Passaporte brasileiro volta a incluir filiação e pode vir com autorização a viagem de menor

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Passaporte

A Polícia Federal divulgou novidades na emissão de passaportes brasileiros, já em vigor desde o dia 24 de novembro.

O maior avanço desburocratiza a autorização para viagem desacompanhada de menores. A partir de agora, no momento da emissão de um novo passaporte, os pais podem optar por incluir uma folha em que consta a autorização para o menor viajar desacompanhado ou acompanhado por apenas um dos pais -- acabando com a necessidade de emitir uma autorização com firma reconhecida a cada viagem.

(É uma folha opcional: os pais que preferirem podem continuar com o sistema de uma autorização avulsa a cada viagem.)

Mas não é só isso. No rodapé do comunicado, discretamente, a Polícia Federal informa a correção da barbeiragem mais inacreditável do passaporte azul, que é a falta de campo de filiação. Os passaportes brasileiros emitidos desde o dia 24 voltam a informar o nome do pai e da mãe do titular do passaporte. A inclusão do campo acaba com a necessidade de menores terem que apresentar RG ou certidão de nascimento para provar que estão viajando com os próprios pais.

Se você tem filhos menores, vale a pena fazer o novo passaporte já com as novidades. Custa R$ 156,07 R$ 257,25 e deve ser agendado no site da PF.

Leia mais:

71 comentários

Diogo Avila
Diogo AvilaPermalinkResponder

Boa notícia!
Já não era sem tempo.
No exterior isto é padrão em muitos países.

Francisco
FranciscoPermalinkResponder

Discordo da falta de filiação ter sido uma barbeiragem no novo passaporte. Ao contrário, foi uma excelente alteração, pois diminui muito o risco de fraudes ao serem copiados em hotéis, etc. É uma pena este retrocesso.
Falta ainda a volta da validade de 10 anos. Pegar filas a cada 5 anos para renová~lo não faz sentido.

Marcelo Jesus
Marcelo JesusPermalinkResponder

E eu renovei os passaportes dos meus dois filhos - que venceriam em janeiro - há um mês...

Cristiane
CristianePermalinkResponder

E eu no dia 20/11…

Luisa
LuisaPermalinkResponder

Ue? Jà nao era assim? No passaporte brasileiro da minha filha de 2 anos sempre constou a filiaçao e a autorizaçao pra viajar (o primeiro passaporte è de janeiro/2013 e o segundo de fevereiro/2014)... Talvez passaportes emitidos em consulados sejam diferentes, vai saber...
Pelo menos agora eu entendi o porque da cara de espanto do agente e das varias explicaçoes que tinhamos que dar toda vez que passavamos por GRU...

Érica
ÉricaPermalinkResponder

Moro em Brasília e descobri que aqui somos cobaias informais de vários documentos.

Nunca ouvi falar no seu caso específico aqui, mas algumas das outras mudanças no passaporte já aconteciam aqui - renovei o meu ano passado e em algumas das mudanças fiquei "mas o meu já tinha isso".

As mudanças na carteira de trabalho também, como receber na hora e tals. Assim como os brasilienses, acho que os brasileiros no exterior também são cobaias das mudanças nos documentos.

Juliana
JulianaPermalinkResponder

Não foi barbeiragem a ausência do campo de filiação. 1/3 das crianças não possuem o nome do pai na certidão de nascimento. Elas sofrem enorme preconceito.

Laura
LauraPermalinkResponder

Foi barbeiragem, sim! Quem tem homônimo espera muito tempo para verificação...

Laura
LauraPermalinkResponder

Quem tem homônimo com problemas na PF atualmente perde muito tempo para a verificação! Com a filiação no passaporte fica mais rápido.

marcia
marciaPermalinkResponder

finalmente, isso era um absurdo, so levou uns 5 anos para corrigir !!! como diz o ditado antes tarde do que nunca UFA!!!!!!

