maré baixa. Da praia da Atalaia, então, nem se fala (só é permitida a visitação durante a maré baixa).

Já o mergulho com cilindro, longe da praia, não depende das marés. Fica melhor quando o mar está flat e há luminosidade.

https://www.viajenaviagem.com/destino/fernando-de-noronha/o-que-fazer-fernando-de-noronha/

Camila
CamilaPermalinkResponder

Olá , tenho a curiosidade de saber se é melhor também viajar em lua nova ou cheia para o caribe .
Abraços ,

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Camila! Não. No Caribe você encontra praias "caribenhas" à beira-mar mesmo. No Nordeste é que é preciso ir até piscinas naturais em alto mar para ver uma transparência parecida.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia de férias. Só voltaremos a responder perguntas que forem postadas a partir de 3 de junho. Relatos e opinões continuarão sendo publicados.
Cancelar