Rita
RitaPermalinkResponder

Quando eu era menor, na década de 90, o passaporte ja vinha com a permissao de viajar desacompanhado dos pais, nunca precisei de nenhum outro papel adicional.

jadir
jadirPermalinkResponder

É preciso acabar com a feitura de passaporte só porque venceu os 5 anos. Tem gente que viaja 01 vez não. Pó, renovar só pra pagar taxa. Vamo botar um selo de renovação.

Ana Tereza de paiva gedeão

Pelo que entendi, na hora que se está fazendo o passaporte os pais podem incluir, diretamente registrado neste documento, que o menor poderá viajar para o exterior acompanhado de um dos pais, acompanhado de um outro responsável, ou até mesmo sozinho. Sem necessidade daquelas autorizações por ambos responsáveis .
Vamos pensar juntos. Um bandido safado , ou um traficante de pessoas , sequestra seu filho, e tem seu "trabalho" facilitado pela própria lei e com o aval dos pais. O campo de busca de uma criança raptada antes limitada (pelo mesmos teoricamente só no território nacional) ganha a partir de agora todos os recantos do planeta. Há males que vem para o bem. Neste caso, há exatamente o contrário .

Claudia
ClaudiaPermalinkResponder

quando raptam uma criança não levam o passaporte junto e mesmo assim conseguem levar para onde querem! Falsificam tudo!
Foi um avanço sim para a grande maioria das pessoas!

Ana Tereza de paiva gedeão

Fico feliz com a resposta dos senhores. Primeiro devo buscar ajuda psiquiátrica para resolver minhas questões de saúde mental; depois posso tentar minha carreira na ficção científica , (sabe,que já havia pensado nisso); e talvez compre uma jaula para meu filho. Boa simplificada vida para vocês e seus pimpolhos !!!

A. L.
A. L.PermalinkResponder

Acho sua preocupação exagerada e paranoica, respeitosamente.

Rapto internacional de crianças por estranhos completos é um crime extremamente raro (tanto que chega às TVs de forma espetacular quando ocorre). Mesmo assim, quantas crianças carregam seus passaportes por aí no dia-a-dia?

Na maioria dos casos, o que ocorre é subtração de menor por um dos pais em contexto de disputa por guarda/custódia da criança. E isso é resolvido com a notação de autorização digital no próprio passaporte.

Não é justo encher de burocracia, formulários com firma reconhecida e mais, as centenas de milhares de pais de crianças que viajam ao Exterior sem serem acompanahdas por ambos por conta de um improvável risco vindo dos filmes de ficção policial.

Raquel Leal
Raquel LealPermalinkResponder

Muito bom ter voltado a filiação no passaporte pra evitar carregar mais um documento para uma viagem.
Agora falta a Policia Federal seguir o exemplo do consulado americano e oferecer o agendamento familiar. Nao esta facil conseguir vaga! E se você tiver sorte consegue marcar pra toda a familia junta. Nao foi o meu caso!

Rodrigo Barneche

Que bom que corrigiram essa questão da filiação...antes tarde do nunca... pena que só em 2019 pros meus guris terem esse novo passaporte, recém renovamos...

Hugo
HugoPermalinkResponder

Corrigiram um grande erro. Quando você está viajando com seu filho menor, além do passaporte ainda precisa levar a certidão de nascimento, porque apenas com o passaporte você não tem como provar que você é o pai.

dayane
dayanePermalinkResponder

então ,pra autorizar precisa de algo antes no cartório ou no ato da emissão somente ?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Daiane! Com o passaporte atual, é preciso fazer autorização com reconhecimento de firma do(s) pai(s) que não viaja(m) com o menor.

No passaporte novo, caso haja o interesse da autorização permanente, ela deve ser solicitada no ato da emissão.

Priscila de Castro dos Santos

Finalmente!!! Liberdade!!! O pai da minha filha é estrangeiro e nunca entendeu e sempre dificultou assinar a autorização de viagem. Tive sempre que ir ao juízado de menores etc, etc... Que notícia boa!!

Henrique
HenriquePermalinkResponder

Na coluna panorama politico de ontem 29/11/14 (o globo) saiu uma nota no final falando que os passaportes terao validade de 10 anos!
Isso sim é uma grande novidade!

Luciane Tesch
Luciane TeschPermalinkResponder

viajei com meu filho de oito meses para Portugal e NINGUÉM me pediu certidão de nascimento dele. Como não tinha o nome do pai e da mãe no passaporte, fiquei encasquetada... Como eles tinham certeza que nós éramos os pais daquela criança? Fico muito feliz com a "novidade".

sam
samPermalinkResponder

Se meu filho vai viajar com a vó pela europa, precisa de uma autorização para cada país que for conhecer?

sam
samPermalinkResponder

O Passaporte foi emitido sem a autorização =(. Para entrar em cada país uma autorização?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, SAM! Não há fronteiras entre os países do Espaço Schengen (praticamente todos os da Europa, menos o Reino Unido). Leve três ou quatro cópias.

Raphinadas Blog

Bom saber, boas novas!
Vou compartilhar!
bjs

Gabriela
GabrielaPermalinkResponder

Bom dia!
Tenho passaporte e visto com nome de solteira e passagem emitida com nome de solteira. Até ai tudo bem.. a questão é que a nossa filha que irá nascer irá com a gente na viagem e o passaporte dela mencionará filiação com os nossos nomes de casados. Vcs acreditam que se levarmos os passaportes e a certidão de casamento, teremos algum problema?
Pergunto isso pois se não teríamos que emitir novos passaportes para nós (pais) e tentarmos ainda alterar as passagens né.

Obrigada

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Gabriela! Leve com você a certidão de nascimento da sua filha, junto com o passaporte e a sua certidão de casamento. Com esses documentos, não haverá problema. Mas recomendamos sempre entrar em contato com a cia. aérea para saber se eles exigem mais algum documento nesses casos.

Gabriela
GabrielaPermalinkResponder

Ok, obrigada!

Fabio de Rezende

Bóia, tenho uma viagem para os EUA na semana que vem e há algumas semanas percebi que meu passaporte estava com menos de 6 meses. Fiz todo o procedimento direitinho junto à PF e a previsão de entrega do bendito seria hoje (tempo suficiente para minha viagem). O problema é que a a PF fez uma confusão (padrão serviços públicos tupiniquins) e não sabe onde está o lote de passaportes que deveriam ter sido entregues hoje (outras centenas de pessoas estão na mesma situação que eu - passaportes do lote de 12/12 RJ GALEÃO). A PF tampouco sabe se os passaportes serão entregues na semana que vem. Na verdade o que eles dizem é que não sabem onde estão os passaportes. A única alternativa dada pela PF, caso o sumiço dos passaportes permaneça, seria emitir no dia da minha viagem um PASSAPORTE DE EMERGÊNCIA. O pessoal lá da PF gosta de fazer um terrorismo com os pobres viajantes e a criatura que me atendeu se saiu com a seguinte pérola: "O problema é que existem boatos de que alguns países não estão aceitando nosso passaporte de emergência, sabe como é, o passaporte é preenchido à mão e tal." Neste momento gelei....Você saberia me dizer se esses boatos são verdadeiros? Alguém entrou recentemente nos EUA com passaporte de emergência brasileiro (especificamente por Las Vegas)?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Fabio! Se o seu passaporte anterior não tiver sido invalidado ainda, você pode entrar com ele nos Estados Unidos, que não exigem a validade de 6 meses.

Caso o seu passaporte já tenha o carimbo inválido, a sua única chance é usar o de emergência. Vamos compartilhar a sua dúvida no Perguntódromo de todo modo, mas o mais garantido é você se comunicar com a cia. aérea e perguntar se você embarca com o passaporte. Elas só deixam passar passageiros que tenham a certeza de que poderão entrar nos EUA com o documento apresentado.

Fabio de Rezende

Obrigado pelo compartilhamento no perguntodromo. Meu passaporte antigo foi furado com um furador comum de papel. Foi com base na informacao da cia aerea (Copa) no momento da compra q eu decidi renovar. Eles diziam q eu deveria ter um passaporte com no minimo 6 meses de validade. Vamos aguardar.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Pois então, Fabio! Taí um caso da cia. aérea sendo mais preciosista do que o país; os Estados Unidos dão permanência compatível com a validade do passaporte, não têm a exigência de 6 meses da maioria dos outros países. Infelizmente o atendente do check-in detém esse poder. O melhor a fazer é consultar a Copa sobre embarque com passaporte especial.

Li
LiPermalinkResponder

Olá vou viajar para os EUA no inicio de janeiro e meu passaporte vence no no final de Janeiro, Mas volto antes do vencimento. Preciso tirar um passaporte novo?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Li! Você tem seis meses para providenciar um passaporte novo. Para que ter essa preocupação todos os dias até a sua viagem?

Letícia Rezende

Fabio,
ano passado aconteceu a mesma coisa comigo (informação errada quanto aos 6 meses de validade, até na Embaixada não me confirmaram que poderia viajar). Enfim, viajei com o passaporte de emergência. Fui para Nova Iorque e não tive problema nenhum com a imigração. Inclusive o visto estava no passaporte antigo e perguntei ao agente da imigração se estivesse somente com aquele passaporte se seria aceito e ele me disse que sim. No seu caso, entendo, inclusive, que a PF nem deverá cobrar a taxa do passaporte de emergência, visto que ela quem deu causa ao atraso. Boa viagem!

Letícia Rezende

Quanto à inclusão da filiação no passaporte, considero uma decisão acertada. Pois com o passaporte antigo sempre tínhamos que levar as certidões de nascimento das crianças. Quando fiz o primeiro passaporte da minha filha em que não constou a filiação, questionei ao agente da PF, que me informou que na tarja preta continha todas as informações e que eles possuíam uma máquina que fazia a leitura. Primeira viagem prá Disney com as crianças, Brasiía-Manaus-Miami, quase ficamos em Manaus, pois a PF de lá não possui a tal da maquininha. Nunca consegui embarcar para o exterior com eles com esse passaporte sem que tivesse que mostrar a certidão de nascimento. Inclusive, em junho fomos à Foz e tivemos que voltar na imigração brasileira para pegar autorização de saída pois eu estava sem a certidão de nascimento das crianças e na fronteira eles não tinham a máquina. Então acho ótimo que tenha a filiação no passaporte. E em tempo, agora os passaportes valerão 10 anos.

L. R. S
L. R. SPermalinkResponder

Tenho uma dúvida: para tirar o primeiro passaporte precisa assinatura dos pais ou somente de um?

Marcelo Jesus
Marcelo JesusPermalinkResponder

Para fazer o passaporte de menores de idade, seja o primeiro ou não, é necessária presença dos dois pais ou então uma autorização do que estiver ausente, com firma reconhecida, concordando com a confecção do passaporte.

Se um dos pais já houver falecido precisa apresentar a certidão de óbito.

No site da Polícia Federal você encontra essas informações.

Maria do Carmo Martins Santos

Bom dia, gostaria de saber, tenho uma proposta de transferência de emprego para outro país, sou separada, tenho a guarda do meu filho,consigo tirar o passaporte dele sem precisar da assinatura do pai? porque como ele ainda não aceita a separação, faz de tudo pra me prejudicar, e o meu filho é tudo pra mim.....sem ele abro mão de qualquer oportunidade profissional.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Maria do Carmo! É melhor buscar a ajuda de um advogado. Somos um blog de turismo.

acsa almeida
acsa almeidaPermalinkResponder

oi posso pegar o passaporte da minha sobrinha, sendo q os pais nao vao tar aqui,?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Acsa! Você se refere a um passaporte que acaba de ser emitido? Se for isso, apenas a pessoa que o solicitou pode buscá-lo.

Lia
LiaPermalinkResponder

Achei bem vinda a mudança. Na minha última viagem tive uma surpresa quando, ao passar pelo controle da PF no momento do embarque, a funcionária me pediu um documento com a filiação. Disse que era problema com homônimos, sem entrar em detalhes.
O curioso é que a gente informa a filiação quando dá a entrada no pedido do passaporte (imaginei que ficasse no sistema), mas enfim...

alex
alexPermalinkResponder

Parabéns pelo blog

Estou indo com minha esposa e filho para os estados unidos.
vamos juntos mas eu fico mais um tempo por la.

Você sabe se precisamos de autorização para ela voltar sozinha com ele?

muito obrigado

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Alex! Faça.

Neftalí
NeftalíPermalinkResponder

Se vocês são brasileiros, não precisa. A autorização seria somente para o menor sair do Brasil desacompanhado ou acompanhado de um dos pais.

DANIELE IBANHES LEAL

Boa tarde, pode me ajudar em uma coisa?
Meu filho vai viajar pela escola em um torneio de Handebol, vai para a espanha.
ele é menor de idade, e eu não tenho contato nenhum com o Pai dele. Ele não me paga pensão e nem sei onde ele vive hoje.
Tenho como conseguir esse passaporte, e a autorização para a viagem?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Daniele! Para tirar o passaporte, o menor precisa da autorização do pai e da mãe, ou do responsável legal. Informe-se junto à Polícia Federal sobre como proceder. http://www.dpf.gov.br/servicos/passaporte/documentacao-necessaria/documentacao-para-passaporte-comum/documentacao-para-menores-de-18-anos

mila
milaPermalinkResponder

Olá! Preciso de uma orientação, pois não estou conseguindo agendar dia pra fazer o passaporte. Na maioria dos postos aparece que não há dia e horário para agendar. Moro na cidade de São Paulo. Posso agendar para fazer o passaporte em outra cidade, como São Caetano, por exemplo? Desde já, agradeço a atenção que sempre recebo de vocês! Abraços!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Mila! Sim, você pode marcar em outra cidade sem problemas.

mila
milaPermalinkResponder

Muito obrigada, Bóia! Vocês são maravilhosos! Abraços

Renata
RenataPermalinkResponder

O passaporte emergencial brasileiro não é reconhecido em Portugal. Acabei de tirar um, o passaporte sai em 24 h, e tem valddade de 1 ano, mas não é aceito nos países europeus, estou há mais de 5 horas aguardando o consulado brasileiro emitir um passaporte normal p mim e para meu filho de apenas 12 anos.

Juliana Fernandes

Bóia, me ajuda. Eu li em dezembro do ano passado em todos os jornais que os passaportes brasileiros agora teriam validade de dez anos, mas no site da PF até hoje diz cinco anos. Ainda não tá valendo, será? Porque eu vi que saiu no diário oficial, mas se estiver válido como pode que a Polícia Federal ainda não tenha atualizado essa informação?

(talvez não seja o lugar certo para essa pergunta, mas foi o único post que vi sobre mudanças nos nossos passaportes :p )

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Juliana! Parece que a emissão do passaporte novo está suspensa por motivo de corte de orçamento.

Cristiana
CristianaPermalinkResponder

Olá!
Minha filha já tem passaporte mas não tem essa autorização, e toda vez que viajo tem que correr atrás do pai dela.
Para colocar essa autorização tem que fazer um novo passaporte???

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Cristiana! Sim. Só que há notícias de que a produção dos novos passaportes foi paralisada por redução de orçamento.

val
valPermalinkResponder

Minhas filhas acabaram de renovar o passaporte. Filiação incluida mas prazo de 5 anos. Elas não são menores, não sei se isso faz diferença quanto à autorizacão.

Amaro - Recife

Cristiana,
sei que o ideal seria já estar incluída no passaporte, mas você pode fazer a autorização 'avulsa' com uma validade maior para não precisar de uma nova a cada viagem.

GISELE
GISELEPermalinkResponder

Para que a criança viaje somente com um dos pais para o exterior, quais são os documentos que tempos que apresentar no momento da requisição do passaporte para que conste esta folha adicional? algum documento específico? autorização de um dos pais assinada em cartório? Ambos os pais terão que estar presentes no ato do requerimento do passaporte? Estas questões não ficaram claras para mim.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Gisele! O site do DPF ainda não tem as informações do novo passaporte.

Dá para supor, no entanto, que caso o passaporte não seja requerido com a presença dos dois genitores, continuará sendo necessária a procuração do genitor ausente. E nesta procuração, pela lógica, deve constar a concordância pela autorização permanente de viagem nos moldes acertados entre os pais.

Esta é a íntegra das instruções para confecção do passaporte antigo sem a presença dos dois genitores:

7 - Procuração - Menores de 18 anos

Nos seguintes casos:

Quando se tratar de menor de 18 anos, será exigida autorização de ambos os genitores ou do responsável legal, Formulário de Autorização para Obtenção de Passaporte para Menor, salvo nos casos de cessação de incapacidade previstos em lei.

Em caso de menor sob guarda judicial de um dos genitores, não sendo possível o comparecimento do outro, ou sua autorização no Formulário de Autorização para Obtenção de Passaporte para Menor, será indispensável autorização judicial.
A autorização dos genitores, no formulário de autorização, poderá efetivar-se:

I - pela assinatura de ambos no formulário, na presença do servidor responsável pela conferência dos documentos;

II - comparecendo apenas um dos genitores, pela assinatura deste no formulário de autorização e:

a) pela apresentação de certidão de óbito do outro genitor;
b) pelo reconhecimento, por autenticidade, da firma do outro genitor no formulário de autorização;
c) pela assinatura do outro genitor no formulário de autorização, transmitido via fac-símile, ou mensagem eletrônica, de outra unidade do DPF ou repartição consular brasileira no exterior, conferida por servidor da unidade transmissora devidamente identificado no documento;
d) pela apresentação de procuração pública específica, autorizando a emissão de passaporte para o menor, outorgada por um genitor ao outro, lavrada em repartição notarial no País ou repartição consular brasileira no exterior, com prazo de validade não superior a um ano.

- Não sendo possível o comparecimento de nenhum dos genitores em unidade do DPF, o formulário de autorização deverá ser substituído por:

I - procuração pública específica, autorizando a emissão de passaporte para o menor, outorgada por ambos os genitores a pessoa maior, lavrada em repartição notarial no País ou repartição consular brasileira no exterior, com prazo de validade não superior a um ano;
II - procuração pública específica, autorizando a emissão de passaporte para o menor, outorgada por ambos os genitores a pessoa maior, lavrada em repartição notarial estrangeira, acompanhada de tradução por tradutor juramentado e devidamente consularizada, com prazo de validade não superior a um ano.

- No caso do item anterior, o menor será representado pelo procurador que deverá comparecer à unidade da PF, juntamente com o menor.

- Os genitores, o responsável legal ou o procurador deverão comprovar a identidade mediante apresentação, em original, de quaisquer dos documentos enumerados no link "documentação necessária".

http://www.dpf.gov.br/simba/passaporte/duvidas-frequentes/duvidas-frequentes

Helena Sinner
Helena SinnerPermalinkResponder

Olá,Moro no Brasil, mas como estava na Alemanha, aproveitei para renovar o meu passaporte lá na Embaixada em Berlin. Agora quero fazer o chekin on line para uma próxima viagem e ali pede que eu coloque o país de origem do passaporte: O que coloco? Brasil ou Alemanha??

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Helena! Brasil.

estefani
estefaniPermalinkResponder

vou tirar o passaporte do meu filho agora, mais não consta esse valor de 156,07 e sim o de 257,25!! estou pagando mais caro?

ana
anaPermalinkResponder

Alguém sabe me informar o porque não consigo consultar o andamento de fabricação passaporte de minha filha de menor?, so vejo o meu., coloco o protocolo cpf dela e nada

Gilce oliveira

Minha neta de 2 anos está morando em SC e eu moro no Rio de Janeiro,irei visita la daqui há 2 dias e meu filho pediu para que eu retire o passaporte dela que já está pronto na rua Humaitá bairro Humaitá RJ,a pergunta é; posso retirar,sendo vó, o passaporte dela?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Gilce! Ligue no posto e pergunte se você precisa de uma procuração. É mais garantido do que ficar perguntando na internet.

Mara
MaraPermalinkResponder

A cada 5 anos vc muda sua fisionomia , uma criança muda mais ainda. E vc tem razão na parte de filiação , só favorece o roubo e tráfico de pessoas.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar